Lição 02 - Os Cônjuges e a Sexualidade | 4º Trimestre de 2023 | Central Gospel

TEXTO BÍBLICO BÁSICO - Cantares 7.1-10 1 - Que formosos são os teus pés nos sapatos, ó filha do príncipe! As voltas de tuas cox...


TEXTO BÍBLICO BÁSICO - Cantares 7.1-10

1 - Que formosos são os teus pés nos sapatos, ó filha do príncipe! As voltas de tuas coxas são como joias, trabalhadas por mãos de artista.
2 - O teu umbigo, como uma taça redonda, a que não falta bebida; o teu ventre, como monte de trigo, cercado de lírios.

3 - Os teus dois peitos, como dois filhos gêmeos da gazela.
4 - O teu pescoço, como a torre de marfim; os teus olhos, como os viveiros de Hesbom, junto à porta de Bate-Rabim; o teu nariz, como a torre do
Líbano, que olha para Damasco.
5 - A tua cabeça sobre ti é como o monte Carmelo, e os cabelos da tua cabeça, como a púrpura; o rei está preso pelas suas tranças.

6 - Quão formosa e quão aprazível és, ó amor em delícias!
7 - A tua estatura é semelhante à palmeira, e os teus peitos, aos cachos de uvas.
8 - Dizia eu: Subirei à palmeira, pegarei em seus ramos; e, então, os teus peitos serão como os cachos na vide, e o cheiro da tua respiração, como o das maçãs.
9 - E o teu paladar, como o bom vinho para o meu amado, que se bebe suavemente e faz com que falem os lábios dos que dormem.
10 - Eu sou do meu amado, e ele me tem afeição.

--------------------------------------------------------------
📥 ADQUIRA O SLIDE DA AULA => CLIQUE AQUI

Este blog foi feito com muito carinho 💝 para você. Ajude-nos 🙏. Nós abençoe doando uma oferta voluntária de qualquer valor no pixpecadorconfesso@hotmail.com

--------------------------------------------------------------

TEXTO ÁUREO

O marido pague à mulher a devida benevolência, e da mesma sorte a mulher, ao marido.
1 Coríntios 7.3

SUBSÍDIOS PARA O ESTUDO DIÁRIO

2a feira – Provérbios 5.15-18 Saciando a sede com águas cristalinas 3a feira – Gênesis 1.27,28 A bênção na intimidade
4a feira – Hebreus 13.4 A importância do leito sem mácula
5a feira – Eclesiastes 9.9 A bênção do deleite conjugal

6a feira – Cantares 4.12-16 Descobrindo as belezas do jardim fechado Sábado – Cantares 8.14 As alegrias da intimidade conjugal

OBJETIVOS
Ao término do estudo bíblico, o aluno deverá ser capaz de:
- saber que o sexo é uma bênção de DEUS para o casal, pois ele serve para a perpetuação da espécie e como fonte de prazer;
- compreender que o sexo fora do casamento é fonte de maldição;
- entender que, no relacionamento conjugal, é preciso tratar o outro com respeito, honra, dignidade e, sobretudo, amor.

ORIENTAÇÕES PEDAGÓGICAS

Caro professor, ao ensinar sobre sexo, evite:
- tratar o tema mediante o estigma do pecado e da perversidade — não podemos demonizá-lo, pois o apetite sexual faz parte da constituição humana criada por DEUS; - tratar o tema de maneira vulgar ou sem a seriedade e a pertinência necessárias — não podemos trabalhar a temática do sexo sem a maturidade exigida. Analise os textos presentes nos subsídios para o estudo diário. Enfatize que, no casamento, a prática sexual é saudável e, também, necessária. Destaque as questões relativas aos males da perversão sexual, algo tão comum nos dias atuais. Outra dica importante: não ignore o nível de maturidade da turma, isto é, trate o tema de maneira bíblica e equilibrada. Salomão, em Cantares, trabalhou o tema em pauta com sutilezas e sem vulgaridades. Analise as metáforas contidas em Cantares. Cláudio Duarte

1. A PRÁTICA SEXUAL SEGUNDO AS ESCRITURAS
1.1. O homem, criação de DEUS

1.2. A união física e emocional do casal

2. A PRÁTICA SEXUAL E SEUS DESVIOS

2.1. A prostituição e seus males Fornicação - Homossexualismo - Adultério 2.2. O prazer como guia

3. A PRÁTICA SEXUAL NA INTIMIDADE DO CASAL 3.1. A orientação bíblica
3.2. A intimidade e a dignidade

Palavra introdutória

O diabo tenta transformar as bênçãos de DEUS em maldições. Ele é especialista em deturpar a verdade, agindo dessa forma desde o princípio. Foi exatamente isso que ele fez com Eva ao convencê-la a comer do fruto da árvore do bem e do mal (Gn 3.1-5). O sexo é apenas mais um exemplo das inúmeras distorções realizadas pelo diabo. O casamento surgiu para resolver o problema da solidão e proporcionar completude; porém, por conta da dureza do coração humano e da influência de Satanás, a união entre homem e mulher tem-se tornado, infelizmente, uma prisão e um sofrimento para muitos. O apetite sexual existente no homem é fruto do ato criativo de DEUS (Gn 1.27,28). Portanto, o sexo é uma bênção do Criador e, como tal, deve ser praticado sem culpa ou neuroses. O prazer deve caracterizá-lo. Aliás, quando não há prazer, não é sexo, que, inclusive, faz muito bem à saúde. Pesquisas apontam que pessoas bem resolvidas nessa área aumentam o rendimento profissional, diminuem os riscos de hipertensão, fortalecem o sistema imunológico, aumentam a autoestima, dormem melhor e são menos estressadas. Isso prova que o sexo faz bem ao coração!

SUBSÍDIO PALAVRA INTRODUTÓRIA

Paulo referiu-se ao sexo como benevolência (1 Co 7.3). Esse termo vem do latim e significa “atitude que expressa afeto e estima em relação ao outro; demonstração de bondade e altruísmo”. Para além da procriação, sexo é demonstração de amor entre o casal.

1. A PRÁTICA SEXUAL SEGUNDO AS ESCRITURAS

Não importa a área da vida, os passos do cristão devem seguir as orientações da Palavra. Ela é a bússola, o manual de fé e de prática (Sl 115.11). Ao observá-la, o casal poderá sabiamente aplicar os princípios divinos que guiarão sua vida sexual ao êxito, aprendendo por meio dos casos narrados pelos escritores sagrados (Gn 39.7-11; 2 Sm 11.1-5).

1.1. O homem, criação de DEUS

DEUS formou o homem e deu-lhe a capacidade de procriar, ou seja, o potencial para a perpetuação da sua espécie. A responsabilidade de multiplicar (e de encher a terra) foi dada ao homem, e isso seria possível somente por meio da relação sexual. É preciso destacar que, antes da ordem de multiplicação, o texto bíblico afirma que, Primeiro, DEUS liberou a Sua bênção sobre o casal (macho e fêmea), pois, sem bênção, não há multiplicação: E DEUS os abençoou e DEUS lhes disse: Frutificai, e multiplicai-vos, e enchei a terra (Gn 1.28). Esse versículo demonstra que não houve constrangimento por parte de DEUS em relação ao sexo. A propósito, o verbo hebraico yada (“conhecer, perceber, observar, descobrir, experimentar, entender, respeitar, ter intimidade, isto é, um conhecimento experimental e intenso”), usado para referir-se ao ato sexual, também é utilizado para descrever intimidade com DEUS (Gn 4.1,17; 1 Sm 1.19; Jr 2.8; 9.24; Os 6.3).

1.2. A união física e emocional do casal

Sexo não é um aproveitamento do outro, uma simples forma de ter vantagem ou de usar alguém ao seu bel-prazer. É doloroso saber que alguém se deitou com uma pessoa sem, ao menos, saber seu nome, que dirá conhecê-la no sentido bíblico (conhecimento vivencial). Tal ato é pecado e traz consequências e condenação para os que assim agem. O relacionamento sexual envolve: espírito, porque simboliza a natureza trina de DEUS; alma, porque demanda sentimentos, razão e vontade; e corpo, porque ambos se tornam uma só carne. Paulo afirmou que, quando alguém se deita com a prostituta, torna-se um com ela (1 Co 6.15-20), o que expressa e comprova a importância que o ato sexual tem. No relato bíblico sobre o casal Isaque e Rebeca, lê-se que, após oração no campo, Isaque levantou os olhos e avistou Rebeca, sua bênção, ao longe. Ela, por sua vez, perguntou ao servo quem era o jovem que a olhava e caminhava ao seu encontro. O servo respondeu-lhe: Este é meu senhor (Gn 24.65). Ao colocar o véu, a moça reservou sua intimidade para o marido. Então, depois de apresentados, diz o texto

bíblico: Isaque trouxe-a para a tenda de sua mãe, Sara, e tomou a Rebeca, e foi-lhe por Mulher, e amou-a. Assim, Isaque foi consolado depois da morte de sua mãe (Gn 24.67). O que aconteceu entre esse casal foi, de fato, algo tão especial e prazeroso que ajudou Isaque a superar a dor decorrente da morte de sua mãe.

2. A PRÁTICA SEXUAL E SEUS DESVIOS

O homem possui dentro de si valores éticos, morais e espirituais que o distinguem dos animais. Quanto mais se aproxima de DEUS, mais ético e humano ele se torna. Entretanto, quanto mais longe do Criador, mais parecido com os animais o homem se torna. Foi assim que aconteceu com o filho pródigo, que, em uma terra longínqua (distante da casa e dos valores do pai), desejou as comidas dos porcos (Lc 15.16).

2.1. A prostituição e seus males

A recomendação bíblica é para fugir da prostituição e mortificar a natureza pecaminosa (1 Co 6.18; 2 Tm 2.22; Cl 3.5). A Bíblia descreve vários tipos de pecados na área sexual. O vocábulo grego porneia (“devasso, impuro”) é usado para abarcar, genericamente, qualquer pecado praticado nesse âmbito. Frequentemente, porneia é traduzido por prostituição, ou seja, um nome dado aos atos de impurezas sexuais. Quando desejava especificar determinado tipo de pecado sexual, o escritor usava outros termos, como: Fornicação — em um sentido mais restrito, fornicação é a prática do sexo por uma pessoa solteira com outra, do sexo oposto, solteira ou casada (2 Tm 2.22). Homossexualismo — tal prática não tem respaldo bíblico. Ela é descrita como um desvio comportamental à luz do ideário divino para o homem. Paulo declarou que os efeminados e os sodomitas não herdarão o Reino de DEUS (1Co 6.9,10).

Adultério — o termo grego moichoi é usado para descrever a prática do sexo por uma pessoa casada com outra, do sexo oposto, casada ou não (1 Co 6.9). Esse tipo de união é proibido, pois fere o pacto feito pelo casamento (Êx 20.14; Dt 5.18). O Senhor JESUS tratou o adultério com severidade ao explicar que sua prática inicia com a intenção no coração (Mt 5.28), e os apóstolos afirmaram que os adúlteros não herdarão o Reino dos Céus (1 Co 6.9; Ap 22.15). Há perdão de DEUS, no entanto, para aqueles que se arrependem (2 Sm 12.13,14; Jo 8.1-11).

2.2. O prazer como guia

A realidade impõe ao homem determinados limites, pois, sem eles, a sociedade caminharia para o caos social. Por isso, quando DEUS declara que o pecado mata, é porque realmente mata (Gn 2.17). O homem deve honrar a DEUS por meio do corpo (1

Co 6.20). Mas, há pessoas que não se preocupam com as consequências do pecado e, até mesmo, negam a sua existência. Buscam, insaciavelmente, satisfazer seus desejos libidinosos e não que rem honrar a DEUS, sendo guiadas pelo princípio do prazer e pela carne (natureza pecaminosa). É válido ressaltar que aquele que anda na carne não pode agradar a DEUS (Rm 8.8).

SUBSÍDIO 2.2

O problema proveniente do sexo dá-se, exatamente, em função da sua prática equivocada: quando é realizado fora do casamento e quando simplesmente destina-se à satisfação de impulsos desordenados.

3. A PRÁTICA SEXUAL NA INTIMIDADE DO CASAL

Todo casal pode e deve usufruir de uma vida sexual ativa positiva. A Bíblia não demoniza a prática sexual no casamento; pelo contrário, traz orientações para que essa questão colabore com a saúde física, emocional e espiritual do homem e da mulher. Mesmo no casamento, quando as orientações bíblicas são ignoradas, aquilo que seria fonte de prazer e alegria, transforma--se em momentos de tortura.

3.1. A orientação bíblica

Paulo escreveu que o casal não deve defraudar (privar) um ao outro, pois isso pode dar ocasião a tentações na área sexual. A única possibilidade de privação mútua seria por motivos devocionais estabelecidos pelo casal (1 Co 7.1-7). Muitos casais não pagam a devida benevolência (1 Co 7.3) e estão com suas contas no vermelho. Isso ocorre por vários motivos: por violência; por falta de carinho, de respeito, de higiene, de romantismo e de sensibilidade; porque um obriga o outro a fazer o que não deseja, ou seja, sem consentimento mútuo; ou por questões de saúde. A falta de apetite sexual pode ser um sintoma, inclusive, de depressão. É importante buscar ajuda para superar os desafios existentes nessa área. O ato sexual deve ser recheado de afetividade, carinho e alegria. Salomão escreveu: Seja bendito o teu manancial, e alegra-te com a mulher da tua mocidade, como cerva amorosa e gazela graciosa; saciem-te os seus seios em todo o tempo; e pelo seu amor sê atraído perpetuamente (Pv 5.18,19). Nesse contexto bíblico, além de alertar sobre os perigos da imoralidade, o autor sagrado

estimula a prática sexual saudável. É importante que a sede seja saciada em casa (Ct 1.1-4; 2.1-7; 4.3-5,10,16; 6.2,3; 7.1-13)!

3.2. A intimidade e a dignidade

Há um ponto importante a ser destacado. Algumas orações não são respondidas por DEUS porque falta dignidade no leito conjugal (1 Pe 3.7). O sexo só é permitido entre marido e mulher, porém, mesmo nesse caso, a relação íntima precisa ser pura e santa. Quando pauta sua intimidade no respeito, na honra e na dignidade, o casal consegue desenvolver uma vida sexual aprazível. Quando um não quer, os dois não fazem. O cônjuge não pode ficar em silêncio e submeter-se a determinados caprichos do outro. É importante, às vezes, saber dizer “não”. Quando o amor está presente no relacionamento, sempre há entendimento (Hb 13.4). O ideal é conhecer o outro, para que esse momento íntimo seja aquilo que deve ser: um tempo de prazer.

O HOMEM...

DIFERENÇAS ENTRE O HOMEM E A MULHER A MULHER...

Tende ao amor estético
Tende ao amor quantitativo
Deseja o corpo e depois a pessoa dela É estimulado pela visão

Tende ao amor ético
Tende ao amor qualitativo
Deseja a pessoa e depois o corpo dele É estimulada pela audição e pelo tato

Tende a atrelar o ato sexual ao corpo

Tende a atrelar o ato sexual às emoções

Precisa do sexo para manter o casamento

Precisa de carinho, afeto, proteção e sexo

Vê o sexo de modo centralizado e descontinuado

Vê o sexo de modo descentralizado e continuado

CONCLUSÃO

O sexo é bênção somente no relacionamento conjugal, ou seja, no casamento. A relação sexual praticada fora do casamento torna-se maldição. Mesmo no matrimônio, é necessário praticá-lo com pureza e santidade, pois tudo que o homem faz deve ser para a glória de DEUS.

ATIVIDADE PARA FIXAÇÃO

1. O que é adultério?
R.: O termo grego moichoi é usado para descrever a prática do sexo por uma pessoa casada com outra, do sexo oposto, casada ou não (1 Co 6.9).

==================

LPD nº 71 - Central Gospel : RESTAURANDO A VISÃO FAMILIAR. 

Lições Da Palavra De Deus. Professor: Fundamentos da Família Cristã 

SINOPSE

 A Igreja tem ciência de que as famílias, ao redor do mundo, têm sido afetadas pela cultura.

Os papéis que os membros de cada núcleo familiar exercem no cotidiano estão sendo questionados. O mundo mudou, mas a Palavra de Deus não muda; por essa razão, o modo como nós, cristãos, enxergamos os desafios do presente século precisa ser ajustado às lentes do Evangelho.

Jesus ensina-nos que a luz do corpo procede dos olhos (Mt 6.22a; Lc 11.34); portanto, se não soubermos enxergar corretamente a vida, trevas emanarão de nós; e o oposto também é verdade: se soubermos olhá-la de modo acertado, luz irradiará do nosso ser.


