LIÇÃO Nº 01 - TIAGO - FÉ QUE SE MOSTRA PELAS OBRAS - 06 DE JULHO DE 2014 - EBD - CPAD

INTRODUÇÃO
Neste trimestre, estudaremos a mensagem de Deus entregue aos santos irmãos do primeiro século por intermédio de Tiago, o irmão do Senhor. Assim pode ser resumida a Epístola universal de Tiago: uma carta de conselhos práticos para uma vida bem-sucedida e de acordo com a Palavra de Deus. A espiritualidade superficial, a ausência de integridade, a carência de perseverança e a insuficiência da compaixão para com o próximo são características que permeiam o caminho de muitos crentes dos dias modernos. O estudo dessa epístola é relevante para os nossos dias, pois contempla a oportunidade de aperfeiçoarmos o nosso relacionamento com Deus e com o próximo, levando-nos a compreender que a fé sem as t obras é morta (Tg 2.17).

HINOS SUGERIDOS 18, 47, 93.

TEXTO ÁUREO

‘Assim também a fé, se não tiver as obras, é morta em si mesma” (Tg 2.17).

VERDADE PRATICA

A nossa fé tem de produzir frutos verdadeiros de amor, do contrário, ela se apresenta falsa.

LEITURA DIÁRIA
Segunda      - Hb 10.24                As boas obras devem ser estimuladas
Terça            - 1 Tm 6.1 7-19        As boas obras e as riquezas do mundo
Quarta          - Tg 2.14-17             É possível haver fé sem as obras?
Quinta           - Ef 2.8,9                  Não somos salvos pelas boas obras
Sexta            - Ef 2.10                   Salvos praticam boas obras
Sábado        - Rm 12.9,10            Amor cordial e fraterno

LEITURA BÍBLICA EM CLASSE

Tiago 2.14-26
14 - Meus irmãos, que aproveita se alguém disser que tem fé e não tiver as obras? Porventura, a fé pode salvá-lo?
15 - E, se o irmão ou a irmã estiverem nus e tiverem falta de mantimento cotidiano,
16 - e algum de vós lhes disser: Ide em paz, aquentar-vos e fartai- -vos; e lhes não derdes as coisas necessárias para o corpo, que proveito virá daí?
17 - Assim também a fé, se não tiver as obras, é morta em si mesma.
18 - Mas dirá alguém: Tu tens a fé, e eu tenho as obras; mostra- -me a tua fé sem as tuas obras, e eu te mostrarei a minha fé pelas minhas obras.
19 -Tu crês que há um só Deus? Fazes bem; também os demônios o creem e estremecem.
20 - Mas, ó homem vão, queres tu saber que a fé sem as obras é morta?
21 - Porventura Abraão, o nosso pai, não foi justificado pelas obras, quando ofereceu sobre o altar o seu filho Isaque?
22 - Bem vês que a fé cooperou com as suas obras e que, pelas obras, a fé foi aperfeiçoada,
23- e cumpriu-se a Escritura, que diz: E creu Abraão em Deus, e foi- -Ihe isso imputado como justiça, e foi chamado o amigo de Deus.
24 - Vedes, então, que o homem é justificado pelas obras e não somente pela fé.
25 - Ede igual modo Raabe, a meretriz, não foi também justificada pelas obras, quando recolheu os emissários e os despediu por outro caminho?
26 - Porque, assim como o corpo sem o espírito está morto, assim também a fé sem obras é morta.

INTERAÇÃO

“Fé e obras: Ensinos de Tiago para uma Vida Cristã Autêntica” é o tema deste trimestre! Portanto, estudaremos a Epístola de Tiago. O comentarista é o pastor Eliezer de Lira e Silva, conferencista de Escolas Bíblicas e diretor do projeto missionário Ide Ensinai em Moçambique, África.
Ao ler a Epístola Universal de Tiago chegamos à conclusão de que
o Evangelho não admite uma vida cristã acompanhada de um discurso desassociado da prática. A nossa fé deve ser confirmada através das obras. Caro professor, de maneira profunda, estude esta epístola, pois, temos um grande desafio: convencer os nossos alunos de que vale a pena levar estes ensinamentos até as últimas consequências.

OBJETIVOS

Após a aula, o aluno deverá estar apto a:
Descrever as questões de autoria, local, data e destinatário da epístola.
Entender o propósito da epístola.
Destacar a atualidade da epístola.

ORIENTAÇÃO PEDAGÓGICA

Prezado professor, para iniciar o estudo da Carta de Tiago sugerimos que reproduza o esquema da página seguinte na lousa, ou em cópias, conforme as suas possibilidades. O esquema é um esboço da epístola a ser estudada. Ele vai auxiliar na análise panorâmica da carta. Neste esquema ainda constam informações como: a estrutura da epístola, autoria, tema, data e uma consideração preliminar. Tenha uma boa aula!

