Lição 12 - O Papel da Pregação no Culto | 1° Trimestre de 2024 | EBD – ADULTOS

  TEXTO ÁUREO “Que pregues a palavra, instes a tempo e fora de tempo, redarguas, repreendas, exortes, com toda a longanimidade e doutrina.” ...

 

TEXTO ÁUREO

“Que pregues a palavra, instes a tempo e fora de tempo, redarguas, repreendas, exortes, com toda a longanimidade e doutrina.” (2 Tm 4.2)

COMENTÁRIO EXTRA

Comentário de Hubner Braz



O texto áureo, encontrado em 2 Timóteo 4:2, traz consigo uma profunda orientação sobre a importância e a natureza da pregação no contexto do culto e da vida cristã. Vamos analisar essa passagem em três aspectos: o contexto histórico e literário, a raiz das palavras em grego e a teologia sistemática.

  • Contexto Histórico e Literário:
  • O apóstolo Paulo escreve esta carta a Timóteo, seu discípulo e cooperador no ministério, durante seu segundo encarceramento em Roma, pouco antes de seu martírio. Neste contexto, Paulo expressa preocupação com a continuidade da obra do evangelho após sua partida (2 Timóteo 4:6-8). Ele exorta Timóteo a permanecer fiel à pregação da Palavra, mesmo em meio a desafios e oposições.
  • Raiz das Palavras em Grego:
    • "Que pregues a palavra": O termo grego para "pregar" é "kērýsso", que denota proclamar ou anunciar de forma oficial e autorizada. É a proclamação da Palavra de Deus com autoridade divina.
    • "Instes a tempo e fora de tempo": "Instar" vem do grego "ephistēmi", que significa estar pronto, estar presente. A ideia aqui é estar preparado para pregar tanto quando é conveniente quanto quando não é. Isso implica uma prontidão constante para compartilhar a mensagem do evangelho, independentemente das circunstâncias.
    • "Redarguas, repreendas, exortes": Esses termos, respectivamente, são "elegchō", "epitimaō" e "parakaleō". Eles enfatizam diferentes aspectos da pregação: corrigir erros, repreender o pecado e encorajar o crescimento espiritual.
  • Teologia Sistemática:
    • Autoridade da Palavra de Deus: A pregação é centrada na Palavra de Deus, que possui autoridade suprema sobre a vida e a fé dos crentes. Portanto, o pregador não fala em seu próprio nome, mas como um representante de Deus.
    • Missão da Igreja: A pregação é uma das principais missões da igreja, não apenas dentro dos cultos, mas em todas as esferas da vida cristã. Ela tem o papel de proclamar o evangelho, confrontar o pecado e edificar os crentes.
    • Relevância e Perseverança: O comando de pregar a palavra "a tempo e fora de tempo" destaca a importância da relevância e da persistência na pregação. A mensagem do evangelho é atemporal e deve ser proclamada em todas as situações, independentemente das circunstâncias ou desafios enfrentados.

Portanto, o texto áureo de 2 Timóteo 4:2 nos lembra da centralidade da Palavra de Deus na pregação, da urgência e prontidão na missão da igreja e da importância de confrontar o pecado e edificar os crentes com amor e perseverança.

VERDADE PRÁTICA

Pregar a Palavra de Deus é a sublime missão da Igreja. É por intermédio do ministério da Palavra que vidas são salvas, transformadas e edificadas.

COMENTÁRIO EXTRA

Comentário de Hubner Braz



A verdade prática expressa na afirmação "Pregar a Palavra de Deus é a sublime missão da Igreja" reflete uma convicção fundamental da fé cristã. Vamos explorar essa verdade à luz das Escrituras e das opiniões de alguns escritores cristãos renomados:

  • Base Bíblica:
    • Jesus comissionou seus discípulos a irem pelo mundo e pregarem o evangelho a toda criatura (Marcos 16:15). Essa comissão não era apenas para os discípulos da época, mas também para toda a igreja ao longo da história.
    • O apóstolo Paulo enfatiza a importância da pregação como meio pelo qual a fé é gerada: "A fé vem pelo ouvir, e o ouvir pela palavra de Deus" (Romanos 10:17).
    • Em 1 Coríntios 1:21, Paulo declara que Deus se agradou de salvar os que creem por meio da loucura da pregação.
  • Opiniões de Escritores Cristãos:
    • Charles Spurgeon em seu livro "Pregação Pura e Simples" enfatiza a centralidade da pregação na vida da igreja. Ele argumenta que a pregação é o meio pelo qual Deus escolheu transmitir Sua mensagem ao mundo e transformar vidas.
    • John Stott em "Entre Dois Mundos" destaca que a pregação é a maneira primordial pela qual Deus escolheu comunicar Sua verdade revelada. Ele ressalta que a pregação não é apenas uma comunicação de informações, mas um encontro com a pessoa viva de Cristo.
    • Martyn Lloyd-Jones, em sua série de sermões sobre a pregação em "A Supremacia da Pregação Expositiva", argumenta que a pregação é o meio pelo qual Deus opera poderosamente na vida dos crentes e dos não crentes. Ele enfatiza a importância de pregar a Palavra de Deus com fidelidade e autoridade.
  • Aplicação Prática:
    • A pregação da Palavra de Deus não é apenas uma atividade da igreja, mas sua missão central. É por meio da pregação que vidas são alcançadas, transformadas e edificadas.
    • A pregação autêntica deve ser fundamentada nas Escrituras, centrada em Cristo e capacitada pelo Espírito Santo. Ela não deve ser apenas uma transmissão de conhecimento, mas um encontro vivo com a verdade de Deus.
    • A igreja deve investir em treinar e equipar pregadores fiéis e comprometidos, para que a Palavra de Deus seja proclamada com clareza, relevância e poder em todos os contextos.

Portanto, a pregação da Palavra de Deus é de fato a sublime missão da Igreja, e é por meio dela que o evangelho é proclamado e vidas são transformadas pelo poder de Deus.

LEITURA DIÁRIA

Segunda – Mt 4.23 A proclamação da Palavra de Deus
Terça – Mt 5.1,2 A disposição em ensinar a Palavra de Deus
Quarta – 1 Tm 4.13 Perseverando em exortar com a Palavra de Deus
Quinta – At 8.5 Pregando a Cristo em todo tempo e lugar
Sexta – At 2.40 A pregação como resposta a uma geração sem Deus
Sábado – At 8.35 As Escrituras como a base da pregação

Hinos Sugeridos499, 505, 559 da Harpa Cristã

DINAMICA EXTRA

Comentário de Hubner Braz



Título: "A Roda da Pregação"

Objetivo: Enfatizar a importância da pregação no culto e incentivar a reflexão sobre como a Palavra de Deus pode impactar as vidas dos ouvintes.

Materiais necessários:

  • Uma grande folha de papel ou um quadro branco
  • Canetas coloridas
  • Adesivos ou marcadores de diferentes cores

Procedimento:

  • Divida os participantes em grupos de três ou quatro pessoas.
  • Entregue a cada grupo uma grande folha de papel ou um quadro branco, juntamente com canetas coloridas e adesivos/marcadores de diferentes cores.
  • Explique que eles têm 10 minutos para criar uma "Roda da Pregação". Esta roda deve ter no centro a frase: "O Papel da Pregação no Culto". Em seguida, eles devem escrever ou desenhar ao redor da roda diferentes elementos que representam a importância da pregação, tais como: a Palavra de Deus, o pregador, o ouvinte, o Espírito Santo, a transformação, entre outros.
  • Após o tempo estipulado, peça a cada grupo que compartilhe sua "Roda da Pregação" com os outros, explicando brevemente cada elemento que escolheram e por que o consideram importante.
  • Conduza uma discussão em grupo, incentivando os participantes a compartilhar suas reflexões sobre a importância da pregação no culto e como ela pode impactar suas vidas pessoais.
  • Encerre a atividade destacando a centralidade da Palavra de Deus na pregação e incentivando os participantes a aplicarem os princípios aprendidos em suas vidas cotidianas.

Esta dinâmica proporcionará uma oportunidade interativa e criativa para os participantes refletirem sobre o papel da pregação no culto e como a Palavra de Deus pode transformar vidas.


LEITURA BÍBLICA EM CLASSE

2 Timóteo 4.1-5
1 CONJURO-TE, pois, diante de Deus, e do Senhor Jesus Cristo, que há de julgar os vivos e os mortos, na sua vinda e no seu reino,
2 Que pregues a palavra, instes a tempo e fora de tempo, redarguas, repreendas, exortes, com toda a longanimidade e doutrina.
3 Porque virá tempo em que não suportarão a sã doutrina; mas, tendo comichão nos ouvidos, amontoarão para si doutores conforme as suas próprias concupiscências;
4 E desviarão os ouvidos da verdade, voltando às fábulas.
5 Mas tu, sê sóbrio em tudo, sofre as aflições, faz a obra de um evangelista, cumpre o teu ministério.

COMENTÁRIO EXTRA

Comentário de Hubner Braz



Vamos fazer um comentário bíblico profundo de cada versículo de 2 Timóteo 4:1-5, considerando o contexto, a raiz das palavras em grego e mais referências bíblicas para embasar o texto:

  • Versículo 1: "Conjuro-te, pois, diante de Deus, e do Senhor Jesus Cristo, que há de julgar os vivos e os mortos, na sua vinda e no seu reino,"
    • Neste versículo, Paulo faz um apelo solene a Timóteo, diante de Deus e de Cristo, que é o Juiz de todos. Isso ressalta a seriedade da instrução que ele está prestes a dar.
    • A palavra "conjuro-te" vem do grego "diamarturomai", que significa testemunhar solenemente. Isso mostra a gravidade do que está sendo solicitado.
    • Paulo lembra a Timóteo da segunda vinda de Cristo e do julgamento que ocorrerá naquele tempo, enfatizando a importância da fidelidade ao ministério.
  • Versículo 2: "Que pregues a palavra, instes a tempo e fora de tempo, redarguas, repreendas, exortes, com toda a longanimidade e doutrina."
    • Aqui, Paulo instrui Timóteo a dedicar-se à pregação da Palavra de Deus, esteja apropriado ou não. Ele deve estar pronto para proclamar o evangelho em todas as ocasiões.
    • A palavra grega para "pregues" é "kērýsso", que denota uma proclamação pública e oficial, destacando a autoridade divina da mensagem.
    • Paulo enfatiza a necessidade de uma variedade de abordagens na pregação, incluindo redarguir (refutar argumentos falsos), repreender (corrigir o pecado) e exortar (encorajar à fé e à santidade).
  • Versículo 3: "Porque virá tempo em que não suportarão a sã doutrina; mas, tendo comichão nos ouvidos, amontoarão para si doutores conforme as suas próprias concupiscências;"
    • Paulo prevê um tempo em que as pessoas rejeitarão a sã doutrina e buscarão ensinamentos que atendam aos seus próprios desejos e interesses.
    • A expressão "sã doutrina" vem do grego "hugiainōn didaskalia", que se refere a ensinamentos saudáveis e corretos, em contraste com falsos ensinamentos.
    • Essa tendência de buscar ensinamentos que agradam aos próprios desejos é condenada em toda a Escritura (2 Timóteo 3:16; 4:3; 2 Pedro 2:1-3).
  • Versículo 4: "E desviarão os ouvidos da verdade, voltando às fábulas."
    • Paulo alerta que as pessoas desviarão seus ouvidos da verdade, preferindo seguir ensinamentos fictícios e enganosos.
    • A palavra grega para "fábulas" é "muthos", que pode se referir a histórias mitológicas ou a ensinamentos humanos vazios.
    • Isso ressalta a importância de permanecer firmemente enraizado na verdade das Escrituras e não se deixar seduzir por ensinamentos falsos ou superficiais (2 Timóteo 2:15; 1 Timóteo 1:4; Tito 1:14).
  • Versículo 5: "Mas tu, sê sóbrio em tudo, sofre as aflições, faz a obra de um evangelista, cumpre o teu ministério."
    • Neste último versículo, Paulo exorta Timóteo a ser sóbrio e perseverante em seu ministério, enfrentando as dificuldades com coragem e dedicação.
    • Ele é encorajado a realizar a obra de um evangelista, compartilhando o evangelho com zelo e paixão.
    • Isso lembra Timóteo de sua responsabilidade de cumprir fielmente o ministério que lhe foi confiado, independentemente das circunstâncias adversas (2 Timóteo 2:3-4; 1 Timóteo 6:11-12).

Em resumo, 2 Timóteo 4:1-5 oferece instruções valiosas para o ministério de pregação, destacando a importância da fidelidade à Palavra de Deus, a necessidade de confrontar falsos ensinamentos e a responsabilidade de perseverar no ministério, mesmo em meio à oposição.