Nesta revista, intitulada “Restaurando a visão familiar”, faz-se necessário destacar as maneiras como temos visto (e enfrentado) as realidades que se apresentam às famílias cristãs deste tempo. No decorrer das lições, alunos e professores serão impactados pelas palavras dos pastores Claudio Duarte e Estevam Fernandes e das pastoras Albertina Malafaia e Elizete Malafaia, os quais discorrem sobre temas relevantes, tais como: sexualidade; infertilidade; adoção; educação dos filhos; família mosaico; finanças; ministério sacerdotal do homem; violência familiar; divórcio; restauração de laços familiares; terceira idade, dentre outros.

Pergunte-se e responda: como você tem visto e enfrentado os apelos da cultura?

 

“O olhar aponta o foco do nosso presente, direciona o nosso futuro, revela as verdades da nossa alma e orienta os nossos relacionamentos.” Pr. Estevam Fernandes



TÍTULOS LIÇÕES

 


Lição 01 – casamento, lugar em que tudo começa

Lição 02 – os cônjuges e a sexualidade

Lição 03 – os dramas humanos e a graça divina

Lição 04 – do coração para toda a vida

Lição 05 – existe filho predileto?

Lição 06 – os desafios da família mosaico

Lição 07 – os cônjuges e a vida financeira

Lição 08 – o ministério sacerdotal do homem

Lição 09 – diga não à violência familiar

Lição 10 – o divórcio e a quebra de uma aliança

Lição 11 – restaurem a mesa da família

Lição 12 – terceira idade, destino dos longevos

Lição 13 – a importância do olhar

 

 

Especificações:

Revista professor: 104 páginas

Revista aluno: 68 páginas

Formato: 13,5 x 20,5 cm

Sobre os comentaristas:

Albertina Malafaia

Pastora, pedagoga, psicóloga e escritora.

Claudio Duarte

Pastor, conferencista e autor do best-seller Sexualidade sem Censura.

Elizete Malafaia

Pastora, psicóloga, palestrante e escritora.

Estevam Fernandes

Pastor, psicólogo clínico, mestre em Teologia, doutor em Sociologia, escritor e conferencista motivacional.

SAIBA MAIS SOBRE ESCOLA DOMINICAL:

Gostou do site? Ajude-nos a manter e melhorar ainda mais este Site: Nos abençoe com uma oferta voluntária pelo PiX/TEL (15)99798-4063 ou (pix/email) pecadorconfesso@hotmail.com – Seja um parceiro desta obra. “(Dai, e dar-se-vos-á; boa medida, recalcada, sacudida, transbordante, generosamente vos dará; porque com a medida com que tiverdes medido vos medirão também. Lucas 6:38 )”

SAIBA TUDO SOBRE A ESCOLA DOMINICAL:

Clique aqui para Download das:

SUBSÍDIOS DAS REVISTAS – 3º Trimestre De 2023
| CLIQUE E ACESSE |

---------------------------------------------------------

Acesse nossos grupos, clique, entre e tenha mais conteúdo:

Muito conteúdo sem sobrecarregar seu celular.
Acesse mais Conteúdo pelo Telegram
Mais conteúdo pelo WhatsApp
Gostou do site? Ajude-nos a Manter e melhorar ainda mais este Site.
Nos abençoe Com Uma Oferta Voluntária pelo

PIX/e-mail: pecadorconfesso@hotmail.com
ou PIX/Tel: (15)99798-4063 ou PicPay: @pecadorconfesso

Seja um parceiro desta obra.

“Dai, e dar-se-vos-á; boa medida, recalcada, sacudida, transbordante, generosamente vos dará; porque com a medida com que tiverdes medido vos medirão também”. (Lucas 6:38)

---------------------------------------------------------

SEJA UM PROFESSOR DA EBD PREPARADO NO ENSINO. LEIA OS ARTIGOS:

(1) CURSO PREPARATÓRIO PARA PROFESSOR DA EBD - ESCOLA DOMINICAL
#ACERVO DE 900 MIL LIVROS EM PDF - ENCONTRE O QUE PROCURA

---------------------------------- 

Gostou do site? Ajude-nos a manter e melhorar ainda mais este Site: Nos abençoe e incentive está obra que demanda tempo com uma oferta voluntária pelo PiX/TEL (15)99798-4063 ou (pix/email) pecadorconfesso@hotmail.com – Seja um parceiro desta obra. “(Dai, e dar-se-vos-á; boa medida, recalcada, sacudida, transbordante, generosamente vos dará; porque com a medida com que tiverdes medido vos medirão também. Lucas 6:38 )”


---------------------------------------------------------


SUBSIDIO EXTRA:


O JOVEM CRISTÃO E A
MASTURBAÇÃO (http://espadadedoisgumes.no.comunidades.net)

por JERRY WHITE

Vivemos em uma era de liberdade de expressão e de um estilo "livre" de vida. Hoje vemos nos filmes, nas novelas, nas músicas, nas danças, nas roupas da
moda, etc...., uma comercialização do sexo. Em Gênesis 1:28, DEUS disse ao homem: "E DEUS os abençoou e DEUS lhes disse: Frutificai, e multiplicai-vos, e enchei a terra, e sujeitai-a; e dominai sobre os peixes do mar, e sobre as aves dos céus, e sobre todo o animal que se move sobre a terra", ou seja, o sexo tinha uma função procriativa e fez DEUS uma mulher idônea para Adão para que, dela, ele desfrutasse e, com ela, enchesse a terra (Gn 2:18).

Hoje em dia o sexo está tão banalizado que não há mais aquela expectativa dos noivos em se descobrirem aos poucos, em maravilharem-se um com o outro vivendo uma novidade maravilhosa de um toque, de uma fragrância, de surpresas que fortalecem o casamento e o amor. Com tamanha sobrecarga de "normal" (sexo antes do casamento é normal, homossexualismo é normal, filhos drogados é normal, você tem que aceitar...), porque não devemos ensinar nossos filhos a se masturbarem?


Não é normal?
Vamos falar de áreas cinzentas da moralidade
Ao considerar as questões sexuais que não estão especificamente relacionadas na Escritura, tenha em mente certas experiências pré-sexuais que conduzem facilmente à lascívia ou à luxúria.
Nossos pensamentos
A batalha pela pureza sexual sempre começa na mente. Aquilo em que pensamos constantemente, acabamos fazendo. Enchemos nossa mente com o bem ou o mal, o puro ou o impuro, o certo ou o errado. Muitos crentes tentam abrigar ambas as tendências em seus pensamentos.
O pecado sexual declarado é concebido na mente, desenvolvido em várias experiências pré-sexuais, e finalmente torna-se realidade, quando a oportunidade aparece. Não somente a imoralidade resultante é pecado - os pensamentos impuros também são pecados. As palavras de JESUS, no Sermão da Montanha, são frequentemente citadas a este respeito: "Ouvistes o que foi dito: Não adulterarás. Eu, porém, vos digo que todo aquele que olhar para uma mulher para a cobiçar, já em seu coração cometeu adultério com ela" (Mt 5:27,28). Não se confunda, a ponto de dizer: "Visto que já pequei em meu coração, posso também pecar com o corpo". Estes pecados não são os mesmos! Um é o pecado da mente, e em pensamento apenas uma pessoa peca. O outro é um pecado da mente e do corpo, e, com o corpo, duas pessoas pecam. Na mente, não há união física. Com o corpo, os dois chegam a se conhecer um ao outro de maneira irreversível. Note que, em Mt 5:28, JESUS menciona não apenas olhar, mas olhar para cobiçar. Isto implica um desejo ativo, imaginando uma união ou contato sexual.
Paulo diz que o crente de espírito controlado, na batalha espiritual, está "levando cativo todo pensamento à obediência a CRISTO" (II Co 10:5). E Pedro diz: "Cingindo os lombos do vosso entendimento, sede sóbrios... não vos conformeis às concupiscências que antes tínheis na vossa ignorância" (I Pe 1:13,14). Não podemos impedir todo pensamento impuro de entrar na mente, porém somos realmente capazes de controlar os pensamentos que permanecem e se desenvolvem.
Nossos olhos
O que nossos olhos veem e leem produz e controla a maior parte de nossos pensamentos. As Escrituras ensinam que os olhos são a "candeia do corpo" (Mt 6:22,23) e que se os "olhos forem maus", o corpo "será tenebroso". Esta verdade descreve mais do que um fato físico. Refere-se ao que os olhos deixam entrar na mente.
O apóstolo João adverte contra a "concupiscência dos olhos" (I Jo 2:16). Salomão escreveu: "Dirijam-se os teus olhos para a frente e olhem as tuas pálpebras diretamente diante de ti. Pondera a vereda de teus pés, e serão seguros todos os teus caminhos" (Pv 4:25,26). Salomão também diz: "Filho meu, dá-me o teu coração; e deleitem-se os teus olhos nos meus caminhos. Porque cova profunda é a prostituta; e o poço estreito é a aventureira" (Pv 23:26,27).
Devemos nos afastar da pornografia que vem sendo despejada em nosso caminho, lembre-se: "os olhos são a candeia do corpo". Se você não resiste à tentação, não olhe. Você não pode ser tentado a se masturbar se estiver lendo passagens da Bíblia. Masturbação é pecado? A maioria dos não-crentes e também muitos crentes crêem que a masturbação não apresenta nenhum problema. Certamente, não acham que é pecado e que só constitui um problema quando é uma obsessão e um substituto psicológico total para as relações sexuais normais.

Masturbação é pecado?

A maioria dos não-crentes e também muitos crentes crêem que a masturbação não apresenta nenhum problema. Certamente, não acham que é pecado e que só constitui um problema quando é uma obsessão e um substituto psicológico total para as relações sexuais normais.

A muitos mitos sobre a masturbação, em escritos católicos e protestantes antigos, a este respeito. Alguns destes mitos são que a masturbação causa danos físicos, que destruirá a habilidade sexual no casamento ou que causará distúrbios emocionais. Estes mitos eram basicamente táticas para amedrontar e tinham pouca base em fatos. Não há passagem específica na Escritura que fale diretamente da questão da masturbação. Há quem chame a atenção para Gn 38:8-10 e I Co 6:9-10. Concordo com o escritor Herbert J. Miles, que estas passagens não falam de masturbação. Mesmo assim, a Bíblia fornece orientações que lhe permitirão decidir se a masturbação é pecado ou não. Reflita sobre as seguintes observações:

1. Vejamos à definição de lascívia e luxúria: "Gratificação dos sentidos ou indulgência para com o apetite; dedicado aos ou preocupado com os sentidos" e "desejo sexual intenso". A masturbação encaixa-se definitivamente nestas definições (veja Gl 5:19). Pode-se praticar a masturbação sem lascívia ou luxúria?

2. O teste seguinte é o de sua vida mental. JESUS disse: " Eu, porém, vos digo que todo aquele que olhar para uma mulher para a cobiçar, já em seu coração cometeu adultério com ela" (Mt 5:27,28). Quando uma pessoa pratica masturbação, o que se passa em sua cabeça? As cachoeiras de Paulo Afonso? Pode alguém se masturbar sem imaginar um ato sexual ou ao menos cenas sensuais? O que é que você acha? Se você pratica a masturbação, pode sua mente permanecer pura?

3. Em seguida, reflita sobre a santidade e a intenção da relação sexual no casamento. Sem sombra de dúvida, a masturbação é uma tentativa de experimentar as mesmas sensações que são atribuídas ao casamento. É um substituto do ato verdadeiro - uma farsa, uma falsificação, um dolo.

4. A masturbação é também totalmente egocêntrica. Uma das características do egocentrismo é a autoindulgência. Paulo descreve o modo de vida de quem é controlado por Satanás, dizendo: "Todos nós também antes andávamos nos desejos da nossa carne, fazendo a vontade da carne e dos pensamentos" (Ef 2:3).

5. Finalmente, a masturbação pode nos levar à escravidão. Quando uma pessoa é dominada por uma indulgência carnal, ela peca. "Não reine, portanto, o pecado em vosso corpo mortal, para obedecerdes às suas concupiscências" (Rm 6:12). Paulo também diz: "Todas as coisas me são lícitas, mas nem todas as coisas convém. Todas as coisas me são lícitas, mas eu não me deixarei dominar por nenhuma delas" (I Co 6:12). Você é escravo da masturbação?

Reflita sobre os cinco enunciados acima, para determinar se, para você, a masturbação é pecado.
Liberte-se!
O impulso sexual é uma parte normal, dada por DEUS, de qualquer homem ou mulher saudável. Envergonhar-se disto é duvidar da bondade de DEUS para conosco. Abusar dele é contrariar a graça que DEUS tenciona para nós. Ele nos criou com muitos impulsos e desejos, que podemos desenvolver ou usar de maneira errada. Como um deles, o impulso sexual ativa ou destrói os relacionamentos, de acordo com seu controle e aplicação.

A masturbação é um problema comum. Não devemos ter medo de conversar sobre ela nem de ajudar as pessoas a superá-la. Homens e mulheres acham que é um hábito igualmente opressivo, e buscam ajuda para a superação do problema. Compaixão, e não condenação, deve ser nossa resposta.

Minha conclusão é que a masturbação não deve fazer parte da vida do crente. I Coríntios 6:18-20, Gálatas 5:19 e I Tessalonicenses 4:3-7 são passagens que falam sobre a questão do uso de nossos corpos devidamente no sexo. Embora não possamos assentar todos os argumentos que dizem que a masturbação é pecado, não podemos negar que ela é resultado da lascívia e da paixão. Mas, na liberdade da graça de DEUS, podemos escolher fazer o que é sagrado e direito aos olhos de DEUS.

Pergunta: Sexo antes do casamento é mesmo pecado? (http://espadadedoisgumes.no.comunidades.net)

Resposta: Antes de nos determos no tema (sexo antes do casamento), é bom destacarmos que DEUS não é contra o prazer sexual. Foi Ele quem fez o sexo e o deu de presente para o ser humano. O problema está no sexo que é praticado fora do casamento. Quando nos criou DEUS sabia como poderíamos desfrutar plenamente do prazer sexual. Vendo que é dentro de um contexto de profunda intimidade e segurança (só dentro do casamento isto pode ser desfrutado plenamente) que a pessoa pode realizar-se sexualmente, DEUS estabeleceu em Sua Lei que as relações sexuais devem ser mantidas após o matrimônio. Veja que DEUS sempre sabe o que é melhor para as Suas criaturas!
Continuemos em nossa análise:

