Lição 9 - A Mordomia do Trabalho - 1 de Setembro de Abril de 2019 - EBD ADULTO - CPAD

Lições Bíblicas do 3° trimestre de 2019 - CPAD | Classe: Adultos | Data da Aula: 1 de Setembro de Abril de 2019. TEXTO ÁUREO '&...


Lições Bíblicas do 3° trimestre de 2019 - CPAD | Classe: Adultos | Data da Aula: 1 de Setembro de Abril de 2019.
TEXTO ÁUREO
''Porque, quando ainda estávamos convosco, vos mandamos isto: que, se alguém não quiser trabalhar, não coma também." (2 Ts 3.10)

VERDADE PRÁTICA
O trabalho honesto, acompanhado da bênção de Deus, dignifica e enobrece o cristão.

LEITURA DIÁRIA
Segunda - Jó 5.6,7: O homem nasceu para o trabalho
Terça – Gn 3.19: O trabalho com o suor do rosto
Quarta - Ec 3.10: O trabalho como aflição
Quinta - Ef 6.5-9: O relacionamento entre patrão e empregado
Sexta - Sl 128.2: Comendo do próprio trabalho
Sábado - Jo 9.4: Trabalhar enquanto é dia

LEITURA BÍBLICA EM CLASSE
2 Tessalonicenses 3.6-13
6        - Porque vós mesmos sabeis como convém imitar-nos, pois que não nos houvemos desordenadamente entre vós,
7        - Porque vós mesmos sabeis como convém imitar-nos, pois que não nos houvemos desordenadamente entre vós,
8        - nem, de graça, comemos o pão de homem algum, mas com trabalho e fadiga, trabalhando noite e dia, para não sermos pesados a nenhum de vós;
9        - não porque não tivéssemos autoridade, mas para vos dar em nós mesmos exemplo, para nos imitardes.
10      - Porque, quando ainda estávamos convosco, vos mandamos isto: que, se alguém não quiser trabalhar, não coma também.
11      - Porquanto ouvimos que alguns entre vós andam desordenadamente, não trabalhando, antes, fazendo coisas vãs.
12      - 4 esses tais, porém, mandamos e exortamos, por nosso Senhor Jesus Cristo, que, trabalhando com sossego, comam o seu próprio pão.
13      - E vós, irmãos, não vos canseis de fazer o bem.

HINOS SUGERIDOS: 16, 93, 394 da Harpa Cristã

OBJETIVO GERAL
Esclarecer que o trabalho honesto dignifica e enobrece o cristão.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS
I. Mostrar o trabalho de Deus na Bíblia;
II. Correlacionar a Bíblia com a mordomia do trabalho;
III. Elencar os princípios cristãos para o trabalho.


• INTERAGINDO COM O PROFESSOR
O trabalho é uma vocação que aparece no Gênesis, perpassa por Jesus e se confirma nos apóstolos. Isso significa que Deus espera que seus filhos trabalhem. Nesse sentido, o trabalho não é fruto do pecado, mas da criação e dádiva de Deus. Essa concepção bíblica muda todo o sentido do trabalho em nossa vida. Por isso, ao longo de muito tempo, e amparados no ensinamento apostólico de Efésios 6.5-8, os cristãos encararam o trabalho como oportunidade de servir a Deus diligentemente. Podemos, e devemos, glorificar a Deus com o nosso trabalho!

PONTO CENTRAL
O trabalho honesto dignifica e enobrece o cristão.

INTRODUÇÃO
O assunto desta semana nos mostrará que Deus não fez o homem para viver na ociosidade, mas para "lavrar e guardar" o jardim do Éden (Gn 2.15). Assim, veremos como a Bíblia apresenta o conceito de trabalho, sua mordomia e os princípios cristãos para o trabalho.

- O trabalho era parte importante e dignificante no que respeita à representação da imagem de Deus e serviço a Deus, mesmo antes da queda. Apocalipse 22.3 diz que no novo céu e na nova terra “Nunca mais haverá qualquer maldição. Nela, estará o trono de Deus e do Cordeiro. Os seus servos o servirão” - A maldição sobre a humanidade e a terra em conseqüência da desobediência de Adão e Eva (Gn 3.16-19) acabará totalmente. Deus nunca mais precisará julgar o pecado, pois este não existirá no novo céu e na nova terra. Vamos pensar maduramente a fé cristã?

I – O TRABALHO DE DEUS NA BÍBLIA

1. O trabalho de Deus na criação do Universo.
A Bíblia nos revela que Deus criou o Universo e os seres vivos em seis dias (Êx 20.11; Ne 9.6). Ou seja, ela inicia a história da salvação revelando o trabalho de Deus na criação do Universo. Infelizmente, uma teoria falsa admite que o Universo surgiu de uma explosão (Big-Bang), e, por acaso, tudo se organizou no Cosmos. Mas a Palavra de Deus mostra que "por causa do seu orgulho, o ímpio não investiga; todas as suas cogitações são: Não há Deus" (Sl 10.4; cf. 14.1; 53.1).

- Em Gênesis 2.2 temos que “E, havendo Deus terminado no dia sétimo a sua obra, que fizera, descansou nesse dia de toda a sua obra que tinha feito.” Deus é Espírito,certamente não descansou por estar cansado; mas ali está estabelecido o padrão divino para o ciclo de trabalho do homem, evidenciando a necessidade de descanso. Temos essa necessidade caracterizada na ordenança do sábado, sendo o sétimo dia baseado na semana da criação (Êx 20.8-11). Sobre a origem do universo, a Bíblia de Estudo McArthur comenta: “1.1—2.3 Essa descrição de Deus criando os céus e a terra é entendida como sendo: 1) recente, ou seja, há milhares, e não milhões, de anos; 2) ex nihilo, ou seja, a partir do nada; e 3) excepcional, ou seja, em seis períodos consecutivos de 24 horas chamados "dias", distinguidos daqui por diante como tais pelas palavras: "tarde e manhã". A Escritura não sustenta uma data para a criação anterior do que há cerca de dez mil anos.” (Bíblia de Estudo McArthur. SBB. Nota textual Gênesis 1.1-2.3; pág39). Essa criação não necessitou de uma matéria pré-existente, o que fica evidente pelo uso do verbo hebraico ‘barah’, criou, usado para referir-se apenas à atividade criadora de Deus. O contexto de Gênesis 1 exige determinantemente que se tratava de uma criação sem material preexistente.

2. O trabalho de Deus na criação do homem.
As Escrituras dizem que Deus Pai formou o homem do pó da terra, e soprou-lhe o fôlego da vida em suas narinas, tornando-o, assim, alma vivente (Gn 2.7). A Palavra mostra também que o Filho é o centro de todas as coisas criadas no céu e na terra, pois "tudo foi criado por ele e para ele (Cl 1.16). O Espírito Santo também atuou na formação do ser humano na grande obra da Criação (Jó 33.4). Logo, o Pai, o Filho e o Espírito Santo trabalharam na criação do ser humano.