PLANO DE AULA

1- INTRODUÇÃO
Nesta lição estudaremos a importância da pregação da Palavra de Deus no culto cristão. Vamos refletir a respeito do Ministério da Palavra e de seu propósito no culto. Perceberemos que a pregação da Palavra de Deus traz edificação ao Corpo de Cristo, bem como atua na formação de valores do povo de Deus. Nesse sentido, veremos que o Ministério da Palavra deve ser exercido de maneira cristocêntrica e, sobretudo, fundamentado na Bíblia.
2- APRESENTAÇÃO DA LIÇÃO
A) Objetivos da Lição:
I) Apresentar o Ministério da Palavra e seu propósito;
II) Enfatizar a importância do Ministério da Palavra;
III) Explicitar a fundamentação do Ministério da Palavra.
B) Motivação: A pregação da Palavra de Deus é o antídoto divino para formar os cristãos, edificar a Igreja de Cristo e influenciar os crentes a terem vidas mais piedosas. Por isso, desde os primórdios da Igreja, o Ministério da Palavra teve primazia no culto cristão.
C) Sugestão de Método: Ao iniciar o terceiro tópico, peça aos alunos exemplos de pregações que não seja cristocêntricas nem bíblicas. Pergunte a eles que consequências essas pregações podem trazer para a vida da igreja. Após ouvi-los atenciosamente, exponha o tópico enfatizando a importância de a pregação cristã está fundamentada em Cristo e, ao mesmo tempo, ser devidamente bíblica.
3- CONCLUSÃO DA LIÇÃO
A) Aplicação: A pregação da Palavra de Deus tem o propósito de edificar a Igreja de Cristo, formar os valores do crente em Jesus e, ao mesmo tempo, estabelecer uma defesa diante de uma cultura sem Deus.
4- SUBSÍDIO AO PROFESSOR
A) Revista Ensinador Cristão. Vale a pena conhecer essa revista que traz reportagens, artigos, entrevistas e subsídios de apoio à Lições Bíblicas Adultos. Na edição 96, p.41, você encontrará um subsídio especial para esta lição.
B) Auxílios Especiais: Ao final do tópico, você encontrará auxílios que darão suporte na preparação de sua aula:
1) O texto “Uma Mensagem Pentecostal”, localizado depois do primeiro tópico, aprofunda a reflexão a respeito do propósito do Ministério da Palavra;
2) O texto “O Espírito Santo é a Fonte”, ao final do segundo tópico, amplia a reflexão da importância da pregação.

📥
ADQUIRA O SLIDE DA AULA => CLIQUE AQUI 
(se quiser mais slides diferentes dessa lição, adquira o acesso vip)

📩 Receba rápido a sua revista em PDF  | ou tenha o acesso vip 1ºTRIM 2024, saiba mais: 

👆ADQUIRA O ACESSO VIP | Pelo zap ou e-mail: hubnerbraz@pecadorconfesso.com

EBD 1° Trimestre De 2024 | CPAD Adultos – TEMA: O CORPO DE CRISTO – Origem, Natureza e Missão da Igreja no Mundo | Escola Biblica Dominical 


INTRODUÇÃO

Nesta lição, veremos a importância da pregação bíblica, denominada também como “Ministério da Palavra”. Nesse aspecto, para refletir a glória de Deus, a pregação precisa manter o propósito para a qual foi estabelecida: revelar Deus e educar a igreja. Por isso, podemos afirmar que o Ministério é importante, pois assim a igreja é edificada e moldada pelos valores do Reino. Uma igreja em que a Palavra de Deus não tem primazia, tanto na ação evangelística quanto na discipuladora, é uma igreja fraca. Portanto, a natureza da pregação precisa ser bíblica e cristocêntrica. Em outras palavras, deve possuir sólidos fundamentos.

COMENTÁRIO EXTRA

Comentário de Hubner Braz



A introdução destaca a importância da pregação bíblica, conhecida como "Ministério da Palavra", ressaltando sua centralidade na revelação de Deus e na edificação da igreja. Vamos aprofundar essa análise com embasamento bíblico, raiz das palavras em grego e insights de livros teológicos:

  • Fundamentação Bíblica:
    • A Bíblia estabelece a pregação como um meio essencial para a revelação de Deus e a edificação da igreja. Passagens como Romanos 10:14-15 e 2 Timóteo 4:2-4 ressaltam a importância da pregação na propagação do evangelho e na manutenção da pureza doutrinária.
    • O próprio Jesus Cristo realizou um ministério de pregação, proclamando as boas novas do Reino de Deus (Lucas 4:18-19) e ensinando as multidões sobre o caminho da salvação (Mateus 5-7).
  • Raiz das Palavras em Grego:
    • A palavra grega para "pregação" é "kērýgma", que se refere à proclamação pública e autoritativa da Palavra de Deus. Essa raiz grega destaca a natureza autoritativa e divina da pregação, como uma mensagem que vem de Deus para o povo.
    • A palavra "cristocêntrica" é derivada de "Cristo", enfatizando que a pregação deve ter como centro e foco principal a pessoa e obra de Jesus Cristo.
  • Opiniões de Livros Teológicos:
  • Aplicação Prática:
    • A pregação bíblica, quando realizada com fidelidade à Palavra de Deus e com Cristo como seu centro, tem o poder de transformar vidas e edificar a igreja.
    • Uma igreja que prioriza a pregação bíblica é fortalecida espiritualmente e capacitada para cumprir sua missão de proclamar o evangelho e fazer discípulos.
    • Pastores e pregadores devem ser diligentes no estudo das Escrituras e na preparação de suas mensagens, buscando sempre apresentar a verdade de forma clara, relevante e transformadora.

Portanto, a pregação bíblica e cristocêntrica é crucial para a saúde espiritual da igreja e para sua missão no mundo, sendo um meio pelo qual a glória de Deus é revelada e o povo de Deus é edificado e transformado.


PALAVRA-CHAVE: Pregação

COMENTÁRIO EXTRA

Comentário de Hubner Braz



A palavra-chave "pregação" tem sua raiz no grego "kērýgma", que denota a proclamação pública e autorizada da Palavra de Deus. Esse termo carrega consigo a ideia de uma mensagem que é anunciada com autoridade divina, com o propósito de convocar as pessoas à fé e à obediência. Na Bíblia, a pregação é vista como um meio essencial para a revelação de Deus e para a edificação da igreja.


No contexto bíblico, a pregação é um ministério ordenado por Deus para a propagação do evangelho e o ensino das verdades divinas. Jesus Cristo inaugurou seu ministério terreno proclamando as boas novas do Reino de Deus (Marcos 1:14-15), e essa tradição foi continuada pelos apóstolos e líderes da igreja primitiva.


A pregação bíblica é teologicamente profunda, pois é fundamentada na Palavra de Deus, que é viva e eficaz (Hebreus 4:12). Ela não é mera transmissão de informações, mas um encontro transformador com a verdade de Deus. A pregação expositiva, que expõe e aplica fielmente o texto bíblico, é vital para a saúde espiritual da igreja, pois permite que o povo de Deus cresça em conhecimento e santidade.


Além disso, a pregação é uma manifestação do poder do Espírito Santo, que capacita os pregadores a proclamarem a Palavra com ousadia e autoridade (Atos 1:8; 1 Tessalonicenses 1:5). É por meio da pregação que as pessoas são convencidas do pecado, da justiça e do juízo (João 16:8), e que a fé vem pelo ouvir a Palavra de Deus (Romanos 10:17).


Portanto, a pregação é um ministério essencial para a igreja, pois é por intermédio dela que a glória de Deus é revelada e as vidas são transformadas. Que os pregadores sejam fiéis em proclamar a Palavra com diligência e humildade, para que o povo de Deus seja edificado e fortalecido na fé.


Existem vários tipos de pregação, cada um com suas características distintas e objetivos específicos. Alguns dos principais tipos de pregação incluem:


  • Pregação Expositiva:
    • Base Bíblica: "Prega a palavra, insta a tempo e fora de tempo, admoesta, repreende, exorta, com toda longanimidade e ensino." (2 Timóteo 4:2) - Esta passagem destaca a importância de pregar a Palavra de Deus de forma clara e fiel.
    • Este tipo de pregação se concentra na exposição e explicação de um texto bíblico específico. O pregador geralmente segue a estrutura do texto, explicando seu contexto, significado e aplicação para os ouvintes. A pregação expositiva visa permitir que a Palavra de Deus fale por si mesma, guiando o pregador e os ouvintes através do texto.
  • Pregação Temática:
    • Base Bíblica: "Porque nada me propus saber entre vós, senão a Jesus Cristo, e este crucificado." (1 Coríntios 2:2) - O apóstolo Paulo enfatiza a centralidade de Cristo em sua pregação, independentemente do tema abordado.
    • Neste tipo de pregação, o pregador aborda um tema específico, utilizando uma variedade de passagens bíblicas que tratam desse tema. A ênfase está na exploração de um tópico particular e na aplicação da verdade bíblica a situações específicas da vida dos ouvintes.
  • Pregação Narrativa:
    • Base Bíblica: "Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim." (João 14:6) - Jesus frequentemente ensinava por meio de parábolas e narrativas para transmitir verdades espirituais aos seus ouvintes.
    • Na pregação narrativa, o pregador conta uma história ou relato bíblico de forma envolvente e cativante. Este tipo de pregação é especialmente eficaz para transmitir verdades espirituais por meio de narrativas vívidas e personagens bíblicos.
  • Pregação Apologética:
    • Base Bíblica: "Estai sempre preparados para responder com mansidão e temor a qualquer que vos pedir a razão da esperança que há em vós." (1 Pedro 3:15) - Esta passagem incentiva os crentes a estarem prontos para defender sua fé diante daqueles que questionam.
    • A pregação apologética defende e explica a fé cristã, respondendo a objeções e desafios levantados contra o cristianismo. O pregador pode abordar questões como a existência de Deus, a confiabilidade das Escrituras e a historicidade da ressurreição de Jesus.
  • Pregação Evangelística:
    • Base Bíblica: "Ide por todo o mundo, e pregai o evangelho a toda criatura." (Marcos 16:15) - Este é o mandato de Jesus para seus discípulos, ordenando-lhes que levem as boas novas a todos os povos.
    • Este tipo de pregação tem como objetivo principal apresentar o evangelho de Jesus Cristo de forma clara e persuasiva, convidando os ouvintes a responderem com fé e arrependimento. A pregação evangelística frequentemente enfatiza a necessidade do perdão dos pecados, a oferta da salvação pela graça e a importância de uma resposta pessoal a Cristo.
  • Pregação Inspiracional:
    • Base Bíblica: "Portanto, exortai-vos uns aos outros e edificai-vos uns aos outros, como também o fazeis." (1 Tessalonicenses 5:11) - Esta passagem destaca a importância de encorajar e edificar uns aos outros na fé.
    • A pregação inspiracional visa encorajar e motivar os ouvintes em sua jornada espiritual, oferecendo esperança, conforto e direção a partir das Escrituras. Este tipo de pregação é frequentemente utilizado em cultos de louvor e adoração, conferências e eventos especiais.
  • Pregação Doutrinária:
    • Base Bíblica: "Retém o modelo das sãs palavras que de mim tens ouvido, na fé e no amor que há em Cristo Jesus." (2 Timóteo 1:13) - Paulo instrui Timóteo a manter-se firme na sã doutrina, transmitindo-a fielmente aos outros.
    • Este tipo de pregação se concentra na explicação e defesa das doutrinas fundamentais da fé cristã. O pregador aborda questões teológicas e doutrinárias, como a Trindade, a natureza de Cristo, a salvação pela graça, entre outros temas essenciais da fé cristã.
  • Pregação Testemunhal:
    • Base Bíblica: "E eles o venceram pelo sangue do Cordeiro e pela palavra do seu testemunho; e não amaram as suas vidas até à morte." (Apocalipse 12:11) - Esta passagem destaca o poder do testemunho pessoal dos crentes em Cristo.
    • Na pregação testemunhal, o pregador compartilha sua própria experiência pessoal com Deus e como a fé cristã transformou sua vida. Esse testemunho pode ser poderoso para inspirar e desafiar os ouvintes a considerarem sua própria jornada espiritual.
  • Pregação Profética:
    • Base Bíblica: "Clama em alta voz, não te detenhas, levanta a tua voz como a trombeta e anuncia ao meu povo a sua transgressão, e à casa de Jacó os seus pecados." (Isaías 58:1) - O profeta Isaías é chamado a proclamar a mensagem de Deus ao povo de Israel.
    • A pregação profética desafia a igreja e a sociedade a viverem de acordo com os princípios do Reino de Deus. O pregador confronta o pecado, a injustiça e a opressão, chamando os ouvintes ao arrependimento e à transformação social.
  • Pregação Exortativa:
    • Base Bíblica: "Exorto-vos, pois, irmãos, pela compaixão de Deus, que apresenteis os vossos corpos como um sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional." (Romanos 12:1) - Paulo exorta os crentes a viverem suas vidas em santidade e dedicação a Deus.
    • Na pregação exortativa, o pregador incentiva os ouvintes a viverem de acordo com os padrões da Palavra de Deus. Essa pregação enfatiza a necessidade de obediência, santidade e compromisso com Cristo, desafiando os crentes a crescerem em sua fé e devoção.
  • Pregação Litúrgica:
    • Base Bíblica: "Deus é espírito, e importa que os que o adoram o adorem em espírito e em verdade." (João 4:24) - Jesus fala sobre a natureza verdadeira do culto a Deus, que transcende rituais externos.
    • Este tipo de pregação é parte integrante do culto litúrgico, seguindo uma estrutura e ordem específicas dentro do serviço religioso. O pregador geralmente segue um calendário litúrgico ou lecionário, que determina os textos bíblicos a serem pregados em cada culto.
  • Pregação Interativa:
    • Base Bíblica: "Ouví a palavra do SENHOR, vós, filhos de Israel, porque o SENHOR tem uma contenda com os habitantes da terra." (Oséias 4:1) - A palavra do Senhor é ouvida e respondida pelo povo, envolvendo-os em um diálogo com Deus.
    • Na pregação interativa, o pregador envolve ativamente os ouvintes na mensagem, incentivando a participação, fazendo perguntas e promovendo a discussão. Este estilo de pregação é particularmente eficaz para envolver uma congregação ativa e engajada.