1) Quando DEUS criou Adão e Eva, logo em seguida proferiu a “bênção” sobre o casal; após isto, ambos “se tornaram uma só carne” (Gênesis 1:27 e 28; 2: 21-24). O sexo faz parte da perfeita criação de DEUS qualificada como sendo “muito bom” (cf. Gênesis 1:31).
2) As Escrituras condenam a prática do sexo fora do casamento, pois tal atitude não faz parte do plano original de DEUS:
"Alguém vai dizer: 'eu posso fazer tudo o que quero.' Pode, sim, mas nem tudo é bom para você. Eu poderia dizer: 'Posso fazer qualquer coisa. Mas não vou deixar que nada me escravize.' O alimento existe para o estômago, e o estômago existe para o alimento. Sim, mas DEUS acabará com os dois. O nosso corpo não existe para praticar a imoralidade, mas para servir o Senhor; e o Senhor cuida do nosso corpo. Fujam da imoralidade sexual! Qualquer outro pecado que alguém comete não afeta o corpo, mas a pessoa que comete imoralidade sexual peca contra o seu próprio corpo. Será que vocês não sabem que o corpo de vocês é o templo do ESPÍRITO SANTO, que vive em vocês e lhes foi dado por DEUS? Vocês não pertencem a vocês mesmos, mas a DEUS, pois ele os comprou e pagou o preço. Portanto, usem o seu corpo para a glória dele.” (1 Coríntios 6:12,13, 18-20 BLH – Bíblia Na Linguagem de Hoje)
“Mas eu digo: Já que existe tanta imoralidade sexual, cada homem deve ter a sua própria esposa, e cada mulher, o seu próprio marido”. (1 Coríntios 7:2 BLH)
“O que DEUS quer de vocês é isto: que sejam completamente dedicados a ele e que fiquem livres da imoralidade”. (1 Ts 4:3 BLH – no original, a palavra para imoralidade se refere à fornicação, sexo fora do casamento).
3) O sexo pré-conjugal traz efeitos negativos:
a) Efeitos emocionais negativos (na grande maioria das pessoas): culpa, ciúme, ansiedade, medo de uma gravidez, etc......
b) Problemas de relacionamento: entre os namorados, familiares...
c) Efeitos espirituais: culpa, medo de DEUS, ausência de vontade de estudar a Bíblia e orar...
d) Efeitos físicos: aumenta as possibilidades de uma gravidez indesejada e de contrair doenças venéreas (estas considerações foram extraídas e adaptadas
do livro Aconselhamento Cristão, de Gary R. Collins – Sociedade Religiosa Edições Vida Nova).
Se ao nos relacionarmos sexualmente presenciamos alguns destes efeitos, o mesmo não está nos beneficiando; e isto não é da vontade de DEUS. Ele quer que desfrutemos deste presente da melhor maneira.
Quando DEUS nos ensina a maneira correta de fazer sexo, o faz para nosso próprio bem.
4) A fim de aliviarmos a tensão sexual, a recomendação de DEUS é que nos casemos:
“Caso, porém, não se dominem, que se casem; porque é melhor casar do que viver abrasado”. (1 Coríntios 7:9) O texto é claro a este respeito; não dá margem para que aliviemos nossos desejos sexuais fora do matrimônio.
Isto não indica de forma alguma que a motivação de se casar seja apenas o sexo; cuidado com isto, pois muitos caem nesta cilada!
Assim, vemos que biblicamente, o sexo deve ser feito apenas no casamento. Praticá- lo de outra forma, constitui-se um pecado sujeito a julgamento (I Co 6:9-13;18;20; Efésios 5:3-7; Colossenses 3:5-6, etc...), pois o propósito original de DEUS é desvirtuado, trazendo assim prejuízos à felicidade e saúde humana.
Há outras razões pelas quais não devemos usufruir a relação sexual antes de se casar? DEUS criou o sexo para o prazer e intimidade do casal (também com finalidade de procriação), de modo que ambos encontrassem plena satisfação um no outro. “O sexo é saudável quando você pode conciliar satisfação sexual, integridade, compromisso, bem-estar a outra pessoa e um senso de autoestima e dignidade. E isto só é possível dentro do casamento” (Pastor José Maria, em um de seus artigos para a Revista Adventista), pois no namoro ou noivado não há este compromisso, palavra esta que está quase que totalmente extinta do vocabulário social atualmente.
Temos de ser honestos em reconhecer que não é de as coisas mais fáceis ser puro sexualmente, especialmente na sociedade moderna. Todos os dias somos bombardeados pela mídia com cenas de sexo ou abordados a respeito deste assunto. A cultura na qual vivemos de certo modo nos influencia muito, inclusive em nossos conceitos. Porém, isto não nos dá a liberdade de transgredirmos as leis de DEUS.
O cristão é guiado pelo ESPÍRITO SANTO e não pelas opiniões alheias.
O que fazer? Precisamos aceitar o fato de que não iremos modificar o mundo; ao mesmo tempo, tomar a decisão de não permitirmos que a coletividade nos mude,
a ponto de negarmos os princípios divinos. Somente através de uma íntima e ininterrupta comunhão com o Criador poderemos vencer. Também é importante que adotemos corretos padrões de pensamentos (Filipenses 4:8), e que vigiemos nossos olhos (Jó 31:1; Provérbios 4:23 e 25, etc...). Antes disso, temos que decidir ser puros. E se alguém errou? Nunca é tarde para recomeçar. DEUS perdoa todos os pecados, desde que os confessemos (Salmo 32:5; Miquéias 7:19; I João 1:7-9, etc...). Pelo sacrifício de JESUS podemos ser purificados e tornados santos, como se nunca tivéssemos errado. Basta ir a Ele, confessar os erros e abandonar o pecado com o auxílio de seu grandioso poder. Se Ele dá esta nova chance, o pecador deveria perdoar-se a si mesmo; assim, sua vida teria sentido.
Jamais nos esqueçamos do amor de nosso Senhor e que nosso Criador é o DEUS das Novas Oportunidades.

INTERAÇÃO

Por muito tempo era tabu falar sobre a sexualidade na Igreja Evangélica. Muito se avançou neste sentido, mas sabemos que o assunto ainda é necessário e precisa ser desenvolvido com propriedade e seriedade. Pessoas mal resolvidas na sua sexualidade podem ter sérios problemas conjugais. É importante desconstruir a ideia de que o sexo é pecaminoso. Os cristãos devem entender que o sexo no âmbito do casamento expressa a vontade de DEUS para um matrimônio feliz.

OBJETIVOS- Após esta aula, o aluno deverá estar apto a: Identificar algumas questões importantes sobre a sexualidade. Reconhecer o valor da pureza sexual antes do casamento. Compreender o que a Bíblia ensina sobre a homossexualidade.

ORIENTAÇÃO PEDAGÓGICA

Professor, a homossexualidade é um tema polêmico em qualquer debate, seja na política, seja na ciência ou na religião. No entanto, a postura da igreja local é educar os seus membros à luz da Bíblia mostrando que o homossexualismo é pecado e como o crente deve lidar com essa questão. Para aprofundar o tópico III da presente lição sugerimos a seguinte atividade: divida a classe em dois ou três grupos de, no máximo, cinco pessoas por grupo. Peça para eles opinarem sobre as seguintes questões, respectivamente: "O homossexualismo é pecado?"; "Como a igreja deve lidar com isso?"; "Como deve ser o nosso relacionamento pessoal com um homossexual (na escola, no trabalho, etc....)?" Em seguida, conclua o debate dizendo que o Senhor aborrece a prática pecaminosa, mas ama as pessoas, pois foi por elas que o Senhor JESUS morreu. Boa aula!

SEXUALIDADE - O conjunto dos fenômenos da vida sexual; qualidade sexual; sexo.

Vivemos numa sociedade dominada pelo erotismo e pela sexualidade distorcida que nada tem com a ética cristã.

No Antigo e em o Novo testamento, a pureza sexual de um jovem é exaltada e valorizada.

A união heterossexual é o único modelo de casamento aprovado por DEUS. tal verdade condena o homossexualismo.

"você necessita de algum encorajamento e idéias para ajudá-lo a iniciar um 'Renascimento' [no casamento]?

Pensamos ser possível que haja tal renascimento antes das crianças deixarem o lar. Na verdade você precisa disto! Quando chegar o dia em que as crianças tiverem partido, e você acordar, olhar espantado para a pessoa com quem não está encorajado a passar o resto da sua vida... pode não ter o desejo de reacender a chama do casamento.

Qual porta do Renascimento Você Deseja Abrir?

A maioria dos homens com quem conversamos enquanto pesquisávamos para este livro, admitiam pensar que um Renascimento seria fazer amor quatro vezes por semana [...]. Após conscientizarem-se quão ridículo isto era, muitos apontaram a amizade que desejavam restabelecer com sua esposa.

O Renascimento desejado pelas mulheres não divergia muito do dos homens: um marido atencioso às necessidades emocionais, alguém para conversar e valorizá-la por quem ela é - e não por seus dotes domésticos como: quão bem ela limpa casa, a cozinha ou dá conta do 'serviço' [...]" (JOHNSON, Greg; YORKEY, Mike. A segunda década do Amor: Renovando o casamento antes que os filhos saiam para viver suas próprias vidas. 1.ed. Rio de Janeiro: CPAD, 1996, p.23).

"O relato da criação ensina que homens e mulheres foram criados para viver em relação com o Criador e uns com os outros. O fato de a humanidade rejeitar uma relação com o Criador resulta na perversão de todas as outras relações. O que DEUS declarou bom, isto é, que homem e mulher vivessem juntos numa relação como uma só carne (Gn 2.18-25), é trocado por relações nas quais os homens se engajam em relações sexuais com outros homens, e mulheres com outras mulheres [Romanos 1] (vv.26,27). Estes atos são 'contrário[s] à natureza', ou seja, eles infringem a ordem criada. A frase no versículo 27, 'cometendo torpeza', mostra que o que é condenado é o ato homossexual ou lésbico, não a tentação em si. O contexto também deixa claro que a razão de a homossexualidade ser abordada aqui não é porque seja mais perversa que os outros tipos de pecados sexuais. Antes, Paulo a usa para mostrar como o pecado perverte a ordem criada de macho e fêmea.

O versículo 28 segue o mesmo padrão que já vimos acima: O ato de a humanidade rejeitar o conhecimento de DEUS que lhes está disponível conduz à punição divina. Há um jogo de palavras no original grego que reforça o argumento de Paulo de que a punição se ajusta ao pecado. Porque 'eles se não importam' (dokimazo) em reter o verdadeiro conhecimento de DEUS, 'DEUS os entregou a um sentimento perverso [adokimos].

A lista de vícios que se segue denota os tristes efeitos da perda da capacidade de a humanidade ver a verdade. A linha introdutória da lista de maus comportamentos: 'Estando cheios de toda iniquidade' (v.29), indica que o apóstolo quer que a lista seja considerada como um todo. O ponto dos versículos 29 a 31não deve ser achado examinando cada ação mencionada. A ênfase está em como o vasto alcance da depravação humana pode ser remontado à rejeição voluntariosa de DEUS. listas de vício como esta eram comuns em escritos do período, tanto em escritos judaicos quanto helenistas" (ARRINGtON, French l.; StRONStAD, Roger (Eds.). Comentário Bíblico Pentecostal: Novo Testamento. 1.ed. Rio de Janeiro: CPAD,2008, pp.823-24).

BIBLIOGRAFIA

JOHNSON, Greg; YORKEY, Mike. A segunda década do Amor: Renovando o casamento antes que os filhos saiam para viver suas próprias vidas. 1.ed. Rio de Janeiro: CPAD, 1996.

HEGStROM, Paul. Homens Violentos e as Mulheres que os Amam: Quebrando o ciclo do Abuso Físico e Emocional. 1.ed. Rio de Janeiro: CPAD, 2010.

MIllER, Molly Ann. Meu Marido tem um Segredo: Encontrando a Libertação para o Vício Sexual. 1.ed. Rio de Janeiro: CPAD, 2009

AS CARÍCIAS ENTRE NAMORADOS OU NOIVOS

São impurezas para DEUS. Não convém aos santos "ver a nudez" ou "descobrir a nudez" de outrem, a não ser do cônjuge. As carícias ou práticas libidinosas contrariam os padrões de moralidade exigidos por DEUS. Devemos manter o nosso corpo em santificação e honra porque o ESPÍRITO SANTO habita em nós, isto é, nos que aceitaram a JESUS como Senhor e Salvador. (Levítico 18.6-17; Mateus 5.28; Gálatas 5.19; 1 Tessalonicenses 4.3-7).

EM QUE SITUAÇÃO O SEXO É PECADO?

A relação sexual ENTRE NÃO CASADOS é pecado, ainda que sejam namorados, noivos ou comprometidos. O ADULTÉRIO, proibido pelo sétimo Mandamento (Êxodo 20.14), abrange os vários tipos de imoralidade e pecados sexuais. Lembramos que entre casados nem tudo é permitido, como é o caso de sexo anal. O homossexualismo masculino ou feminino (sexo entre homens ou entre mulheres) é pecado. DEUS criou macho e fêmea e os uniu pelo casamento (Gênesis 2.24). Homens e mulheres, adolescentes, jovens e adultos, devem permanecerem puros, abstendo-se de qualquer atividade sexual que não seja no casamento. "Digno de honra entre todos seja o matrimônio, bem como o leito sem mácula, pois aos devassos e adúlteros DEUS os julgará". (Hebreus13.4). "Fugi da prostituição. Todo o pecado que o homem comete é fora do corpo, mas o que se prostitui peca contra seu próprio corpo". (1 Coríntios 6.18).

SEXUALIDADE É BÊNÇÃO OU MALDIÇÃO?

Sexualidade (Dicionário Aurélio): "Qualidade de sexual. O conjunto dos fenômenos da vida sexual. Sexo". Somos seres sexuados, seres que possuem órgãos sexuais, órgãos específicos na mulher e no homem destinados à reprodução da espécie. Todos nós possuímos sexualidade, possuímos sexo. E essa capacidade de reprodução da espécie foi-nos dada por DEUS, quando nos criou. DEUS nos criou assim. E mais: para que a espécie humana continuasse se multiplicando, DEUS fez com que o ato sexual fosse prazeroso, agradável, e servisse, também, para que o casal (marido/mulher) tivesse interesse um pelo outro, e mantivesse laços conjugais cada vez mais fortes. Por tudo isso devemos dar graças a DEUS. Não só pelo sexo, pela sexualidade, mas devemos dar graças pelos nossos sentidos, nossa capacidade de planejar, de pensar, de raciocinar, de amar: "EM TUDO DAI GRAÇAS, POIS ESTA É A VONTADE DE DEUS EM CRISTO JESUS PARA CONVOSCO" (1 Timóteo 5.18). Nesse sentido, a sexualidade é uma bênção. Quando DEUS concluiu sua obra-prima, o homem, Ele disse que o que havia feito ERA MUITO BOM (Gênesis 1.31). Portanto, tudo de que dispomos para viver é ótimo. Todavia, assim como há homens que usam as mãos para roubar, torturar, matar, e oferecer iguarias aos demônios; os olhos para ver coisas impuras e contemplar outros deuses; os ouvidos para ouvir palavras imorais e músicas profanas; o coração para odiar o próximo, e adorar ídolos, da mesma forma muitos usam a sexualidade de forma pervertida: homens com homens e mulheres com mulheres numa relação sexual vergonhosa, imoral e proibida por DEUS; ou usam sua sexualidade por puro prazer, fora do compromisso de uma vida conjugal estável. Assim usada, a sexualidade é pecado, por tratar-se de uma impureza e imoralidade.

SENSUALIDADE É PECADO?

Em primeiro lugar, interessa-nos saber o que é sensualidade. O Dicionário Aurélio diz : Sensualidade é amor aos prazeres materiais. O dicionário da Bíblia On-line diz: Sensualidade é lascívia (conduta vergonhosa, como imoralidade, imoralidade sexual, libertinagem, luxúria). Gálatas 5.19 inclui a sensualidade como obra da carne: “prostituição, impureza, lascívia, idolatria, feitiçarias, inimizades, porfias, ciúmes, iras, pelejas, dissensões, facções, invejas, bebedices, orgias, e coisas semelhantes a estas, as cercas das quais vos declaro, como já antes vos preveni, que os que cometem tais coisas não herdarão o reino de DEUS”. Ver Marcos 7.22; Romanos 1.27 (homossexualismo). Tudo isso e mais alguma coisa é SENSUALIDADE. Não se deve relacionar sensualidade apenas com sexo, que, se praticado licitamente, ou seja, entre casados, não é pecado. Sexo realizado fora do leito conjugal é adultério (Hebreus 13.4).

PIADAS EVANGÉLICAS: DEVEMOS EVITÁ-LAS?

Um dos argumentos dos que julgam não existir qualquer problema em se contar/ouvir piadas é o de que o riso é bom para a saúde, e elas nos proporcionam alegria. Há uma grande diferença entre riso e alegria. O riso poderá se transformar até numa gargalhada quando a piada é forte e bem bolada, mas o coração poderá continuar triste. Nem sempre os palhaços são pessoas felizes e alegres, apesar dos risos que provocam. A alegria está no coração, e devemos buscá-la no Senhor: "Não tenho maior alegria do que esta: a de ouvir que os meus filhos andam na verdade" (3 João 4). "O reino de DEUS não é comida nem bebida, mas justiça, paz e alegria no ESPÍRITO SANTO"(Romanos 14.17). Alegria maior é servir ao Senhor e andar segundo os seus estatutos (Salmos 37.4). Maria declarou que a sua alma engrandecia ao Senhor, e seu espírito se alegrava em DEUS seu Salvador (Lucas 1.46-47).

A prática de piadas é incompatível com uma vida cristã e santa. A verdade é que as piadas não convêm aos santos. Às vezes surgem piadas envolvendo irmãos de outras denominações, envolvendo pastores e a Palavra Sagrada. Contudo, DEUS recomenda santidade: "Sede santos, porque eu sou santo" ( 1 Pedro 1.16). Paulo disse: "Todas as coisas me são lícitas, mas nem todas convêm.. eu não me deixarei dominar por nenhuma delas" (1 Coríntios 6.12). As piadas estão mais ligadas às obras da carne do que às do espírito recriado (Gálatas 5.19). Eis a questão: dominar/refrear a natureza pecaminosa.

Não raro as piadas envolvem mexericos, zombaria, malícia, escárnio, desprezo pelo ser humano, e muita imoralidade quando resvalam para o plano sexual. Não são recomendáveis para quem busca a santificação. Poderíamos imaginar JESUS chamando os apóstolos para uma seção de risos e piadas, para descontrair, após um dia de trabalho? Claro que não. Poderíamos imaginar uma sessão de piadas evangélicas após um culto de louvor e adoração a DEUS? Não duvido de que isto esteja ocorrendo alhures! Ora, no que pudermos, devemos ser imitadores de CRISTO: "Sede meus imitadores, como também eu sou de CRISTO" (1 Coríntios 11.1).

