A Igreja Católica aprovou um aplicativo para Confessar os seus Pecados. - App Confession para iPhone

Um novo app para o iPhone por nome de “Confession” está causando um rebôo no mundo atual. As manchetes que a fazem parecer ser um substituto para o confessionário está começando a atrair críticas. E aqui vai a minha, mais antes vamos conhecer como surgiu este App (aplicativo para Iphone).

Projetado para ser utilizado como confessionário para auxiliar na absolvição de todos os seus pecados, este app é o instrumento ideal para cada penitente. Com um exame de consciência personalizada para cada usuário, senha perfis protegidos, e um guia passo-a-passo para o sacramento, este aplicativo convida os católicos a se preparar para oração e participar do Rito de Penitência. As pessoas que estiveram fora do sacramento por algum tempo encontra-se no “Confission: Católico App” uma ferramenta útil e convidativo para os católicos.

O texto deste aplicativo foi desenvolvido em colaboração com o Rev. Thomas G. Weinandy, OFM, Diretor Executivo da Secretaria de Doutrina e Práticas Pastorais dos Estados Unidos da Conferência dos Bispos Católicos, e Dan Rev. Scheidt, pastor da Igreja em Mishawaka, IN. O aplicativo recebeu a aprovação do Bispo Kevin C. Rhodes da diocese de Fort Wayne - South Bend. Este é o primeiro App aprovado, sancionado, conhecido e dado para um iPhone/app IPAD.

- Ele tem uma interface fácil de usar para as Confissões pecaminosas. Separando os pecados com base na idade, sexo e vocação, também separa entre solteiro, casado ou religioso.
- Ele permite acesso aos textos dos Dez Mandamentos e listas pré-programadas de pecados se referindo a uma analise do que “Não pode fazer”.
- Tem Habilidade para somar os pecados para um resultado de exame de consciência, dando a devida penitência.
- Armazena suas Confissões deixando para uma consulta pessoal passo a passo incluindo o tempo da última confissão em dias, semanas, meses e anos
- Marca os 7 pecados com autonomia independente classificando-o entre os mais graves.
- interface personalizada para o IPAD (foto acima)
- Suporte e exibição integral para o aplicativo vista em vídeo.

Certo padre afirmou “que este aplicativo não foi concebido como um substituto para a confissão: ao contrário, torna-se claro que somente a absolvição por um padre no confessionário, constitui o sacramento da Reconciliação”.

Muitas notícias de jornais e blogs estão bombando na internet de todo mundo e o Vaticano está bufando de raiva por causa dessas notícias, provocando infarto em vários padres por perder suas indulgências. Os temas são variados, listarei alguns logo abaixo:

• "Não posso ir na igreja fazer confissão? Há um App para isso "
• "A Igreja Católica aprova Confissão pelo iPhone"
• "Abençoa-me pelo iPhone eu pequei"
• "A Igreja Católica Aprova App para usuários do iPhone confessar os seus pecados"
• "Os Bispos dos EUA Sancionaram o App Confissão pelo Celular"
• "O perdão através do iPhone: Igreja aprova Confissão App"
• "Novo App, aprovada pela Igreja oferece Confession On the Go pelo iPhone"
• "Confesse seus pecados por um telefone com o App e Igreja Católica dará seu parecer"
• "Os católicos podem confessar agora usando iPhone App"
• "A Igreja Católica aprova Confissões Online"

Manchetes como estas, juntamente com observações como, “A Igreja doará os 1,99 dólares arrecadados para entidades carentes e os vossos pecados será lavados digitalmente, são atitudes irresponsáveis”, diz o Bispo Kevin C. Rhodes. Mas eu particularmente não ACREDITO, pra mim o dinheiro vai pro bolso dos padres.

O melhor que podemos dizer sobre isso, é que cada dia que passa a tecnologia entra nas igrejas de todas as denominações facilitando a propagação do evangelho. 

O pior é que a cada dia as igrejas ficam mais vazias, porque as ovelhas preferem freqüentar as igrejas dentro de suas próprias casas, assistindo, interagindo e participando usando a TV ou internet como meio de comunicação dos fieis.

Sobre o aplicativo, o medo é que vazem as informações dos usuários e alguns aproveitando da ingenuidade dos outros, poderá ser beneficiado colocando em mau uso essas informações que para mim são ultra-pessoas. Agora se você quer fazer uma confissão insana, desabafar, revelar algo ou aventuras e quer ver postado neste Blog. Mande pra mim via email para hubnere@ig.com.br se quiser deixar no anonimato... guardarei sigilo.

Ótimo Dia Pra Ti,
Confissões Insanas
Compartilhar no Google Plus

Sobre Hubner Braz

Criador, colunista e administrador do Pecador Confesso. Fascinado e apaixonado por DEUS!! Formado Bacharel em Teologia pela FATESP e F. Mêcanica pela FATEC-SP e Presbítero na A.D. Belem-Missão em Sorocaba, onde o Pastor Presidente é o Rev. Osmar José da Silva - CGADB, Tenho 1João 1:7-9 injetado na veia!.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

9 Milhões de Confessos:

  1. kkkkkkkkkk
    A é? então me aguarde, enviarei o e-mail, kkkk
    mas era só que faltava, eu em divirto com estas notícias!

    ResponderExcluir
  2. Olá, obrigada por seguir o meu blog. Ah!... obrigada pela dica. Já coloquei.
    Valeu.
    Seu blog é um poço de conteúdo. Show.
    Seguindo.

    ResponderExcluir
  3. Gostei do teu blog.
    Estou seguindo
    Abraços
    ...................
    Novo post:RIMAS DO PRETO

    ResponderExcluir
  4. kkk
    já tinha visto falar disso mesmo!
    estou seguindo, obrigada pela visita e por me seguir. Também já atendi a dica que vc me deu!
    obrigada e volte sempre
    beijinhos colloridos

    ResponderExcluir
  5. Obrigado por seguir o meu blog.Também estou a seguir o seu.Beijos.

    ResponderExcluir
  6. Obrigada pelo carinho,também gostei muito do seu!
    Juntos nessa...

    beijo

    ResponderExcluir
  7. Nossa, obrigada pelo comentário e por seguir. Seguindo tbm. Seu blog é excelente, ótimas informações...beijo.

    ResponderExcluir
  8. obrigada pro seguir o meu blog
    http://quantotempootempotem.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Estou segindo o seu
    http://quantotempootempotem.blogspot.com

    ResponderExcluir

Não deixe de participar, a sua opinião é de extrema importância!

Críticas são bem vindas quando a pessoa se identifica.