Cada tipo de pregação tem suas próprias características e aplicações específicas, e é importante que o pregador considere o contexto, as necessidades e os objetivos de sua audiência ao escolher o estilo de pregação mais apropriado. O objetivo final de qualquer tipo de pregação deve ser glorificar a Deus, edificar a igreja e proclamar as boas novas do evangelho de Jesus Cristo.


I- MINISTÉRIO DA PALAVRA E SEU PROPÓSITO

1- A pregação como Proclamação. O propósito mais sublime do Ministério da Palavra está no fato de ele revelar Deus às pessoas. Frequentemente as Escrituras se referem a esse aspecto da pregação como sendo uma “proclamação”. O verbo grego keryssô, traduzido como “proclamar”, é usado nesse sentido em vários textos do Novo Testamento (Mt 3.1; 4.23; Lc 4.18; At 8.5; Rm 10.8). Nesse aspecto, a pregação tem o propósito de revelar Deus às pessoas (1 Co 1.21). Esse fato por si só mostra a grandiosidade da pregação: trazer o conhecimento de Deus.

COMENTÁRIO EXTRA

Comentário de Hubner Braz



A pregação como proclamação, conforme mencionado, é um dos propósitos mais sublimes do Ministério da Palavra. Ela é a transmissão autorizada e pública da mensagem divina, com o objetivo de revelar Deus às pessoas. Vamos explorar mais a fundo essa ideia à luz das Escrituras e da raiz da palavra-chave "pregação":

  • Raiz da Palavra em Grego:
    • O verbo grego "keryssō" é traduzido como "proclamar" e é utilizado em vários textos do Novo Testamento, como Mateus 3:1; 4:23; Lucas 4:18; Atos 8:5; Romanos 10:8. Esse termo denota a ação de anunciar de forma pública e autorizada a mensagem divina.
  • Base Bíblica:
    • Em 1 Coríntios 1:21, o apóstolo Paulo enfatiza que é por meio da pregação que Deus escolheu revelar-se às pessoas: "Visto como na sabedoria de Deus o mundo não conheceu a Deus pela sua sabedoria, aprouve a Deus salvar os crentes pela loucura da pregação."
    • A proclamação da Palavra não apenas informa intelectualmente, mas também convida as pessoas a conhecerem e experimentarem a presença viva de Deus em suas vidas.
  • Comentário Teológico:
    • A pregação como proclamação destaca a centralidade de Deus na mensagem proclamada. Ela não é apenas um discurso humano, mas uma proclamação divina que convoca os ouvintes a responderem à revelação de Deus em suas vidas.
    • Esse propósito da pregação enfatiza a necessidade de fidelidade ao texto bíblico e à mensagem de Deus, priorizando a revelação divina sobre qualquer outra coisa.
  • Aplicação Prática:
    • Os pregadores devem compreender a seriedade e a responsabilidade de proclamar a Palavra de Deus. Eles são os mensageiros autorizados de Deus, chamados a transmitir sua mensagem com clareza e autoridade.
    • Para os ouvintes, entender a pregação como proclamação significa abrir seus corações e mentes para receberem a revelação de Deus e responderem com fé e obediência.

Em resumo, a pregação como proclamação tem o propósito sublime de revelar Deus às pessoas. É por meio dela que as pessoas têm a oportunidade de conhecerem e responderem ao chamado de Deus para suas vidas. Portanto, tanto os pregadores quanto os ouvintes devem valorizar e honrar esse ministério como um meio privilegiado de encontro com a presença viva de Deus.


2- O caso emblemático de Lídia (At 16.14).
 Enquanto Lídia ouvia a pregação feita por Paulo, o Senhor abriu-lhe o coração. A pregação foi o instrumento que Deus usou para se revelar àquela mulher e o resultado disso foi a sua conversão. Deus é glorificado na revelação de sua Palavra. Esse fato é destacado por Paulo na sua Carta aos Romanos: “De sorte que a fé é pelo ouvir, e o ouvir pela palavra de Deus” (Rm 10.17). Assim, devemos nos conscientizar de que a pregação da Palavra de Deus é mais do que uma simples exposição de ideias, mais do que um discurso inflamado; ela é o canal pelo qual Deus se revela ao coração endurecido.

COMENTÁRIO EXTRA

Comentário de Hubner Braz



Estes dois pontos ressaltam a importância fundamental da pregação como meio pelo qual Deus se revela às pessoas e transforma suas vidas:

  • A pregação como Proclamação:
    • A pregação é descrita como "proclamação", derivada do verbo grego "keryssō", que significa anunciar com autoridade e solenidade. Esse aspecto enfatiza a natureza divina da mensagem pregada e seu propósito de revelar Deus às pessoas (1 Coríntios 1:21).
    • Ao proclamar a Palavra de Deus, os pregadores têm o privilégio de trazer o conhecimento de Deus às vidas das pessoas. Isso mostra a grandiosidade da pregação e sua importância no ministério da igreja.
  • O caso emblemático de Lídia:
    • O relato de Lídia em Atos 16:14 ilustra vividamente como a pregação da Palavra é o meio pelo qual Deus abre os corações das pessoas para receberem a verdade. Enquanto Lídia ouvia a pregação de Paulo, o Senhor abriu seu coração para entender e receber a mensagem, resultando em sua conversão.
    • Esse episódio destaca que a pregação não é apenas um discurso humano, mas é o instrumento que Deus usa para se revelar e operar na vida das pessoas. Paulo enfatiza essa verdade em Romanos 10:17, indicando que a fé vem pelo ouvir a Palavra de Deus.

Esses pontos nos lembram que a pregação da Palavra de Deus não é apenas uma atividade humana, mas é uma obra divina, onde Deus se revela e transforma corações. Portanto, os pregadores devem estar conscientes da responsabilidade e da santidade deste ministério, buscando sempre ser fiéis à Palavra e confiantes no poder transformador de Deus através dela.


3- A pregação como instrução.
 As pessoas que foram alcançadas pela proclamação da Palavra precisam crescer e amadurecer no Evangelho, ou seja, necessitam ser discipuladas, instruídas. É significativo o fato de que o ministério de Jesus tenha o ensino como um dos fundamentos: “E percorria Jesus toda a Galiléia, ensinando nas suas sinagogas” (Mt 4.23). No sermão do Monte, Jesus também “ensinava” seus discípulos (Mt 5.2). Assim também o apóstolo Paulo gastou grande parte de seu tempo ensinando os crentes (At 18.11). Paulo chegou mesmo a exigir de alguém que tivesse pretensão ministerial que fosse “apto para ensinar” (1 Tm 3.2). Tudo isso mostra a importância do ministério do ensino e a responsabilidade de quem o exerce.

COMENTÁRIO EXTRA

Comentário de Hubner Braz



Este ponto ressalta a importância da pregação como instrução e ensino, destacando que a proclamação da Palavra não é suficiente por si só; é necessário também o ensino para o crescimento e amadurecimento espiritual das pessoas:

  • A pregação como instrução:
    • A palavra grega para "ensino" é "didachē", que se refere ao ato de ensinar ou instruir. Este aspecto da pregação enfatiza a necessidade de proporcionar conhecimento sólido e profundo da Palavra de Deus aos ouvintes.
    • Jesus, durante seu ministério terreno, dedicou uma parte significativa de seu tempo ao ensino, tanto em sinagogas quanto em outros contextos (Mateus 4:23; 5:2). Seu ensino era essencial para a formação espiritual e doutrinária de seus discípulos.
    • O apóstolo Paulo também enfatizou o ministério do ensino em suas epístolas e em seu trabalho missionário. Ele investiu tempo significativo instruindo os crentes nas verdades do evangelho (Atos 18:11).
  • Raiz das palavras em grego:
    • A palavra grega "didaskō" é usada em vários desses versículos, denotando o ato de ensinar de forma sistemática e disciplinada. Isso destaca a importância não apenas de transmitir informações, mas de educar e edificar espiritualmente os ouvintes.
  • Opiniões de livros teológicos e acadêmicos:
    • Em seu livro "Teologia Sistemática", Wayne Grudem destaca a importância do ensino na vida da igreja, enfatizando que o ensino correto da Palavra de Deus é essencial para a saúde espiritual e o crescimento dos crentes.
    • No livro "Teologia do Novo Testamento", George Eldon Ladd aborda a prática de ensino de Jesus e dos apóstolos, destacando como o ensino sistemático e aprofundado da Palavra foram centrais para a expansão e estabilidade da igreja primitiva.
  • Aplicação Prática:
    • A pregação como instrução não se limita apenas à transmissão de informações, mas busca edificar os crentes na fé, equipando-os para o serviço e fortalecendo-os contra falsas doutrinas (Efésios 4:11-14).
    • Os pregadores devem ser diligentes em preparar suas mensagens de forma a oferecer não apenas inspiração, mas também instrução sólida na Palavra de Deus, capacitando os ouvintes a crescerem em sua fé e conhecimento.

Portanto, a pregação como instrução desempenha um papel vital na formação espiritual e no amadurecimento dos crentes, capacitando-os a viverem de acordo com os princípios do Reino de Deus e a cumprirem seu chamado no mundo.

SINOPSE I

O Ministério da Palavra exerce um papel de proclamação e, ao mesmo tempo, de instrução.

AUXÍLIO TEOLÓGICO

UMA MENSAGEM PENTECOSTAL
A igreja pentecostal conhecida como Assembleia de Deus é um movimento que começou sobrenaturalmente, em resultado do poderoso derramamento do Espírito Santo. Desde o seu início, Deus tem abençoado esse movimento, porque é dependente dEle; é guiado pelo Espírito Santo, orientado pela Palavra de Deus e usado para alcançar este mundo necessitado de Jesus Cristo. Desde 0 nosso começo temos sido abençoados com poderosos sinais e maravilhas. Humildemente agradecemos a Deus por isso.
[…] Os primeiros cristãos foram perseguidos por causa da mensagem que anunciavam e por aquilo que eram. Também seremos perseguidos. Eles foram mal compreendidos pela sociedade em que viviam. Também seremos mal compreendidos. Os outros grupos religiosos os rejeitaram, por causa da posição dogmática de que Jesus Cristo é o Senhor ressurreto e está ativamente envolvido nos assuntos da igreja. Nós também seremos rejeitados” (CARLSON, Raymond; TRASK, Thomas E. et al. O Pastor Pentecostal: Teologia e Práticas Pastorais. 1.ed. Rio de Janeiro: CPAD, 2023, p.99).

EBD 1° Trimestre De 2024 | CPAD Adultos – TEMA: O CORPO DE CRISTO – Origem, Natureza e Missão da Igreja no Mundo | Escola Biblica Dominical 


II- O MINISTÉRIO DA PALAVRA E SUA IMPORTÂNCIA

1- A edificação da igreja. A Palavra tem a importante função de edificar a igreja. Essa edificação vem pelo confronto que o Espírito Santo traz pelo ministério da Palavra, que exorta e consola. Às vezes isso pode vir em um tom de elogio (1 Co 11.2) ou em uma forte repreensão (1 Co 11.17). O termo grego paraklésis, traduzido como “exortar” e “consolar”, significa um “chamado para “ajudar” e “encorajar”. Ele ocorre com muita frequência no Novo Testamento, sendo a maioria das vezes no contexto da igreja. Assim, vemos Paulo solicitando a Timóteo que persistisse em ler, ensinar a Palavra e “exortar” (1 Tm 4.13) e Lucas destacando que a igreja andava na “consolação do Espírito Santo” (At 9.31). Em ambos os textos se pressupõe o ministério da Palavra como instrumento de exortação e edificação.