- A Bíblia nos apresenta a triunidade de Deus, doutrina formulada por Agostinho de Hipona, que produziu uma obra seminal sobre este tema, um tratado conhecido por A Trindade, finalizada em 416 d.C., o que não quer dizer que, antes disso, não havia Trindade ou crença  como uma verdade bíblica. Já em Gênesis 1.26, vemos indícios dessa doutrina nas palavras Façamos nossa, como também no próprio nome de Deus - Elohim, a forma plural de El. E é nesse texto que achamos a evidência da Trindade trabalhando na criação do homem, ato divino que veio a ser o ponto ápice da criação, formado com o objetivo de governar a criação. A Segunda Pessoa da Trindade, Jesus, criou o universo material e espiritual para seu prazer e glória. Ele é antes de todas as coisas, portanto, ele deve ser eterno (Mq 5.2; Jo 1.1-2; 8.58; 1Jo 1.1; Ap 22.13), e é o sustentador de todas as coisas, mantendo o poder e o equilíbrio necessário para a existência e continuidade da vida (Hb 1.3). Também temos a Terceira Pessoa da Trindade agindo na formação do homem; Como já dito antes, o Pai e o Filho estavam presentes em todo o processo da criação dos céus e da terra, mas fica evidente que coube ao Espírito Santo produzir vida no homem (Gn 2.7). A vida como conhecemos foi insuflada nas narinas do homem inerte, a vida biológica que o Espírito Santo insuflou em Adão. “Deus Pai é o criador – aquele que trouxe a existência os céus e a terra pela sua infinita sabedoria e poder. Deus Filho é o coordenador – aquele que organizou todo o processo da criação; que pôs em ordem todas as coisas. E, finalmente, Deus Espírito Santo é o aperfeiçoador – aquele que concluiu e preserva toda a criação em ordem.” (BEREIANOS)

3. Deus continua a trabalhar.
Ao ser acusado de desrespeitar o sábado, nosso Senhor respondeu assim: "Meu Pai trabalha até agora, e eu trabalho também" (Jo 5.17). 0 Deus revelado nas Escrituras, o
Criador dos céus e da terra, trabalha em prol de sua criação (Sl 24.1; 65.9,10; 104.30; Is 64.4).

- O fato de que Deus trabalha sem cessar é ressaltado por Jesus no texto de João 5.17, e fica claro também que, pelo fato de Jesus trabalhar continuamente, ele deve ser Deus. Como já dito antes, Deus é Espírito e não necessita de um dia de descanso, pois nunca se cansa (Is 40.28). Como já explanado antes, Jesus como o sustentador de tudo o que existe, trabalha sem cessar. “Escrevendo aos Efésios Paulo afirma categoricamente que Deus "faz todas as coisas de acordo com o conselho da sua vontade"(Ef 1.11). Isto quer dizer que nada do que acontece neste mundo é à parte do cumprimento da vontade de Deus e sem que ele esteja envolvido. A palavra grega que é traduzida como "faz" é energeo ( de onde vem a palavra portuguesa energia, que é a comunicação de poder ou o fato de Deus trabalhar), que indica o fato de Deus energizar cada obra na qual ele participa. Sem a energia ou o poder divino, nenhum evento acontece e nenhuma obra é feita. A vontade de Deus opera de modo que em todas as coisas tem participação. Nenhum evento que acontece no mundo está fora da providência de Deus.” (MONERGISMO)

SÍNTESE DO TÓPICO I
A Bíblia mostra que Deus trabalhou na criação do universo, do homem e continua a trabalhar.

SUBSÍDIO DIDÁTICO-PEDAGÓGICO
Deus criou o universo e o homem. Ele o colocou para ser o mordomo da Terra. Um dos principais instrumentos para que o homem pudesse executar essa mordomia é o trabalho. Ao iniciar a aula de hoje, faça essa reflexão com a classe, a partir do seguinte texto: "[...] Deus criou os seres humanos para trabalhar. Considere os dois relatos da criação nos primeiros capítulos do Gênesis. Em Gênesis 1.26, lemos que Deus criou os seres humanos como macho e fêmea para 'dominarem' sobre toda a terra. Dois versículos mais adiante, Deus abençoou o primeiro casal humano e ordenou-lhe que 'sujeitasse' a terra e 'dominasse' sobre todos os seres vivos (o que, a propósito, não lhe deu licença para destruir o meio ambiente, assunto que abordarei mais tarde). O 'domínio, que só pode ser exercido pelo trabalho, é o propósito para o qual Deus criou os seres humanos (não o único propósito, mas um propósito)" (PALMER, Michael D. Panorama do Pensamento Cristão. Rio de Janeiro: CPAD, 2001, p.226).

II - A BÍBLIA E A MORDOMIA DO TRABALHO

1. O homem foi criado para o trabalho.
Quando Deus criou o homem, Ele estabeleceu que a atividade laborai fizesse parte de sua vida (Gn 2.5). No plano divino, o homem foi feito para trabalhar: "E tomou o Senhor Deus o homem e o pôs no jardim do Éden para o lavrar e o guardar" (Gn 2.8,15).


- O trabalho era parte importante e dignificante no que respeita à representação da imagem de Deus e serviço a Deus, mesmo antes da queda. A queda trouxe prejuízo para toda a criação; Após o pecado, a Terra foi amaldiçoada. (Gn 3.17) “e a natureza sofre junto com a humanidade, compartilhando assim as conseqüências da queda. As Escrituras descrevem esta maldição em três maneiras:
a) O sustento será obtido com fadiga v 17. Assim como a mulher terá seus filhos com dor, o homem haverá de comer o fruto da Terra por meio de trabalho penoso. Antes da queda, o trabalho de Adão no jardim era prazeroso e agradável, mas de agora em diante, seu trabalho, bem como o dos seus descendentes será seguido de cansaço e tribulação.
b) A Terra produzirá cardos e abrolhos v 18. O cultivo da terra seria mais difícil do que antes. Cardos e abrolhos aqui significam: plantas indesejáveis, desastres naturais, enchentes, insetos, secas e doenças. A natureza foi subvertida com o pecado do homem. (Rm 8:20-21).
c) No suor do rosto comerás v 19. O trabalho árduo se tornaria a porção do homem. A vida não seria fácil” (MONERGISMO)

2. O trabalho antes da Queda.
As duas primeiras atividades laborais do homem foram "lavrar" e "guardar" a terra. Ao lado de Adão, Eva foi a primeira trabalhadora. Nesse sentido, podemos deduzir que antes da Queda, o trabalho era agradável, sem desgaste físico e mental, nem doença e, principalmente, sem o perigo de morrer. Portanto, podemos afirmar que o trabalho estava no plano original da Criação, ou seja, ele não foi um acidente pós-queda.


Como já exposto no tópico I, o trabalho não começa conosco, mas em Deus; Gênesis inicia com o relato do trabalho do Criador (Gn 1.1) que continua criando e fazendo, até o ápice do ato criativo, o homem, e a mulher como sua adjutora e companheira, momento supremo do trabalho criativo da Trindade. E como fomos criados à imagem e semelhança de um Deus que trabalha, criados para sermos um reflexo de Deus para o mundo (Gn 1.28), dominá-lo, governá-lo, guardá-lo, cultivá-lo e fazê-lo crescer e florescer. O trabalho do homem não é qualquer trabalho, quando entendemos isso, nosso trabalho passa a refletir a própria natureza de Deus. Note, ainda, que Deus só “descansou” depois que delegou o trabalho a Adão, declarando ser Sua obra muito boa (Gn 1.27-2.3). “Naquele mundo incrível, o trabalho deles era tomar aquele jardim-casa-templo-local-de-trabalho e protegê-lo, cultivá-lo, fazê-lo florescer e crescer, até que o mundo inteiro, e não apenas aquele pequeno cantinho, tornasse um paraíso. Por que eles deveriam fazer aquilo? Porque eles foram criados à imagem de Deus. Assim como Deus criou, eles deveriam criar. Assim como Deus governou e tomou conta, eles deveriam governar e cuidar. Assim como Deus criou um mundo frutífero e florescente, eles deveriam proteger e promover esse florescimento e fecundidade. O trabalho do primeiro casal, como representantes de Deus, era pegar o que Deus tinha começado e levar adiante – para revelar a glória do Criador. O propósito do trabalho não era revelar quem eles eram ou poderiam se tornar através do que faziam. O objetivo era revelar, através do trabalho deles, quem Deus realmente é: criador, governador, protetor e provedor de todas as coisas. Tendo sido criados à imagem do Criador, o trabalho de Adão e Eva testificaria dele.” (A HISTÓRIA DE DEUS SOBRE O TRABALHO – CRIAÇÃO E QUEDA, Material traduzido e adaptado pelo Pr. Leandro B. Peixoto do curso Christians in the workplace. Disponível em: https://www.sibgoiania.org/sermon/historia-de-deus-sobre-o-trabalho-criacao-e-queda/. Acesso em: 27 Ago, 2019).
- Como já definido, Deus objetivou o “propósito original do trabalho humano era o avanço do florescimento humano para a glória de Deus. Nosso trabalho, em qualquer esfera que operemos – em casa, na igreja, no local de trabalho – é mostrar a bondade e a magnificência do caráter divino como portadores que somos da imagem de Deus. Fazemos isso enquanto cultivamos o jardim que nos foi confiado, para o florescimento dos seres humanos ao nosso redor, para o louvor da glória de Deus. Em outras palavras, o trabalho é, em primeiro lugar, adoração” (SIBGOIANIA)