PALAVRA-CHAVE
Fé: Confiança absoluta em alguém. A primeira das três virtudes teologais: fé, esperança e amor.

1º Vídeo Pré-Aula - Dicas da CPAD para que o professor possa dar uma boa aula: O pastor EBD FORA DA CAIXA ajuda você na preparação da sua aula de Escola Dominical.



2º Vídeo Pré-Aula - Dicas da CPAD para que o professor possa dar uma boa aula: O AD Londrina ajuda você na preparação da sua aula de Escola Dominical.


3º Vídeo Pré-Aula - Dicas da CPAD para que o professor possa dar uma boa aula: O pastor LUCAS NETO ajuda você na preparação da sua aula de Escola Dominical.


4º Vídeo Pré-Aula - Dicas da CPAD para que o professor possa dar uma boa aula: O pastor Caramuru do Belemzinho ajuda você na preparação da sua aula de Escola Dominical.


5º Vídeo Pré-Aula - Dicas da CPAD para que o professor possa dar uma boa aula: O pastor da CPAD ajuda você na preparação da sua aula de Escola Dominical.


6º Vídeo Pré-Aula - Dicas da CPAD para que o professor possa dar uma boa aula: AD Linhares ajuda você na preparação da sua aula de Escola Dominical.



7º Vídeo Pré-Aula - Dicas da CPAD para que o professor possa dar uma boa aula: O pastor Pedro Junior ajuda você na preparação da sua aula de Escola Dominical.


8º Vídeo Pré-Aula - Dicas da CPAD para que o professor possa dar uma boa aula: O pastor Luiz H. Silva ajuda você na preparação da sua aula de Escola Dominical.



9º Vídeo Pré-Aula - Dicas da CPAD para que o professor possa dar uma boa aula: O pastor FÁBIO SEGATE ajuda você na preparação da sua aula de Escola Dominical.


10º Vídeo Pré-Aula - Dicas da CPAD para que o professor possa dar uma boa aula: O pastor WELLINGTON GALINDO ajuda você na preparação da sua aula de Escola Dominical.


11º Vídeo Pré-Aula - Dicas da CPAD para que o professor possa dar uma boa aula: O pastor CANAL DA TV ajuda você na preparação da sua aula de Escola Dominical.


12º Vídeo Pré-Aula - Dicas da CPAD para que o professor possa dar uma boa aula: O pastor CARLOS EDUARDO ajuda você na preparação da sua aula de Escola Dominical.


13º Vídeo Pré-Aula - Dicas da CPAD para que o professor possa dar uma boa aula: O pastor PAULO MENESES ajuda você na preparação da sua aula de Escola Dominical.


14º Vídeo Pré-Aula - Dicas da CPAD para que o professor possa dar uma boa aula: O pastor JUANRIBE PAGLIARIN ajuda você na preparação da sua aula de Escola Dominical.




ESBOÇO Nº 1
A) INTRODUÇÃO AO TRIMESTRE
                                               Damos início a mais um trimestre letivo da Escola Bíblica Dominical, um trimestre que denominamos bíblico, tendo em vista que estaremos a estudar um livro das Escrituras Sagradas, desta feita um livro do Novo Testamento, a Epístola de Tiago.
                                               Tiago é a primeira das chamadas “epístolas gerais”, “epístolas universais” ou, ainda, “epístolas católicas”, assim denominadas as cartas do Novo Testamento que não foram escritas pelo apóstolo Paulo e que têm uma característica que as distingue das “epístolas paulinas”, qual seja, a de que são dirigidas para a totalidade da Igreja e não para uma igreja local ou, mesmo, para uma pessoa, como ocorre nas cartas escritas por Paulo.
                                               Com efeito, Tiago endereça a sua carta para “as doze tribos que andam dispersas” (Tg.1:1), indicando, assim, num primeiro instante, que estaria a escrever aos judeus de todo o mundo, embora, num sentido mais preciso, esta expressão “doze tribos” queira estar a representar o próprio “povo de Deus”, o “Israel de Deus” mencionado pelo apóstolo Paulo em Gl.6:16, o que torna como destinatária a totalidade da Igreja, razão pela qual a carta é conhecida como “Epístola Universal de Tiago” ou “Epístola Católica de Tiago”, uma vez que “católico” em grego significa, precisamente, “universal”.
                                               Por se destinar à totalidade do povo de Deus, a carta de Tiago não está presa a questões concretas de uma ou outra igreja local, mas visa, sim, trazer ensinos que revelam a própria vida cristã como um todo.
                                               Um dos pontos principais que se encontra no ensino de Tiago à Igreja é, precisamente, o relacionamento entre a fé e as obras, circunstância que, ao longo da história da Igreja, chegou, mesmo, a gerar uma discussão sobre a canonicidade do escrito. Martinho Lutero não compreendeu bem esta epístola, pois achava que ela se contrapunha ao que Paulo escrevera na carta aos romanos, diante da ênfase que Tiago dá às obras.
                                               No entanto, ao contrário do que Lutero achava, o fato é que Tiago está em perfeita consonância com o estudo paulino a respeito da justificação pela fé, pois está tão somente mostrando que uma verdadeira fé se mostra através das obras, como, aliás, teremos oportunidade de verificar, ao longo do trimestre, seja na lição 1, que é uma lição introdutória da epístola de Tiago, seja na lição 7, quando veremos que a fé se manifesta em obras.