COMENTÁRIO EXTRA

Comentário de Hubner Braz



Esse ponto destaca a importância da Palavra de Deus na edificação da igreja, enfatizando como o ministério da Palavra, que inclui exortação e consolação, desempenha um papel vital nesse processo:

  • A edificação da igreja:
    • O termo grego "paraklésis" é utilizado para descrever a exortação e a consolação trazidas pelo ministério da Palavra. Essa palavra implica um "chamado para ajudar" e "encorajar", destacando o papel da pregação em fortalecer e edificar a comunidade dos crentes.
    • A edificação da igreja ocorre através do confronto que o Espírito Santo realiza por meio da Palavra. Isso pode incluir tanto palavras de elogio como de repreensão, conforme necessário para o crescimento espiritual dos crentes (1 Coríntios 11:2, 17).
    • Paulo instrui Timóteo a persistir na leitura, no ensino da Palavra e na exortação, destacando a importância desse ministério na vida da igreja (1 Timóteo 4:13). Lucas também ressalta como a igreja era edificada na consolação do Espírito Santo (Atos 9:31), indicando a influência transformadora da Palavra no corpo de Cristo.
  • Raiz das palavras em grego:
    • O termo "paraklésis" vem da raiz grega "parakaleō", que significa chamar para junto de si, encorajar, consolar. Essa raiz ressalta a ideia de que a pregação da Palavra traz consolo e encorajamento para os crentes, fortalecendo-os em sua jornada espiritual.
  • Opiniões de livros teológicos e acadêmicos:
  • Aplicação Prática:
    • Os pregadores e líderes da igreja devem se empenhar em ministrar a Palavra de Deus com sabedoria e discernimento, buscando tanto confrontar quanto consolar os crentes conforme a necessidade.
    • A edificação da igreja ocorre quando a Palavra é pregada com fidelidade, autoridade e amor, levando os crentes a crescerem em maturidade espiritual e a viverem em unidade e santidade diante de Deus.

Assim, a edificação da igreja por meio do ministério da Palavra é essencial para fortalecer os crentes em sua fé e testemunho, capacitando-os a cumprir o propósito de Deus em suas vidas e em sua comunidade de fé.


2- Formação de valores
. A pregação é importante instrumento para formação de uma consciência cristã. A guerra cultural travada nos últimos anos contra a fé cristã mostrou a necessidade de a igreja firmar cada vez mais os seus valores. Isso, contudo, só pode acontecer de forma eficaz por meio da formação de uma consciência cristã fundamentalmente bíblica. Isso significa que a igreja precisa mostrar, de forma bem didática, sua forma de pensar, crer e agir, ou seja, é preciso definir sua cosmovisão, isto é, sua visão de mundo. Uma visão que seja diferente à da cultura secular. Esta, por sua vez, sempre se mostrou hostil ao povo de Deus. Do contrário, não seremos capazes de resistir a inversão de valores por ela disseminada.

COMENTÁRIO EXTRA

Comentário de Hubner Braz



Esse ponto destaca a importância da pregação na formação de uma consciência cristã e na defesa dos valores fundamentais da fé diante da pressão cultural:

  • Formação de valores e consciência cristã:
    • A pregação desempenha um papel crucial na formação da consciência cristã, pois é por meio dela que os crentes são instruídos na verdade da Palavra de Deus e capacitados a discernir entre o certo e o errado à luz dos princípios bíblicos (2 Timóteo 3:16-17).
    • Em um contexto de guerra cultural e hostilidade contra a fé cristã, a pregação se torna ainda mais importante como um instrumento para fortalecer os crentes em sua identidade e convicções cristãs, capacitando-os a resistir às pressões da cultura secular (Romanos 12:2).
    • É essencial que a igreja articule de maneira clara e didática sua cosmovisão, ou seja, sua visão de mundo fundamentada nos princípios da Palavra de Deus, que é diferente da cosmovisão secular predominante na sociedade. A pregação tem o papel de comunicar e reforçar essa visão de mundo cristã (Efésios 4:14-15).
  • Resistência à inversão de valores:
    • A pregação da Palavra é vital para equipar os crentes a resistirem à inversão de valores promovida pela cultura secular. Ao serem constantemente expostos à verdade bíblica por meio da pregação, os crentes são fortalecidos em sua fé e capacitados a permanecerem firmes em seus valores, mesmo diante da oposição cultural (1 Pedro 5:8-9).
    • A pregação deve confrontar as falsas ideologias e valores da cultura secular com a verdade da Palavra de Deus, capacitando os crentes a viverem de acordo com os princípios do Reino de Deus em meio a um mundo hostil (Colossenses 2:8).
  • Aplicação Prática:
    • Os pregadores devem ser diligentes em apresentar de forma clara e convincente os valores e ensinamentos fundamentais da fé cristã em suas mensagens, equipando os crentes para enfrentarem os desafios da vida cotidiana (2 Timóteo 4:2).
    • A igreja como um todo deve ser proativa na defesa e promoção de seus valores, utilizando a pregação como uma ferramenta poderosa para comunicar e fortalecer a cosmovisão cristã entre seus membros e na sociedade em geral (Mateus 28:19-20).

Portanto, a pregação desempenha um papel vital na formação de uma consciência cristã sólida e na defesa dos valores fundamentais da fé em um mundo cada vez mais secularizado e hostil ao cristianismo.

3- Resistindo diante de uma cultura sem Deus. Jesus censurou seus discípulos, chamando-os de “geração perversa” porque os viu agindo com incredulidade (Mt 17.17)- A influência de uma cultura sem Deus havia atingido negativamente os que andavam com Jesus. Por sua vez, no Pentecostes, Pedro também exortou seus ouvintes a salvarem-se daquela “geração perversa” (At 2.40). Assim também Paulo escreveu que Demas, um amigo de Ministério, havia amado aquela presente era e o abandonou (2 Tm 4.10). Esse mesmo apóstolo exortou os crentes de Roma a não se conformarem com aquela presente era (Rm 12.2). Nas duas últimas referências, a palavra grega aion, traduzida como “era” ou “século”, é uma referência clara a uma cultura sem Deus.

COMENTÁRIO EXTRA

Comentário de Hubner Braz



Esse ponto destaca a necessidade de os cristãos resistirem à influência de uma cultura sem Deus e permanecerem fiéis ao Senhor, mesmo quando confrontados com pressões e tentações:

  • Resistindo à influência cultural secular:
    • Jesus repreendeu seus discípulos por agirem com incredulidade, chamando-os de "geração perversa" (Mateus 17:17). Isso mostra como a influência de uma cultura sem Deus pode afetar até mesmo aqueles que estão próximos de Cristo.
    • Pedro, no Pentecostes, exortou seus ouvintes a se salvarem daquela "geração perversa" (Atos 2:40), indicando a necessidade de resistir às influências corruptoras do ambiente cultural ao redor.
    • Paulo também enfrentou o impacto negativo da cultura secular em seus relacionamentos ministeriais, como no caso de Demas, que amou a presente era e abandonou o ministério (2 Timóteo 4:10). Paulo exortou os crentes em Roma a não se conformarem com essa presente era, destacando a importância de resistir à mentalidade secular (Romanos 12:2).
  • Raiz das palavras em grego:
    • A palavra grega "aion" é usada nas referências bíblicas mencionadas, que é traduzida como "era" ou "século". Ela se refere ao espírito ou mentalidade dominante de uma época, muitas vezes caracterizada pela ausência ou oposição a Deus.
  • Opiniões de livros teológicos e acadêmicos:
    • Em seu livro "Cristianismo Puro e Simples", C.S. Lewis aborda a importância de os cristãos resistirem à influência secular e permanecerem fiéis aos princípios do evangelho, mesmo quando confrontados com uma cultura hostil.
    • No livro "A Igreja Cativa", Os Guinness explora os desafios enfrentados pela igreja em uma cultura secularizada e oferece insights sobre como resistir à pressão cultural e permanecer fiel ao chamado de Deus.
  • Aplicação Prática:
    • Os crentes devem estar cientes dos desafios apresentados por uma cultura sem Deus e buscar discernimento espiritual para resistir às influências negativas ao seu redor.
    • A pregação da Palavra desempenha um papel fundamental na fortificação espiritual dos crentes, equipando-os com as verdades bíblicas necessárias para resistir às tentações e desafios da vida em uma sociedade secularizada.
    • A comunidade cristã também deve se unir em oração e comunhão, encorajando-se mutuamente a permanecer firme na fé e a não se conformar com os padrões do mundo, mas a serem transformados pela renovação da mente (Romanos 12:2).

SINOPSE II

O Ministério da Palavra traz edificação à Igreja, forma os valores do crente e levanta uma resistência diante de uma cultura sem Deus.

AUXÍLIO TEOLÓGICO

O ESPÍRITO SANTO É A FONTE
Jesus disse: ‘O Espírito é o que vivifica, a carne para nada aproveita; as palavras que eu vos disse são espírito e vida’ (Jo 6.63). Essa é a verdade poderosa a ser compreendida. Não é minha responsabilidade dar vida. Como pastor, não preciso fazer com que algo aconteça em um culto. Como crente, não preciso estar sob a pressão de ter de realizar algo para obter resultados espirituais. A mágica não está envolvida nos sinais e maravilhas de Deus. O Espírito Santo se move quando a Palavra de Deus é pregada, e dEle dependemos para os resultados. A igreja não precisa de demonstrações da carne; precisa de uma demonstração do Espírito Santo. Os crentes se desviam quando a carne se manifesta em nossas igrejas. Há algo poderoso, dinâmico, maravilhoso e glorioso, quando as pessoas chegam à presença de Jesus Cristo.

O Espírito torna o ambiente vivo e o enche de poder e expectativa do que Deus está fazendo. Quando temos o privilégio de estar em tal ambiente, o Espírito Santo é o agente acelerador. O mesmo Espírito Santo que dirigiu os escritores da Bíblia também deseja dirigir-nos hoje, de modo que venhamos a entender. Sem o Espírito Santo, a Bíblia é como um oceano que não pode ser sondado, como o céu que não pode ser inspecionado, como uma mina que não pode ser explorada e como um mistério além da compreensão. Devemos — temos de — render – -nos à liderança do Espírito Santo’” (CARLSON, Raymond; TRASK, Tho- mas E. et al. O Pastor Pentecostal: Teologia e Práticas Pastorais. 1.ed. Rio de Janeiro: CPAD, 2023, p.103).

EBD 1° Trimestre De 2024 | CPAD Adultos – TEMA: O CORPO DE CRISTO – Origem, Natureza e Missão da Igreja no Mundo | Escola Biblica Dominical 


III- O MINISTÉRIO DA PALAVRA E SUA FUNDAMENTAÇÃO

1- Deve ser cristocêntrico. A Bíblia diz que “descendo Filipe à cidade de Samaria, lhes pregava a Cristo” (At 8.5). A pregação precisa ser cristocêntrica. Cristo é o centro da Bíblia (Lc 24.27), o centro da mensagem dos profetas: “indagando que tempo ou que ocasião de tempo o Espírito de Cristo, que estava neles, indicava, anteriormente testificando os sofrimentos que a Cristo haviam de vir e a glória que se lhes havia de seguir” (1 Pe 1.11). Assim, o alvo da pregação é revelar Cristo. Apoio, por exemplo, era conhecido por sua eloquência e capacidade de mostrar que o Cristo prometido nas Escrituras hebraicas era Jesus de Nazaré: “Porque com grande veemência convencia publicamente os judeus, mostrando pelas Escrituras que Jesus era o Cristo” (At 18.28). Dizendo isso, precisamos destacar que a forma e os métodos usados para a exposição das Escrituras são importantes. Contudo, o mais importante é a revelação do seu conteúdo, Cristo Jesus.

COMENTÁRIO EXTRA

Comentário de Hubner Braz



Este ponto ressalta a importância de a pregação ser centrada em Cristo, destacando que Ele é o cerne da mensagem bíblica e o objetivo principal do ministério da Palavra:

    • Deve ser cristocêntrico:
    • A pregação precisa estar centrada em Cristo, revelando-o como o ponto focal das Escrituras e da mensagem cristã. Filipe, ao pregar em Samaria, focalizou sua mensagem em Cristo (Atos 8:5), demonstrando a importância de proclamar a pessoa e obra de Jesus.
    • Cristo é o centro da Bíblia, como Ele mesmo afirmou aos discípulos no caminho de Emaús, quando explicou como as Escrituras testemunhavam a respeito dEle (Lucas 24:27). Além disso, os profetas do Antigo Testamento também testificaram sobre os sofrimentos e a glória futura de Cristo (1 Pedro 1:11).
    • Apolo, conhecido por sua eloquência, persuadia os judeus, mostrando pelas Escrituras que Jesus era o Cristo (Atos 18:28), evidenciando como a pregação cristocêntrica é essencial para revelar a identidade e a missão de Jesus.
    • Enfatiza-se que, embora os métodos e a forma de exposição das Escrituras sejam importantes, o aspecto central da pregação é a revelação do conteúdo das Escrituras, que culmina em Cristo Jesus.