A maioria das piadas é mentira, estórias inventadas. Quando surgem de um fato verídico, servem para ridicularizar as pessoas envolvidas. Ora, DEUS não aprova a mentira: “Pelo que deixai a mentira, e falai a verdade cada um com o seu próximo... e não deis lugar ao diabo. Não saia da vossa boca nenhuma palavra torpe, mas só a que for boa para promover a edificação, conforme a necessidade, para que beneficie aos que a ouvem” (Efésios 4.25,27,29). As piadas nada acrescentam de bom à nossa vida espiritual.

E as piadas na televisão? Para quem gosta, os programas televisivos estão aí com muitas piadas para o deleite de muitos. É só ligar-se na telinha, aos domingos, dar gostosas gargalhadas, e descontrair-se. A carne agradece. Todavia, tal prática é contra a Palavra de DEUS: “Bem-aventurado o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios, nem se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores. Antes tem seu prazer na lei do Senhor, e na sua lei medita de dia e de noite” (Salmos 1.1-2). Ligar o televisor com esse fim é o mesmo que juntar-se com os escarnecedores, trazê-los para nossa casa, aplaudi-los e concordar com suas zombarias e obscenidades. Não devemos colocar coisas impuras diante de nossos olhos (Salmos 101.3)

Alguns diriam: "Mas assim é difícil ser cristão"! Quem falou que é fácil? Vejam que JESUS falou em carregar cada um a sua cruz e seguir um caminho estreito, que leva a uma porta estreita; ensinou-nos a amar nossos inimigos e por eles orar. E disse que seríamos perseguidos e odiados por causa do Seu nome. É fácil?

SUBSÍDIOS DA LIÇÃO 6 - CPAD - 1o TRIMESTRE DE 2020

SÍNTESE DO TÓPICO I - Ao criar o ser humano, o Criador estabeleceu apenas dois sexos: o masculino e o feminino.

SÍNTESE DO TÓPICO II - Os objetivos da sexualidade humana é a procriação, a união conjugal e a glória de DEUS.

SÍNTESE DO TÓPICO III - As distorções da sexualidade perpassam a fornicação, o adultério, o homossexualismo e a ideologia de gênero.

CONHEÇA MAIS TOP1
* O sexo é bom
“O sexo foi criado por DEUS, e quando expressado altruisticamente dentro do matrimônio, é uma ótima coisa. A intimidade sexual é um dos aspectos mais saudáveis, belos e significativos do casamento. Não obstante, se não for manifestado dentro de um contexto amoroso, pode causar mais prejuízo que benefício.” Para conhecer mais leia Projetos para um Casamento Sólido: Construir, Remodelar, Reparar, CPAD, p.177.

SUBSÍDIO DIDÁTICO--PEDAGÓGICO TOP1
Este primeiro tópico tem três subtópicos: (1) Definição de sexo; (2) DEUS criou o sexo; (3) Os dois sexos. Para introduzi-lo sugerimos uma pergunta: O que é o sexo? Ouça as respostas com atenção. Em seguida, responda à questão de acordo com definição dada pelo comentarista. Enfatize, porém, que a expressão “relação sexual” é o contato íntimo que envolve as pessoas dentro do matrimônio. A vontade de DEUS é que o homem e a mulher sejam felizes no casamento e o sexo é uma bênção divina nesse sentido.

SUBSÍDIO VIDA CRISTÃ TOP2
“PREPARE-SE PARA CELEBRAR
Acredito que minha opinião está clara. Não creio que Cantares de Salomão seja primeiramente uma alegoria ou tipologia. Não creio que seja uma representação. Não creio que seja um elaborado diário. Concordo com a perspectiva do comentarista bíblico Lloyd Carr: ‘O amado e a amada são apenas pessoas comuns’.
Tom Gledhill, em seu comentário, declara: ‘Os dois são ‘totalmente homem’ e ‘totalmente mulher’’. Isso é encorajador. Cantares é sobre o seu casamento e o meu. Esses oito capítulos das Escrituras podem falar conosco, e assim provocar uma grande diferença em nossas vidas, para a glória de DEUS” (MAHANEY, C. J. Sexo,

Romance e a Glória de DEUS: O que todo marido cristão precisa saber. Rio de Janeiro: CPAD, p.13).

SUBSÍDIO VIDA CRISTÃ TOP3
“Segundo Geisler: ‘No que diz respeito a Bíblia, não há papel algum para as relações sexuais antes do casamento... Na realidade, é um pecado que a Bíblia chama de fornicação (Gl 5.19; 1 Co 6.18)’ (Ética Cristã, p.170). Diz, ainda o referido autor: ‘Se a pessoa não está pronta para tomar sobre si as responsabilidades de uma pessoa e família, não deve mexer com o sexo’ (ibidem, p.171). Concordamos com esse entendimento. O sexo, atualmente, tem sido um instrumento do Diabo para a destruição de vidas, ao lado das drogas, do crime e de outros meios destrutivos. A infidelidade conjugal tem assumido proporções alarmantes. Certas pesquisas dão conta de que metade das mulheres, no país, já praticou o adultério. Percentagem maior é observada entre os homens que traem suas esposas. Tal comportamento, reprovado pela ética cristã, tem sido incentivado nas novelas e filmes, exibidos na TV” (LIMA, Elinaldo Renovato de. Ética Cristã: Confrontando as questões morais do nosso tempo. Rio de Janeiro: CPAD, 1996, p.84).

SUGESTÃO DE LEITURA - Sexo? Agora não, obrigado!, Casamento, Divórcio e Sexo à Luz da Bíblia E Sexo, Romance e Glória de DEUS

CONSULTE - Revista Ensinador Cristão - CPAD, no 81, p39

)))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))

EDIÇÃO: 04 – 1o Trimestre – Ano: 2020 – Editora: BETEL

LIÇÃO – 04 – 26 de janeiro de 2020

TEXTO ÁUREO

“Venerado seja entre todos o matrimônio e o leito sem mácula; porém, aos que se dão à prostituição, e aos adúlteros, DEUS os julgará.”, Hb 13.4

VERDADE APLICADA

É fundamental que os cônjuges cultivem uma intimidade baseada no amor, respeito e cuidado mútuo, de acordo com a Palavra de DEUS

TEXTOS DE REFERÊNCIA - Pv 5.15-19

15 – Bebe água da tua fonte, e das correntes do teu poço.
16 – Derramar-se-iam as tuas fontes por fora, e pelas ruas os ribeiros de águas?
17 – Sejam para ti só, e não para os estranhos contigo.
18 – Seja bendito o teu manancial, e alegra-te com a mulher da tua mocidade.
19 – Como cerva amorosa, e gazela graciosa, os seus seios te saciem todo o tempo; e pelo seu amor sejas atraído perpetuamente.

INTRODUÇÃO

Em um tempo de tantas distorções dos valores cristãos e invasão de muitos lares pela pornografia e a indústria da imoralidade, é fundamental o resgate das orientações bíblicas acerca da intimidade conjugal.

I. MATRIMÔNIO E VIDA SEXUAL

Tudo o que DEUS criou tem um propósito, inclusive o sexo. Desse modo, é preciso compreender não somente o que o sexo representa para o casal, mas, principalmente, os propósitos e princípios pelos quais DEUS o criou. Sexo exige responsabilidade e entendimento [Pv 7.1-5].

1. DEUS criou a sexualidade.

O sexo foi criado por DEUS. Desse modo, o sexo não deve ser visto como algo pecaminoso, sujo ou proibido. Ele é prazeroso, mexe com os sentimentos, as emoções e os desejos mais profundos de uma pessoa [1Co 7.3]. O grande problema é que isso pode acontecer tanto de maneira positiva, quanto negativa [Rm 1.23-28; Hb 13.4]. Por esse motivo, é importante compreender que apenas o fato de duas pessoas se amarem não torna legítimo seu direito de ter relações sexuais, visto que essa atividade constitui a mais íntima expressão do amor conjugal, e somente através do matrimônio poderá alcançar sua plena realização.

2. O casamento e a vida sexual.

“...apegar-se-á à sua mulher, e serão ambos uma carne” [Gn 2.24]. Este texto, que indica a união sexual, é o clímax de um processo que teve início em DEUS, que viu não ser bom o homem estar só. A seguir providenciou uma companheira e levou-a a Adão. Adão a recebeu de DEUS. O relato bíblico deste processo constitui-se em um verdadeiro manual de casamento: tudo deve começar em DEUS; DEUS está atento à todas as necessidades do ser humano; DEUS provê também o cônjuge; é precioso “deixar” [Gn 2.24] para se unir (“apegar-se-á”) – indica algo consciente, não movido pela “paixão” ou por “instinto”; e, então, vem a união sexual. Infelizmente, muitos não atentam para os princípios bíblicos acerca do casamento e da sexualidade.

3. O ato sexual.

Tendo visto nos tópicos anteriores que DEUS criou a sexualidade e promoveu a união de homem e mulher, é importante conhecermos o que a Bíblia diz sobre a intimidade sexual:

1) É considerada “sem mácula” quando dentro do matrimônio [Hb 13.4];
2) Trata-se de um dos deveres dos cônjuges, um para com o outro [1Co 7.3];
3) Não deve ser usada para manipulação ou chantagem de um para com o outro [1Co 7.4-5];
4) A abstinência do ato sexual no casamento deve ser uma exceção e somente com mútuo consentimento [1Co 7.5];
5) Tratar a esposa, também no aspecto sexual, com respeito, dignidade, cuidado, honra e sabedoria [1Pe 3.7]. Estes são apenas alguns textos que tratam do tema.
II. DOIS NUMA SÓ CARNE
O descuido quanto ao cultivo da intimidade entre os cônjuges tem facilitado o pecado da infidelidade conjugal em muitos lares. DEUS instituiu o matrimônio para ser tanto permanente quanto saudável. Por esse motivo, é importante que os cônjuges saibam como completar-se nesse quesito [1Co 7.3, 5].

1. Homem e mulher: iguais e diferentes.

É muito importante que o esposo e a esposa tenham sempre em mente que ambos foram criados e amados por DEUS, bem como são “coerdeiros” da mesma graça [IPe 3.7], feitos para amar e serem amados. Porém, a maneira como exteriorizam e lidam com esta necessidade é diferente. Tal consciência nos ajuda a encarar a tendência ao egoísmo – “eu quero é ser feliz”. Mas as pessoas se casam para ser felizes ou porque são felizes e querem fazer feliz a quem amam? Assim, havendo amor [1Co 13.5], há atenção com o outro, interesse em conhecer mais o outro, superação das diferenças, melhorando a qualidade da intimidade do casal.

2. Enfrentar a raiz dos problemas.

Vários fatores contribuem para uma intimidade do casal com baixa qualidade: o ativismo em excesso (não proporcionando tempo para investir em relacionamento com o cônjuge); não estabelecer prioridades na rotina do lar (inclusive quando do nascimento dos filhos – o casal precisa estar atento para não deixar de investir no relacionamento conjugal); a não valorização do outro (com palavras e gestos); problemas de saúde, entre outros. Assim, se faz necessário que tanto o esposo como a esposa estejam sempre atentos quanto ao relacionamento conjugal considerando o que a Bíblia expõe e para contribuir na formação de outras gerações.

3. Respeitar-se mutuamente.

Mesmo casados, o homem e a mulher não devem esquecer que pertencem, acima de tudo, a DEUS, sendo, portanto, constituídos para Seu serviço. Por isso, imprimiu em cada um de nós a Sua imagem e semelhança. De acordo com a revista Nossa Fé, da Editora Cultura Cristã: “O uso do corpo deve ser respeitoso, de modo que nem esposo, nem esposa, o usem indevidamente, sem objetivar a glória de DEUS [1Co 6.18-20; 7.4]. Infelizmente, diante de tanta perversão sexual, muitos cristãos adotaram algumas formas grotescas de sexo, que desvirtuam o propósito de DEUS para nosso corpo. Para que um casal cristão não ceda à tentação de imitar o que a pornografia vende, é preciso que haja respeito entre os cônjuges. Antes de ser meio de prazer para um casal, o corpo é oferta a DEUS [Rm 6.13, 19; 12.1]”.

III. PRINCÍPIOS PARA UMA INTIMIDADE SADIA

Casais que não se comunicam perdem a oportunidade de descobrir as chaves que conduzem à felicidade. Saber como agradar e aquilo que dá prazer e alegria torna o relacionamento mais especial.

1. Um amor cuidadoso e protetor.

Escrevendo acerca do amor, Paulo diz que podemos fazer tudo na vida, mas sem amor tudo fica sem sentido [1Co 13.1-3]. O amor conjugal possui muitos adjetivos, entre eles está o cuidado, o carinho, a atenção e o serviço. O amor é a soma de várias atitudes combinadas durante o curso do dia a dia da convivência. Quando falta um desses ingredientes, ele começa a ficar deficiente e pode ser minado [Ct 2.15]. Devemos entender que, de acordo com a Bíblia, o amor é fruto do ESPÍRITO [Gl 5.22]. Esse amor é fortalecido por uma vida regrada pela Palavra e guiada pelo ESPÍRITO SANTO.

2. Conviver com entendimento.

O apóstolo Pedro nos chama atenção quando instrui os maridos a conviver com suas esposas com “entendimento” e “honrando-as” porque elas são “vasos mais fracos” [IPe 3.7]. Tanto o homem quanto a mulher têm seus dias de reclusão. Existem dias que a mulher não quer sexo, quer apenas se sentir protegida, quer carinho, quer apenas estar ao lado do marido. Às vezes o homem também deseja estar só, quer estar com os amigos, quer assistir algum esporte. Um casal maduro sabe respeitar os espaços um do outro, as diferenças entre si, os limites que não se deve ultrapassar, e a vontade e a opinião um do outro [Lc 6.31].

3. Cultivar uma boa comunicação.

O casal deve estar aberto para conversar sobre todas as coisas, até mesmo seus desejos mais secretos e seus pontos de vista. Devem falar sobre as coisas que aborrecem e as que trazem felicidade. As coisas simples também devem ser conhecidas, como: cor predileta, comida que mais aprecia, lugar que mais gosta de passear etc. Muitas brigas de casais poderiam ser evitadas se os cônjuges se conhecessem mais [1Co 7.33-34].

CONCLUSÃO

Ao mencionar a importância da intimidade na vida conjugal, é relevante pensarmos além do ato sexual. Envolve cuidado mútuo, serviço, respeito e um permanente cultivo por parte de ambos os cônjuges, com a imprescindível orientação bíblica e a ajuda do ESPÍRITO SANTO.

Postado por: Pr. Ademilson Braga

Lição 6, A Sexualidade Humana

1o Trimestre de 2020- A Raça Humana - Origem, Queda e Redenção- Comentarista CPAD - Pr Elienai Cabral

TEXTO ÁUREO

“Ele, porém, respondendo, disse-lhes: Não tendes lido que, no princípio, o Criador os fez macho e fêmea e disse: Portanto, deixará o homem pai e mãe e se unirá à sua mulher, e serão dois numa só carne?” (Mt 19.4,5)

VERDADE PRÁTICA

A sexualidade humana tem por objetivo a união do homem e da mulher, no casamento, a reprodução da espécie e a glorificação do DEUS Criador.

LEITURA DIÁRIA

Segunda - Mt 19.4 DEUS criou apenas dois sexos: masculino e feminino Terça - Gn 2.7 A criação do homem do pó da terra
Quarta - Gn 2.18 A solidão do homem: a falta da mulher
Quinta - Gn 2.21,22 A criação de Eva, a primeira mulher

Sexta - Gn 2.23 A formação do primeiro casal Sábado - Sl 128 A plenitude da felicidade conjugal

LEITURA BÍBLICA EM CLASSE - Mateus 19.1-12

1 - E aconteceu que, concluindo JESUS esses discursos, saiu da Galileia e dirigiu-se aos confins da Judeia, além do Jordão. 2 - E seguiram-no muitas gentes e curou-as ali. 3 - Então, chegaram ao pé dele os fariseus, tentando-o e dizendo-lhe: É lícito ao homem repudiar sua mulher por qualquer motivo? 4 - Ele, porém, respondendo, disse- lhes: Não tendes lido que, no princípio, o Criador os fez macho e fêmea 5 - e disse: Portanto, deixará o homem pai e mãe e se unirá à sua mulher, e serão dois numa só carne? 6 - Assim não são mais dois, mas uma só carne. Portanto, o que DEUS ajuntou não separe o homem. 7 - Disseram-lhe eles: Então, por que mandou Moisés dar-lhe carta de divórcio e repudiá-la? 8 - Disse-lhes ele: Moisés, por causa da dureza do vosso coração, vos permitiu repudiar vossa mulher; mas, ao princípio, não foi assim. 9 - Eu vos digo, porém, que qualquer que repudiar sua mulher, não sendo por causa de prostituição, e casar com outra, comete adultério; e o que casar com a repudiada também comete adultério. 10 - Disseram-lhe seus discípulos: Se assim é a condição do homem relativamente à mulher, não convém casar-se. 11 - Ele, porém, lhes disse: Nem todos podem receber esta palavra, mas só aqueles a quem foi concedido.

