O Estado Intermediário - 2° Parte

          Para vocês que me acompanham, a segunda parte do TERCEIRO estudo vou complementar agora, descrevendo sobre o destino dos impios. Na verdade vou resumir. Pois bem, Após a morte do Rico e Lázaro, Jesus disse que havia um grande abismo entre Deus e seus redimidos e os perdidos, é só ver em Lc  16.26. Imenso abismo impede o trânsito entre o céu e o hades. O rico viu Lázaro, mas não se registra que este o tenha visto. 

          O atormentado pode falar com o Pai Abraão, mas não com Lázaro. A presença de Deus, como onipresente, mas sem as comunicações das virtudes divinas e o consolo do Espirito Santo, acentua e aprofunda ainda mais os sofrimentos dos habitantes do inferno, onde a solidão é absoluta; o amor e a paz, inexistentes; a esperança, impossivel; o desespero, interminável. Eles estão sob horrível sofrimento.

          A intensidade do castigo evidencia-se nos apelos do rico para que Lázaro minimisasse seus padecimentos com a ponta do dedo molhado em água fresca. Notem bem o que Pedro, sob revelação inspiradora do Espirito, declarou: "Reservar, sob castigos, os injustos para o dia do juizo" (2 Pe 2.9). Ele fala, pois, da situação dos reprovados no estado intermediário, retidos em prisão na negridão das trevas, vejam em (2 Pe 2.4,17; Jd 13).

         Nota-se que o rico mantinha total sensibilidade às dores morais, conciência plena (em nenhum momento alegou inocência) e sentimento de culpa pelos irmãos que, na terra, seguiam-lhe os passos corruptos. Nestas condições, o rico pode comparar a glória dos remidos com a inconsolável tristeza dos perdidos. No hades, o rico falou, pensou, argumentou, ponderou. Querem provas mais convincentes de conciência?

          E concluo por hora, Deus nos dará, pelo milagre da ressurreição, im corpo perfeito, eterno, santo, identificador de nossa verdadeira personalidade restaurada em Cristo e colocada a serviço do Salvaodr. Não importam as condições do corpo entregue ao pó. Muitos são sepultados em estados deploráveis: Envelhecidos, depauperados, desfigurados, deformados, mutilados, necrosados; todos os remidos, ressuscitarão imaculados, completos perfeitíssimos, transformados à imagem do Criador.

          Abraços a todos os confraternos que nós acompanham... e boa sorte no sorteio!

Postado por: Hubner Braz
Compartilhar no Google Plus

Sobre Hubner Braz

Criador, colunista e administrador do Pecador Confesso. Fascinado e apaixonado por DEUS!! Formado Bacharel em Teologia pela FATESP e F. Mêcanica pela FATEC-SP e Presbítero na A.D. Belem-Missão em Sorocaba, onde o Pastor Presidente é o Rev. Osmar José da Silva - CGADB, Tenho 1João 1:7-9 injetado na veia!.