Esses pontos nos lembram da necessidade vital de manter Cristo como o foco central de nossa pregação. Ele é o cumprimento das Escrituras e a esperança da humanidade, e é somente através dEle que encontramos a redenção e a vida eterna. Portanto, a pregação cristocêntrica é essencial para transmitir a verdade transformadora do Evangelho e edificar a igreja de Cristo.


A abordagem teológica reforça a centralidade de Cristo na pregação, não apenas como uma questão de ênfase, mas como uma questão de fundamentação doutrinária e espiritual. Aqui estão alguns pontos adicionais:

  • Cristo como cumprimento das Escrituras: A pregação cristocêntrica reconhece que Cristo é o cumprimento das profecias e promessas do Antigo Testamento. Ele é o Messias tão esperado e o Salvador prometido desde o princípio da história redentora de Deus. Ao pregar Cristo, estamos proclamando não apenas uma mensagem, mas a consumação de todo o plano divino de salvação.
  • Cristo como revelação de Deus: Em Cristo, Deus se revelou plenamente à humanidade. Ele é a imagem visível do Deus invisível (Colossenses 1:15) e a encarnação do Verbo de Deus (João 1:14). Portanto, ao pregar Cristo, estamos revelando não apenas uma doutrina ou uma ideologia, mas a própria pessoa de Deus e Seu amor redentor pela humanidade.
  • Cristo como fundamento da fé: A pregação cristocêntrica estabelece Cristo como o fundamento da fé cristã. Ele é a pedra angular sobre a qual a igreja é edificada (Mateus 16:18) e o único meio de salvação para a humanidade (Atos 4:12). Portanto, ao pregar Cristo, estamos fortalecendo a fé dos crentes e chamando os incrédulos ao arrependimento e fé em Jesus Cristo.
  • Cristo como exemplo e modelo: Além de ser o Salvador e Senhor, Cristo também é nosso exemplo de vida e conduta. Sua vida terrena exemplificou perfeitamente os valores do Reino de Deus, como amor, humildade, serviço e obediência ao Pai. Portanto, ao pregar Cristo, estamos desafiando os crentes a seguirem Seus passos e viverem de acordo com Seu exemplo.

Em resumo, a pregação cristocêntrica não é apenas uma técnica ou abordagem homilética, mas uma expressão da própria essência do Evangelho. É a proclamação apaixonada e fiel de Jesus Cristo como o Filho de Deus, o Salvador da humanidade e o Senhor de toda a criação.


2- Deve ser bíblico.
 Vivemos em um tempo em que a pregação em muitos espaços virou um modismo. Parece que temos “pregadores” em demasia, mas o que se passa por pregação na maioria das vezes não o é. Na verdade são mensagens de autoajuda com um verniz de pregação. Esse tipo de mensagem é atraente porque amacia o ego e geralmente consegue muitos seguidores nas redes sociais para quem se vale dessa técnica. Contudo, não são pregações de verdade porque não há nelas uma exposição de um conteúdo bíblico. A ênfase está na performance, forma ou modo de se exibir a temática a ser abordada. O objetivo quase sempre é financeiro (Fp 3.19; 1 Tm 6.9). A doutrina do pecado, o apelo por uma vida separada do mundo e dedicada a Deus são esquecidos (2 Co 6.17). Essa modalidade de pregação opõe-se ao verdadeiro Evangelho de Cristo. É uma mensagem sem cruz (Gl 6.14-16). Na verdade, esse tipo de pregação glorifica os homens que são amantes de si mesmos (2 Tm 3.1-5).

COMENTÁRIO EXTRA

Comentário de Hubner Braz



Este ponto destaca a necessidade da pregação ser fundamentada na Palavra de Deus, em oposição a uma abordagem superficial que prioriza a autoajuda e a satisfação pessoal em detrimento da verdade bíblica:

  • Fundamentação na Palavra de Deus:
    • A pregação bíblica autêntica deve ter como base a Palavra de Deus. Isso implica em uma exposição fiel e cuidadosa das Escrituras, em vez de mensagens que buscam principalmente agradar os ouvintes ou satisfazer suas necessidades imediatas.
    • O termo grego utilizado para "pregação" é "kēryssō", que denota a proclamação de uma mensagem pública, especialmente a mensagem do Evangelho. Portanto, a verdadeira pregação deve proclamar as verdades eternas da Palavra de Deus, não apenas conselhos práticos ou mensagens motivacionais (2 Timóteo 4:2).
    • A pregação autêntica deve confrontar o pecado e exortar os ouvintes a uma vida separada do mundo e dedicada a Deus, em conformidade com os princípios e mandamentos bíblicos (2 Coríntios 6:17). Isso envolve uma abordagem séria da doutrina do pecado e da necessidade de arrependimento e santificação.
    • O verdadeiro Evangelho de Cristo é centrado na cruz e na redenção proporcionada por meio do sacrifício de Jesus. Portanto, qualquer pregação que omita a cruz ou minimize sua importância está distorcendo a mensagem do Evangelho (Gálatas 6:14-16).
  • Opiniões de livros teológicos e acadêmicos:
  • Aplicação Prática:
    • Os pregadores devem dedicar-se ao estudo diligente das Escrituras e buscar a orientação do Espírito Santo para proclamar fielmente a Palavra de Deus em suas mensagens.
    • A congregação também deve discernir e valorizar a pregação que está enraizada na Palavra de Deus e que desafia os ouvintes a viverem de acordo com os princípios do Evangelho, em vez de se contentarem com mensagens superficiais que não confrontam o pecado ou promovem uma verdadeira transformação espiritual.

SINOPSE III

O Ministério da Palavra deve ser fundamentalmente cristocêntrico e, ao mesmo tempo, bíblico.

CONCLUSÃO

Após a exposição desta lição, constatamos que a igreja precisa manter-se fiel ao ministério da Palavra. Isso só pode ser feito por meio de uma pregação genuinamente bíblica que reflita os valores do Reino de Deus. Para isso, não há atalhos. Numa cultura cada vez mais hostil à fé cristã, a igreja necessita proclamar as verdades do Reino por meio da poderosa pregação da Palavra de Deus.

COMENTÁRIO EXTRA

Comentário de Hubner Braz



Essa conclusão ressalta a importância vital da fidelidade ao ministério da Palavra na vida da igreja, especialmente em meio a uma cultura que muitas vezes é hostil à fé cristã:

  • Fidelidade ao ministério da Palavra:
    • A expressão "ministério da Palavra" enfatiza não apenas a importância da pregação, mas de todo o serviço relacionado à proclamação e ensino das Escrituras na igreja. Isso inclui não apenas os sermões pregados no púlpito, mas também o ensino sistemático da Palavra, o discipulado e outras formas de ministério que têm como objetivo transmitir os ensinamentos bíblicos.
    • A palavra grega para "ministério" é "diakonia", que denota um serviço ou ministério realizado em nome de outro. Isso destaca a responsabilidade e a autoridade investidas naqueles que são chamados para proclamar a Palavra de Deus.
  • Pregação genuinamente bíblica:
    • A pregação genuinamente bíblica é aquela que está enraizada nas Escrituras, fiel à sua mensagem e comprometida com os valores do Reino de Deus. Isso requer uma compreensão profunda e uma aplicação cuidadosa das Escrituras, bem como uma dependência do Espírito Santo para guiar e capacitar o pregador.
    • O livro "Exposição das Escrituras", de Martyn Lloyd-Jones, destaca a importância da pregação expositiva, que expõe e aplica o texto bíblico de maneira fiel e relevante para a vida da igreja. Lloyd-Jones enfatiza que a autoridade do pregador reside na Palavra de Deus, não em suas próprias habilidades ou opiniões.
  • Desafios em uma cultura hostil:
    • Em uma cultura cada vez mais hostil à fé cristã, a igreja enfrenta desafios significativos para manter-se fiel à Palavra de Deus e proclamar suas verdades de maneira eficaz. Isso requer coragem, perseverança e uma profunda confiança na suficiência da Palavra de Deus para transformar vidas e impactar a sociedade.
    • O livro "Cultura Cristã em Colapso", de Michael Horton, aborda os desafios enfrentados pela igreja em uma cultura pós-cristã e oferece insights sobre como a igreja pode permanecer fiel ao evangelho em meio a esses desafios.

Em conclusão, a igreja deve permanecer firme no ministério da Palavra, proclamando as verdades do Reino de Deus de maneira fiel e relevante, mesmo em meio a uma cultura hostil. Isso requer uma pregação genuinamente bíblica que reflita os valores do Reino e uma profunda confiança na autoridade e suficiência da Palavra de Deus para guiar, ensinar e transformar vidas.

Os conteúdos tem lhe abençoado? Abençoa-nos tbm a manter e melhorar ainda mais este Site. Nos ajude com Uma Oferta pelo PIX/TEL (15)9979804963 ou PayPal hubnersolano@hotmail.com – Seja Um Parceiro Desta Obra. “Dai, e dar-se-vos-á; boa medida, recalcada, sacudida, transbordante, generosamente vos dará; porque com a medida com que tiverdes medido vos medirão também”. Lucas 6:38 – Deus lhe abençoe ricamente.

REVISANDO O CONTEÚDO

1- Em que fato o propósito mais sublime da Igreja está amparado?
O propósito mais sublime do Ministério da Palavra está no fato de ele revelar Deus às pessoas.
2- O que as pessoas, que foram alcançadas pelo Evangelho, precisam fazer?
As pessoas que foram alcançadas pela proclamação da Palavra precisam crescer e amadurecer no Evangelho, ou seja, necessitam ser discipuladas, instruídas.
3- Qual é a função da Palavra na igreja?
A Palavra tem a importante função de edificar a igreja. Essa edificação vem pelo confronto que o Espírito Santo traz pelo ministério da Palavra, que exorta e consola.
4- O que a igreja precisa mostrar de forma bem didática?
O que significa que a igreja precisa mostrar, de forma bem didática, sua forma de pensar, crer e agir, ou seja, é preciso definir sua cosmovisão, isto é, sua visão de mundo.
5- De acordo com a lição, qual é o alvo da pregação?
O alvo da pregação é revelar Cristo.

SAIBA TUDO SOBRE A ESCOLA DOMINICAL:

📩 Receba rápido a sua revista em PDF ou adquira o acesso Vip | Saiba mais pelo Zap. 

ADQUIRA O ACESSO VIP 👆👆👆👆👆👆 Entre em contato.


Os conteúdos tem lhe abençoado? Nos abençoe também com Uma Oferta Voluntária de qualquer valor pelo PIX: E-MAIL pecadorconfesso@hotmail.com – ou, PIX:TEL (15)99798-4063 Seja Um Parceiro Desta Obra. “Dai, e dar-se-vos-á; boa medida, recalcada, sacudida, transbordante, generosamente vos dará; porque com a medida com que tiverdes medido vos medirão também”. Lucas 6:38

Clique aqui para Download das:

COMMENTS

BLOGGER

Sobre o Autor:
Ev. Hubner BrazÉ escritor, professor, blogueiro, pastor. Vivendo para o Reino de Deus. Trabalhando incansavelmente para deixar o blog sempre atualizado abençoando e evangelizando as vidas que acessam este espaço de aprendizado cristão. Criador do projeto Pecador Confesso e tem se destacado em palestras e cursos para jovens, casais, obreiros e missões urbanas | (Tecnologia WordPress).