12 - Porque há eunucos que assim nasceram do ventre da mãe; e há eunucos que foram castrados pelos homens; e há eunucos que se castraram a si mesmos por causa do Reino dos céus. Quem pode receber isso, que o receba.

OBJETIVO GERAL - Mostrar que o sexo foi criado por DEUS para ser desfrutado dentro do matrimônio.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS

Conceituar a palavra sexo e enfatizar que DEUS criou apenas dois sexos; Elencar os objetivos da sexualidade humana;
Apontar as distorções da sexualidade.

INTERAGINDO COM O PROFESSOR
DEUS formou o homem e a mulher e constituiu o sexo para que ambos pudessem desfrutá-lo. Algumas questões ficam claras na criação original de DEUS. Em primeiro lugar, o sexo foi criado para ser desfrutado entre um homem e uma mulher, pois os dois formam “um encaixe perfeito”. É uma obviedade presente em Gênesis. Logo, qualquer relação humana que subverta essa obviedade defronta-se contra a originalidade divina. Em segundo, o sexo tem o objetivo biológico para a procriação, ou seja, a perpetuação da espécie humana; o objetivo recreativo entre homem e mulher no matrimônio; e, como em tudo em nossa vida, deve glorificar a DEUS por ser o criador de tão belo presente. Nesta lição, esses pontos devem ser bem ressaltados e trabalhados a fim de que nossos irmãos e irmãs tenham uma vida abundante nessa importante área da vida.

PONTO CENTRAL - A sexualidade humana tem por objetivo a união do homem e da mulher.

Resumo da Lição 6, A Sexualidade Humana

I – DEUS CRIOU APENAS DOIS SEXOS 1. Definição de sexo.

2. DEUS criou o sexo. 3. Os dois sexos.

II – OBJETIVOS DA SEXUALIDADE HUMANA 1. Procriação.

2. União conjugal. 3. A glória de DEUS.

III – DISTORÇÕES DA SEXUALIDADE 1. A fornicação.

2. O adultério.
3. O homossexualismo. 4. A ideologia de gênero.

PARA REFLETIR - A respeito de “A Sexualidade Humana”, responda:
Qual é a definição de sexo? O sexo pode ser definido, de acordo com o Dicion·rio Houaiss, como a “conformação física, orgânica, celular, particular que permite distinguir o homem e a mulher, atribuindo-lhes um papel específico na reprodução”. Quem criou o sexo? O sexo foi criado por DEUS.
Quais os reais objetivos do sexo? O sexo foi criado por DEUS, tendo em vista três objetivos: a procriação da espécie humana, a união conjugal e a glória divina.
Por que o sexo é uma etapa transitória na vida humana? Porque chegará o momento em que a humanidade não mais necessitará procriar-se (Lc 20.34-36). Tanto os que forem para o Céu, como os que forem para o lago de fogo não mais propagarão a espécie; estará findada a nossa atividade sexual, porque o ser humano, agora, não será mais carne e sangue (1 Co 15.50).
Quais os pecados relacionados ao sexo? Fornicação, adultério, homossexualismo e ideologias nocivas.

Fêmeas tem dois cromossomos idênticos (XX), Enquanto machos tem um cromossomo X e um cromossomo menor chamado de Y. Machos humanos são heterogaméticos com dois cromossomos sexuais diferentes (XY). Fêmeas humanas são o sexo homogamético (XX).

CROMOSSOMOS SEXUIAS - GAMETAS XX – FÊMEA – MULHER
XY – MACHO - HOMEM

INTRODUÇÃO

Vamos estudar sobre a sexualidade humana. Nossa regra de estudos é a Palavra de DEUS, só ela contém o verdadeiro modelo quanto ao uso santo e decoroso do sexo. DEUS Criou somente dois sexos, sendo que a família daí provinda é para glorificação do nome de DEUS.

O sexo não é uma construção social, mas algo criado por DEUS. Existem muitas distorções desta verdade que são pecados sexuais.

I – DEUS CRIOU APENAS DOIS SEXOS 1. Definição de sexo.

Sexo
1- no Homem, conformação física, orgânica, celular, particular que permite distinguir o homem e a mulher, atribuindo-lhes um papel específico na reprodução.
2- nos animais, conjunto das características corporais que diferenciam, numa espécie, os machos e as fêmeas e que lhes permitem reproduzir-se.
3- nos vegetais, conjunto de características que distinguem os órgãos reprodutores femininos e masculinos.

Significado de Sexualidade - subst. f. - 1. comportamentos ligados à união entre homens e mulheres. (http://www.lexico.pt/sexualidade/)

Sexualidade - A atração que o homem sente pela mulher e vice-versa (http://www.dicionarioinformal.com.br/sexualidade/)

O sexo é definido mesmo antes de nascer, pois com o ultrassom o médico já diz qual o sexo do bebê recém-formado a partir de 5 semanas.

(Gn 4.1; 30.21)
O sexo entre o casal deve sempre ser visando o prazer sexual um do outro. A esposa visa o prazer sexual do esposo e o esposo visa o prazer sexual da esposa.

O sexo não é o resultado de uma engenharia social e política, como o querem os ideólogos do gênero. Ou se nasce homem, ou se nasce mulher. É o que mostra a Bíblia Sagrada.

HERMAFRODISMO (NASCER COM DOIS ÓRGÃOS SEXUAIS AO MESMO TEMPO), É RARÍSSIMO, MAS PODE ACONTECER.
O hermafroditismo pode ser classificado em dois tipos principais de acordo com os órgãos sexuais presentes em hermafrodita verdadeiro e o pseudo-hermafrodita, que pode ser tanto feminino quanto masculino:
Hermafrodita verdadeiro: O hermafrodita verdadeiro é uma condição rara em que a criança nasce com os órgãos sexuais femininos e masculinos internos e externos bem formados, embora somente um se desenvolva normalmente, deixando o outro atrofiado. Há casos raros de hermafroditismo verdadeiro em que há o desenvolvimento normal e ao mesmo tempo dos dois órgãos genitais. Pseudo-Hermafrodita masculino: O pseudo-hermafrodita masculino é aquele em que a pessoa nasce com a genitália feminina, porém sem os ovários e o útero, mas os testículos se encontram alojados dentro da cavidade pélvica.
Pseudo-Hermafrodita feminino: O pseudo-hermafrodita feminino acontece quando a pessoa nasce com os ovários, mas a genitália externa masculina é bem definida, isso ocorre normalmente pelo desenvolvimento anormal do clítoris, que passa a ter formato semelhante ao pênis. Entenda mais sobre o pseudo-hermafroditismo.
As causas do hermafroditismo humano ainda não foram totalmente esclarecidas, mas uma das teorias é de que o óvulo possa ter sido fertilizado por 2 espermatozoides diferentes ou que tenha havido alterações genéticas importantes durante o desenvolvimento do bebê.

Sempre vai haver um prevalecente. Mesmo que os dois órgãos cresçam, um vai ficar atrofiado.

Se acontecer então pode-se descobrir o sexo prevalecente, ou seja, se menstruar mesmo tendo os dois órgãos sexuais é porque o sexo prevalecente é de mulher, então se opera, faz-se uma castração, corta-se o pênis. Caso produza espermatozoides, então o que prevalece é o sexo masculino, então faz-se operação.

RECEBI ESTA DECLARAÇÃO DE UMA MÃE: Minha filha nasceu hermafrodita - MAS FOI DESCOBERTO logo de início e se fez o cariótipo, descobrindo que ela era XX (cromossomos sexuais femininos), e consequentemente se definiu o sexo logo de início, fazendo uma castração. Hiperplasia congênita de adrenal - Este foi o problema desta menina. Passaram 15 dias depois de nascida sem poder registrar a criança porque não sabiam o sexo prevalecente dela. Hoje é uma linda moça, já está namorando e não tem sinais de que um dia foi hermafrodita.

2. DEUS criou o sexo.

OS SERES CRIADOS SEM SEXO FORAM OS ANJOS (e nós, após a morte, não mais teremos ativa esta capacidade).

Porque na ressurreição nem casam nem são dados em casamento; mas serão como os anjos de DEUS no céu. Mateus 22:30

Porquanto, quando ressuscitarem dentre os mortos, nem casarão, nem se darão em casamento, mas serão como os anjos que estão nos céus. Marcos 12:25

Mas os que forem havidos por dignos de alcançar o mundo vindouro, e a ressurreição dentre os mortos, nem hão de casar, nem ser dados em casamento; Lucas 20:35

DEUS criou seres que não nascem nem machos e nem fêmeas, como os anjos.

Os anjos, desde que foram criados, continuam com o número de seu contingente inalterável; eles não se reproduzem sexualmente; foram chamados à existência duma só vez (Sl 33.6; Lc 20.34-36). No entanto, o ser humano propaga-se através da junção sexual (Gn 4.1). Logo, através de um só casal – Adão e Eva – vieram a existir todas as nações, línguas e povos que, hoje, conhecemos (At 17.26).

O sexo foi criado por DEUS; não é invencionice humana. Quando desfrutado de acordo com as ordenanças divinas torna-se fonte de bênção ao esposo e à esposa.

Pode ocorrer de um ser humano nascer sem desejo sexual, porém com seus órgãos sexuais identificando seu sexo e biologicamente estar identificado como homem ou como mulher.

FANTÁSTICO DE DOMINGO (02-2-20) - A vida de um assexual e de uma assexual: "Não sentia vontade nem pelo meu marido"
Lórien Rezende era casada há mais de dez anos quando se descobriu assexual. Assexualidade viralizou na internet depois que Vitor Hugo, um dos brothers do BBB20, também se definiu assim. JESUS FALOU SOBRE ISTO E CONFIRMOU QUE EXISTEM PESSOAS QUE NASCEM SEM INTERESSE POR SEXO. EXISTEM PESSOAS QUE NASCEM SEM DESEJO SEXUAL. EXISTEM PESSOAS QUE TIVERAM SEUS MEMBROS SEXUAIS CORTADOS. EXISTEM PESSOAS QUE DECIDIRAM NÃO SE CASAREM E NEM TEREM RELAÇÕES SEXUAIS PARA SE DEDICAREM EXCLUSIVAMENTE A FAZEREM A OBRA DE DEUS (APÓSTOLO PAULO, POR EXEMPLO, talvez também Timóteo e Tito). Porque há eunucos que assim nasceram do ventre da mãe; e há eunucos que foram castrados pelos homens; e há eunucos que se castraram a si mesmos por causa do Reino dos céus. Quem pode receber isso, que o receba. Mateus 19:12 - Este também é assunto da Lição 6 deste Domingo.

3. Os dois sexos.

E disse DEUS: Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança; e domine sobre os peixes do mar, e sobre as aves dos céus, e sobre o gado, e sobre toda a terra, e sobre todo réptil que se move sobre a terra. E criou DEUS o homem à sua imagem; à imagem de DEUS o criou; macho e fêmea os criou. E DEUS os abençoou e DEUS lhes disse: Frutificai, e multiplicai-vos, e enchei a terra, e sujeitai-a; e dominai sobre os peixes do mar, e sobre as aves dos céus, e sobre todo o animal que se move sobre a terra. Gênesis 1:26-28

Ao criar o ser humano, o Senhor os fez macho e fêmea (Gn 1.26,27). Por conseguinte, há somente dois sexos: o masculino e o feminino. Ainda que alguém exteriormente transmude-se, jamais perderá a essência do sexo com que nasceu. O homossexualismo e outras práticas igualmente antibíblicas jamais conseguirão mudar o que DEUS criou.

Por mais que os homens e as mulheres queiram ser transformados para fora da vontade de DEUS, mesmo assim nunca conseguirão se transmutarem totalmente. A mulher não tem próstata e o homem não tem útero e ovários.

Homens e mulheres apresentam diferenças na anatomia, fisiologia e genética

A espécie humana apresenta indivíduos com sexos separados, ou seja, possui machos e fêmeas. Biologicamente falando, homens e mulheres possuem diferenças bem marcantes, tanto anatomicamente quanto fisiológica e geneticamente, o que caracteriza o “dimorfismo sexual”.

→ Diferenças cromossômicas

Sabemos que nas células humanas existem 23 pares de cromossomos. Desses, 22 pares são autossomos e os outros dois cromossomos (1 par) são chamados de sexuais. Os cromossomos autossomos são comuns aos dois sexos e não possuem diferenças marcantes entre si; entretanto, os cromossomos sexuais determinam as características de um macho e uma fêmea. Nas mulheres, observa-se a presença de dois cromossomos sexuais X, que são homólogos. Nos homens, por sua vez, observa-se a presença de um cromossomo X e um cromossomo Y.

→ Diferenças hormonais

Homens e mulheres apresentam hormônios sexuais em diferentes quantidades que garantem o desenvolvimento dos caracteres sexuais primários e secundários. Homens apresentam uma maior concentração de andrógenos, como a testosterona, diferentemente da mulher, que possui uma maior concentração de estrógeno.

Os andrógenos estão relacionados, entre outras funções, com a inibição do desenvolvimento mamário, alongamento das cordas vocais, crescimento da laringe, desenvolvimento de pelos corporais, atividades das glândulas sebáceas e efeitos sobre a libido. Os estrógenos, por sua vez, promovem o desenvolvimento do útero e ovário, atua nas mamas e tem papel fundamental na menstruação.

→ Maturidade sexual

Na puberdade, período em que ocorre a maturação biológica do organismo, observa- se o desenvolvimento dos caracteres sexuais secundários. Nessa fase, ocorrem mudanças marcantes tanto em homens quanto em mulheres, tornando-os aptos para a reprodução.

De uma maneira geral, a puberdade em meninas inicia-se mais cedo do que nos meninos. Nas meninas, a partir dos 8 anos de idade, já se observa o aparecimento das mamas; e por volta dos 12 anos, ocorre a primeira menstruação. Já nos meninos, o volume do testículo começa a aumentar por volta dos 11 anos, os pelos pubianos começam a surgir por volta dos 12 anos e os pelos na face apenas aos 15 anos.

→ Processamento de informações

Os cérebros masculinos e femininos não funcionam da mesma forma, apresentando leves diferenças na maneira de processar informações e emoções. Alguns neurofisiologistas explicam que homens são melhores em cálculos que mulheres, que, por sua vez, lidam melhor com as relações humanas e linguagem. Essas diferenças provavelmente estão relacionadas com a orientação das conexões entre os neurônios.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Outro ponto interessante em relação ao sistema nervoso central masculino e feminino é que mulheres possuem mais massa cinzenta (região com corpos celulares de neurônios) quando comparadas aos homens, que possuem mais massa branca (formada por prolongamentos dos neurônios).

→ Desempenho em atividades físicas

Homens e mulheres também apresentam diferenças quando o assunto é desempenho em atividades físicas. No caso dos exercícios aeróbicos, homens apresentam vantagens, pois possuem um maior número de glóbulos vermelhos no sangue, os quais são responsáveis pelo transporte de oxigênio necessário para a respiração celular (processo de aquisição de energia pela célula). No quesito força, o homem também apresenta vantagens em virtude da produção maior de testosterona, que causa um aumento maior na musculatura. As mulheres apresentam uma maior flexibilidade, o que garante melhor execução de atividades que exigem movimentos precisos.

→ Quantidade de gordura

As mulheres apresentam uma maior quantidade de gordura corporal quando comparadas aos homens. Essa maior quantidade de gordura é normalmente associada ao fato de que a mulher gera o bebê, necessitando, portanto, de uma fonte adicional de energia. Muitos pesquisadores associam o fato de o homem ter menos gordura e mais músculo ao seu papel de caçador nos primórdios da evolução humana.

→ Diferenças nas vozes

Homens e mulheres possuem também diferenças típicas entre as vozes, sendo a do homem mais grave que a das mulheres. Nos homens, as pregas vocais são mais grossas e elásticas, vibrando mais de 120 vezes por segundo. Em mulheres, a vibração ocorre com maior frequência, sendo essas pregas mais finas e tensas.