CONCLUSÃO

Como em toda a Escritura Sagrada, a Epístola de Tiago é um farol acesso e permanentemente atual. Ela nos alerta contra a mediocridade da vida supostamente cristã e nos exorta a fazer das Escrituras o nosso pão diário. Jesus Cristo sempre foi zeioso pelo bem estar do seu rebanho (Jo 10.10). Em todas as épocas Ele é o bom pastor que cuida das suas ovelhas (Jo 10.11). É do interesse do Mestre que os discípulos vivam em harmonia e amor mútuo, afim de não trazerem escândalo aos de dentro e, muito menos, aos de fora (1 Co 10.32). E não nos esqueçamos: A religião pura e imaculada é a fé que se mostra através de nossas práticas e obras.

VOCABULÁRIO

Compatriota: Que se origina da mesma terra.
Dispersa: Espalhada, separada. Imaculada: Pura, sem qualquer mancha.
Pseudodiscípulos: Falsos discípulos.

BIBLIOGRAFIA SUGERIDA

RICHARDS, Lawrence O. Comentário Histórico-Cultural do Novo Testamento. 1 .ed. Rio de Janeiro: CPAD, 2007.
STAMPS, Donald C (Ed.). Bíblia de Estudo Pentecostal: Antigo e Novo Testamento. Rio de Janeiro: CPAD, 1995.
STRONSTAD, Roger; ARRINGTON, French L. (Eds.) Comentário Bíblico Pentecostal Novo Testamento. 2.ed. Rio de Janeiro: CPAD, 2004.

AUXÍLIO BIBLIOGRÁFICO

Subsídio Bibliológico
“Deve ser observado que existem resultados mais abençoados e reais quando um indivíduo realmente confia no Senhor Jesus Cristo. Há não apenas uma mudança de posição diante de Deus (justificação), mas há o início da obra redentora e santificadora de Deus. Embora a transformação da vida não seja a base da salvação, ela é a evidência da salvação. E sem tal evidência (em maior ou menor grau) deve ser levantada uma questão quanto à autenticidade da fé do indivíduo. [...]
As boas obras de um cristão são o resultado e a evidência da autenticidade da sua fé. É o entendimento deste fato que resolverá o problema de alguns quanto a uma alegada discrepância entre Paulo e Tiago. Paulo certamente relaciona as boas obras com a fé (Ef 2.8-1 0). Fica claro que Tiago está falando da justificação diante dos homens (Tg 2.18 - ‘mostra-me’, ‘te mostrarei’; v.22 - ‘bem vês’; v.24 - ‘vedes’; v.26), e que a fé é provada pelas obras (v.22)” (PFEIFFER, Charles F.; VOS, Howard, F. Dicionário Bíblico Wydiffe. Rio de Janeiro: CPAD, 2009, pp.779,80).

EXERCÍCIOS

1. Quem é o autor da Epístola de Tiago?
R: Tiago, filho de José e Maria e meio-irmão do nosso Senhor.
2. Quem são os destinatários da Epístola de Tiago?
R: Os cristãos dispersos na Palestina e variadas igrejas estabelecidas em outras regiões, isto é, todo o povo de Deus espalhado pelo mundo.
3. Segundo a lição, quais são os propósitos da Epístola de Tiago?
R: Orientar, consolar e fortalecer a Igreja de Cristo.
4. O que provam as várias citações do Sermão da Montanha na Epístola de Tiago?
R: Que o autor está em plena concordância com o ensino de Jesus Cristo.
5. Por que não podemos fazer separação entre a fé e as obras?
R: Porque apesar de as obras não garantirem a salvação, a sua manifestação dá testemunho da experiência salvífica do crente (Ef 2.10; cf. Tg 2.24).


Compartilhar no Google Plus

Sobre Hubner Braz

Criador, colunista e administrador do Pecador Confesso. Fascinado e apaixonado por DEUS!! Formado Bacharel em Teologia pela FATESP e F. Mêcanica pela FATEC-SP e Presbítero na A.D. Belem-Missão em Sorocaba, onde o Pastor Presidente é o Rev. Osmar José da Silva - CGADB, Tenho 1João 1:7-9 injetado na veia!.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 Milhões de Confessos:

Postar um comentário

Não deixe de participar, a sua opinião é de extrema importância!

Críticas são bem vindas quando a pessoa se identifica.