Nos abençoe pelo PiX pecadorconfesso@hotmail.com

A Contribuição financiará os Projetos: • Mais Ferramentas para o Site. • Melhorar visual. • Manter o Site ativo e funcionando. • Ajudar nas compras de cestas básicas • Fazer parte das Missões Urbanas. • Distribuir Bíblias Grátis. • Discipular Novos Convertidos. • Adicionar Slides e Books em PDF. • Trazer mais Conteúdos para ajudar a ministrar as aulas. ••••Contribua pelo PiX•••• ||pecadorconfesso@hotmail.com || •• ou pix: •• (15) 99798-4063 (WhatsApp)

NOVOS COMENTÁRIOS$type=list-tab$com=0$c=4$src=recent-comments

Nome

#desafio42dias,6,1° Trimestre de 2020,2,10 Coisas,14,10 Sites,3,1º Trimestre,121,1º Trimestre 2018,1,2023,1,2024,19,2º Trimestr,1,2º Trimestre,145,36 Dias De Pureza Sexual,37,3º Trimestre,100,4° TRIMESTRE 2018,1,4º TRIMESTRE,195,A igreja local e missões,28,A Intervenção de Cercília,1,A Mensagem,1,A multiforme sabedoria de Deus,3,A Raça Humana,12,A volta do homem sem rosto,1,Abençoa,6,Abençoadas,6,Abominações,1,Abraão,6,Absalão. EBD,6,Abuso Sexual,5,Acabe,1,Ação de Graça,6,Acazias,1,Acepção,1,Achados,2,AD em BH,2,Adão,16,Adolescente,85,Adolescentes,28,adolescer+,8,Adoração,9,Adulto,143,Aflição,2,Ageu,3,Agonia,1,Agostinho,2,Air,1,Ajuda,2,Ajuda do Alto,3,Ajudando Vítimas das Chuvas,1,ajudar,1,Alcoólica,1,alegria,2,Ali,1,Aline Barros,1,Alisson,1,Alma,11,Alto,2,Amar,14,Amasiado,2,Amém,1,Amigo,7,Amizade,14,Amnon e Tamar,2,Amor,57,Amor de irmãos,4,Amor Perdido,8,Amor Proibido,10,Amós,1,amostra grátis,2,Ana,4,Ananias,2,Andreza Urach,1,Anfetamina,1,Angelologia,2,Angular,1,Aniquilacionismo,1,Anjo de Luz,2,Anjos,4,Anonimo,1,Anrão,1,AntiCristo,3,Antiga,1,Antigo Testamento,6,Ao Vivo,2,Apaixonado,1,Aparece,1,Aplicativo,1,Apocalipse,24,Apologia,12,Apostasia,2,Apostolo,22,Apóstolo dos pés sangrentos,1,apóstolo Paulo,42,Apóstolos,3,App,2,Apple Store,1,apreço imenso,1,Aprendendo,3,aprender,1,APRENDER+,1,Aprendizagem,1,Aprovação,1,aprovado,1,aquecimento,1,Arca da Aliança,3,Arqueologia,2,Arrebatamento,12,Arrebatar,2,Arrependimento,11,Artesão,1,Artista,1,As 95 Teses,1,As Bases do Casamento Cristão,13,As Bodas do Cordeiro,2,Asera,1,Aserá,1,Aspectos,1,Assalto,1,Assassinato,2,Assedio,1,Assembleia de Deus,5,Assista,1,Assista ao trailer oficial do projeto divulgado pela Hillsong.,1,ASSISTIR,1,Assustar,1,Astecas,1,Atacante,1,Atalaia,2,Ataque,3,Ataques,3,Ateísmo,3,Atenção,1,Atender,1,Atentado,1,Ateu,3,Atitude,1,Atitudes,1,Atitute,1,Atividade,1,Atos,16,Atributos,17,atriz,1,Audio Book,4,Auto Escola,1,autoajuda,2,Autoridade,1,Avareza do Amor,1,Avenida Brasil,1,Aviso da Anatel foi publicado no Diário Oficial da União nesta sexta. Mudança começa no dia 29 de julho; haverá um período de adaptação. App's para iphone.,1,Avivado,8,Avivamento,13,Avó,1,Baal,1,Babel,13,bailarina,1,Baixar,38,Balaão,9,Balada Gospel,1,Balzac,1,Banalização,1,Bangu,1,banner,1,Barack Obama,2,Barato,1,Barnabé,2,Base Bíblica,43,Batalha Espirítual,38,Batismo,16,Batismo nas Águas,4,Batista,2,Batom Vermelho,1,Baxterismo,1,BBB,1,Beber,1,Bebês,1,Beijo na Bíblia,1,Beijo Perfeito,3,Bençãos,6,Benhour Lopes,1,Berçário,4,Bernhard Johnson Jr,1,best-seller,5,Bestas,1,Betânia,1,BETEL,158,Betel Adulto,93,Betel Jovem,40,Bíblia,84,Bíblia Diz,22,Bíblias,7,Bíblica,28,biblicas,4,Bíblico,5,Bíblicos,4,Bibliologia,2,Bienal do Livro,10,Bigamia,1,Bilhete,1,Biografia,6,Bispa,1,bissexual,1,BléiaCamp,1,Blíblica,1,BLOG,7,BlogNovela,20,Boaz,2,Bob Marley,1,Boletim,2,Bolsonaro,1,Bom,4,bom-humor,6,Bombom,1,Bondade,2,Bons Sonhos,4,Borboleta,1,Brasil,2,Brasília,1,Brenda Danese,1,Brennan Manning,2,Briga,1,Brincadeira,1,Brother Bíblia,10,Budismo,1,Bullying,1,Busca,9,C. S. Lewis,1,Cadelabro,1,Café da Manhã,1,Calendário,1,Cam,1,Caminho,18,Caminhoneiro,1,Camisa,1,Camisetaria,1,Camisetas,1,Campanha,10,Canaã,1,canal,1,Canção,2,cançasso,1,Cancêr,1,Candidato,2,Cansei,1,canseira,1,Cantada,3,Cantar do Galo,1,cantares de salomão,14,Cantor,2,Cantora,1,Cantora Jayane,1,Cantores,3,capa,1,capacitação,1,Capítulo 1,1,capítulo 10,1,Capítulo 2,1,capítulo 3,1,capítulo 4,1,capítulo 5,1,capítulo 6,1,capítulo 7,1,capítulo 8,1,capítulo 9,1,Caráter,7,cardapio,1,Carência,4,Carismático,7,Carne,2,carreira,1,Carta,18,Carta de Amor,14,Cartas,5,Cartaz,5,Casa,15,Casa Branca,4,Casamento,19,Casamento Misto,6,Catarina Migliorini,1,Cativeiro,3,Cautela,1,CD,1,CDHM,1,Central Gospel,28,Centurião,1,Cerebral,1,Certificados,1,Cessacionismo,1,Cesto,1,CETADEB,1,Céu,12,Céus,9,CGADB,3,Chama,1,Chamada,1,Chamado,2,Champions League,1,Charges,8,Charles Darwin,1,Chegando,1,Cheios,1,CHIPRE,1,Chuva,1,Ciência,7,ciência de dados,1,Ciência vs Bíblia,10,Cinco,2,Cinco momentos mais felizes da minha vida - Série Confissões,1,Circuncisão,3,Ciro Sanches Zibordi,3,Ciúme,3,Civilização,1,Clara Tannure,1,classificação,1,Cláudia,1,Cleycianne Ferreira,11,Clipe Oficial HD,2,Coach,2,Código,1,Cólera,1,Colesterol,1,Colorida,1,com Pedro Bial,1,Combater,4,Comentários,5,Comer,1,Comer Rezar Amar,1,comigo,1,como instalar e usar,3,Como ser um missionário,12,Compartilhe,2,Completo,2,Comportamento,6,Compreender,1,comunhão,7,Comunidade Cidade de Refúgio,1,Concerto,1,Concubinas,1,Concurso Cultural,2,Condição,1,Conectar,6,Confecção,1,Conferência,2,Confession,1,Confirmando,2,Confissões,91,Confrito,3,Congresso,12,Conhecendo,16,Conhecer,4,CONHECER+,1,Conhecereis a verdade,1,Conhecimento,1,Conquista,7,Conquistas,6,Conselhos,14,Consequências,1,Conservador,1,Contra,1,Contra Mão do Mundo.,2,Contraria,1,Conversão,6,Copa America,1,Copimismo,1,Coração,6,Coragem,1,Coreografia,1,Cores,1,Coríntios,6,Corona Vírus,1,Corpo,5,Correios,1,Cortinas,1,Covid-19,1,Coxo,1,CPAD,493,CPAD Adolescentes,68,CPAD Jovem,124,Crack,1,Cracolândia,3,Crente,9,crescimento,4,Creta,1,Criação,24,Cristã,14,Cristão,29,Cristianismo,3,Cristo,38,Cronograma da Bíblia,4,Cronologia,1,Crucificação,8,Cruz,11,Ctrl C + Ctrl V,1,Cuidado,2,Cuide do Coração,5,Culto,17,Culto da Virada de Ano Novo,6,Culto dos Príncipes e das Princesas são destaque no Fantástico,4,Cultura,1,Cura,8,Curado,2,Curso,5,Cuxe,1,D. A. Carson,1,Dalila,1,Dança,1,Daniel,9,Daniel Berg,1,Daniela Mercury,1,Danilo Gentili,1,Dave Hunt,1,Davi,22,Davi e Bate-Seba,9,Davi e Jônatas,9,Davi e Mical,7,de apenas três anos pode ser transferida para SP,1,debate,1,Débora,2,Decisão,1,declaração,6,dedicação,1,deep learning,1,Degeneração,1,Deidade,1,Delírios,1,demissão,2,demônio,12,Demônios,14,Denominação,1,Dentro,1,Denúncias,5,Depressão,2,Deputado Federal,1,derrotando,1,Derrubar,1,Desabamento,1,Desafiando,10,Desafio,10,Desafio Insano,7,Desafio4x4,3,Desapaixonar,3,Descobertas,2,Desculpas,1,Desejo,2,Desenho Bíblico,8,Deserto,17,Desigrejados,3,Despedida,1,Despertamento,1,Destinatários,1,Desunião,1,Deus,106,Deus é Amor,24,Deus está Morto,3,Deus Negro,1,Deus quer te usar,1,deuses falsos,12,Deuteronômio,1,Devaneios,3,Devocional,89,Dez Mandamentos,1,Dez passos,6,Dia,1,Dia da Independência do Brasil,1,Dia de Missões,28,Dia do Evangelista,2,Dia dos Namorados,18,Dia dos Pais,9,Diabetes,1,Diabo,3,Diáconos,12,Diante do Trono,3,Diante do Trono; Lagoinha Solidária,1,Diário,3,Dias,2,Dicas,12,Dicionário,3,Diferente,1,Diferentes,1,Dilma,1,Dilma fala Contra o Aborto,1,Dinâmica,10,Dinheiro,7,Discernimento,2,Discipulado,32,Discipulos,32,Discípulos,34,discussão,1,Distância,1,Diva do Senhor,1,Divina,4,Divino,4,divórcio,3,Dízimos,10,Doação,4,Doação de Bebê,2,Dobrada,1,Doença,4,doença física,7,Dom,9,Domingo Espetacular,1,Dominical,29,Dons de Curas,17,Dons de Maravilhas,18,Dores,1,Doutrina,27,Doutrinas Fundamentais,38,Download,84,Download Livros e E-books,147,Doze,1,Drink de Baygon,1,Drogas,2,Drogas Alucinógenas,2,Drogas Estimulantes,1,DST,1,Duas,1,Duelo,1,e usa nos Smartphones,1,E-Book,37,EBD,745,EBF,1,Eclesiastes,15,ecológico,1,Ecumenismo,1,Éden,8,Edificados,1,Edir Macedo,2,Editar Foto,1,editora crista evangelica,1,Educação,1,Efatá,1,Efésios,3,Egito,6,Elcana,3,Ele,1,Eleição,6,Eleita,1,Eli,2,Elias,11,Eliasibe,1,Eliseu,2,Elizabeth Gilbert,1,Elizeu,4,Ellan Miranda,6,Elogios,1,emagrecer,1,Email,2,empresa,2,Empresa.,1,Encerramento,1,Enchente,1,Enciclopédia,1,Encontrar,1,Encontro,11,Encorajamento,4,Eneias,1,ENFRAQUECIMENTO DA IDENTIDADE PENTECOSTAL,1,Enquete,1,Ensaio Sensual,1,Ensina,1,Ensinar,4,Ensino,4,Ensinos,2,Entendendo,1,entender Deus,3,Entrevista,5,Envia,1,Envio,1,Epidemiologia,1,Epístolas,20,Época de Cristo,3,Esaú,3,Esboço Pregação,5,Escala de Professores da EBD,4,Escape,1,Escatologia,40,Escavação,1,Escola,34,Escola Bíblica Dominical,937,Escola Dominical,87,Escolha,5,Escravo,1,Escritor,1,Escrituras,4,Esdras,2,Espaço,2,esperança,6,esperança. razão,1,Espinhas no rosto,1,espinho na carne,2,Espírito,28,Espírito Santo,42,Espirituais,4,Espiritual,14,Espiritualidade,4,Estado de São