O importante é o mundo, dane-se a alma?!

          Mudei o visual do meu blog seguindo o conselho de um amigo meu, o Edson Moura. E coloquei uma frase em azul "De que vale o homem conquistar todos os tesouros da terra e perder a sua alma?" e é nesta frase famosíssima de Jesus que quero inicia a exploração deste tema.

         Você se lembra deste fato chocante que foi notícia em todo o Brasil? Em julho de 2004, o cantor de 27 anos da banda LS Jack teve uma parada cardíaca e foi internado em coma após uma lipoaspiração.

          Para comentar esse acontecimento, a jornalista Rosana Hermann escreveu um artigo chamado "No trabalho e Chocada". Alguns trechos do artigo são: "uma coisa é saúde, outra é obsessão. O mundo pirou, enlouqueceu. Hoje, Deus é a auto imagem. Religião, é dieta. Fé, só na estética. Ritual é malhação. Amor é cafona, sinceridade é careta, sentimento é bobagem. Gordura é pecado mortal. Estria é caso de polícia. Celulite é falta de educação. Imagem, estética, medidas, beleza. Nada mais importa. Jovens não tem mais fé, nem idealismo, nem posição política."

          Não acha que Rosana Hermann tem razão? Será que não estamos invertendo as nossas prioridades e deixando em último lugar o que deveria estar em primeiro?

          A Bíblia, que é a Palavra de Deus, nos diz que Jesus perguntou aos seus discípulos em certa ocasião: "Que adiantará ao homem ganhar o mundo inteiro e perder a sua alma?" Essa pergunta com certeza deve ter mexido com quem a ouviu, como também deve mexer comigo e com você. Entendamos o que Jesus está dizendo.

          Quando Jesus usa a palavra "alma", Ele está se referindo àquela parte de nós que vai viver para sempre, ou seja, até o julgamento. Depois todas as lebranças serão formatadas em Zero Fio.

          Mas veja que interessante: segundo o livro dos records brasileiros, a mulher mais velha do Brasil é a dona Maria Olívia da Silva, que tem 125 anos. Imagine que chegássemos a viver tudo isso; ainda assim, o que são 125 anos comparados com a eternidade que está proposto para nossa vida? Esses vários anos não passam de um grão de areia dentro de um universo infinito. Os anos que vamos viver não são nada diante da eternidade que nos aguarda.

          Mesmo sabendo disso, não é verdade que pensamos e nos preocupamos muito mais com os poucos anos que vamos viver do que com a nossa eternidade? Como temos invertido as nossas prioridades!

          Segundo um artigo da Folha Online, de 24/08/2004, o número de cirurgias plásticas em jovens com menos de 20 anos no Brasil subiu perto de 42% de 2002 pra 2003. Não acha que estamos tão preocupados em termos um corpo de modelo, em curtir a vida, em sermos populares e ricos... que estamos esquecendo da eternidade que nos espera? Como diz a Bíblia: "O homem é como um sopro; seus dias são como uma sombra passageira."

           Precisamos fazer-nos uma pergunta e sermos muito sinceros ao respondê-la: Temos dado atenção a nossa alma, àquela parte de nós que viverá depois da morte?

          Jorge Luiz Borges é considerado o maior escritor argentino de todos os tempos. Recebeu diversos prêmios da literatura mundial e foi professor em Harvard, a melhor universidade do mundo. Ao completar 80 anos afirmou que estava cansado de viver. Em certa ocasião escreveu: "Cometi o pior dos pecados que um homem possa cometer: não fui feliz." Borges tinha sucesso, fama, prestígio e tantas outras coisas que a maioria de nós ambiciona ter; ainda assim, ele confessou que não era feliz. Podemos estar ganhando o mundo, ao mesmo tempo que estamos perdendo a nossa alma.

          Jesus deixou muito claro que só existem 2 lugares nos quais poderemos passar a nossa eternidade: um deles é o céu e o outro é o inferno. Não podemos considerar apenas algumas palavras de Jesus e deixar outras de lado.