3. O trabalho depois da Queda.
Infelizmente, após a ocorrência do pecado, tudo foi distorcido na vida do ser humano:

3.1. O medo e a maldição.
O ser humano passou a conhecer o medo (doenças nervosas, emocionais); perdeu a autoridade sobre os demais seres; e conheceu a maldição da terra.

- “Como, antes da queda, eles não tinham conhecimento do mal, até mesmo a nudez era destituída de vergonha e era inocente. Homem e mulher encontravam sua plena gratificação na alegria de sua união e no seu serviço a Deus. Sem nenhum princípio de mal operando no interior deles, a proposta para pecar tinha que vir de fora, como de fato aconteceu” (Bíblia de Estudo McArthur, SBB. Nota textual Gn 2.25, pág.20). A inocência registrada em Gn 2.25 foi substituída por culpa e vergonha (Gn 3 8-10). Agora, o homem estava com vergonha, medo, remorso, confusão e culpa, escondido de Deus, embora soubesse que não haveria tal lugar onde pudesse estar ausente do Criador (Sl 139.1-12).

3.2. A ecologia foi mudada.
As condições ambientais foram transtornadas (Rm 8.20) e, em consequência, o homem viu-se a trabalhar penosa e arduamente: "maldita é a terra por causa de ti; com dor comerás dela todos os dias da tua vida" (Gn 3.17). O que era leve, suave e agradável, por causa do pecado, tornou-se pesado, brutal e desagradável.

É interessante frisar aqui o motivo pelo qual a terra foi amaldiçoada bem como o homem, comentando o texto de Gn 3.8, a Bíblia de Estudo McArthur afirma: “A razão apresentada para a maldição da terra e a morte humana é que o homem desconsiderou a voz de Deus para juntar-se à sua mulher, comendo do fruto que Deus havia ordenado se abstivessem. A mulher pecou porque agiu independentemente do seu marido, desprezando a liderança, o conselho e a proteção dele. O homem pecou porque abandonou a sua liderança e cedeu aos desejos de sua esposa. Em ambos os casos, as funções tencionadas por Deus foram invertidas” (Bíblia de Estudo McArthur, SBB. Nota textual Gn 3.8, pág.22). O Criador amaldiçoou o objeto do trabalho do homem, mesmo que relutantemente, obter o seu alimento por meio do trabalho árduo e penoso.

3.3. O trabalho tornou-se desgastante.
Este versículo é o símbolo do desgaste do trabalho na Bíblia: "No suor do teu rosto, comerás o teu pão, até que te tornes à terra" (Gn 3.19). A expressão "no suor do teu rosto" pode remeter a ideia de trabalho mental e esforço físico. Quantas pessoas não se encontram mentalmente esgotadas e cansadas por causa de suas atividades profissionais?! Os consultórios médicos estão lotados de pessoas com estafa e estresse. Há textos na Bíblia que nos lembram de tal realidade: "Tenho visto o trabalho que Deus deu aos filhos dos homens, para com ele os afligir" (Ec 3.10). Jó também declarou: "Porque do pó não procede a aflição, nem da terra brota o trabalho. Mas o homem nasce para o trabalho, como as faíscas das brasas se levantam para voar" (Jó 5.6,7).


- “... por causa da Queda, três coisas acontecem com o trabalho de Adão e Eva e também com o nosso:
Primeiro, o trabalho tornou-se penoso: “Com o suor do rosto você obterá alimento, até que volte à terra da qual foi formado” (Gn 3.19). Isso é tão básico para a nossa experiência com o trabalho que é difícil imaginar como o trabalho deve ter sido antes da Queda. Afinal, até mesmo um trabalho que amamos tem pelo menos algum aspecto que é cansativo, tedioso e mesmo doloroso. Sabemos o que precisa ser feito, mas não temos a capacidade ou os recursos para fazê-lo, como se houvesse alguma conspiração para tornar penoso o nosso trabalho. De fato, há uma conspiração. No mundo caído, o trabalho é penoso.
Segundo, o trabalho tornou-se insignificante. Mesmo que Adão trabalhe penosamente no solo, durante toda a sua vida, o solo amaldiçoado sob seus pés “produzirá espinhos e ervas daninhas, mas você comerá de seus frutos e grãos” (Gn 3.18). Percebeu? Por mais que se trabalhe duro, por vezes, o que se experimenta é futilidade; inutilidade; insignificância. Por causa da Queda, aspirações vão constantemente ser vencidas pela realidade, e por mais duro que se tente, a realidade nunca vai mudar. Dentro do Jardim, o resultado do trabalho foi a expansão da utopia. Fora do Jardim, nosso trabalho nunca produz utopia; nem mesmo chega perto. A terra foi amaldiçoada. O que descobrimos são esses dois aspectos do trabalho em um mundo caído – penoso e insignificante – colidindo frontalmente com as aspirações do mundo moderno. Como Timothy Keller observou, “nossa geração insiste que o trabalho seja satisfatório e frutífero, que se encaixe perfeitamente com nossos talentos e nossos sonhos, e que ‘faça algo incrível para o mundo’, como um executivo do Google descreveu a missão da empresa”. Parece bom. O problema é que esse não é o mundo em que vivemos.” (A HISTÓRIA DE DEUS SOBRE O TRABALHO – CRIAÇÃO E QUEDA, Material traduzido e adaptado pelo Pr. Leandro B. Peixoto do curso Christians in the workplace. Disponível em: https://www.sibgoiania.org/sermon/historia-de-deus-sobre-o-trabalho-criacao-e-queda/. Acesso em: 27 Ago, 2019).

SÍNTESE DO TÓPICO II
A Bíblia mostra o homem e sua vocação para o trabalho antes e depois da Queda.

SUBSÍDIO TEOLÓGICO
"Se Deus criou as pessoas para trabalhar e se Deus as dota de dons para realizar as várias tarefas, segue-se então duas consequências importantes. Primeiro, o trabalho não meramente um meio para alcançar um fim. Não é apenas uma tarefa a ser suportada em consideração ao atendimento de necessidades e à satisfação de desejos. Se você recorda nossa definição de trabalho, saberá que trabalho sempre será um instrumento, sempre será um meio. Contudo, isto não é tudo o que o trabalho é e não é o que o melhor trabalho é. Pelo fato de o trabalho ser essencial para a nossa humanidade, trabalhar também tem um valor intrínseco.

