Resenha do Livro: Deus Negro - Neimar de Barros

Graça e Paz amados, este é mais um livro que acabo de ler. E é o 21° que inclui no Desafio Leitor Insano e o 87° Livro deste ano. Escrito pelo Neimar de Barros, o livro Deus Negro e baseado em pesamentos e poesias, onde um nem outro está ligado entre si, e praticamente combate o preconceito em quase todas as áreas. 

O primeiro poema do livro é de deixar qualquer pessoa admirado. No decorrer do livro você perceberá que o autor deixa se ensoberbecer com reflexões taxativas e de certo modo agressivas propondo uma separação religiosa dentro da religião.

É uma boa obra, faz você pensar, além de despertar uma vontade de ler as outras obras deste autor. Logo abaixo deixarei uma biografia retirada do Blog do Valmir.

Biografia Neimar de Barros.

Quem está aí pelos cinquenta anos lembra bem. Neimar de Barros arrastava multidões. Era o mais popular pregador leigo católico da década de 70, 80.

Nasceu em Corumbá e filho de militar veio para São Paulo após seu pai ser transferido. Teve tuberculose aos 16 anos. Com 21 anos já era redator na Rádio Nacional. Em seguida começou a trabalhar com Sílvio Santos. Criou e produziu vários programas de grande audiência, entre eles o Cidade contra Cidade, que Laguna participou em 1977.

Até 1971 era ateu, quando participou de um encontro religioso. Converteu-se ao catolicismo e começou a escrever livros. Foram mais de 10 obras que venderam milhões.
E começou a pregar. Foram 14 anos. Visitou praticamente todas as cidades do Brasil. Enchia ginásios, teatros e clubes.
Esteve também na Laguna no começo dos anos 80 e lotou o Clube Congresso, onde proferiu palestra e autografou seus livros.

Orador brilhante fez a cabeça principalmente da juventude católica. Lembro-me bem que Neimar de Barros era a nossa leitura preferida, dos membros da Juventude Católica – JUC, que se reuniam ali nas dependências do prédio dos Vicentinos e também do pessoal da Juventude Unida dos Magalhães – JUM, tendo à frente o nosso conhecido José Alves Fernandes, o Mala; e José Nazareno Duarte, o Pisca.
Líamos as poesias e escritos de Neimar de Barros que serviam para discussões literárias e análises comportamentais e filosóficas. E tínhamos somente, sei lá, 14, 15, 16 anos! Mas éramos politizados e preocupados com questões sociais.
“Deus Negro”, “Quantos Anos você tem?” e “Não tenho tempo” arrancavam emoções e lágrimas, e eram declamadas pelo autor em programas de TV e rádio.

Em 1986 Neimar de Barros concedeu uma entrevista à revista Veja, afirmando ter sido um espião da maçonaria internacional infiltrado na igreja para descobrir podres e repassar informações.
Ninguém entendeu nada e a maioria de seus admiradores não acreditou na história. A entrevista foi atribuída ao estresse e desilusões. Por causa da repercussão negativa foi viver na Argentina. Com a popularidade perdida, na década de 90 virou protestante e voltou ao SBT até 2006. Sofria de Alzheimer desde 2004.
Neimar de Barros morreu por falência de órgãos, aos 69 anos em seis de maio último. Vai ficar na história.


Sinopse - Deus Negro - Neimar de Barros

Deus não é branco, não é vermelho, não é amarelo, não é negro. Deus é Amor. E o Amor não é branco, não é vermelho, não é amarelo, não e negro. Mas também podemos dizer, com a mesma verdade, que o Amor é branco, é vermelho, é amarelo, é negro. E Deus também. Deus e o Amor estão em todos os povos, em todas as raças, em todas as cores. Estão no homem culto e no analfabeto, no pobre e no aleijado, na criança e no velhinho, no louco e na prostituta. Só não estão no ódio e no egoísmo! Estes são os reinos de Satanás. O livro DEUS NEGRO, um marco entre o amor e o ódio, entre a doação e o egoísmo, e um fenômeno na comunicação humano-cristã. Seus versos chegam ao coração, tocam a mente, alcançam o espírito: exigem mudança de vida, diária para melhor.



Livro E-Book em PDF para Download => Deus Negro - Neimar de Barros (Indisponível para Download) Recomendo que você procure num sebo da sua cidade. É um livro fácil de encontrar e barato para se comprar.

Até a próxima resenha Pecadores Confessos em Cristo Jesus,

Hubner Braz (@PecadorConfesso)
Compartilhar no Google Plus

Sobre Hubner Braz

Criador, colunista e administrador do Pecador Confesso. Fascinado e apaixonado por DEUS!! Formado Bacharel em Teologia pela FATESP e F. Mêcanica pela FATEC-SP e Presbítero na A.D. Belem-Missão em Sorocaba, onde o Pastor Presidente é o Rev. Osmar José da Silva - CGADB, Tenho 1João 1:7-9 injetado na veia!.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

2 Milhões de Confessos:

  1. Ha anos procuro por esta por esta poesia. Amei!! Gostaria de poder encaminba-la, mas nao sou digital. Parabens!!!

    ResponderExcluir
  2. Ha anos procuro por esta por esta poesia. Amei!! Gostaria de poder encaminba-la, mas nao sou digital. Parabens!!! Nem consigo me identificar, nao sei ingles!!!!! Excuse-me.

    ResponderExcluir

Não deixe de participar, a sua opinião é de extrema importância!

Críticas são bem vindas quando a pessoa se identifica.