          Interpretando a Bíblia, ganhar a nossa alma é passar o resto da nossa eternidade no céu, ao lado de Deus. Perdê-la significa que ficaremos para sempre castigados, longe de Deus... no inferno.

          Portanto, o que devemos fazer, ganhar a nossa alma? lembre-se a palavra de Deus vai até a divisão da alma e do espirito, separa juntas e medula.

          Jesus Cristo, o próprio Deus, morreu em nosso lugar, ressuscitou, está reinando hoje e prometeu que voltará. A cruz de Jesus acabou com a distância que havia entre nós e Ele.

          Viver ao lado de Jesus é dar o primeiro lugar ao Único que o merecesse. Jamais esqueçamos: "Que adiantará ao homem ganhar o mundo inteiro e perder a sua alma?"

A foto foi retirada do livro de Ricardo Gondim, recebeu o prêmio Areté 2009 na categoria Autor Nacional. "Para não asfixiar a alma, senti a necessidade de achar respiradouros onde pudesse renovar meu ser..."(Trecho da crônica Sem perder a alma).

Hubner Braz
Compartilhar no Google Plus

Sobre Hubner Braz

Criador, colunista e administrador do Pecador Confesso. Fascinado e apaixonado por DEUS!! Formado Bacharel em Teologia pela FATESP e F. Mêcanica pela FATEC-SP e Presbítero na A.D. Belem-Missão em Sorocaba, onde o Pastor Presidente é o Rev. Osmar José da Silva - CGADB, Tenho 1João 1:7-9 injetado na veia!.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

26 Milhões de Confessos:

  1. Amigo HUBNER

    A sua interpretação para “perder a alma” é no mínimo engessada e decorada da ortodoxia, sendo muito pobre e alienante, e pior de tudo é totalmente contraria a vida humana.

    Você verdadeiramente esta no limbo, já que a única coisa que importa nesta vida é a outra vida, então morre logo, desista de viver!!!!

    Quer dizer então que somos seres dicotômicos, ou seja, eu sou eu duas vezes, corpo e alma, quando morro, minha alma deixa o meu corpo e vai para o céu, nada mais fantasgorico!!!

    Mais é claro que precisamos muito mais valoriza o presente, do que um futuro incerto de um céu que talvez não exista, pois a lógica é muito simples, melhor é o viver e supervalorizando o presente, pois neste momento é tudo que temos, do que sacrificar o aqui, na esperança de um paraíso que talvez não passe de invenção.

    Como você sabe que temos uma alma que é uma parte de nós que viverá para sempre??
    E se não tivermos?? E se tudo acabar aqui?? Terá você vivido uma vida muito boa e com qualidade??? Ou simplesmente você abdicou desta vida aqui, com a promessa de uma vida lá no além???

    Para mim, perder a alma é perder a sensibilidade dos afetos, o amor, a dignidade e valor humano, nesta minha re-interpretação, podemos inclusive perder a alma tentando ganhar o céu!!!!

    Você leu mesmo este livro do Ricardo Gondim??
    Pois não parece nem um pouco!!

    Olha Hubner, o seu texto esta recheado de tantas besteiras evangélicas que se eu fosse tentar refutar todas elas, eu faria uns 10 comentários, mas como estou sem tempo, e preciso muito mesmo comentar em outras salas do pensamento, vou deixar você em paz, (sorte a sua. Rsrsrsrssrs) somente com estes poucos questionamentos, que sinceramente, espero que você reflita antes de me responder com aqueles velhos chavões evangélicos decorados que estou cansado de ouvir, pois escutei a minha vida inteira.

    Abraços maninho, e vê se usa mais esta massa cinzenta ai em cima de seu pescoço, ao invés de simplesmente decorar e repetir conceitos.

    ResponderExcluir
  2. Caro Marcio,

    Eu entendo o seu ponto de vista. Meio superficial e existêncial. Se abrir-mos os olhos para a realidade a nossa volta, veremos que o homem deseja impiedosamente de riqueza material.