Vale frisar que alterações hormonais são responsáveis por mudanças na voz. Se uma mulher, por exemplo, receber testosterona, a voz se tornará mais masculinizada, uma vez que esse hormônio está relacionado com o aumento da massa das pregas vocais.

Por Ma. Vanessa dos Santos
Homens e mulheres apresentam diferenças na anatomia, fisiologia e genética

https://brasilescola.uol.com.br/curiosidades/diferencas-entre-homens- mulheres.htm Acesso em 07 de fevereiro de 2020.

II – OBJETIVOS DA SEXUALIDADE HUMANA
O sexo foi criado por DEUS, tendo em vista três objetivos: a procriação da espécie humana, a união conjugal e a glória divina.
1. Procriação.

Filhos são bênçãos do Senhor

E DEUS os abençoou e DEUS lhes disse: Frutificai, e multiplicai-vos, e enchei a terra, e sujeitai-a; e dominai sobre os peixes do mar, e sobre as aves dos céus, e sobre todo o animal que se move sobre a terra. Gênesis 1:28
Quero, pois, que as que são moças se casem, gerem filhos, governem a casa e não deem ocasião ao adversário de maldizer. 1 Timóteo 5:14 (até as viúvas jovens deve gerar filhos ao se casarem novamente com crentes salvos).
Salvar-se-á, porém, dando à luz filhos, se permanecer com modéstia na fé, no amor e

na santificação. 1 Timóteo 2:15 - (A importância é tanta na geração de filhos que Paulo a considera como uma das condições para se manter a salvação - FILHOS É PLURAL).

População muçulmana na Europa pode triplicar até 2050
Estudo aponta que proporção de muçulmanos deve aumentar particularmente em países como Alemanha e Suécia. Mesmo em cenário em que migração cesse, percentagem de membros da religião deve crescer no continente. SABE QUAL A TÁTICA? FAZER AO CONTRÁRIO DO QUE A IGREJA FAZ HOJE. ELES TÊM MUITOS FILHOS E VÃO SE TORNAR A MAIORIA DOS PAÍSES E VÃO OBRIGAR TODOS A SEREM MUÇULMANOS.

Não tem como a humanidade obedecer a DEUS sobre crescer e multiplicar-se se não for através da união entre um homem e uma mulher sexualmente. Veja exemplo de como a raça humana se desenvolveu a partir de Adão e Eva:

E conheceu Adão e Eva, sua mulher, e ela concebeu, e teve a Caim, e disse: Alcancei do Senhor um varão. E teve mais a seu irmão Abel; e Abel foi pastor de ovelhas, e Caim foi lavrador da terra. Gênesis 4:1,2

E Adão viveu cento e trinta anos, e gerou um filho à sua semelhança, conforme a sua imagem, e chamou o seu nome Sete. E foram os dias de Adão, depois que gerou a Sete, oitocentos anos, e gerou filhos e filhas. Gênesis 5:3,4

Até o milênio haverá união entre homens e mulheres para gerarem seres humanos e a ordem de DEUS para povoar a Terra será obedecida nesta época. Haverá trilhões de pessoas na terra. Satanás estará preso e não mais instigará as mulheres a serem vaidosas e desobedientes, evitando filhos.

Não haverá mais nela criança de poucos dias, nem velho que não cumpra os seus dias; porque o jovem morrerá de cem anos, mas o pecador de cem anos será amaldiçoado. Isaías 65:20

E, acabando-se os mil anos, Satanás será solto da sua prisão e sairá a enganar as nações que estão sobre os quatro cantos da terra, Gogue e Magogue, cujo número é como a areia do mar, para as ajuntar em batalha. Apocalipse 20:7,8 (veja que os inimigos de JESUS, no final do milênio, serão tantos como a areia do mar, imagine os fiéis quantos serão!).

Após o Juízo Final do Trono Branco todo o povo de DEUS estrão morando na Nova Terra e Novos Céus, nós na Nova Jerusalém, a Jerusalém celestial, em corpos espirituais, celestes, incorruptíveis e imortais. Não mais seremos reprodutivos, mas seremos a igreja do DEUS vivo, eterna, nos céus.

E, respondendo JESUS, disse-lhes: Os filhos deste mundo casam-se e dão-se em casamento, mas os que forem havidos por dignos de alcançar o mundo vindouro e a ressurreição dos mortos nem hão de casar, nem ser dados em casamento; porque já não podem mais morrer, pois são iguais aos anjos e são filhos de DEUS, sendo filhos da ressurreição. Lucas 20:34-36 (não mais teremos atividade sexual).

E, agora, digo isto, irmãos: que carne e sangue não podem herdar o Reino de DEUS, nem a corrupção herda a incorrupção.
Eis aqui vos digo um mistério: Na verdade, nem todos dormiremos, mas todos seremos transformados, num momento, num abrir e fechar de olhos, ante a última trombeta; porque a trombeta soará, e os mortos ressuscitarão incorruptíveis, e nós seremos transformados. Porque convém que isto que é corruptível se revista da incorruptibilidade e que isto que é mortal se revista da imortalidade. 1 Coríntios 15:50- 53 (Não teremos mais necessidades físicas nem fisiológicas).

Todavia, chegará o momento em que a humanidade não mais necessitará procriar-se (Lc 20.34-36). Tanto os que forem para o Céu, como os que forem para o lago de fogo, não mais propagarão a espécie; estará findada a nossa atividade sexual, porque o ser humano, agora, não será mais carne e sangue (1 Co 15.50). Os salvos teremos um corpo de glória; seremos semelhantes aos anjos. Aleluia!

Para compreender como ocorre a reprodução humana é preciso saber como dois importantes integrantes desse processo são formados:

Um homem jamais produz óvulos e uma mulher jamais produz espermatozoides, portanto, biologicamente, é impossível um homem nascer para ser mulher ou uma mulher nascer para ser homem.

a- Espermatogênese A espermatogênese é uma fase em que não há divisão celular e é responsável pela formação dos espermatozoides. Ela ocorre na parede dos túbulos seminíferos que compõem os testículos. Ao final do processo, os espermatozoides são liberados por esses túbulos. Ao redor dos túbulos seminíferos estão as células de Leydig, responsáveis pela produção do hormônio masculino testosterona. As células que iniciam o processo são chamadas espermatogônias e ficam inativas no organismo masculino até o início da puberdade, entre 13 e 16 anos. A partir daí inicia-se um intenso processo de proliferação dessas células. Depois de várias divisões por mitose algumas espermatogônias entra... - Veja mais em https://educacao.uol.com.br/disciplinas/biologia/reproducao-humana-formacao- dos-gametas-masculinos-e-femininos.htm?cmpid=copiaecola

b- Ovulo gênese A ovulo gênese está relacionada a modificações hormonais no corpo da mulher e é responsável pela formação do óvulo. Ela se divide em três períodos: Germinativo – onde na fase embrionária as células de dividem por mitose e formam as ovogônias (Diploide - 2n). Crescimento – nessa etapa não há divisão celular e sim o crescimento das ovogônias. Cada ovogônia (2n) dá origem a um ovócito primário ou ovócito I, que também é 2n. No período embrionário, os ovócitos I iniciam a meiose I, mas param na prófase permanecendo assim até a puberdade. Maturação – durante o ciclo menstrual, em geral, um dos ovócitos I (em prófase interrompida) finaliza a meiose I e forma o ovócito II e ... - Veja mais

em https://educacao.uol.com.br/disciplinas/biologia/reproducao-humana-formacao- dos-gametas-masculinos-e-femininos.htm?cmpid=copiaecola

2. União conjugal.

O sexo foi criado por DEUS para ser desfrutado no contexto da vida matrimonial (Gn 2.24). O sexo, quando praticado antes e fora do casamento, afigura-se como ofensa e pecado perante o Criador. No casamento, porém, une o casal e perpetua os laços entre o homem e a sua esposa.

O sexo entre o casal deve sempre ser visando o prazer sexual um do outro. A esposa visa o prazer sexual do esposo e o esposo visa o prazer sexual da esposa.

O sexo entre o casal é santo e não deve ser visto como pecado ou resultado dele. Adão e Eva estavam nus e não se envergonhavam. DEUS foi o criador do sexo. Ninguém poderá deixar de ser arrebatado porque estava praticando sexo com seu cônjuge no momento do arrebatamento.

E ambos estavam nus, o homem e a sua mulher; e não se envergonhavam. Gênesis 2:25

E criou DEUS o homem à sua imagem; à imagem de DEUS o criou; macho e fêmea os criou. Gênesis 1:27

O sexo é um dom que DEUS dá às pessoas casadas para o prazer de ambos. (http://www.jesusvoltara.com.br/info/sexo.htm)

A Bíblia diz em Provérbios 5:18-19 “Seja bendito o teu manancial; e regozija-te na mulher da tua mocidade. Como corça amorosa, e graciosa cabra montês saciem-te os seus seios em todo o tempo; e pelo seu amor sê encantado perpetuamente.”
A Bíblia recomenda que o romance e o dom de sexualidade sejam usados no contexto do casamento.

A Bíblia diz em Hebreus 13:4 “Honrado seja entre todos o matrimônio e o leito sem mácula; pois aos devassos e adúlteros, DEUS os julgará. ”

A Bíblia diz em 1 Coríntios 7:3-4 “O marido pague à mulher o que lhe é devido, e do mesmo modo a mulher ao marido. A mulher não tem autoridade sobre o seu próprio corpo, mas sim o marido; e também da mesma sorte o marido não tem autoridade sobre o seu próprio corpo, mas sim a mulher.”

DEUS criou o sexo como parte do casamento.

A Bíblia diz em 1 Coríntios 7:5 “Não vos negueis um ao outro, senão de comum acordo por algum tempo, a fim de vos aplicardes à oração e depois vos juntardes outra vez, para que Satanás não vos tente pela vossa incontinência.”
Para que não causemos danos a nós mesmos, os desejos e as atividades sexuais devem ser mantidos sob o controle de CRISTO.

A Bíblia diz em 1 Tessalonicenses 4:3-5 “Porque esta é a vontade de DEUS, a saber, a vossa santificação: que vos abstenhais da prostituição, que cada um de vós saiba possuir o seu vaso em santidade e honra, não na paixão da concupiscência, como os gentios que não conhecem a DEUS.”

3. A glória de DEUS.

O sexo não é uma atividade meramente fisiológica ou recreativa. Na Bíblia, há um livro dedicado às belezas da vida conjugal (Ct 2.1-4). Aliás, a Igreja de CRISTO é apresentada como a Noiva do Cordeiro (Ap 21.9; 22.17). Pode haver algo mais glorioso?

1 Timóteo - 2.15 SALVAR-SE-Á, PORÉM, DANDO À LUZ FILHOS.

A mulher é salva pela fé em DEUS, aceitando também o que lhe foi atribuído pelo seu Criador.

(1) A mais alta posição da mulher, e sua verdadeira dignidade, está no lar como esposa e mãe piedosa. Ela não poderá ter maior alegria, realização interior, bênção ou honra, do que a de tornar-se esposa e mãe cristã, dar à luz a filhos (5.14), amá-los (Tt 2.4) e criá-los para viverem para a glória de DEUS (cf. 2 Tm 1.5; 3.14,15), e continuar sempre fiel ao seu Salvador (v. 15b).

(2) A honra e a dignidade de ter filhos não deve ser desprezada pelos cristãos. Foi pelo ato de dar à luz a um Filho que Maria trouxe a salvação ao mundo (Gn 3.15; Mt 1.18-25).

(3) As sociedades, culturas e igrejas que comprometem ou rejeitam o propósito de DEUS para a mulher, rebaixando assim a família, o lar e a maternidade cristãos, sofrerão cada vez mais a desintegração dos seus casamentos, famílias e sociedades (ver 2 Tm 3.3).

(4) Essas palavras, dirigidas às mulheres cristãs, não visam rebaixar as solteiras, nem as estéreis. A fé, o amor e a santidade de tais mulheres podem ser tão grandes como entre aquelas que têm filhos (ver 1 Co 7.14)

Portanto, quer comais, quer bebais ou façais outra qualquer coisa, fazei tudo para a glória de DEUS. Portai-vos de modo que não deis escândalo nem aos judeus, nem aos gregos, nem à igreja de DEUS. Como também eu em tudo agrado a todos, não buscando o meu próprio proveito, mas o de muitos, para que assim se possam salvar. 1 Coríntios 10:31-33

"Não sabeis vós que sois o templo de DEUS, e que o ESPÍRITO de DEUS habita em vós? Se alguém destruir o templo de DEUS, DEUS o destruirá: porque o templo de DEUS, que sois vós, é santo" (1 Co .3.16,17).

O homem, ou a mulher cristã, deve tomar em consideração esta advertência solene e grave da Bíblia:

Se alguém destruir o seu próprio corpo, pelo pecado, DEUS o destruirá.
Mais clara, ainda, é a exortação, quando lemos o trecho de 1 Coríntios 6.18-20:

"Fugi da prostituição. Todo pecado que o homem comete é fora do corpo, mas o que se prostitui peca contra o seu próprio corpo. Ou não sabeis que O NOSSO CORPO E TEMPLO DO ESPÍRITO SANTO, que habita em vós, proveniente de DEUS e que não sois de vos mesmos? Porque fostes comprados por bom preço; glorificai pois a DEUS NO VOSSO CORPO, e no vosso espírito, os quais pertencem a DEUS".

Quem deve ser o centro da nossa atenção em nossos casamentos? Sem dúvida alguma, a resposta correta é: DEUS em primeiro lugar, depois nosso cônjuge.

Semelhantemente, vós, mulheres, sede sujeitas ao vosso próprio marido, para que também, se algum não obedece à palavra, pelo procedimento de sua mulher seja ganho sem palavra, considerando a vossa vida casta, em temor. O enfeite delas não seja o exterior, no frisado dos cabelos, no uso de joias de ouro, na compostura de vestes, mas o homem encoberto no coração, no incorruptível trajo de um espírito manso e quieto, que é precioso diante de DEUS.

Porque assim se adornavam também antigamente as santas mulheres que esperavam em DEUS e estavam sujeitas ao seu próprio marido, como Sara obedecia a Abraão, chamando-lhe senhor, da qual vós sois filhas, fazendo o bem e não temendo nenhum espanto. Igualmente vós, maridos, coabitai com ela com entendimento, dando honra à mulher, como vaso mais fraco; como sendo vós os seus coerdeiros da graça da vida; para que não sejam impedidas as vossas orações.
1 Pedro 3:1-7

O casamento deve ser para a Glória de DEUS.

Casais que têm como alvo glorificarem a DEUS através do seu casamento, experimentarão a mais profunda e verdadeira felicidade, por que a felicidade de um casamento consiste em ser e existir para glorificar a DEUS, e, glorificando-O o casal é completamente satisfeito com Sua Glória.

Irmãos, para glorificarmos a DEUS em nossos casamentos devemos investir em relacionamentos verdadeiros e intensos.

No presente texto, o apóstolo Pedro inspirado pelo ESPÍRITO SANTO vem nos mostrar alguns elementos fundamentais para que um casamento glorifique a DEUS. Glorificamos a DEUS.

1) Comportamos submissos à Palavra de DEUS, v.1, 2 e 7

Os v.1 e 2 falam da submissão da mulher ao seu esposo. Contudo, a submissão dela ao seu marido nada mais é do que um reflexo da submissão dela à Palavra de DEUS. Ao observar o “comportamento honesto e cheio de temor” da esposa, o marido possivelmente será “ganho, sem palavra alguma, por meio do procedimento da esposa”.

Observe que o objetivo de um cônjuge crente é levar o outro à mesma vida de comunhão com DEUS e de submissão à Sua Palavra.

Infelizmente, quando pecados como o egoísmo falam mais alto nos casamentos, o comportamento dos cônjuges passa longe da submissão à Palavra de DEUS, e um casamento não submisso aos princípios prescritos e determinados pela Palavra de DEUS fracassará.

Entenda que o seu objetivo em relação ao seu cônjuge é ser uma bênção na vida dele, é ser um canal através do qual DEUS abençoará a vida dele.

No v.7 Pedro diz que os dois são “herdeiros da mesma graça de vida”. Essas palavras devem provocar em nosso coração o desejo de vermos nosso cônjuge desfrutar das bênçãos que temos desfrutado em DEUS. Nosso comportamento em tudo deve ter isso em vista.

Para que o nosso casamento glorifique a DEUS é necessário: 2) Priorizarmos o que é mais importante, v.3,4

Pedro contrastou o que é exterior com o que é interior. A preocupação com a aparência sempre esteve presente no ser humano. Não é algo que diz respeito somente à nossa era. É verdade que em nossos dias tal preocupação está muito mais acentuada. As fábricas de cosméticos e clínicas de estética e lojas estão lucrando muito com a vaidade das pessoas.

