O importante é o mundo, dane-se a alma?!

          Mudei o visual do meu blog seguindo o conselho de um amigo meu, o Edson Moura. E coloquei uma frase em azul "De que vale o homem conquistar todos os tesouros da terra e perder a sua alma?" e é nesta frase famosíssima de Jesus que quero inicia a exploração deste tema.

         Você se lembra deste fato chocante que foi notícia em todo o Brasil? Em julho de 2004, o cantor de 27 anos da banda LS Jack teve uma parada cardíaca e foi internado em coma após uma lipoaspiração.

          Para comentar esse acontecimento, a jornalista Rosana Hermann escreveu um artigo chamado "No trabalho e Chocada". Alguns trechos do artigo são: "uma coisa é saúde, outra é obsessão. O mundo pirou, enlouqueceu. Hoje, Deus é a auto imagem. Religião, é dieta. Fé, só na estética. Ritual é malhação. Amor é cafona, sinceridade é careta, sentimento é bobagem. Gordura é pecado mortal. Estria é caso de polícia. Celulite é falta de educação. Imagem, estética, medidas, beleza. Nada mais importa. Jovens não tem mais fé, nem idealismo, nem posição política."

          Não acha que Rosana Hermann tem razão? Será que não estamos invertendo as nossas prioridades e deixando em último lugar o que deveria estar em primeiro?

          A Bíblia, que é a Palavra de Deus, nos diz que Jesus perguntou aos seus discípulos em certa ocasião: "Que adiantará ao homem ganhar o mundo inteiro e perder a sua alma?" Essa pergunta com certeza deve ter mexido com quem a ouviu, como também deve mexer comigo e com você. Entendamos o que Jesus está dizendo.

          Quando Jesus usa a palavra "alma", Ele está se referindo àquela parte de nós que vai viver para sempre, ou seja, até o julgamento. Depois todas as lebranças serão formatadas em Zero Fio.

          Mas veja que interessante: segundo o livro dos records brasileiros, a mulher mais velha do Brasil é a dona Maria Olívia da Silva, que tem 125 anos. Imagine que chegássemos a viver tudo isso; ainda assim, o que são 125 anos comparados com a eternidade que está proposto para nossa vida? Esses vários anos não passam de um grão de areia dentro de um universo infinito. Os anos que vamos viver não são nada diante da eternidade que nos aguarda.

          Mesmo sabendo disso, não é verdade que pensamos e nos preocupamos muito mais com os poucos anos que vamos viver do que com a nossa eternidade? Como temos invertido as nossas prioridades!

          Segundo um artigo da Folha Online, de 24/08/2004, o número de cirurgias plásticas em jovens com menos de 20 anos no Brasil subiu perto de 42% de 2002 pra 2003. Não acha que estamos tão preocupados em termos um corpo de modelo, em curtir a vida, em sermos populares e ricos... que estamos esquecendo da eternidade que nos espera? Como diz a Bíblia: "O homem é como um sopro; seus dias são como uma sombra passageira."

           Precisamos fazer-nos uma pergunta e sermos muito sinceros ao respondê-la: Temos dado atenção a nossa alma, àquela parte de nós que viverá depois da morte?

          Jorge Luiz Borges é considerado o maior escritor argentino de todos os tempos. Recebeu diversos prêmios da literatura mundial e foi professor em Harvard, a melhor universidade do mundo. Ao completar 80 anos afirmou que estava cansado de viver. Em certa ocasião escreveu: "Cometi o pior dos pecados que um homem possa cometer: não fui feliz." Borges tinha sucesso, fama, prestígio e tantas outras coisas que a maioria de nós ambiciona ter; ainda assim, ele confessou que não era feliz. Podemos estar ganhando o mundo, ao mesmo tempo que estamos perdendo a nossa alma.

          Jesus deixou muito claro que só existem 2 lugares nos quais poderemos passar a nossa eternidade: um deles é o céu e o outro é o inferno. Não podemos considerar apenas algumas palavras de Jesus e deixar outras de lado.

          Interpretando a Bíblia, ganhar a nossa alma é passar o resto da nossa eternidade no céu, ao lado de Deus. Perdê-la significa que ficaremos para sempre castigados, longe de Deus... no inferno.

          Portanto, o que devemos fazer, ganhar a nossa alma? lembre-se a palavra de Deus vai até a divisão da alma e do espirito, separa juntas e medula.

          Jesus Cristo, o próprio Deus, morreu em nosso lugar, ressuscitou, está reinando hoje e prometeu que voltará. A cruz de Jesus acabou com a distância que havia entre nós e Ele.

          Viver ao lado de Jesus é dar o primeiro lugar ao Único que o merecesse. Jamais esqueçamos: "Que adiantará ao homem ganhar o mundo inteiro e perder a sua alma?"

A foto foi retirada do livro de Ricardo Gondim, recebeu o prêmio Areté 2009 na categoria Autor Nacional. "Para não asfixiar a alma, senti a necessidade de achar respiradouros onde pudesse renovar meu ser..."(Trecho da crônica Sem perder a alma).

Hubner Braz
Compartilhar no Google Plus

Sobre Hubner Braz

Criador, colunista e administrador do Pecador Confesso. Fascinado e apaixonado por DEUS!! Formado Bacharel em Teologia pela FATESP e F. Mêcanica pela FATEC-SP e Presbítero na A.D. Belem-Missão em Sorocaba, onde o Pastor Presidente é o Rev. Osmar José da Silva - CGADB, Tenho 1João 1:7-9 injetado na veia!.