    A alma no modo psyque é os sentimentos, mas em latim sig. anǐma, ou seja, este refere-se ao princípio que dá movimento ao que é vivo, o que é animado ou o que faz mover.

    Não acredito na dicotômia como você relatou, mas na tricotômia.
    Não acredito no Limbo e nem estou nele. Não funciona para mim, eu creio no batismo é permitido somente para pessoas que já têm condições de abdicar, conscientemente, de viver em pecado, e aceitam que seus pecados foram pagos por Jesus Cristo.

    Mas deixo uma obs: as crianças também irão responder pelos seus atos.

    Reconheço que estas cansado de tanta teologia, e evangelhos decorados. E digo que infelizmente continuarei à explicar no que creio.

    Muitas pessoas não entendem e estamos aqui para explica-las.

    Sobre as suas perguntas, respoderei com maior prazer no seu blog.

    Abraços maninho

    ResponderExcluir
  3. O meu mano Marcio que me perdoe, mas eu não gosto muito do tom com que se faz determinadas críticas. É necessário muito cuidado para não se promover um "fundamentalismo às avessas".

    Concordo com que as pessoas estejam cada vez mais superficiais, pensando muito no aqui e no agora. Mas, o problema não é pensar no aqui e no agora, e sim no que se pensa aqui e agora.

    Eu creio em "alma", uma partícula talvez eterna do nosso ser, pois eu sinto que isso é verdade. Nenhum autor - bíblico ou não - precisou me ensinar isso, tampouco seria capaz de me provar o contrário. Porém, "alma" para mim também significa um pouco do que o Marcio disse: sensibilidade, afetos, capacidade de colocar-se no lugar do outro.

    Penso que temos o direito de sermos felizes aqui, e que devemos lutar por isso, por termos uma vida plena (também) nesta existência mesmo. Mas, não considero uma boa idéia pensar que tudo não passa de um "aqui e agora" (à lá Gil Gomes) e que "morreu acabou". Eu pelo menos me considero bem maior que isso.

    Hub, ninguém é dono da verdade, nem liberais, nem fundamentalistas, tampouco neo-ortodoxos. Vamos juntos dialogando no caminho, aprendendo uns com os outros.

    Abraço.

    ResponderExcluir
  4. Hubner, em primeiro lugar, quero dizer que munha crítica lá na confraria, não foi nada pessoal. Você sabe muito bem que o primeiro a te indicar para fazer parte da confraria fui eu, mas voltei atraz por achar que você ainda não está pronto para cair no meio dos "lobos".


    Parabéns por ter decidido diminuir a foto no topo do Blog, confesso que era difícil abrir aqui na minha "marinet" que é super lenta.rsss

    Mas vamos ao texto:

    Hubner, acho que você não leu ainda meu texto "lembranças da minha vida eterna", pois nele eu falo das minhas crenças no céu. Assim como também falo do "inferno" em outros textos. Creio que a alma exista...ams não acredito que ela viverá eternamente em um céu..aliás, eu nem quero ir pra esse céu tão desejado pelos crentes (e eu sou crente viu?)

    Quero viver está vida com intensidade, quero amar (a Paulinha) quero abraçar meus amigos (você é um deles) quero brincar com meus filhos..e contempler a maravilhosa natureza criada por Deus....isso para mim é ganhar a alma...e perde-la, é justamente não valorizar isso..buscando somente um reino eterno, que não sabemos se existe.

    Respeito sua opinião mas sabe que sou contrário à ela né? Agora, mesmo sabendo que muitos da confraria são contrários aos seus pensamentos...você ainda quer fazer parte dela? Quanto tempovocê resistirá?

    Não quero que perca a inoscência..apenas quero que pense um pouco mais sobre a realidade da vida. Sou membro da igreja de Ricardo Gondim aqui ém São Paulo, mas não concordo com tudo que ele fale, embora considere a Betesda uma das poucas igrejas que "ainda" não sucumbiram.

    Abraços maninho!

