RESENHA DO LIVRO: O APÓSTOLO DOS PÉS SANGRENTOS - BOANERGES RIBEIRO

Estou extasiado (essa é a definição certa) com a leitura deste livro. O Apóstolo dos Pés Sangrentos é a biografia de um indiano, de família nobre (rica), da seita sik, que sofreu perseguições, prisões e privações, por ter-se convertido ao Evangelho.

É tão eletrizante este livro, que quando sua mãe chegou a morrer, ele quase virou ateu por não acreditar tanto na religião que ele foi ensinado desde pequeno. 

Outro ponto que me chamou atenção, foi que ele trocava as brincadeiras com crianças por leituras afins de livros... Também ele fala de uma experiência com os Yoga, onde saiu das reuniões carregado de fardo opressor. Devemos notar que ele chegou a aliciar com benesses que sempre recusou, ou pressionado a renunciar o Cristianismo, num ambiente hostil, manteve sua fé inabalável em Jesus. Abandonado pela família, pelos amigos, tornou-se evangelista itinerante.

Do começo ao fim lemos os caminhos que Sundar Singh traçou ao sentir magnetizado após uma leitura bíblica. Como pode um "Sikh" abandonar sua religião para abraçar o evangelho? É isso que vemos neste livro. 

As palavras descrita, estremece a nossa espinha dorsal. Ao ler pela primeira vez o Novo Testamento ele diz: "Homem estranho, esse Jesus Cristo de que o livro falava; suas palavras prendiam o coração. Em certo ponto, todavia, percebeu que havia ali ensinos totalmente contrários às suas crenças; ensinos que poriam por terra a doutrina de sua mãe. Fechou o livro, indignado. Mas o magnetismo de Cristo já o prendia." 

Quando se converteu e virou missionário, e visitou o Tibete, Nepal, Butão. Atravessou o Himalaia inúmeras vezes, sob frio intenso , acossado por feras e salteadores, com o propósito de levar a Palavra a quem viva na mais crassa ignorância das coisas de Deus. Pregou na Inglaterra, em diversos países da Europa e nos Estados Unidos da América, entre outros. 

Sempre caminhava sozinho, descalço, a ponto de ferir aos pés. Ele muito contribuiu para a evangelização da Índia e do Tibet. Ele dizia que "sentia-se que ao narrar seus sofrimentos uma alegria estranha e incompreensível o dominava. Parecia até que tinha prazer em sofrer quando pregava." Esse é só uma palinha do que te aguarda ao ler este livro.  É uma obra indispensável pela eficácia de sua mensagem.

No final do livro tem parábolas tão lindas e de grande ensinamento. Sobre sua morte, ninguém sabe! Ele apenas foi em direção aos necessitados falar do amor de Cristo e sumiu. 

Dizem que anos após sua morte missionários ingleses passaram anunciando Jesus em aldeias, no caminho do Himalaia, onde Sundar havia percorrido muitas vezes no passado. Os aldeões ao ouvirem os ingleses pregarem a Jesus, responderam: Jesus já esteve aqui! Tamanha era a comunhão de Sundar com Deus, que muitos achavam que ele era o próprio Jesus. É um grande livro! Leia-o. Estou certo de que será de grande inspiração para sua vida!


Definitivamente essa é a história do homem que se parecia com Jesus. 

Att. Hubner Braz

Download do Livro E-Book em PDF:
 O APÓSTOLO DOS PÉS SANGRENTOS - BOANERGES RIBEIRO
Compartilhar no Google Plus

Sobre Hubner Braz

Criador, colunista e administrador do Pecador Confesso. Fascinado e apaixonado por DEUS!! Formado Bacharel em Teologia pela FATESP e F. Mêcanica pela FATEC-SP e Presbítero na A.D. Belem-Missão em Sorocaba, onde o Pastor Presidente é o Rev. Osmar José da Silva - CGADB, Tenho 1João 1:7-9 injetado na veia!.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 Milhões de Confessos:

Postar um comentário

Não deixe de participar, a sua opinião é de extrema importância!

Críticas são bem vindas quando a pessoa se identifica.