Os guias de autoajuda dizem que o mais importante não é o que você tem, mas, sim, o que você é. A Bíblia, ao contrário vem nos dizer que não é o que aparentamos ser, mas, o que devemos ser é que é o mais importante. Veja que Pedro pôs a ênfase no que devemos ser: “Não seja o adorno da esposa o que é exterior, como frisado de cabelos, adereços de ouro, aparato de vestuário; seja, porém, o homem interior do coração, unido ao incorruptível trajo de um espírito manso e tranquilo, que é de grande valor diante de DEUS” (v.3,4).

Precisamos priorizar o que é mais importante, e, nesse caso, trata-se da beleza de CRISTO em nosso coração, nosso caráter bíblico.

É no casamento que nos conhecemos de verdade. É ali, no convívio conjugal que mostramos o que somos quando estamos com raiva, felizes, cansados, decepcionados ou cheios de expectativas. É nessa hora que os dois devem se empenhar ao máximo para que uma ajude o outro a se aperfeiçoar na Graça de DEUS.

Lute contra um viver de aparências. Lute também contra essa ideia de que você tem de mostrar o que você é. Em vez disso, dedique-se a ser aquilo que DEUS quer que você seja e o capacita para ser quem Ele quer que você seja.

Nosso casamento glorifica a DEUS quando:
3) Seguimos o bom exemplo de outros servos de DEUS, v.5-7

Nestes versos Pedro apresenta o exemplo de Sara, a qual tratava seu esposo Abraão com respeito. É fato que Sara cometeu alguns erros, como quando tramou para que Abraão tivesse relações com sua serva Hagar, para que o filho por ela concebido fosse considerado dela (Sara). Isso trouxe sérios problemas para Abraão e sua descendência. Mas, é o exemplo positivo que Pedro destaca aqui.

Em Tt 2.3-5, a Palavra de DEUS ordena: “Quanto às mulheres idosas, semelhantemente, que sejam sérias em seu proceder, não caluniadoras, não escravizadas a muito vinho; sejam mestras do bem, 4 a fim de instruírem as jovens recém-casadas a amarem ao marido e a seus filhos, 5 a serem sensatas, honestas, boas donas de casa, bondosas, sujeitas ao marido, para que a palavra de DEUS não seja difamada”.

Nós precisamos de bons exemplos para seguir. Não há problema algum imitarmos alguém; o problema está em quem estamos imitando. Infelizmente, temos ao nosso redor mais exemplos ruins do que bons. Precisamos escolher bem nossos modelos.

O respeito é recíproco no casamento. Não só as mulheres devem ser respeitosas para com seu esposo, mas, os maridos também, devem ter “consideração para com a vossa mulher como parte mais frágil...” e ainda tratá-la “...com dignidade...” (v.7).

Por fim, glorificamos a DEUS quando
4) Cultivamos intensa comunhão com DEUS, v.7

Pedro encerra tocando num ponto crucial: a comunhão com DEUS pode ser interrompida quando o casal não resolve seus conflitos.

Deixar para depois, procrastinar diante da necessidade de resolver um conflito não só piora a situação, como principalmente, interrompe a comunhão do casal com DEUS. É o que Pedro quis dizer com “interromper as vossas orações”.

Avalie seu casamento. Todas as vezes que você e seu cônjuge não trataram biblicamente (confissão, perdão e reconciliação) um conflito, uma das primeiras coisas que deixamos de fazer é orar a DEUS, e isso porque sentimo-nos hipócritas quando oramos, e em vez de confessarmos nosso pecado, preferimos fugir da presença de DEUS (como se fosse possível) e nos esconder nos “arbustos do nosso coração” assim como Adão e Eva fizeram se escondendo por entre as árvores do Jardim quando ouviram a voz de DEUS.

Lembre-se de que o objetivo do seu casamento é você ser um canal para que as bênçãos de DEUS escoem em direção ao seu cônjuge, pois, é em DEUS ser considerado como o único que pode lhes dar a plena satisfação de seus corações é que vocês O glorificarão ainda mais e serão plenamente felizes.

Não permita que pecados que geram conflitos afastem você e seu cônjuge da presença de DEUS.

Também podemos perceber que não somos canais de bênçãos para os outros quando estamos mal em nosso lar, com nosso cônjuge, com nossos filhos.

Conclusão

Talvez você tenha se casado por outros motivos que não a Glória de DEUS. Há esperança para você desde que de agora em diante você ajuste o seu foco para DEUS. Num casamento onde o desejo dele e o desejo dela é acima de tudo glorificar a DEUS, ambos se amarão como devem, e serão felizes como nunca imaginaram.

27/11/2011 - Olivar Alves Pereira

III – DISTORÇÕES DA SEXUALIDADE
O sexo, quando praticado antes, ou fora do casamento, gera iniquidades e abominações: fornicação, adultério, homossexualismo e ideologias nocivas. 1. A fornicação.

A fornicação é o relacionamento sexual antes do casamento (1 Tm 1.10). Logo, quando um casal de namorados, ou de noivos, pratica o sexo, tanto o rapaz quanto a moça pecam contra o Senhor (Ef 5.5).

TODO SEXO DESNATUIRAL É PECADO

Quais os principais tipos de sexo condenados pela bíblia?
Homossexualismo e Lesbianismo (Levítico 18.22; Romanos 1:26-27).
Sexo com animais (Levítico 18:23).
Sexo entre parentes próximos (Levítico 18:6).
Sexo anal (a mulher não tem prazer algum no sexo anal e doenças podem nascer dessa relação - Ânus não foi feito para entrar nada e sim para sair fezes).
Sexo oral (responsável por inúmeras doenças na boca e nos lábios - boca foi feita para alimentar-se e comunicar-se e não para sexo).
Adultério (incluindo intenção de adulterar, Êxodo 20:14; Mateus 5.28).
Fornicação. Prostituição. Qualquer relação sexual fora do casamento.
Masturbação. É Lascívia e muitas vezes adultério - Gl 5:19; Mt 5:27,28; Ninguém se masturba pensando numa cachoeira ou num pé de couve - Masturbação é egocêntrica e escravista (Rm 6:12 e 1Co 6.12).
Defraudação - Defraudar significa excitar ou despertar desejos sexuais na outra pessoa, que não podem ser satisfeitos dentro da vontade de DEUS, que é o casamento. Carícias exageradas que provocarão desejos que não poderão ser satisfeitos (defraudar, 1Ts 4.6; Ef 4.19).
Prostituição - Prazer em ver ou assistir cenas de sexo. Imoralidade sexual de todas as formas. Sexo fora do casamento.

Pedofilia (sexo de pessoa maior de 16 anos com crianças menores do que essa idade - abuso sexual).
Luxúria - Atração pelos prazeres carnais; comportamento desmedido em relação aos prazeres sexuais; lascívia (1Jo 2.16; Rm 8.4-14; Gl 5.17).

Impureza (gr. akatharsia), i.e., pecados sexuais, atos pecaminosos e vícios, inclusive maus pensamentos e desejos do coração (Ef 5.3; Cl 3.5; Rm 8.4-14; Gl 5.17). Lascívia (gr. aselgeia), i.e., sensualidade. É a pessoa seguir suas próprias paixões e maus desejos a ponto de perder a vergonha e a decência (2Co 12.21; Rm 8.4-14; Gl 5.17).

O sexo bíblico só é permitido num casamento monogâmico e heterossexual.

A sexualidade do ser humana foi criada por DEUS - DEUS não parou de fazer o ser humano quando chegou na parte sexual e a entregou para satanás fazer. Não, DEUS mesmo criou todo o ser humano.
O assunto sexo deve ser ensinado pelos pais aos filhos e tudo deve ser desvendado aos poucos de acordo com a idade de cada um e de acordo com a maturidade de cada um.

MASTURBAÇÃO ENTRE CASAIS - Se vai haver satisfação sem a penetração do órgão sexual é pecado porque vai substituir o sexo natural que DEUS criou. É muito perigoso também porque pode com o tempo não desejarem mais o sexo natural. Pode levar a um vício E AO DESCARTE DO CÔNJUGE. SEXO ANAL - Prática que tem aumentado dentro dos casais da igreja. Além de trazer doenças (Rm 1 - até AIDS), também acontece muito a fissura do ânus da mulher (rachadura). O sexo anal provoca dor na mulher e nunca satisfação. O homem muitas vezes procura por este tipo de sexo devido ao aperto do local, mas com o tempo isso não será mais possível e ele poderá, devido ao vício, procurar por outros parceiros (até mesmo homens). É nojento, fedorento e abominável diante de DEUS. “repugnante” ou “detestável” "depravado" DEUS vira seu rosto para longe deste homem com nojo. CUIDADO, DE REPENTE VOCÊ PODE PERDER TOTALMENTE O CONTATO COM O ESPÍRITO SANTO. NÃO ACONTECEU AINDA POR MISERICÓRDIA DE DEUS, MAS PODE ACONTECER AINDA HOJE. PARE!!!

FANTASIA SEXUAL

Pedir para a esposa se vestir como uma estudante ou coisa parecida.
A fantasia é soltar da mente sempre para a libertinagem sexual.
Criar “fantasias” acerca de uma mulher que não é a esposa, é “lascívia” e segundo o que JESUS disse é equivalente a prática do adultério (Mt. 5:28). Mesmo na hora da maior intimidade, a Bíblia diz que devemos manter os pensamentos puros (Fl. 4:8) e levando-os cativo a obediência de CRISTO (2 Co. 10:5).
Nunca se esqueça de que a mente é a porta de entrada que dá para o coração e emoções. Se você agasalhar pensamentos impuros e lascivos, eles o farão sentir lascivo. “Por que assim como (o homem) imagina em sua alma, assim ele é”. (Pv. 23:7)
Na prática das “fantasias” a pessoa pode estar “usando” o cônjuge em vez de “amá- lo”, e ao mesmo tempo cria expectativas irreais. Nem sempre por que alguma coisa é estimulante, significa que seja certo usá-la.
O homem é excitado pelo que vê e a mulher mais pelo toque e através do que ouve, foi DEUS quem os fez assim.
A mulher sábia sempre deve vestir-se da melhor maneira possível.
Para realizar seu marido no ato sexual, porém, sem extrapolar os limites do bom senso e os princípios da Palavra de DEUS, deve ser ela mesma.

Colossenses 3:5 Portanto, fora com as coisas pecaminosas e terrenas, abafem os desejos malignos que estão à espreita dentro de vocês; não se metam em pecado sexual, impureza, imoralidade e desejos vergonhosos; não adorem as coisas boas desta vida, pois isso é idolatria. 6 A ira terrível de DEUS está sobre aqueles que fazem tais coisas. 7 Vocês costumavam fazê-las quando sua vida ainda era parte deste mundo;

PORNOGRAFIA E MASTURBAÇÃO - Caro leitor, eu entendo seu problema. É um grande problema e tem atingido milhões de homens e mulheres atualmente.
O inimigo de nossas almas tem agido fortemente nessa área e o mundo também tem favorecido que esse tipo de vício aconteça e se mantenha. Mas é possível sim vencer o vício em pornografia e masturbação, pois é o que a palavra de DEUS nos ensina (1 Coríntios 10:13 - Não veio sobre vós tentação, senão humana; mas fiel é DEUS, que vos não deixará tentar acima do que podeis; antes, com a tentação dará também o escape, para que a possais suportar. 1 Coríntios 10:13). Para tanto, vou compartilhar dez segredos que vão te ajudar a não ser mais um viciado em pornografia e masturbação e, assim, conseguir ter a capacidade e a força necessárias para domar a força do vício quando ele aparecer.

Dica 1 – Conheça como funciona seu vício Todos os vícios têm um funcionamento bem parecido em nosso corpo e mente e é importante que o viciado conheça isso para que saiba lidar com as dificuldades que o vício provoca. Dentro de nosso cérebro existe um mecanismo de recompensa. O que significa isso? Por exemplo, quando comemos um chocolate ou fazemos algum exercício, substâncias são liberadas em nosso corpo que nos dão a sensação de prazer.

Essa é a “recompensa” por fazermos aquela determinada coisa. Os vícios, em geral, agem nessa área do cérebro. A nossa área sexual nos dá muito prazer e, quando a estimulamos, esses mecanismos de recompensa provocam sensações deliciosas. Por isso, se masturbar é algo tão gostoso.

Dica 2 – Por que você acessa pornografia e se masturba?
Sempre existe um gatilho que te leva ao vício. Em pesquisas com dependentes químicos de drogas mais pesadas já foi descoberto que o gatilho para que as pessoas cheguem até essas drogas geralmente é uma droga mais “leve” como o álcool e o cigarro. Na masturbação acontece algo parecido, os gatilhos também estão ali.
Muitas pessoas se masturbam e acessam pornografia freneticamente, pois estão muito ansiosas, passaram por decepções ou por verem diariamente imagens pornográficas. Esses são gatilhos que “disparam” o vício. Para vencer o vício em pornografia e masturbação é preciso identificar quais são esses gatilhos em sua vida. Dica 3 – Tome atitudes contra os gatilhos que disparam seu vício
Identificados os gatilhos é hora de agir racionalmente contra eles. Imaginemos que você sempre se masturba quando vai tomar banho. A privacidade do seu banheiro, a água quentinha, a vontade de relaxar depois de um dia duro de trabalho, são os gatilhos que te levam a se masturbar e acessar a pornografia em sua mente. Para vencer esse gatilho você precisa interromper ou mudar algo nessa sequência de coisas que favorecem o seu vício.
Tomar banho com a porta do banheiro aberta? Colocar um louvor no celular enquanto toma banho? Tomar banho na água fria? Talvez seja uma das possibilidades de quebrar esse ciclo. Outro exemplo: Você sempre cai na masturbação a noite, depois que todos foram dormir e você ficou acordado para assistir um pouco de tevê e relaxar e acaba acessando pornografia. Para quebrar esse gatilho evite ficar sozinho e peça para alguém colocar uma senha na tevê que não permita assistir programas para maiores de 18 anos. Não permita que os “gatilhos” do seu vício sejam acionados. Com isso você conseguirá vencê-lo com mais facilidade.
Dica 4 – Crie pequenas metas de resistência
Não é uma atitude muito inteligente achar que de hoje para amanhã conseguirá domar o seu vício para sempre. Para sempre é muito tempo. Por isso, faça pequenas metas de resistência que consiga cumprir. Que tal começar, por exemplo, com uma meta de uma semana sem acessar material pornográfico e se masturbar? À medida que ir conseguindo vencer as metas pequenas poderá ir ampliando-as e, assim, conseguirá criar novos hábitos que substituirão os antigos.

Um novo hábito demora cerca de 21 dias para ser formado e, assim, consegue substituir hábitos antigos.
Dica 5 – Não baixe a guarda diante de uma vitória
Vícios são traiçoeiros. Isso significa que se você der mole para ele, ele irá aparecer novamente e te escravizar de novo. Por isso, é muito importante que as metas de resistência sempre estejam em sua mente, funcionando e sem relaxamentos. Aqui cabe muito bem a palavra que JESUS disse aos seus discípulos: “Vigiai e orai, para que não entreis em tentação; o espírito, na verdade, está pronto, mas a carne é fraca.” (Mt 26:41).