Segundo, todos os tipos de trabalho têm dignidade igual. O trabalho religioso (como pregar ou ensinar num seminário) não é melhor que o trabalho secular (como assar pão ou construir pontes); ambos são igualmente bons se forem feitos em resposta ao dom e chamada do Espirito de Deus" (PALMER, Michael D. Panorama do Pensamento Cristão. Rio de Janeiro: CPAD, 2001, pp.228-29).


III - PRINCÍPIOS CRISTÃOS PARA O TRABALHO

1. O homem deve trabalhar "som o suor de seu rosto".
É a ideia do próprio esforço. Não há trabalho sem esforço. Embora tenha se tornado mais pesado com a presença do pecado, o esforço e o comprometimento no trabalho são uma característica de disciplina e método diante da vida. O princípio bíblico é este: o homem comerá a partir do seu esforço (Gn 3.19).


- “Com o suor do rosto você obterá alimento, até que volte à terra da qual foi formado. Pois você foi feito do pó, e ao pó voltará” (Gn 3.19). No Éden, o trabalho desenvolvido pelo primeiro casal não era para comer, tudo o que eles precisavam já havia sido providenciado pelo Criador. Mas agora há uma urgência, uma compulsão, uma ordem para trabalhar. Como Paulo disse: “Quem não quiser trabalhar não deve comer” (2Ts 3.10). É importante dizer que o trabalho tenha se tornado ruim ou seja uma espécie de punição pelo pecado; mas, num mundo caído, o trabalho penoso e insignificante é também implacável. Gostemos ou não, devemos trabalhar. Nós não podemos escapar dele, exceto na morte.  O tema específico relacionado a trabalhar diligentemente para ganhar o próprio sustento é exemplificado pelo apóstolo Paulo quando escreve aos crentes de Tessalônica e exorta que “Quem não quiser trabalhar não deve comer” (2 Ts 3.10). Embora Paulo tivesse "autoridade" como apóstolo para receber apoio financeiro, ele escolheu, pelo contrário, ganhar seu próprio sustento a fim de estabelecer um exemplo.

2. O trabalho deve ser diuturno.
A Palavra de Deus revela que o tempo do trabalho vai até à tarde (Sl 104.23), ou noite e dia (2 Ts 3.9). Eis a perspectiva bíblica central do trabalho: "Pois comerás do trabalho das tuas mãos, feliz serás, e te irá bem" (Sl 128.2).

No Salmo 104.23 temos, na verdade, um contraste entre o período de trabalho dos predadores (de noite) e o tempo de trabalho dos seres humanos (de dia), não é um apontamento para o trabalho diuturno. No Salmo 128.2, 128.2-3 Quatro bênçãos são relatadas: 1) provisão, 2) prosperidade, 3) fertilidade do cônjuge, e 4) descendência numerosa. Note que a crise no trabalho conseqüência da mudança do ‘status’ espiritual, é fruto de uma mudança em nós, os trabalhadores. Em um mundo caído, os trabalhadores caídos não usam mais seu trabalho para adorar a Deus, em vez disso, colocam-se ídolos.

3. Não ser pesado a ninguém.
Outro princípio é o exposto por Paulo aos Tessalonicenses: "nem, de graça, comemos o pão de homem algum, mas com trabalho e fadiga, trabalhando noite e dia, para não sermos pesados a nenhum de vós" (2 Ts 3.8). Não sejamos aproveitadores da bondade alheia.


No texto utilizado aqui (2Ts 3.8) é interessante notar que no versículo anterior, Paulo invocou aqueles crentes a imitá-lo (1Ts 1.6) porque ele imitava o exemplo de Cristo (cf. 1 Co 4.16; 11.1; Ef 5.1). Nesse ínterim, Cristo como co-autor da criação e sustentador de tudo o que há, trabalha até agora (Jo 5.17). Paulo, como ministro do Evangelho, era digno de ser sustentado pela igrejas por ele fundadas, como de fato algumas delas o fizeram, mas ele, na maior parte do tempo proveu o seu próprio sustento. Ele explicou isso em 2Ts 3.7-9, ode diz que não pediu qualquer contribuição financeira, ao contrário, sobrevivia com o que ganhava e com o que a igreja de Filipos havia enviado (Fp 4.16).

4. O preguiçoso não deveria comer.
Parece um discurso duro, mas há pessoas que não gostam de trabalhar, e querem ter um padrão de vida como se estivessem trabalhando. A Bíblia é muito clara a esse respeito: "Porque, quando ainda estávamos convosco, vos mandamos isto: que, se alguém não quiser trabalhar, não coma também" (2 Ts 3.10). Nada é fácil. Há um custo para o nosso sustento. Ora, a Bíblia condena expressamente a preguiça (Pv 6.6,9; 13.4; 19.24).

- “A primeira lei de Newton diz que um objeto em movimento tende a permanecer em movimento, e um objeto parado tende a permanecer parado. Essa lei também se aplica a pessoas. Enquanto algumas pessoas são naturalmente motivadas para completar projetos, outras pessoas são apáticas, precisando de motivação para combater até mesmo a inércia! Preguiça, um estilo de vida para alguns, é uma tentação para todos. A Bíblia, no entanto, é clara que, porque o Senhor, que é um Deus que trabalha, foi quem ordenou trabalho para o homem, preguiça é um pecado. “Vai ter com a formiga, ó preguiçoso; olha para os seus caminhos, e sê sábio” (Provérbios 6:6). A Bíblia tem muito a dizer sobre a preguiça. O livro de Provérbios é cheio de sabedoria e advertências contra a preguiça. Ele diz que o preguiçoso odeia trabalho: “O desejo do preguiçoso o mata, porque as suas mãos recusam trabalhar” (21:25); ele adora dormir: “Como a porta gira nos seus gonzos, assim o preguiçoso na sua cama” (26:14); ele dá desculpas: “Diz o preguiçoso: Um leão está no caminho; um leão está nas ruas” (26:13); ele desperdiça tempo e energia: “O que é negligente na sua obra é também irmão do desperdiçador” (18:9); ele acredita que é sábio, mas é um tolo: “Mais sábio é o preguiçoso a seus próprios olhos do que sete homens que respondem bem” (26:16).” ("O que a Bíblia diz sobre a preguiça?" Disponível em:https://www.gotquestions.org/Portugues/preguica-Biblia.html. Acesso em 27 Ago, 2019).

5. A relação de empregados e empregadores.
Nas relações de trabalho, os cristãos devem manifestar os valores da Palavra de Deus.

5.1. Os Patrões cristãos.
Há orientação e mandamento de Deus para os patrões: "E vós, senhores, fazei o mesmo para com eles, deixando as ameaças, sabendo também que o Senhor deles e vosso está no céu e que para com ele não há acepção de pessoas" (Ef 6.9). Os patrões cristãos têm o dever de zelar pelos direitos trabalhistas de seus empregados, sob pena de serem condenados por Deus (Tg 5.4-6).

- Não é de mais relembrar que é dever de todo crente respeitar e honrar mutuamente, patrões e empregados, com base na obediência comum ao Senhor, deixando as ameaças. O patrão cheio do Espírito usa a sua autoridade e o sou poder com justiça e graça, nunca ameaçando as pessoas, nem abusando delas ou desconsiderando-as. Ele reconhece que tem um Senhor celestial o qual é imparcial e um dia haverá a prestação de contas(At 10.34; Rm 2.11;Tg 2.9).

