Enchentes e Revoltas - Reflexões do Vagabundo Confesso

Em Sorocaba, dia 16 de fevereiro de 2011. Veio a chuva e, com a chuva, a enchente. Desde 1987 não chovia tanto em um único período e água, que subiu rapidamente trouxe medo e destruição.

O barraco do João não rolou no abismo das águas, porque Deus não quis. Mas os móveis do João fugiram na correnteza, indo parar não sei aonde.

Procurei consolá-lo:
- Afinal, seu barraco continua de pé, João. E pelo menos, ninguém morreu!
- Claro que ninguém morreu. Pobre não morre, senão acabava a pobreza no mundo!

Passaram dias e semana. Mas até hoje me dói na alma à resposta ferida daquele humilde, chorando as devastações de uma enchente implacável.


Deus: "Levanta o pobre do pó e, desde o monturo, exalta o necessitado, para o fazer assentar entre os príncipes…………" (1º Samuel 2-8)

Vagabundo Confesso

Imagem tirada pelo: fotojornalista Sidnei Costa
Compartilhar no Google Plus

Sobre Hubner Braz

Criador, colunista e administrador do Pecador Confesso. Fascinado e apaixonado por DEUS!! Formado Bacharel em Teologia pela FATESP e F. Mêcanica pela FATEC-SP e Presbítero na A.D. Belem-Missão em Sorocaba, onde o Pastor Presidente é o Rev. Osmar José da Silva - CGADB, Tenho 1João 1:7-9 injetado na veia!.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

7 Milhões de Confessos:

  1. Caraca, profuundo ...
    'Pobre não morre, senão acabava a pobreza no mundo!'

    ResponderExcluir
  2. Lilly,

    É bem verdade... A difícil situação da desigualdade social está patente a todos.

    Volte sempre minha linda.

    ResponderExcluir
  3. Um belo texto, cheio de verdades.

    Bjs

    Mila

    ResponderExcluir
  4. E vc escreve as verdades de uma forma tão profunda que não tem como não se sensibilizar.


    Deixei um Meme Literário para vc lá no blog.

    ResponderExcluir
  5. Valeu Camila,

    Irei ver NOW os mimos...

    bjss

    ResponderExcluir
  6. Que Deus ótimo este, que faz sobressair de qualquer dificuldade aqueles que nEle confiam!!!

    Ótima a forma como você coloca as idéias no texto. Puxa, gosto de ver esta inspiração, verdades escritas em jeito de poema. São poucas as pessoas que sabem escrever assim! Parabéns!

    Claudinéia do blog Gente Evangélica
    http://pingofeliz.blogspot.com/
    Abraços!

    ResponderExcluir

Não deixe de participar, a sua opinião é de extrema importância!

Críticas são bem vindas quando a pessoa se identifica.