E assim eu me pergunto... - Confissões de Davi à Mical.

"Ela disse para mim que estaria lá a minha espera. Ela disse que nunca iria me deixar.
Ninguém sabe como eu me sinto, doeu bem no fundo, parecia que eu era o único despresado, era tudo real. Alguns dizem que a deixei porque ela me rejeitou, outros dizem que a larguei porque virou uma mesmice, mas não foi por isso...

Eu a deixei, porque tudo se tornou diferente, ela se tornou diferente. Nosso amor, era como taças quebradas, nosso amor não tinha conserto, e olhe que tentei...

Ela mudou... Eu não poderia deixá-la.
Ela voltou... Eu voltei.
Ela mudou novamente... E eu decidi pegar o meu rumo.

Estou cansado de chorar, sei que ela não chora por mim. Ela me culpa por tudo e não culpa a si mesma. Eu a mantinha por dentro, carregava comigo todo o ônus.

Já chega, desisto. Eu não quero olhar para trás, não quero chorar por ela, não quero lutar por ela. Sei que ela não me ouvirá, ela tomou está decisão e nunca me ouvirá.Tudo por causa da dança, eu seguirei em frente. Decido virar está página.

Eu me tornei uma nova pessoa, então não venha me procurar, (bem, para dizer a verdade, ela nunca fez isso. Nunca tentou). Desejo que vivas uma vida cheia de sorrisos e felicidade. Agradeci ao Senhor por ter me mudado, sou novo. Ela poderá lembrar do passado e eu manter na memoria a felicidade de trazer a arca. Mas não voltarei, tudo já está feito".

Eu escrevi este relato quando era jovem, estava trazendo a arca. Há algo que nunca esquecerei, lembro muito bem o que aconteceu. Eu espero que você leia este texto e saiba quanta dor você me fez passar. Você e eu sabemos a verdade. Não confessamos, e se continuássemos mentiriámos a nós mesmos, conseqüentemente, alimentaríamos esse ódio dentro de nós.

E assim eu me pergunto..., se você ainda pensa em mim.
E assim eu me pergunto..., se você ainda me ama, em algum lugar ai por dentro.
E assim eu me pergunto..., se teremos chance de nós se encontrar e casar.
E assim eu me pergunto..., se esqueceremos o passado
E assim eu me pergunto... Se eu tivesse a oportunidade...
Eu sei que nunca vou ter a chance de ouvir as suas desculpas.

Se eu fosse o errado pediria descupas milhões de vezes (Deixe-me ouvir o seu perdão. Não podemos ficar carregando esse fardo). Sei que um dia teremos a chance de se encontrarmos. Ai, onde você estiver, espero que mais cedo ou mais tarde, talvez um dia, tudo fique bem novamente.

0_O Davi - Rei de Israel
Nomes retirado do texto: 2°Samuel 6.16 
(Uma História de Ficção)
Compartilhar no Google Plus

Sobre Hubner Braz

Criador, colunista e administrador do Pecador Confesso. Fascinado e apaixonado por DEUS!! Formado Bacharel em Teologia pela FATESP e F. Mêcanica pela FATEC-SP e Presbítero na A.D. Belem-Missão em Sorocaba, onde o Pastor Presidente é o Rev. Osmar José da Silva - CGADB, Tenho 1João 1:7-9 injetado na veia!.