5.2. Empregados cristãos.
Há também orientação e mandamento para os empregados: "Vós, servos, obedecei a vosso senhor segundo a carne, com temor e tremor, na sinceridade de vosso coração, como a Cristo, não servindo à vista, como para agradar aos homens, mas como servos de Cristo, fazendo de coração a vontade de Deus; servindo de boa vontade como ao Senhor e não como aos homens, sabendo que cada um receberá do Senhor todo o bem que fizer, seja servo, seja livre" (Ef 6.5-8). Os empregados cristãos não devem fugir ao seu compromisso de trabalho; antes, devem executá-lo como se fosse ao Senhor.

- É interessante notar que Paulo está se dirigindo a crentes que estavam na condição de escravos que, na cultura helênica como na romana, não tinham direitos legais e eram tratados como mercadorias, abusados e raramente eram bem tratados. No entanto, a admoestação de Paulo aplica-se igualmente bem a todos os empregados, os quais devem manter uma submissão contínua e ininterrupta ao seu patrão, com temor e tremor, não é medo, mas respeito à autoridade deles. Mesmo que um patrão não mereça respeito por direito (veja 1 Pe 2.18), este deve, contudo, ser dado a ele com sinceridade genuína, como se a pessoa estivesse servindo ao próprio Cristo. Servir bem ao patrão é servir bem a Cristo (Cl 3.23-24). Paulo deixa apenas uma única exceção: quando envolva uma clara desobediência à Palavra de Deus, como ilustrada em At 4.19-20.

5.3. Não se submeta ao trabalho vil.
O trabalho escravo, a exploração laborai infantil, bem como "ofícios" oriundos do vício, do crime e da prostituição são abominações aos olhos do Criador de todas as coisas. Não podemos contrariar as leis divinas e humanas que zelam pela dignidade do trabalho. Trabalhemos honestamente, para que o nome do Senhor seja exaltado.

- Devemos ser aplicados em tudo o que fazemos (Ec 9.10). Trabalhamos para a máxima glória de Deus, então, há certos tipos de trabalho que não devem ser exercidos por cristãos. Como explicitado no tópico anterior, Paulo deixa uma exceção no serviço prestado por crentes, quando envolva uma clara desobediência à Palavra de Deus. Deus. Temos a obrigação de sermos obedientes às autoridades governamentais (Rm 13.1-7; 1Pe 2.13-17), mas quando decretos governamentais são claramente contrários à palavra de Deus, Deus deve ser obedecido (Êx 1.15-17; Dn 6:4-10).

SÍNTESE DO TÓPICO III
Dentre dos muitos princípios cristãos para o trabalho, destacamos: o trabalho deve ser do suor do rosto, diuturno, patrões e empregados devem observar a ética do Reino de Deus.

SUBSÍDIO TEOLÓGICO
"Primeiramente, o propósito do trabalho é atender as necessidades da vida. De acordo com o apóstolo Paulo, os cristãos devem trabalhar com sossego e comer o seu próprio pão (2 Ts 3.12); devem trabalhar para que não necessitem de coisa alguma (1 Ts 4.12b). Como Karl Barth afirmou, o primeiro item em questão em todas as áreas do trabalho humano é a necessidade dos seres humanos 'ganharem o pão cotidiano e um pouco mais'.


A necessidade de trabalhar para prover as necessidades da vida acha-se por trás do dever de trabalhar. Para Paulo, este dever é de importância primária, tanto que fazia parte da instrução original que Paulo deu aos tessalonicenses quando pela primeira vez os evangelizou: 'Quando ainda estávamos convosco, vos mandamos isto: que, se alguém não quiser trabalhar, não coma também' (2 Ts 3.10). (...) Além disso, não temos nenhuma razão para pensar que os tessalonicenses eram exceção a este respeito. Outras igrejas paulinas receberam instrução semelhante. Pois isto fazia parte do ensino ou 'tradição' (2 Ts 3.6) sobre o estilo de vida cristão" (PALMER, Michael D. Panorama do Pensamento Cristão. Rio de Janeiro: CPAD, 2001, p.229).

CONCLUSÃO
Nos seis primeiros dias da criação, o Criador executou sua obra com poder sobrenatural, a partir de sua palavra. Ao expressar a sua vontade, tudo passou a existir. Assim, Ele criou o homem pelo seu poder. E o criou para "lavrar e guardar" a Terra. É dessa perspectiva que devemos exercer a nossa mordomia no trabalho, glorificando a Deus e abençoando o próximo.

- Muitas vezes temos ouvido dizer que o trabalho iniciou com a queda e vai perdurar até que Jesus volte, no entanto, não passa de falácia e acaba por trazer uma ideia negativa do trabalho. De fato, a origem do trabalho, para o homem, se deu no Éden, muito antes da queda, e continuará no novo céu e na nova terra. Nosso Deus trabalha e nós, como a sua imagem, temos a missão de refleti-la nesse mundo tenebroso, trabalhando como Ele, e para a sua máxima glória. Como diz Paulo em 1 Co 10.31, “Portanto, quer comais quer bebais, ou façais, qualquer outra coisa, fazei tudo para glória de Deus”.

PARA REFLETIR
A respeito de "A Mordomia do Trabalho", responda:

1) O que o início da história de salvação revela na Bíblia?
A Bíblia inicia a história de salvação revelando o trabalho de Deus de criação do universo.

2) O que nosso Senhor respondeu ao ser acusado de desrespeitar o sábado?
Ao ser acusado de desrespeitar o sábado, nosso Senhor respondeu assim: "Meu Pai trabalha até agora, e eu trabalho também" (Jo 5.17).

3) Quais foram as duas primeiras atividades laborais do homem?
As duas primeiras atividades laborais do homem foram "lavrar" e "guardar" a terra.

4) Qual o princípio exposto pelo apóstolo Paulo aos tessalonicenses?
Outro princípio é o exposto por Paulo aos Tessalonicenses: "nem, de graça, comemos o pão de homem algum, mas com trabalho e fadiga, trabalhando noite e dia, para não sermos pesados a nenhum de vós" (2 Ts 3.8).

5) Qual o dever dos patrões e dos empregados cristãos?
Os patrões cristãos têm o dever de zelar pelos direitos trabalhistas de seus empregados, sob pena de serem condenados por Deus (Tg 5.4-6).










COMMENTS

BLOGGER: 1

Sobre o Autor:
Ev. Hubner BrazÉ escritor, professor e blogueiro. Formado Bacharel em Teologia pela FATESP, graduando em Mecânica pela FATEC. Criador do projeto Pecador Confesso e tem se destacado em palestras para jovens, casais, obreiros e missões urbanas.

Doações Missionárias Aqui!!