    ResponderExcluir
  5. Outra pergunta:
    Você é fã de Napoleão Falcão, pois eu já ouvi a maioria das pregações desse "charlatão" e confesso que são de doer a alma.

    Fui!

    ResponderExcluir
  6. Só mais uma coisa:rsss

    Você concorda com o Ciro Sanches, quando ele diz que o povo do Haiti foi castigado por Deus, com o terremoto que matou mais de 100.000 pessoas?

    E outra coisinha:kkkkkkkkk

    Tira essa verificação de palavras caramba!

    rsss

    Abraços maninho!

    ResponderExcluir
  7. Amigo HUBNER,

    Parabéns pelo texto!!

    Quando absorvemos a idéia "O que adianta ganhar o mundo e perder a alma?!"...

    Creio que esta interrogação/afirmação para mim, indica apenas o fato de que existem muitas pessoas se sujeitando a qualquer coisa para ganhar o mundo (dinheiro, riqueza) fazendo extragâncias com o próprio corpo e esquecendo-se que na realidade é tudo superficial aqui neste mundo.....

    E portanto, a única coisa valiosa aqui é a nossa vida e a maneira que a conduzimos...então não devemos nos preocupar com o que virá acontecer, apenas temos que ser leais e fiéis ao nosso Deus.

    Ao contrário de você, eu apenas digo que não sei se é VERDADE ou se é MENTIRA que existe Céu e Inferno, pois isto é coisa futura...e tudo que se trata de futuro é incerto, então não dá para confirmar se na verdade EXISTE ou NÃO EXISTE céu e Inferno.

    Não me preocupo com o que me espera do outro lado da vida, depois da minha partida......a única coisa que me preocupo, é se estou vivendo de forma que não esteja desagradando as vontades de Deus, e se estou plantando o BEM para sempre colher o BEM.

    P.S. Amigo MARCINHO, me desculpe, conheço suas idéias e respeito, mas concordo com o amigo ISA, certos tons de críticas não devem ser usados assim de maneira tão explícita.
    Literalmente acaba "excluindo" toda a postagem do autor, coisa que para muitos até representa a falta de respeito pelo pensamento alheio.

    Abraços!!
    Muita Paz amigo!!

    ResponderExcluir
  8. Presidente Isa,

    Obrigado por postar as suas idéias aqui no blog, você pode observar que já mudei alguma coisa do blog seguindo o seu conselho.

    Sobre os donos da verdade... eu confirmo com o que você disse: "Ninguem é dono da verdade" a não ser Jesus Cristo. "pois a verdade nós libertará".

    Abraços amigão.

    ResponderExcluir
  9. "Querido" Edson Moura, (tomara que a paulinha não fique com ciúmes)-Risos-

    Seus comntarios sempre são de grande relevância, sabendo que você quase sempre não concorda com as minhas postagens (risos)não me surpreende as suas criticas.

    Há, obrigado por mim indicar e depois não indicar na confraria... tenho muito que aprender ainda. E sobre Napoleão, Eu gosto das suas mensagens, mais aquelas do ano de 1996 para baixo. Sobre Ciro, ele é um amigo particular... e aprecio a sua coragem como escritor. Recomendo a você, se tiver coragem de ler, o livro "Evangelho que Paulo jamais pregaria". Muito bom.

    Já ia me esquecendo, "o que você queria falar sibre "retirar a verificação" acho que não sei fazer isso"

    Abraços amigão... e bom namoro!

    ResponderExcluir
  10. "Querido" Edson Moura (tomara que a paulinha não fique com ciúmes)-risos-

    Repeito a sua opinião por respeitar a minha opinião, mesmo sabendo que a maioria das minhas opiniões discordarem.
    As suas criticas são construtivas e isso faz que nós cresçamos mais e mais. Obrigado!

    Sobre o Napoleão, eu sou fã das mensagens dele do ano de 1996 para baixo. e Sobre Ciro Sanches, Ele é meu amigo particular, eu recomendo o livro "Evangelho que Paulo jamais pregaria" - se tiver coragem leia.