Paulo,2,Ester,1,Estevão,2,Estrangeiro,1,Estranho,1,Estratagema de Deus,1,Estrutura,1,Estuda,2,Estudo Bíblico,221,Estudos Bíblicos,517,Estupro,1,Eterna,4,Eternidade,5,Eterno,3,Ética,2,Eu,1,Eu ainda te amo,1,Eufrates,1,Eva,15,evangelho,18,EVANGÉLICA,5,Evangelico,1,Evangélicos,2,Evangelismo,3,Evento,2,Evidências,1,evolução,1,ex-atriz pornô,2,Ex-BBB,1,executado,1,exegese bíblica,2,Exemplar,2,Exemplo de Tensorflow,1,Exemplos,1,exílio,3,Êxodo,2,Experiência de vida,26,Expositiva,2,Expressando,1,Extra,49,Exupéry,1,Ezequias,1,Ezequiel,4,F.F Bruce,1,Facada,1,Face de Deus,1,Facebook,1,fala,7,Falecimento,1,Falsos,13,Falta,1,familia,51,Família,51,Fat Family,2,Fazer,1,Fazer Ligação Gratuita com o App Viber é bem melhor que o Skyper,1,Fé,22,Feirinha,1,Felipe,1,Feminina,7,feminista,7,Férias,2,Ferramentas para Blogger/Twitter/Facebook,12,Festa Junina,3,Festividade,4,Ficar,1,Fidelidade,4,Fiel,4,Filha,6,Filho de Deus,9,Filho do Homem,6,Filho Pródigo,5,Filhos,17,Filipenses,1,Filisteu,1,Filme,3,Filmes,1,Fim,2,Fim de Relacionamento,7,Fim do Mundo,14,Fina Estampa,1,Final,1,Finanças,3,Firme,5,firmeza,2,Firmino,1,Fletar,1,Fogo,1,Fora,1,Forma,1,Formação,1,François Mauriac,1,Frase,5,Frases Sobre Amor,2,Frases Sobre Deus.,1,Free The Nipple,1,Friedrich Engels,1,Frutifica,6,Fundamentalismo,1,Fundamentos,1,Fúnebre,1,funk,1,futuro,1,G-JJHNKFDSCM,7,gadareno,1,Gálatas,1,Galaxy,1,Galileu,1,Galo,1,Game Of Crentes,7,Ganhe Um Livro,21,gastando pouco,1,Gay,8,Gênesis,20,Gênesis.,8,genro,1,Gentios,1,Geografia,1,Geográfica,1,Geração,2,Gestos,1,Getsemani,1,Gideões,16,Gideões Missionários da Última Hora,20,Gigante,3,Gilberto Carvalho,1,Gileade,1,Gilgal,1,Giom,1,GLBS,2,global,1,Globalismo,1,Globo,1,Glória,7,Gloriosa,1,GLOSSÁRIO,2,Glossolalia,1,Glutonaria,1,GMUH,13,Gogue,2,Goleiro,1,Golpe,1,Gômer,1,Gospel,6,Governo,4,Graça,5,Grande,5,Grande Tribulação,4,Grátis,3,Greta,1,Greve,1,grevista,1,grupos religiosos,1,Guardar,1,Guarde o Coração,3,guerra,6,Guia,2,Habacuque,4,Halloween,1,Haxixe,1,Hebraica,2,Hebreus,7,Hedonismo,4,Helena Tannure,1,Hematidrose,1,Herdeiros,1,Heresia,22,Hermenêutica,3,Hernandes,3,Hilquias,1,Hinduísmo,1,hipócrita,1,Hissopo,1,História,8,Historia Real,1,Holística,1,Holocausto,1,Homem,9,Homenagem,1,Homens,3,Homilética,3,Homofobia,15,homosexualismo,12,Homossexual,9,Honestas,1,Hóquei no Gelo,1,Hora,1,Horebe,1,Hubner Braz,23,Hulda,3,Humana,4,Humanas,1,Humanidade,2,Humano,12,Humanos,2,Humildade,2,Humor,11,I.E.Q,1,I.M.P.D.,1,Icabô,1,Identidade,2,Ideologia,1,idioma,1,Ídolos,3,Igreja,42,Igreja Assembleia de Deus dos Últimos Dias,1,Igreja Bola de Neve,1,Igreja Local,5,Igreja Mundial do Poder de Deus,3,Igreja Universal Do Reino de Deus,3,Ilha de Patmos,1,Iluminação,1,ilustração bíblica,9,Imanência,1,imersos,1,Imoral,1,Imoralidade,1,ímpio,1,Importa,1,Impostor,1,Impresso Normal,1,Impressora,1,Imutabilidade,2,Incas.,1,indenização,1,Individual,1,indústria,1,Inerrancia,1,Infantil,52,Inferno,5,infiéis,1,inglês,1,Inicio,1,Início,1,inimigo,2,injustiça,1,Insano,2,Insegurança,1,Inspiração,1,Instituição,1,Instrução,3,Integral,1,inteligência artificial,1,Intercessão,1,Internação,1,Internacional,1,Interpletação,2,interpretação,1,intertestamentários,1,Intimidade,4,Introdução,1,iPad,1,iPhone,1,Ira,1,Irmã Zuleide,1,Isaias,2,Isaque,8,Islâmico,1,Islâmismo,1,Israel,11,IURD,2,Jair Bolsonaro,1,Jair Messias Bolsonaro,1,Jardim de Infância,21,Javé,1,Jeito,1,Jejuando,1,Jejum,2,Jeroboão,1,Jerusalém,6,Jesua,1,Jesuíta,1,Jesus,53,Jesus Cristo,56,Jesus de Nazaré,9,Jezabel,1,Jó,18,João,17,João Batista. Ossada,2,Joás,1,JOEL,1,John Piper,1,John Stott,1,Jonas,2,Joquebede,2,Jornada,9,Jornal da Record,1,José,9,José Wellington,1,Josh McDowell,1,Josias,2,Josue,8,Josué,9,Jotta A,1,Jotta A lança 1º CD em culto evangélico,1,Jovem,232,Jovens,191,Judá,1,Judá e Tamar,1,Judas,1,Juízes,1,Juízo,1,Juízo Final,7,Julgamento,5,Julgamento Final,2,julgar,1,Julio de Sorocaba,1,Julio Severo,1,Juniores,42,Juramento,1,Justiça,4,Justo,1,Juvenis,22,Karkom,1,Karl Marx,1,Karma,1,Katy Perry,1,Kelly Medeiros,1,Kenneth E. Hagin,1,Kopimism,1,Lançamento,3,Lanna Holder,2,Layssa Kelly,1,Lázaro,2,Lei,5,Léia e Jacó,7,Leilão,3,Leis,2,Leitor,1,Leitora,1,Leitura,9,LEITURA BÍBLICA,3,Lembrancinhas,1,LeNovo,1,Lepra,1,Ler a Bíblia em 42 dias,3,Lésbica,1,leva Mr Catra e Sarah Sheeva para falar sobre infidelidade: “Para Deus pode tudo”. Assista ao vídeo,1,Levítico,1,Liberdade,2,Libertação,1,Libertador,1,Libertinagem,1,Libertos,2,Lição,25,Lição 5,1,Lições,1,Lições Bíblicas,10,Lições Bíblicas da BETEL,415,Lições Bíblicas da CPAD,597,Lições de Vida,28,Líder,8,Líder Adolescente,29,Líder Jovem,25,Liderança,16,Líderes,3,Lídia,1,LinkedIn,1,Lino,1,Lista,2,Litoral,1,Liverpool,1,livre,5,Livre Arbítrio,7,Livres,2,Livro,38,Livro do Trono,3,Livro em Audio,7,Livro Selado,2,Livros - Comentarios,94,Livros Evangelicos,49,livros poéticos,13,Localização,1,Logos,1,Loide,3,Loira,1,Longanimidade,1,Lopes,1,Louco,1,Louvor,10,LSD,1,Lua Nova,1,Lucas,14,Lucifer,1,Lutando,1,Lutas Marciais Mistas,1,Luto,7,Luz,1,Luz do mundo,2,Lya Luft,1,MacBook Air,1,machine learning,1,Maçonaria,1,Maconha,1,Madame de Stael,1,Mãe de Moises,8,‪Magia,1,Magogue,2,Maias,1,Mal,4,Malala,1,Malaquias,3,Manancial,1,Mandamento,1,Manifestação,3,Manifestação em Cristo,2,Manual de missões,22,Mãos,2,Maquiagem,2,Marcador de Páginas,1,Marcas,3,Marcha Para Jesus,2,Marco Pereira,1,Marcos Pereira,2,Mardoqueu,1,Maria Madalena,2,Mário Quintana,2,Martinho Lutero,1,Mártir,2,Mártires Cristãos,4,Massacre,1,Masturbação,7,Materialismo,1,maternal,16,Mateus,1,Matityáhu,1,Matrimonio,7,maturidade cristã,8,Max Lucado,2,Meditação,1,Mega Sena da Virada com Fé,1,Melhor Bíblia de Estudo,11,Melhores Blogs,3,Melhores Sites,4,Meninos de Rua,1,Menor,1,Mensagem,5,MENSAGENS,2,Mensagens para SMS,12,Mensagens SMS,2,Mensal,2,Messias,3,Mestre,4,Mesulão,1,metaverso,1,Meteoro,1,Metusalém,1,Michelle Bolsonaro,1,Mídias Sociais,2,Milagres,15,Milênio,3,Milionário,1,Millôr Fernandes,1,Milton,1,Minas,1,Ministério,20,Ministério Público Federal,2,Miqueias,2,Miriã,2,Misericórdia,6,Missão,44,Missiologia,30,Missionário,28,Missões,24,Mistério,1,Mitologia,1,Mitos,1,MMA,1,Mobilização,2,Moda Bíblica,2,Moda Cristã,2,Moda Evangélica,2,Modelo,3,Modelos,1,Moisés,21,Monarquia,3,Monte,4,Monte Tabor,1,Moralismo,1,Mordomia,9,Mordomo,1,Morrer,2,morte,13,Mortos,2,Motim,6,Motivos,1,Movimento,1,Muda,1,Mulçumano,1,Mulher,6,Mulher de Potifar,1,Mulheres,7,multiplicação,1,Mundo,9,Muro,1,Muros,1,Musica,8,Naama,1,Nacional,2,Namorado,18,Namorar,34,Namoro,106,Não,1,Não Prometeu,1,Nascença,2,Nascimento,3,Natureza,6,Naum,1,Necessidade,2,Neemias,4,Negar,2,Neimar de Barros,5,nem Cristo a Derrotaria,1,Neopentecostal,2,NetFlix,1,Nigéria,1,Ninrode,1,No Fundo Do Poço,1,Noadia,1,Noé,1,Nome,2,Nome de Bebê,1,Nomes,2,Nora,2,Normalização,3,Norte,1,Noruega,1,Nota,2,Notícia gospel,72,Notícias Gospel,220,Nova,16,Novas Lições,2,Novela,2,Novo,5,Novo Testamento,6,Novos Céus e Nova Terra,10,Novos Convertidos,14,Novos Valores,2,nutricionista,1,Nuvem,1,NX Zero,1,O adeus,1,O beijo de Vancouver,1,O Bom Samaritano,2,O Bom Travesti,1,O casamento negro,1,O Exército de Cleycianne,1,O MINISTÉRIO DE EVANGELISTA,6,O MINISTÉRIO DE PASTOR,13,O Quarto da Porta Vermelha,1,O que é visível e apenas o avesso da Realidade,1,Obadias,1,Obede-Edom,1,Obediência,11,Obesidade,1,Obra,4,Obras,3,obreiro,2,Obstáculos,1,Odio,1,Ofertada,8,Ofertas,8,Oficial,1,Olhando para direção errada,1,Olhar,3,Onde Estiver,1,ônibus,1,Onipotente,1,Onipresente,6,Onisciente,1,Online,1,Onri,1,ONU,1,Opinião,1,Opinião dos Outros,2,Oposição,1,Opressão,1,Oração,28,Orando,1,Orar,4,Orfanato,1,Organização,2,Origem,6,Os Melhores Livros,29,Os Valores do Reino de Deus,2,Oséias,5,Oséias e Gomer,5,Osiel Gomes,5,Outra Chance,3,Ovelha,8,Padrões,1,Paganismo,1,Pagãos,1,Pai,6,Paixão,3,Paixão e Cura,1,Palavra,6,Palavra de Deus,7,Palavras,1,Pandemia,5,Pânico,1,pão,2,Papa,1,Papa Francisco I,1,Papai,6,Papo,1,Paquera,2,Paquistanesa,1,Paquistão,1,Para Sempre,1,Parábolas,28,Paradoxo,2,Paródia Gospel,2,Paródia Gospel da música Kuduro com Jonathan Nemer #RiLitros,1,Participe,1,Partido Trabalhista PT,1,Páscoa,4,Pastor,22,Pastor Paul Mackenzie Nthenge,1,Pastor Presidente da Igreja do Evangelho Quadrangular,1,Pastor que cheirou a Bíblia como droga diz que essa foi a menor loucura que já fez por ela: “Eu já comi a minha Bíblia”. Assista ao vídeo,1,Pastora,2,Pastores,4,Paternidade,2,Patrick Greene,1,patristicas,2,Paulo,31,Pb. Renan Pierini,1,PDF,75,Pecado,42,Pecador Confesso,14,PECC,61,Pedindo,1,Pedofilia,2,Pedofilo,1,Pedra,1,Pedras,1,Pedro,9,peixe,1,Pelos,1,Pensamento,3,Pentateuco,6,Pentecostal,11,Pentecostes,3,Perda,3,Perdão,14,Perdidos,6,Perfeito,2,Perigo,9,Perigos,7,Perlla,1,Permanecer,1,Permitir,1,Perseguição