Nome

#desafio42dias,2,1° Trimestre de 2020,2,10 Coisas,14,1º Trimestre,2,1º Trimestre 2018,1,2º Trimestre,2,36 Dias De Pureza Sexual,37,3º Trimestre,24,4° TRIMESTRE 2018,1,4º TRIMESTRE,9,A Raça Humana,1,Abuso Sexual,4,AD em BH,2,Adolescente,1,Adoração,3,Adulto,49,Agostinho,1,Air,1,Ajuda do Alto,2,Ajudando Vítimas das Chuvas,1,ajudar,1,alegria,1,Aline Barros,1,Alisson,1,Alma,2,Amar,14,Amasiado,1,Amém,1,Amigo,6,Amizade,12,Amnon e Tamar,2,Amor,44,Amor de irmãos,4,Amor Perdido,8,Amor Proibido,9,amostra grátis,1,Ana,3,Ananias,1,Andreza Urach,1,Anfetamina,1,Angelologia,1,Anjo de Luz,2,Anjos,2,Anonimo,1,Anrão,1,Antigo Testamento,1,Ao Vivo,1,Apaixonado,1,Aplicativo,1,Apocalipse,5,Apologia,3,Apostasia,1,Apostolo,3,apóstolo Paulo,5,App,1,Apple Store,1,apreço imenso,1,Arrebatamento,3,Arrependimento,1,Artesão,1,As 95 Teses,1,As Bases do Casamento Cristão,2,Assalto,1,Assassinato,2,Assedio,1,Assembleia de Deus,4,Assista,1,Assista ao trailer oficial do projeto divulgado pela Hillsong.,1,Assustar,1,Astecas,1,Atacante,1,Ataque,1,Ateísmo,2,Atentado,1,Ateu,3,Atitude,1,Atitute,1,Atos,2,atriz,1,Auto Escola,1,autoajuda,2,Avareza do Amor,1,Avenida Brasil,1,Aviso da Anatel foi publicado no Diário Oficial da União nesta sexta. Mudança começa no dia 29 de julho; haverá um período de adaptação. App's para iphone.,1,Avó,1,bailarina,1,Balada Gospel,1,Balzac,1,Bangu,1,Barack Obama,2,Base Bíblica,1,Batalha Espirítual,4,Batismo,3,Batista,1,Batom Vermelho,1,BBB,1,Beijo na Bíblia,1,Beijo Perfeito,3,Benhour Lopes,1,best-seller,4,BETEL,7,Bíblia,15,Bíblia Diz,1,Bíblias,1,Bíblica,25,biblicas,1,Bienal do Livro,1,Bigamia,1,Bilhete,1,Biografia,1,Bispa,1,BléiaCamp,1,BLOG,5,BlogNovela,9,Boaz,1,Bob Marley,1,Boletim,2,Bolsonaro,1,bom-humor,6,Bombom,1,Bons Sonhos,1,Borboleta,1,Brasil,1,Brasília,1,Brenda Danese,1,Brennan Manning,1,Briga,1,Brincadeira,1,Busca,1,Café da Manhã,1,Calendário,1,Caminhoneiro,1,Camisa,1,Camisetaria,1,Camisetas,1,Campanha,10,canal,1,Canção,1,cançasso,1,Cancêr,1,Candidato,2,Cansei,1,canseira,1,Cantada,3,Cantor,2,Cantora Jayane,1,Cantores,3,capa,1,Carência,4,Carismático,1,Carne,1,carreira,1,Carta de Amor,14,Cartas,1,Cartaz,3,Casa,1,Casa Branca,1,Casamento,9,Catarina Migliorini,1,CD,1,CDHM,1,Cesto,1,CGADB,2,Chamada,1,Champions League,1,Charges,8,Cheios,1,Chuva,1,Cinco,1,Cinco momentos mais felizes da minha vida - Série Confissões,1,Ciro Sanches Zibordi,3,Ciúme,1,Cláudia,1,Clipe Oficial HD,2,Cocaína,1,com Pedro Bial,1,Comer,1,Comer Rezar Amar,1,comigo,1,como instalar e usar,2,Compartilhe,2,Completo,2,Comportamento,1,Compreender,1,Comunidade Cidade de Refúgio,1,Concubinas,1,Concurso Cultural,2,Confecção,1,Conferência,2,Confession,1,Confissões,91,Confrito,3,Congresso,10,Conhecer,2,Conhecereis a verdade,1,Conhecimento,1,Conselhos,8,Contra Mão do Mundo.,1,Conversão,3,Copa America,1,Copimismo,1,Coreografia,1,Cortinas,1,CPAD,95,Crack,1,Cracolândia,3,crescimento,2,Cristão,12,Cristianismo,1,Cristo,1,Cronograma da Bíblia,2,Ctrl C + Ctrl V,1,Cuidado,1,Cuide do Coração,4,Culto,2,Culto da Virada de Ano Novo,1,Culto dos Príncipes e das Princesas são destaque no Fantástico,1,Cura,1,Dalila,1,Dança,1,Daniel Berg,1,Daniela Mercury,1,Danilo Gentili,1,Dave Hunt,1,Davi,3,Davi e Bate-Seba,2,Davi e Jônatas,1,Davi e Mical,3,de apenas três anos pode ser transferida para SP,1,debate,1,Decisão,1,declaração,5,Degeneração,1,Delírios,1,demissão,1,demônio,1,Denominação,1,Denúncias,5,Deputado Federal,1,Desabamento,1,Desafio,8,Desafio Insano,2,Desapaixonar,3,Descobertas,1,Desculpas,1,Desejo,1,Despedida,1,Deus,22,Deus está Morto,1,Deus Negro,1,Deus quer te usar,1,Devaneios,3,Devocional,57,Dez passos,6,Dia dos Namorados,11,Dia dos Pais,2,Diabo,1,Diante do Trono; Lagoinha Solidária,1,Diário,1,Dicas,1,Diferente,1,Dilma,1,Dilma fala Contra o Aborto,1,Dinheiro,4,Discernimento,1,Discipulado,1,Discipulos,1,Discípulos,1,discussão,1,Distância,1,Divino,1,divórcio,1,Dízimos,2,Doação,1,Doação de Bebê,1,Doença,3,doença física,1,Dom,1,Domingo Espetacular,1,Dominical,29,Dons de Curas,1,Dons de Maravilhas,1,Dores,1,Download,7,Download Livros e E-books,60,Doze,1,Drogas,2,Drogas Alucinógenas,2,Drogas Estimulantes,1,e usa nos Smartphones,1,E-Book,6,EBD,97,Ecumenismo,1,Edir Macedo,2,Editar Foto,1,Elcana,3,Eleição,5,Elizabeth Gilbert,1,Ellan Miranda,6,Elogios,1,Email,2,empresa,1,Empresa.,1,Enchente,1,Encontro,7,Eneias,1,Enquete,1,Ensaio Sensual,1,Ensinos,1,entender Deus,3,Entrevista,4,Epístolas,1,Esboço Pregação,1,Escatologia,2,Escola,32,Escola Bíblica Dominical,178,Escolha,4,Escritor,1,Espaço,2,esperança,1,esperança. razão,1,Espinhas no rosto,1,espinho na carne,1,Espírito,1,Espírito Santo,7,Espiritual,3,Estado de São Paulo,1,Estevão,1,Estrangeiro,1,Estranho,1,Estratagema de Deus,1,Estudo Bíblico,16,Estudos Bíblicos,159,Estupro,1,Eternidade,1,Eu ainda te amo,1,evangelho,3,EVANGÉLICA,4,Evangélicos,1,Evangelismo,2,Evento,2,ex-atriz pornô,2,Ex-BBB,1,executado,1,exílio,2,Experiência de vida,25,Exupéry,1,Facada,1,Face de Deus,1,Facebook,1,fala,1,Falecimento,1,Falsos,1,familia,4,Fat Family,1,Fazer,1,Fazer Ligação Gratuita com o App Viber é bem melhor que o Skyper,1,Fé,2,Felipe,1,Férias,2,Ferramentas para