    O seu comentario é importante para mim. Obrigado mais uma vez.

    ResponderExcluir
  11. Professora Paulinha,

    Sempre é uma honra em te-la aqui neste espaço da blogosfera. Obrigado pelo seu "P.S." bem observado por todos...

    Estarei em breve comentando no seu blog, e agora todos os blog's dos confraternos estão aparecendo no meu Blog.

    Bjs amigaveis.

    HubBraz

    ResponderExcluir
  12. Amigo Hubner;

    Venho retribuir sua visita e te agradecer por ser um sguidor do meu blog.
    Pronto.

    Agora vou refazer a pergunta sugerida no seu texto:

    De que vale o homem abandonar o mundo na tentativa de "salvar" a sua alma e descobrir que o segredo da alma é viver no mundo?

    Forte abraço.

    ResponderExcluir
  13. Paulinha e Isa

    Ok, ok e ok...... da próxima vez em que eu for questionar e contra-argumentar, vou tentar ser menos grosseiro e mais gentil.

    Hub me desculpe se te ofendi.....

    Abraços

    ResponderExcluir
  14. Seu texto é de forma geral, muito significativo. Eu me lembro sim, do caso do cantor citado e a opinião da Rosana é perfeita. É isso mesmo. Nossa sociedade está perdendo a "alma".

    Mas eu quero entender a significativa frase de Jesus de forma diferente. Alma, em várias lugares do AT, refere-se à própria VIDA. A vida cotidiana que temos aqui nesta terra dada a nós por deus para que cuidássemos e dominássemos.

    A frase de Jesus se adequa perfeitamente aos nossos dias. Não é fato que tantos estão ganhando o mundo (hedonismo exarcerbado, fama, beleza, sucesso, etc) e estão perdendo a alma/vida (família, amor, amigos, valores, convivência, solidariedade,alegria, felicidade)?

    Não quero entrar no mérito da morte da alma em um inferno eterno, pois isto é crença, e à crença só tem sentido naquele que crê, sem provas ou lógicas.

    Mas a única vida que eu tenho certeza que eu tenho, que é está aqui e agora, essa eu também não quero perder.

    abraços

    ResponderExcluir
  15. Jair,

    Muito reflexiva a sua pergunda, mas a palavra MUNDO tem vários sentidos, a que eu proponho, e, um mundo sodomita em questão. Nesta temos que fugir.

    Obrigado por participar aqui, abracos

    ResponderExcluir
  16. Olá Hubner,

    Apesar de não concordar com tudo que você diz no seu texto, estou admirado com sua humildade diante de alguns comentários demasiadamente agressivos. Que o Senhor nos dê um conhecimento mais profundo da vida que em breve se revelará, talvez assim saibamos como viver aqui neste mundo efêmero! Deus abençoe!

    ResponderExcluir
  17. "Hubinho" meu filhote...para de pensar no casamento e responde aos comentários.rssss

    Hubner...agora falando sério (até parece que eu falo sério rsss) Estou muito satisfeito com seu comportamento na confraria...e devo dizer que a sua "não aceitação" é só temporária. Acredito que muitos dos confraternos..assim como eu...só querem saber qual é sua intenção verdadeira, ou se terás têmpera para suportar o tratamento de choque que receberá por lá!

    Continue escrevendo garoto...você tem talento. Já estive na mesma posição que você...já defendi à Deus com unhas e dentes..até perceber que Ele não precisava de defesa..e sim eu.

    Já preguei o evangelho...de cima de um pulpito...e já sai evangelizando de porta em porta.Hoje não faço mais isso...mas não deixei de crer em Deus.

    Abraços menino...e não liga pro Marcio não...ele está só te testando!

    ResponderExcluir
  18. Sr. Márcio,
    Quero que saiba, que não ofendido e aceito as descupas.
    Na próxima melhorarei o meu texto.
    Thanks

    ResponderExcluir
  19. Sr. Edu M.

    Gostei do seu hiper-ultra-comentário, posso dizer igual ao Marcinho: "vc entendeu a alma do texto".