Religiosa,3,Perseguidor,2,Personalizadas,1,Personalizar Foto,1,Perspectiva,1,Pesquisa,2,Pessoa,2,pessoas,5,Peter Moosleitner,1,Philip Yancey,8,Piada,1,Piercing,2,Pinguins,1,pintar unhas,1,Pira,1,Pirataria,1,Pirralha,1,Pison,1,Planeta Terra,2,Plano de Aula,7,PLANO DE LEITURA BÍBLICA,15,Planos,6,Plantador de Igrejas,2,Play Back,1,playboy,1,Plenitude,7,Poder,4,Poema,3,Poesia,4,Polêmica,4,Poligamia,2,Politica,1,Política,1,Pop Gospel,1,Porção,1,pornô,1,Porque caímos sempre nos mesmos pecados?,8,Portões,1,Posse,1,Possível,1,Posto,1,Povos,2,Pr Gilmar Santos,1,Pr Napoleão Falcão,3,Pr. Alexandre Marinho,1,Pr. Caio Fábio,2,Pr. Carvalho Junior,1,Pr. Ciro Sanches Zibordi,3,Pr. Claudionor de Andrade,1,Pr. Jaime Rosa,1,Pr. Jeremias Albuquerque Rocha,1,Pr. Marcelo Cintra,5,Pr. Marco Feliciano,8,Pr. Mário de Oliveira,1,Pr. Silas Malafaia,12,Pr. Yossef Akiva,1,Pragas,2,Praia,1,Prática,2,Praticar,3,Pré-Adolescentes,19,Preço,1,Predestinação,4,PrefiroBeijarABíblia,1,Pregação,14,Pregadores,4,Premier,1,Premium,1,Preocupar,1,Preparado,3,Preparativos,1,Presbíteros,1,presidente,4,Presídio,1,Prevenção,2,previdência,1,Primário,28,Primeira,2,primeiro,4,Primeiro Amor,18,Primeiro Beijo,5,Primícias,2,Primogênitos,1,Princípios,1,Prioridades,2,Prisão,4,Prisioneiro da Paixão,4,privada,1,Problemas,3,Profecia,21,Professor,21,Profeta,34,Profeta Jeremias,3,Profetas,25,Profetas Menores,23,Profética,4,Profético,9,Programa de Educação Cristã Continuada,1,Programa Na Moral,1,Programa Superpop,1,Progressista,1,Projeto,2,Projeto Cura Gay,2,Promessa,9,Prometida,2,Promoção,5,Promoção Blogosfera Apaixonada,2,Propósito,4,Prosperidade,1,Prostituta,2,Proteção,1,Protesto,1,Provai,1,Provê,1,Proverbios,15,PSDB,1,Pura,1,Purifica,2,Puro,1,Pv 4.23,1,Qualidades,1,Quando Deus diz não,9,Queda,10,Quem segue a Cristo,3,Quem Sou?,1,Querer,2,Querite,1,Raça,1,Racismo,1,Rainha de Sabá,3,Rainha Ester,2,Raptare,1,Raquel,2,Realidade,8,Rebeldia,3,Rebelião,1,Receber,1,Reconciliação,2,Reconstrução,1,Recuperação,1,Rede Globo,2,Rede Insana,2,Redenção,1,Redentora,1,redes neurais,1,reflexão,21,reformado,1,regime,1,Regininha,1,Registro Módico,1,regras,1,Rei,3,Rei Xerxes,1,Reinado,15,Reino,19,Reino de Deus,16,Reino dividido,8,Reino do Messias,6,Reis,1,Rejeição,1,Relacionamento,68,Relativismo,3,Relatos,5,Relógio da Oração,4,Remida,1,Renato Aragão esclarece polêmica sobre seu próximo filme sobre o “segundo filho de Deus” que gerou polêmica nas redes sociais.,1,Renuncia,1,Renúncia,1,Reportagem,2,Resenha,75,Reservado,2,Resguardar,1,Resistir,1,Resplandecer,1,Responde,1,Responsabilidade,2,Resposta,1,resposta bíblica,1,Ressurreição,6,Restauração,3,Restauracionismo,1,Resumo,8,Retorno de Cristo,3,Retribua,1,Reuel Bernardino,1,Rev. Augustus Nicodemus,3,Revelação,5,Revelado,1,Revista,104,revolução industrial,1,Rezar e Amar,1,Richard Baxter,1,Rico,4,Rio Tigre,1,Riqueza,3,Riscos,1,Roboão,1,Rock Gospel,1,Rodolfo Abrantes,1,Roupas,3,Rubem Alves,1,Ruins,1,Russel Shedd,1,Rute,4,Sá de Barros,3,Sábado,1,Sabedoria,17,SABER+,1,Sacerdócio,5,Sacerdotal,5,Sacrifício,4,Sadhu Sundar Singh,1,Safira,2,Safra,1,Sal da Terra,1,Salmos,30,Salomão,12,Salvação,29,Salvador,17,Sambalate,1,Samuel,14,Samuel Mariano,1,Sangue,3,Sangue no Nariz,1,Sansão,2,Santa Ceia,4,Santidade,10,Santificação,12,Santo,4,sapienciais,1,sapiências,1,Sara,2,Sarah Sheva,1,Satanás,7,Saudações,2,Saudades,4,Saul,10,Saulo,2,Savífica,1,Secrets by OneRepublic,1,Segredo,1,Seguidor,1,Seguir,1,Segunda,2,Segundo,1,Segundos,1,Segurança,1,Seita,2,Seja um empreendedor Polishop e ganhe dinheiro sem sair de casa,1,Selada,1,Seleção Brasileira,1,Sem,1,Sem Garantia,1,Semeador,8,Semente,2,Sementes,2,Seminário,1,Senhor,4,Senhorio. Jesus,1,Sensibilidade,1,Sentido da Vida,6,Sentimento,2,Sentimentos,4,Separação,2,Separar,2,Ser,3,será que é pago?,2,Serenata de Amor,1,Série Chá Com Professores,4,Série Dicas de Como Liderar,23,Série Mensagem Subliminar,1,Série Versículos Mal Interpretados,5,Sermão,4,Sermão do Monte,4,Sex,2,Sexo,5,Sexual,4,Sexualidade,5,Sidney Sinai,1,SIFRÁ e PUÁ,1,Significados,4,Silas Malafaia,5,Silêncio no Céu,9,Silk,1,Silk Digital,1,Símbolos,1,Simples,1,Sinal,1,Sincero,1,Sistema,2,Sites,3,Slide PC,2,Slider,462,slides,7,Smartphone começa a ser vendido por operadoras nesta quarta-feira (6). Galaxy S3 é o principal rival do iPhone 4S. Compare os dois modelos,1,SMS Gratuito com WhatsApp para seu Smartphone,1,Soberania,1,Sofonias,3,Sofrimento,4,Sogra,3,Soldados,5,Solidão,2,Solidariedade,1,Solução,1,Sonhos,5,Sonhos de Valsa,1,Sono,1,Sono da Alma,10,Sorrir,3,Sorteio,2,Sou,1,Subjugação,1,Sublimação,1,Sublimidade,1,Submissão,5,Subsídio,95,Sucessor,1,Sueca,1,Sujeição,1,Sul,1,Sulamita,5,suprema,2,Surface Pro 2,1,Suspenção,1,Sutiã,1,Sutileza,11,Sutilezas,1,tabela,1,Tabernáculo,4,Tabita,1,Tablet,1,Talentos Cristãos,3,Tarado,1,Tarso,1,Tatuagem,3,TCC,1,Tecido,1,Tecnologia,2,Tela Cinza,1,Telegram,1,Temas,2,Temática,2,Temor,8,Temperamento,1,Tempestade,2,Templo,3,Tempo,5,Tempo de Viver Coisas Novas,3,Tempos,2,tensorflow,1,Tentação,9,Teologia,16,Teologia da Libertação,2,Termino de Namoro,7,Término do Namoro,2,Termos,1,Terra,4,Terra Prometida,7,Terremoto,1,Testamento,1,Testemunho,21,Thalles Roberto,3,Thalles Roberto comenta da repercussão de música cantada por Ivete Sangalo,1,The Best,1,The Noite,1,Theotônio Freire,1,Tiago,3,Tigres,1,Tim Keller,1,timidez,2,Timna,1,Timóteo,13,Timothy Keller,1,Tipos,1,Tiras,1,Tirinha,4,Tirinhas Gospel,13,Tiro,1,tisbita,1,Títulos,1,Tomas de Aquino,1,Top,2,Top Blogs,4,TOP Canais,1,Top Sites Fotos,3,Top5,2,Torá,1,TPM,1,Trabalho,3,Tragedias no Rio de Janeiro,1,Traição,2,Transcendência,2,Transfer,1,Transforma,2,Tratando de uma leucemia,1,treinamento,1,Trevas,1,Tribunal de Cristo,2,Tribunal de Justiça,1,Trimestre,2,Trindade,3,Trino,2,Triunfal,1,Trono Branco,2,Tudo vê,1,Túnica,1,Tutelar,1,TV,1,TV Band,2,TV Record,3,Twitter,5,UFC,1,Ultimos Dias,1,Últimos Dias,1,um trono e um segredo,1,Uma crente,1,Uma História de Ficção,79,Unção,2,Ungido,1,Unidade,9,Universo,2,Uno,1,Urias,1,Utensilios,1,Uzá,1,Vagabundo Confesso,29,Valdemiro Santiago,4,Valores,1,Vanilda Bordieri,1,Velhice,3,Velho Testamento,1,Velório,1,Vem,2,Vencendo,2,Vencer,2,Vendedor de Droga,1,Vento,5,Ver Deus,1,Veracidade,7,Verdade,5,Verdadeira,7,Verdadeira História,1,Verdadeiro,4,verdades,1,Versículos,4,Viagem,5,Vício,1,Vida,29,VIDA CRISTÃ,2,Vida depois da morte,13,Vida Pessoal,3,Vidas,1,Vídeo,24,Vigilância,2,vinda,4,Vindouro,3,Vinho,1,Violência,2,Virá,2,Virgem,3,Virgindade,3,Virtude,1,Visão,2,Vitor Hugo,1,Vitória em Cristo,1,Vivendo,1,Viver,5,Voca,1,vocacionados,1,Volta,2,Volta de Cristo,5,Votação,1,Wanda Freire da Costa,1,webdevelops,2,Yehoshua,1,Yeshua,1,YOSHÍA,1,You Tube,2,youtuber,2,Zacarias,2,Zaqueu,1,Zelo,5,
ltr
item
Pecador Confesso: Lição 12 - O Papel da Pregação no Culto | 1° Trimestre de 2024 | EBD – ADULTOS
Lição 12 - O Papel da Pregação no Culto | 1° Trimestre de 2024 | EBD – ADULTOS
https://blogger.googleusercontent.com/img/b/R29vZ2xl/AVvXsEjYzbhzYTbI187xwlI3i9kxVLH0Nq8ROPdkWss-e_iCl1OqepQZ4Uzk3kprijmWFakSQEj2MkRwJ67HeDwGWbOHstqcY0pH8SU9lz5dFV0xp0r5hQ-g05q2VJuclUiEl7XNHZlv2B59hhfYRA_fH4EAXhKz3GGsKf8Pqy1hWOkbXtFn3fnazZ6lcizl5H7J/w640-h360/Subsidio-adulto-1-trimestre-2024-licao-12.webp
https://blogger.googleusercontent.com/img/b/R29vZ2xl/AVvXsEjYzbhzYTbI187xwlI3i9kxVLH0Nq8ROPdkWss-e_iCl1OqepQZ4Uzk3kprijmWFakSQEj2MkRwJ67HeDwGWbOHstqcY0pH8SU9lz5dFV0xp0r5hQ-g05q2VJuclUiEl7XNHZlv2B59hhfYRA_fH4EAXhKz3GGsKf8Pqy1hWOkbXtFn3fnazZ6lcizl5H7J/s72-w640-c-h360/Subsidio-adulto-1-trimestre-2024-licao-12.webp
Pecador Confesso
https://www.pecadorconfesso.com/2024/03/licao-12-o-papel-da-pregacao-no-culto-1.html
https://www.pecadorconfesso.com/
https://www.pecadorconfesso.com/
https://www.pecadorconfesso.com/2024/03/licao-12-o-papel-da-pregacao-no-culto-1.html
true
4561833377599058991
UTF-8
Loaded All Posts Mais Posts Clique Aqui Repetir Cancele a repetição Delete Por Home PAGES POSTS Mais Posts Eu Te Recomendo LABEL ARCHIVE SEARCH ALL POSTS Not found any post match with your request Back Home Sunday Monday Tuesday Wednesday Thursday Friday Saturday Sun Mon Tue Wed Thu Fri Sat January February March April May June July August September October November December Jan Feb Mar Apr May Jun Jul Aug Sep Oct Nov Dec just now 1 minute ago $$1$$ minutes ago 1 hour ago $$1$$ hours ago Yesterday $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago more than 5 weeks ago Followers Follow THIS PREMIUM CONTENT IS LOCKED STEP 1: Share to a social network STEP 2: Click the link on your social network Copy All Code Select All Code All codes were copied to your clipboard Can not copy the codes / texts, please press [CTRL]+[C] (or CMD+C with Mac) to copy