Blogger/Twitter/Facebook,8,Festa Junina,1,Festividade,1,Fiel,1,Filho de Deus,1,Filho do Homem,1,Filho Pródigo,2,Filhos,1,Filisteu,1,Filme,3,Filmes,1,Fim de Relacionamento,2,Fim do Mundo,4,Fina Estampa,1,Final,1,Finanças,2,Firme,1,firmeza,1,Firmino,1,Fletar,1,François Mauriac,1,Frase,5,Frases Sobre Amor,2,Frases Sobre Deus.,1,Fúnebre,1,funk,1,gadareno,1,Galaxy,1,Galileu,1,Ganhe Um Livro,1,Gay,8,genro,1,Geração,1,Gestos,1,Gideões,12,Gideões Missionários da Última Hora,9,Gilberto Carvalho,1,GLBS,2,Globo,1,Glória,1,GMUH,9,Goleiro,1,Golpe,1,Gômer,1,Gospel,6,Governo,4,Grátis,1,Greve,1,grevista,1,grupos religiosos,1,Guardar,1,Guarde o Coração,2,guerra,1,Halloween,1,Haxixe,1,Hedonismo,1,Heresia,3,Historia Real,1,Holocausto,1,Homenagem,1,Homens,1,Homofobia,14,homosexualismo,10,Homossexual,8,Hóquei no Gelo,1,Hora,1,Hubner Braz,23,Humanas,1,Humor,9,I.E.Q,1,I.M.P.D.,1,idioma,1,Igreja,4,Igreja Assembleia de Deus dos Últimos Dias,1,Igreja Bola de Neve,1,Igreja Local,1,Igreja Mundial do Poder de Deus,3,Igreja Universal Do Reino de Deus,3,Ilha de Patmos,1,Imoral,1,Impressora,1,Incas.,1,Infantil,1,Inferno,2,inglês,1,Inicio,1,injustiça,1,Insegurança,1,Instituição,1,Internação,1,Internacional,1,intertestamentários,1,Intimidade,2,iPad,1,iPhone,1,Irmã Zuleide,1,Islâmismo,1,Israel,2,IURD,2,Jair Bolsonaro,1,Jair Messias Bolsonaro,1,Jeito,1,Jerusalém,1,Jesuíta,1,Jesus,6,Jesus Cristo,4,Jesus de Nazaré,1,João,2,João Batista. Ossada,1,John Piper,1,Joquebede,1,Jornal da Record,1,José,2,Josh McDowell,1,Jotta A,1,Jotta A lança 1º CD em culto evangélico,1,Jovem,97,Jovens,37,Judá e Tamar,1,Julio de Sorocaba,1,Julio Severo,1,Juniores,1,Justiça,1,Katy Perry,1,Kelly Medeiros,1,Kenneth E. Hagin,1,Kopimism,1,Lançamento,1,Lanna Holder,2,Layssa Kelly,1,Lázaro,1,Léia e Jacó,1,Leilão,2,Leis,1,Leitora,1,Leitura,2,LeNovo,1,Ler a Bíblia em 42 dias,1,Lésbica,1,leva Mr Catra e Sarah Sheeva para falar sobre infidelidade: “Para Deus pode tudo”. Assista ao vídeo,1,Levítico,1,Libertinagem,1,Lição,14,Lições Bíblicas,3,Lições Bíblicas da BETEL,180,Lições Bíblicas da CPAD,392,Lições de Vida,26,Líder,1,Líder Adolescente,20,Líder Jovem,21,Liderança,1,Lídia,1,Lino,1,Lista,1,Litoral,1,Liverpool,1,Livre Arbítrio,2,Livres,1,Livros - Comentarios,78,Livros Evangelicos,37,Logos,1,Loide,1,Loira,1,Louco,1,Louvor,9,LSD,1,Lua Nova,1,Lucas,1,Lucifer,1,Lutas Marciais Mistas,1,Luto,4,Luz do mundo,1,Lya Luft,1,MacBook Air,1,Maçonaria,1,Maconha,1,Madame de Stael,1,Mãe de Moises,1,‪Magia,1,Maias,1,Manancial,1,Mandamento,1,Manifestação,2,Mãos,1,Maquiagem,2,Marcas,1,Marcha Para Jesus,2,Marco Pereira,1,Marcos Pereira,1,Mardoqueu,1,Maria Madalena,1,Mário Quintana,2,Martinho Lutero,1,Mártir,1,Mártires Cristãos,2,Massacre,1,Masturbação,6,Matrimonio,2,maturidade cristã,7,Max Lucado,2,Meditação,1,Mega Sena da Virada com Fé,1,Melhor Bíblia de Estudo,3,Melhores Blogs,1,Melhores Sites,1,Meninos de Rua,1,Mensagem,3,MENSAGENS,2,Mensagens para SMS,12,Mensagens SMS,2,Mensal,2,Meteoro,1,Metusalém,1,Michelle Bolsonaro,1,Milagres,2,Millôr Fernandes,1,Milton,1,Minas,1,Ministério Público Federal,1,Miriã,1,Misericórdia,1,Missão,3,Missões,4,Mitologia,1,MMA,1,Mobilização,2,Moisés,1,Monarquia,2,Monte,1,Monte Tabor,1,Moralismo,1,Mordomia,8,Mordomo,1,morte,4,Motivos,1,Mulçumano,1,Mulher de Potifar,1,Mulheres,2,multiplicação,1,Musica,8,Nacional,1,Namorado,9,Namorar,22,Namoro,46,Não Prometeu,1,Nascimento,1,Negar,1,Neimar de Barros,5,nem Cristo a Derrotaria,1,Neopentecostal,1,NetFlix,1,Nigéria,1,No Fundo Do Poço,1,Noruega,1,Nota,1,Notícia gospel,15,Notícias Gospel,153,Nova,1,Novas Lições,1,Novela,2,Novo,2,Nuvem,1,NX Zero,1,O beijo de Vancouver,1,O Bom Samaritano,1,O Bom Travesti,1,O que é visível e apenas o avesso da Realidade,1,Obede-Edom,1,Obras,2,Odio,1,Ofertas,2,Oficial,1,Olhar,1,Onde Estiver,1,ônibus,1,Online,1,Opinião,1,Opinião dos Outros,2,Oração,11,Orar,1,Orfanato,1,Origem,2,Os Melhores Livros,19,Oséias,1,Oséias e Gomer,1,Outra Chance,3,Pai,1,Paixão,3,Palavra,1,Pânico,1,pão,1,Papa,1,Papa Francisco I,1,Papo,1,Paquera,1,Paradoxo,1,Paródia Gospel,2,Paródia Gospel da música Kuduro com Jonathan Nemer #RiLitros,1,Participe,1,Partido Trabalhista PT,1,Páscoa,1,Pastor,7,Pastor Presidente da Igreja do Evangelho Quadrangular,1,Pastor que cheirou a Bíblia como droga diz que essa foi a menor loucura que já fez por ela: “Eu já comi a minha Bíblia”. Assista ao vídeo,1,Pastora,1,Pastores,1,Patrick Greene,1,Pb. Renan Pierini,1,PDF,1,Pecado,13,Pecador Confesso,10,Pedofilia,2,Pedofilo,1,Pedras,1,Pedro,2,peixe,1,Pensamento,3,Pentecostal,1,Perda,3,Perdão,4,Perigos,1,Perlla,1,Permanecer,1,Permitir,1,Perseguição Religiosa,2,Personalizadas,1,Personalizar Foto,1,Pesquisa,2,Philip Yancey,8,Piada,1,Piercing,2,Pinguins,1,pintar unhas,1,Pira,1,Pirataria,1,Planeta Terra,2,Play Back,1,playboy,1,Poder,1,Poema,3,Poesia,3,Polêmica,4,Poligamia,2,Politica,1,Política,1,Pop Gospel,1,pornô,1,Porque caímos sempre nos mesmos pecados?,3,Posse,1,Posto,1,Pr Napoleão Falcão,1,Pr. Alexandre Marinho,1,Pr. Caio Fábio,2,Pr. Carvalho Junior,1,Pr. Ciro Sanches Zibordi,3,Pr. Claudionor de Andrade,1,Pr. Jaime Rosa,1,Pr. Jeremias Albuquerque Rocha,1,Pr. Marcelo