    E lógico que todos querem viver mais um pouquinho aqui na terra para desfrutar dos prazeres que Deus deixou para todos.

    Sobre o inferno e o céu, postarei em breve um pensamento.

    Abraços fraternos.

    ResponderExcluir
  20. JAir, respondi a sua pergunta no login da minha futura adjuntora...
    Tito, obrigado por participar deste blog.
    Edson, estou ficando louco com esse casorio, rs. Obrigado pelos incentivos, não desistirei da minha caminhada e se tiver alguma fita de mensagem do Napoleão mande pra mim, rs...
    Abraços amigoes

    ResponderExcluir
  21. Querido Hubner;

    "mundo sodomita?" Não interpreto o mundo desta maneira. È possivel que o texto biblico se refira ao materialismos e o amor as riquezas e ao dinheiro em detrimento da alma, o que não tem nada á ver com sodomia.

    O homem que vive querendo conquistar as riquezas do mundo e se esquece de viver em comunão com o próximo; Este sim perderá a sua alma, cairá no mar do esquecimento.

    Forte abraço.

    ResponderExcluir
  22. Jair,

    Não gosto de generalizar o sodomismo no mundo... Mas sabemos que a cada dia que passa, observamos as catrastofes com mais intensidade... E todos esses acontecimentos acontece por causa da ação desordenada do homem.

    Abrçs...

    ResponderExcluir
  23. Hubnerzinho, já lí o livro "O evangelho que Paulo não escreveria" assim como TODOS os outros do Ciro. Confesso que inicialmente era...e talvez ainda seja um admirador do Ciro...mas recentemente ele falou algumas "besteiras" que me deixaram entristecido.

    Quanto à verificação de palavras...é só ir lá na configuração...em comentários...e tirar ela de lá!

    Abraços!

    ResponderExcluir
  24. Meu caro amigo Hubner, Paz.

    A inversão, na verdade, não aconteceu só nos valores, mas no próprio sentido da vida. Vivemos, como disse Paulo, "em Deus" e por Ele respiramos, pensamos, sentimos, rimos e choramos. Tire isso de uma homem, e o que resta é uma bisca desenfreada de auto-afirmação; seja na estática, seja na força das pistolas em cinturas de pré-adolescentes, seja na modelo anorexa. os homens buscam afirmação, porque perderam o sentido da vida - DEUS: O Criador.

    ResponderExcluir
  25. Paz,

    Parabéns, pelo seu trabalho neste blog. Que Deus em Cristo Jesus lhe continue abençoando poderosamente.

    Estou seguindo o vosso blog.

    Aproveito pra lhe convidar a visitar meu blog também. Avivamento pela Palavra é um blog voltado aos amantes da Bíblia sagrada como Verdade Absoluta e que só através Dela seremos mais crentes e mais cheios do Espirito Santo. Comente, pois seus comentários são muito importante para mim poder estar sempre em melhorias no meu blog.

    http://www.alexandrepitante.blogspot.com/

    Siga-nos também.

    Fica com Deus.
    Um abraço, Alexandre Pitante.

    ResponderExcluir
  26. Amado Edson,

    Que legal você gostar do Ciro, eu também gosto dele... Segui os seus conselhos sobre a configuração. Thanks.

    Davi Oliveira,

    Gostei da sua frase inicial onde diz que "A inversão, na verdade, não aconteceu só nos valores, mas no próprio sentido da vida." você está com total razão.

    A inversão vai muito além dos valores externos. Vai no folego de vida.

    Alexandre Pitante,

    Pensei que você fosse comentar sobre o texto, mas vi o formalismo operando. Não me leve a mal, é muito bom de-lo aqui.

    Vou visita-lo Ok. Mas pega mal você colocar o seu link do blog, as pessoas vão pensar que são Span e isso não agrada ninguem.

    Abraços aos fraternos e a Paz.

    ResponderExcluir

Não deixe de participar, a sua opinião é de extrema importância!

Críticas são bem vindas quando a pessoa se identifica.