Sexto Dia - Sua Vontade - Os 36 Dias De Pureza Sexual


O que você entende por misericórdia? 


O que você entende por Pureza?

Você entende que sua vontade tem que ser santa? Escreva suas vontades e veja se elas são agradáveis às vontades de Jesus.
(Responda no comentário, seu caderno, ou email e se preferir no Confesse Seu Pecado)

"Felizes as pessoas humildes, pois receberão o que Deus tem prometido.”(Mt 5:5).

Mansidão é deixar a vontade de um, para ser submisso à vontade de outro. Jesus viveu em mansidão absoluta. Ele era perfeitamente submetido ao Pai.
"Pois eu desci do céu para fazer a vontade daquele que me enviou e não para
fazer a minha própria vontade.”(Jo 6.38).

De fato, em outra ocasião, Ele disse: “Eu não posso fazer nada por minha própria conta, mas julgo de acordo com o que meu Pai me diz. O meu julgamento é justo porque não procuro fazer minha própria vontade, mas a vontade daquele que me enviou.”
(João 5:30).

Jesus não precisou ser quebrantado, porque Ele não tinha uma natureza humana caída. Ele nasceu com a natureza sem pecado de Seu Pai. É uma questão diferente para toda humanidade. O único modo de termos mansidão é por meio do quebrantamento de nossa vontade. Um retrato perfeito disso é o de um cavalo. Ele pode ser um animal bonito e gracioso, mas não tem utilidade alguma até ser dominado. No entanto, depois de dominado, o cavalo poderoso torna-se controlado pelas rédeas e comandos de seu domador. Esse é um retrato bíblico de mansidão.

O cristão que experimentou esse quebrantamento aprendeu a ter um respeito saudável pelo seu Senhor. Este não é o medo aterrador que uma criança maltratada tem por um pai cruel, mas a reverência adequada que se tem daquele que merece respeito. A vontade desse homem foi submetida de tal forma que ele não vê mais sua vida como algo que ele tem o direito de controlar.

"Será que vocês não sabem que o corpo de vocês é o templo do Espírito Santo, que vive em vocês e lhe foi dado por Deus? Vocês não pertencem a vocês mesmos, mas a Deus, pois Ele os comprou e pagou o preço. Portanto, usem o seu corpo para a glória dele.”(1 Co 6:19,20).

O temor a Deus estabelece certos limites a pessoa, e ajuda a dificultar qualquer tentativa de a pessoa se aventurar a entrar no território do pecado sexual. A justiça é o resultado. "Felizes as pessoas que têm fome e sede de fazer a vontade de Deus, pois Ele as deixará completamente satisfeitas.”(Mt 5:6), Jesus continuou a dizer.
A pessoa que aprende a viver sob o olhar sempre presente de um Deus santo, se esforça para agradar a Ele. O Senhor descreve esse desejo como fome e sede de justiça. Tal desejo em agradar a Deus gera uma verdadeira repulsa pelo pecado e uma vontade de destruir todos os seus ídolos.

Jesus continua descrevendo misericórdia, pureza e pacificação, que caracterizam ainda mais a vida de uma pessoa que experimentou quebrantamento e arrependimento verdadeiros. Quando o coração endurecido e impiedoso de uma pessoa é subjugado, uma nova compaixão e um novo amor pelos outros o substituem. É a nova vida que Paulo descreveu. No entanto, esse quebrantamento inicial por Deus é apenas o início!

Medite em Romanos 12

Clique No Cronograma Dos Dias Para Não Se Perder => DESAFIO 36 DIAS DE PUREZA SEXUAL

Postado por Pecador Confesso
Compartilhar no Google Plus

Sobre Hubner Braz

Criador, colunista e administrador do Pecador Confesso. Fascinado e apaixonado por DEUS!! Formado Bacharel em Teologia pela FATESP e F. Mêcanica pela FATEC-SP e Presbítero na A.D. Belem-Missão em Sorocaba, onde o Pastor Presidente é o Rev. Osmar José da Silva - CGADB, Tenho 1João 1:7-9 injetado na veia!.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 Milhões de Confessos:

Postar um comentário

Não deixe de participar, a sua opinião é de extrema importância!

Críticas são bem vindas quando a pessoa se identifica.