Cintra,5,Pr. Marco Feliciano,8,Pr. Mário de Oliveira,1,Pr. Silas Malafaia,12,Pr. Yossef Akiva,1,Praia,1,Praticar,1,Preço,1,Predestinação,1,PrefiroBeijarABíblia,1,Pregação,10,Pregadores,1,Premier,1,Preocupar,1,presidente,4,Presídio,1,previdência,1,primeiro,1,Primeiro Amor,18,Primeiro Beijo,5,Primícias,1,Princípios,1,Prioridades,2,Prisão,1,Prisioneiro da Paixão,4,privada,1,Problemas,1,Profecia,3,Profeta,2,Profeta Jeremias,1,Profética,1,Profético,1,Programa Na Moral,1,Programa Superpop,1,Projeto Cura Gay,2,Promoção,4,Promoção Blogosfera Apaixonada,2,Propósito,2,Prosperidade,1,Prostituta,2,Protesto,1,PSDB,1,Pv 4.23,1,Queda,1,Quem Sou?,1,Querer,2,Racismo,1,Rainha de Sabá,3,Rainha Ester,1,Raquel,2,Rebeldia,1,Receber,1,Reconciliação,1,Recuperação,1,Rede Globo,2,Rede Insana,1,Redenção,1,reflexão,21,Regininha,1,Rei,1,Rei Xerxes,1,Reino de Deus,1,Rejeição,1,Relacionamento,18,Relatos,5,Relógio da Oração,3,Renato Aragão esclarece polêmica sobre seu próximo filme sobre o “segundo filho de Deus” que gerou polêmica nas redes sociais.,1,Renuncia,1,Renúncia,1,Reportagem,2,Resenha,72,Reservado,2,Resplandecer,1,Responde,1,Resposta,1,resposta bíblica,1,Ressurreição,2,Restauracionismo,1,Resumo,6,Rev. Augustus Nicodemus,1,Revista,24,Rezar e Amar,1,Riscos,1,Rock Gospel,1,Rodolfo Abrantes,1,Rubem Alves,1,Rute,1,Sá de Barros,3,Sábado,1,Sacerdócio,1,Sacerdotal,1,Sacrifício,2,Safira,1,Salomão,9,Salvação,7,Samuel,3,Samuel Mariano,1,Sangue no Nariz,1,Sansão,2,Santa Ceia,1,Sarah Sheva,1,Saudades,3,Saul,2,Saulo,1,Secrets by OneRepublic,1,Segredo,1,Segundos,1,Seja um empreendedor Polishop e ganhe dinheiro sem sair de casa,1,Seleção Brasileira,1,Sem Garantia,1,Seminário,1,Senhor,1,Sentido da Vida,4,Sentimentos,2,Separação,2,será que é pago?,2,Serenata de Amor,1,Série Dicas de Como Liderar,19,Série Mensagem Subliminar,1,Série Versículos Mal Interpretados,5,Sermão,1,Sex,1,Sexo,5,Sexual,2,Sidney Sinai,1,Significados,1,Silas Malafaia,4,Silk,1,Silk Digital,1,Símbolos,1,Sistema,1,Slide PC,2,Slider,464,slides,2,Smartphone começa a ser vendido por operadoras nesta quarta-feira (6). Galaxy S3 é o principal rival do iPhone 4S. Compare os dois modelos,1,SMS Gratuito com WhatsApp para seu Smartphone,1,Sofrimento,1,Sogra,1,Solidão,2,Solidariedade,1,Solução,1,Sonhos,1,Sonhos de Valsa,1,Sorrir,3,Sorteio,1,Subjugação,1,Sublimação,1,Submissão,1,Subsídio,18,Sujeição,1,Sulamita,5,suprema,1,Surface Pro 2,1,Tabernáculo,2,Tabita,1,Tablet,1,Talentos Cristãos,1,Tarado,1,Tatuagem,3,Tecido,1,Tecnologia,1,Tela Cinza,1,Temas,1,Tempo,2,Tempo de Viver Coisas Novas,1,Tentação,1,Teologia,6,Termino de Namoro,3,Término do Namoro,1,Terra,2,Terremoto,1,Testemunho,20,Thalles Roberto,3,Thalles Roberto comenta da repercussão de música cantada por Ivete Sangalo,1,The Best,1,The Noite,1,Theotônio Freire,1,Tiago,1,Timna,1,Timóteo,2,Tipos,1,Tiras,1,Tirinha,4,Tirinhas Gospel,13,Tiro,1,Tomas de Aquino,1,Top,1,Top Blogs,1,TOP Canais,1,Top Sites Fotos,1,Top5,2,TPM,1,Trabalho,1,Tragedias no Rio de Janeiro,1,Traição,2,Transfer,1,Tratando de uma leucemia,1,Trimestre,2,Tutelar,1,TV,1,TV Band,2,TV Record,3,Twitter,5,UFC,1,Uma História de Ficção,78,Unção,1,Ungido,1,Universo,1,Urias,1,Vagabundo Confesso,29,Valdemiro Santiago,3,Velho Testamento,1,Velório,1,Vendedor de Droga,1,Vento,1,Ver Deus,1,Verdade,1,Verdadeira História,1,verdades,1,Viagem,1,Vício,1,Vida depois da morte,3,Vídeo,24,vinda,1,Violência,1,Virgem,3,Virgindade,3,Virtude,1,Vitor Hugo,1,Vitória em Cristo,1,Votação,1,Wanda Freire da Costa,1,You Tube,1,youtuber,1,
ltr
item
Pecador Confesso: Lição 9 - A Mordomia do Trabalho - 1 de Setembro de Abril de 2019 - EBD ADULTO - CPAD
Lição 9 - A Mordomia do Trabalho - 1 de Setembro de Abril de 2019 - EBD ADULTO - CPAD
https://1.bp.blogspot.com/-qpQ28XTXxEk/XWio749ybjI/AAAAAAAATTQ/gJ_Z1Pvse1AtX820vHg0aEAYodsxYqWjACLcBGAs/s320/A%2BMordomia%2Bdo%2BTrabalho.png
https://1.bp.blogspot.com/-qpQ28XTXxEk/XWio749ybjI/AAAAAAAATTQ/gJ_Z1Pvse1AtX820vHg0aEAYodsxYqWjACLcBGAs/s72-c/A%2BMordomia%2Bdo%2BTrabalho.png
Pecador Confesso
https://www.pecadorconfesso.com/2019/08/licao-9-mordomia-do-trabalho-1-de.html
https://www.pecadorconfesso.com/
https://www.pecadorconfesso.com/
https://www.pecadorconfesso.com/2019/08/licao-9-mordomia-do-trabalho-1-de.html
true
4561833377599058991
UTF-8
Loaded All Posts Mais Posts Clique Aqui Repetir Cancele a repetição Delete Por Home PAGES POSTS Mais Posts Eu Te Recomendo LABEL ARCHIVE SEARCH ALL POSTS Not found any post match with your request Back Home Sunday Monday Tuesday Wednesday Thursday Friday Saturday Sun Mon Tue Wed Thu Fri Sat January February March April May June July August September October November December Jan Feb Mar Apr May Jun Jul Aug Sep Oct Nov Dec just now 1 minute ago $$1$$ minutes ago 1 hour ago $$1$$ hours ago Yesterday $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago more than 5 weeks ago Followers Follow THIS PREMIUM CONTENT IS LOCKED STEP 1: Share to a social network STEP 2: Click the link on your social network Copy All Code Select All Code All codes were copied to your clipboard Can not copy the codes / texts, please press [CTRL]+[C] (or CMD+C with Mac) to copy