A carne é fraca, mas o pecado não é vitamina.
A carne é fraca, mas a comunhão com DEUS e a vigilância dão a capacidade a ela de resistir. Nunca menospreze seu inimigo, ele já te venceu uma vez e pode fazer isso novamente! Não baixe a guarda.
Dica 6 – Esteja preparado para uma possível queda
Eu já assisti palestras a respeito de trabalho com dependentes químicos e todos os profissionais são unânimes: a maioria dos viciados acaba “caindo” em algum momento do tratamento. Isso também pode acontecer com aquele que está lutando contra o vício em pornografia e masturbação. Se acontecer uma queda faça o que deve ser feito. Vista-se de humildade, compareça diante de DEUS e peça perdão (1 João 1:9). Depois levante a cabeça, refaça seus planos e lute decidido para que novas quedas não aconteçam. Quando JESUS perdoava alguém ele costumava dizer para essa pessoa: “Vá e não peques mais”. É isso que DEUS quer de nós, nos restaurar e nos fazer crescer.
Dica 7 – Aprenda com as quedas
Caso você perder alguma batalha para o vício em pornografia e masturbação em meio à guerra que está travando, não permita que essa queda seja simplesmente uma queda. Aprenda com ela.
Como um guerreiro que analisa o inimigo, analise como poderá não permitir que a causa da queda aconteça novamente. Trace novas metas, novos rumos, novas estratégias. Não fique chorando pelos cantos, pois isso não te ajudará em nada na batalha! Tente usar a queda para fechar mais uma brecha que existia em sua vida e aprenda como não deixar que o inimigo use essa mesma brecha para te fazer “cair” novamente.
Dica 8 – Coloque a sua comunhão com DEUS em dia
Um dia um sábio disse que dentro de cada um de nós existe um lobo bom e um lobo mau. Um dos discípulos lhe perguntou qual deles era o mais forte. O sábio respondeu que era aquele que era mais bem alimentado. Alimente-se com “vitamina” pura vinda de DEUS. É assim que você fica fortalecido para lutar e vencer.
Comunhão com DEUS ajudará e muito a vencer o vício em pornografia e masturbação, pois trará DEUS para a “briga”. DEUS vai te ajudar e, então, você será mais forte do que qualquer inimigo! Ore, leia a Bíblia, jejue, sirva o próximo, pratique a palavra de DEUS. Mantenha sua vida espiritual nutrida.
Dica 9 – Cuidado com os seus olhos
Hoje não precisamos de muito esforço para estar diante de pornografia. Às vezes, até saindo as ruas acabamos nos deparando com ela. Homens e mulheres muitas vezes usam vestimentas tão curtas que são bem semelhantes ao que se vê nas peças pornográficas. Por isso, cuidado com os olhos. Seja prudente. Paulo nos orienta algo interessante: “fugi da impureza” (1 Coríntios 6:18). Não olhe duas vezes para a mesma coisa que lhe faz pecar.
Normalmente fugir de algo parece coisa de covarde, mas não quando enfrentamos as tentações. Nesse caso, fugir significa se preservar. Se um leão viesse em sua direção e você tivesse como fugir dele não o faria? E tenho certeza de que ninguém te chamaria de covarde por fugir de um leão. A mesma coisa contra o vício em pornografia e masturbação. É um leão que quer te devorar, então, treine seus olhos a fugir de tudo aquilo que te leva de volta ao vício. Fuja quando perceber que está sendo tentado e quando a vontade do vício aparecer. Fugi de toda aparência do mal. 1 Tessalonicenses 5:22.
Dica 10 – Se não estiver conseguindo procure ajuda
O que é melhor, ficar destruído por causa de um vício ou admitir que não está conseguindo e pedir ajuda e vencer? Aquele que é sábio certamente vai escolher a segunda opção, pois é a saída para a vitória.
Se você já tentou de tudo, mas sem sucesso, gostaria de deixar um versículo e um conselho a você. Primeiro o versículo: “Confessai, pois, os vossos pecados uns aos outros e orai uns pelos outros, para serdes curados. Muito pode, por sua eficácia, a súplica do justo” (Tiago 5:16).
A ajuda é muito importante. Agora quero deixar a você um conselho:
Toda vez que for se masturbar olhe para cima e tente perceber quantos estão vendo o que está a fazer. Portanto, nós também, pois, que estamos rodeados de uma tão grande nuvem de testemunhas, deixemos todo embaraço e o pecado que tão de perto nos rodeia e corramos, com paciência, a carreira que nos está proposta, Hebreus 12:1 Pense na multidão de anjos com vergonha por você estar fazendo isto, envergonhando o nome de DEUS perante todo reino espiritual de multidão de demônios olhando e sorrindo, enquanto o acusam.
ARREPENDA-SE SINCERAMENTE E ORE A DEUS PEDINDO PERDÃO EM NOME DE JESUS, TOMANDO A FIRME DECISÃO DE VENCER ESTE PECADO.

https://www.gospelprime.com.br/10-segredos-para-vencer-o-vicio-em-pornografia-e- masturbacao/10/

1 Tessalonicenses 4.3-5; 5.23; 1 Pedro 1.14-16

1 Tessalonicenses 4.3-5 - 3 Porque esta é a vontade de DEUS, a vossa santificação: que vos abstenhais da prostituição, 4 que cada um de vós saiba possuir o seu vaso em santificação e honra, 5 não na paixão de concupiscência, como os gentios, que não conhecem a DEUS.

1 Tessalonicenses 5.23 - E o mesmo DEUS de paz vos santifique em tudo; e todo o vosso espírito, e alma, e corpo sejam plenamente conservados irrepreensíveis para a vinda de nosso Senhor JESUS CRISTO.

1 Pedro 1.14-16 - 14 como filhos obedientes, não vos conformando com as concupiscências que antes havia em vossa ignorância; 15 mas, como é santo aquele que vos chamou, sede vós também santos em toda a vossa maneira de viver, 16 porquanto escrito está: Sede santos, porque eu sou santo.

2. O adultério.
O sétimo mandamento proíbe o adultério.
A Bíblia diz em Êxodo 20:14 “Não adulterarás.” A Bíblia diz em Mateus 5.28 - "

Provérbios 5.1-6

1 Filho meu, atende à minha sabedoria; à minha razão inclina o teu ouvido; 2 para que conserves os meus avisos, e os teus lábios guardem o conhecimento. 3 Porque os lábios da mulher estranha destilam favos de mel, e o seu paladar é mais macio do que Eu, porém, vos digo, que qualquer que atentar numa mulher para a cobiçar, já em seu coração cometeu adultério com ela". (JESUS disse que o adultério também acontece quando se olha para alguém com desejo no coração, não só quando há junção corporal).

o azeite; 4 mas o seu fim é amargoso como o absinto, agudo como a espada de dois fios. 5 Os seus pés descem à morte; os seus passos firmam-se no inferno. 6 Ela não pondera a vereda da vida; as suas carreiras são variáveis, e não as conhece.

5.3 OS LÁBIOS DA MULHER ESTRANHA. O livro de Provérbios adverte repetidas vezes quão destrutiva é a imoralidade sexual. Salomão ressalta que, embora os prazeres enganosos dessa imoralidade sejam atraentes, a entrega aos mesmos leva à ruína (vv. 7-14). Este capítulo e também 2.16-19; 6.20-35; 22.14; 23.27,28; 29.3; 30.20; 31.3 abordam a quebra das normas divinas da pureza e da castidade. A resposta à imoralidade sexual é a entrega pessoal a DEUS (v. 1) a abstenção sexual disciplinada pré-marital e a satisfação do desejo sexual natural através de uma vida marital santa e amorosa (vv. 15-23).

6.32,33 O QUE ADULTERA... O SEU OPRÓBRIO NUNCA SE APAGARÁ. O crente que cometer adultério, sofrerá aflição e desonra; além disso, seu opróbrio nunca desaparecerá.

(1) O adultério é um pecado grave e hediondo contra DEUS (2 Sm 12.9,10) e contra o cônjuge inocente que foi enganado; a vergonha e a infâmia daquele pecado permanecem com a parte culpada pela vida inteira. Embora a culpa do adultério possa ser perdoada mediante o arrependimento, seu opróbrio permanecerá e suas cicatrizes nunca serão totalmente removidas. Não é possível remediar completamente o dano feito (ver 2 Sm 12.10; 13.13,22; 1 Rs 15.5; Ne 13.26; Mt 1.6).

(2) Por causa das consequências terríveis e a longo prazo que o adultério acarreta a todos que o praticam, devemos fugir de toda tentação e evitar qualquer relacionamento que possa levar a esse pecado. Devemos orar para que o Senhor nos livre dessa tentação (Mt 6.13) e lembrar-nos com sensatez, ao sermos tentados, das palavras das Escrituras: "Aquele, pois, que cuida estar em pé, olhe que não caia" (1 Co 10.12).

Mateus 5.27,28

27 Ouvistes que foi dito aos antigos: Não cometerás adultério. 28 Eu porém, vos digo que qualquer que atentar numa mulher para a cobiçar já em seu coração cometeu adultério com ela.

5.28 ATENTAR NUMA MULHER PARA A COBIÇAR.

Trata-se de cobiça carnal, ou concupiscência (gr. epithumia). O que CRISTO condena aqui não é o pensamento repentino que Satanás pode colocar na mente de uma pessoa, nem um desejo impróprio que surge de repente. Trata-se, pelo contrário, de um pensamento ou desejo errado, aprovado pela nossa vontade. É um desejo imoral que a pessoa procurará realizar, caso surja a oportunidade. O desejo íntimo de prazer sexual ilícito, imaginado e não resistido, é pecado.

(1) O cristão deve tomar muito cuidado para não admirar cenas imorais como as de filmes e da literatura pornográfica (cf. 2 Tm 2.22; Tt 2.12; Tg 1.14; 1 Pe 2.11; 2 Pe 3.3; 1 Jo 2.15,16; 1 Co 6.18; Gl 5.19, 21; Cl 3.5; Ef 5.5; Hb 13.4).

(2) Quanto a manter a pureza sexual, a mulher, igualmente como o homem, tem responsabilidade. A mulher cristã deve tomar cuidado para não se vestir de modo a atrair a atenção para o seu corpo e deste modo originar tentação no homem e instigar a concupiscência. Vestir-se com imodéstia é pecado (1 Tm 2.9; 1 Pe 3.2,3).

A infidelidade conjugal tem sido o principal motivo de separação de casais na igreja. A falta de vigilância com a internet e com o contato pele-a-pele (abraços exagerados) e permanência em lugares fechados a sós, tem sido motivo de haver tantos casos de adultério na igreja. A igreja precisa pedir a DEUS discernimento espiritual para serem revelados esses casos e pedir a DEUS autoridade e coragem para os líderes no combate aos casos existentes, procurando o perdão entre os cônjuges e a restauração dos casamentos quebrados por tais atos pecaminosos.

A) ADULTÉRIO, UM GRAVE PECADO:

Infidelidade conjugal, biblicamente falando, é o ato sexual entre uma pessoa casada e outra que não é o seu cônjuge. Na bíblia é geralmente denominado Adultério (AT - hebraico Naaph – NT – grego – moichos ou moicheia). (Exemplos - Jr 2.33; 7.9; 23.14; 29.23; Os 4.2; Ml 3.5; Lc 18.11; I Co 6.9; Hb 13.4)

Moicheia é o termo usado para pecado físico do adultério (Mt 15.19; Mc 7.21; Jo 8.3; Gl 5.19).

Adultério é palavra portuguesa derivada do grego adulterium se referindo ao dormir em cama alheia.

Hb 13.4 “Venerado seja entre todos o matrimônio e o leito sem mácula; porém aos que se dão à prostituição e aos adúlteros DEUS os julgará”.

B) AS CONSEQÜÊNCIAS DA INFIDELIDADE

O adultério é pecado largamente condenado tanto no Antigo quanto no Novo testamento.(Êx 5.18 – Êx 20.4 – no decálogo; Dt 5.18; Jó 31.11; Pv 2.17).

Punição aplicada ao adultério - a morte (Lv 20.10; Dt 22.22).

Havia como castigo o estrangulamento, recomendado pelos rabinos ou o apedrejamento como nos tempos de JESUS (Jo 8.3,5).

O rei Davi foi severamente repreendido pelo profeta Natã a esse respeito e o castigo de DEUS se abateu sobre ele, levando-lhe o filho nascido desse ato pecaminoso (II Sm 12.7; Sl 51).

Em Provérbios vemos instruções a fim de que o homem não se envolva em pecado de adultério (Pv 6.29-32).

O divórcio geralmente acontece devido ao adultério de um dos cônjuges - Dt 24.1; Mt 19.9.

O adultério pode ser o principal motivo para se romperem laços conjugais (I Co 6.15- 17; Hb 13.4).

No Novo testamento o adultério é visto de maneira mais rígida por JESUS, - Mt 5.28, sendo condenado não apenas por contato físico, mas desejo da alma.

Muitos são os casos de apostasia devido ao adultério e João chega até a dizer que existem pecados que não se deve orar pelos pecadores que insistem neles - I Co 6.9,10; 1 Jo 5.16.

C) CONSELHOS CONTRA A INFIDELIDADE

Até cristãos estão sujeitos à infidelidade conjugal e a bíblia está recheada de casos de servos de DEUS que caíram nessa cilada de Satanás. Dentre os mais destacados temos Abraão, Jacó, Davi e Salomão.

Existem casos de história de família que devem ser estudados e vigiados por aqueles que desejam ser fiéis a DEUS e o seu cônjuge (I Co 10.12). Os olhos devem estar fixos em DEUS e em seu testemunho de nossa aliança (Ef 5.25).

O segredo sempre é:
Esposas – sejam submissas. Esposos – Amem suas esposas.

A falta de assistência de um dos cônjuges quando o outro está ferido pode ocasionar o adultério, por isso os cônjuges devem sempre estar dialogando um com o outro e procurando solução para os problemas que surgirem.

Os problemas conjugais devem ser tratados entre os cônjuges e só podem ser levados a outrem que seja de extrema confiança dos dois – no caso, o melhor é procurar ajuda do pastor e sua esposa.

São funestas as consequências de um adultério, mas sempre o perdão deve estar à frente de qualquer outra atitude.

O homem não é dono de seu corpo e nem a mulher de seu, portanto não podem ficar muito tempo sem o ato sexual. Muitos adultérios acontecem por falta de sexo entre os cônjuges. Existem maridos que passam até meses fora de casa em viagem de negócios ou outros afazeres. Muitos maridos passam anos dormindo no sofá, embora morando dentro da mesma casa que seu cônjuge. (I Co 7.5).

Casados devem tomar cuidado com elogios alheios (Pv 2.16,17 Pv 5.3; 6.24; 7.5, 21,23).

Antes de viajar o cônjuge deve procurar por relacionamento sexual com seu cônjuge para que não sejam demasiadamente tentados (Pv 7.10-12);

O amor entre os cônjuges deve ser mantido sempre aceso (Fp 1.9).

A infidelidade ou adultério acontece tanto no mundo como na igreja. É preciso lutar contra esse pecado como se luta contra Satanás, ele é o tentador. Só o amor e o compromisso com DEUS podem evitar que o casamento seja destruído pelo adultério. O perdão é ainda a melhor solução quando acontece essa tragédia.

DIVÓRCIO - Respondeu-lhes JESUS: Por causa da dureza do vosso coração é que Moisés vos permitiu repudiar vossa mulher; entretanto, não foi assim desde o princípio. 9 Eu, porém, vos digo: quem repudiar sua mulher, não sendo por causa de relações sexuais ilícitas, e casar com outra comete adultério e o que casar com a repudiada comete adultério. Esta palavra porneia (relação sexual ilícita), quando aceitei a JESUS significava prostituição ou qualquer sexo fora do casamento. Agora deram o sentido de relação sexual fora do casamento ou relações ilícitas. Então, antes significava que ao casar, se o marido descobrisse que a mulher não era mais virgem, ele poderia se divorciar. AGORA, NOS MODERNOS TEMPOS, COM SENTIDO NOVO, A PALAVRA PORNEIA PODE ATÉ SIGNIFICAR ADULTÉRIO. O que vemos são homens (muitos deles pastores) que adulteraram e ficam esperando a esposa adulterar também para se autodeclararem vítimas de adultério e se casarem de novo. Muitos nem esperam a esposa adulterar, já casam logo de novo. Realmente, olhando o dicionário Strong em Português vemos que existe esta possibilidade de ser adultério do outro cônjuge - πορνεια porneia -

1) relação sexual ilícita
1a) adultério, fornicação, homossexualidade, lesbianismo, relação sexual com animais etc.
1b) relação sexual com parentes próximos; Lv 18
1c) relação sexual com um homem ou mulher divorciada; Mc 10.11-12 Esta era a condição para divórcio a que JESUS se referia - Quando um homem tomar uma mulher e se casar com ela, então, será que, se não achar graça em seus olhos, por nela achar coisa feia, ele lhe fará escrito de repúdio, e lho dará na sua mão, e a despedirá da sua casa. Se ela, pois, saindo da sua casa, for e se casar com outro homem, e se este último homem a aborrecer, e lhe fizer escrito de repúdio, e lho der na sua mão, e a despedir da sua casa ou se este último homem, que a tomou para si por mulher, vier a morrer, então, seu primeiro marido, que a despediu, não poderá tornar a tomá-la para que seja sua mulher, depois que foi contaminada, pois é abominação perante o Senhor; assim não farás pecar a terra que o Senhor, teu DEUS, te dá por herança. Deuteronômio 24:1-4 - MUITO PROVAVELMENTE ERA O CASO DA SAMARITANA QUE JESUS A ENCONTROU NA BEIRA DO POÇO E JÁ HAVIA ESTADO CASADA 5 VEZES E AGORA VIVIA COM UM HOMEM SEM SE CASAR. porque tiveste cinco maridos e o que agora tens não é teu marido; isso disseste com verdade. João 4:18.

Importante sabermos também que disseram "por qualquer motivo" - Havia duas correntes principais de pensamento.

Dar carta de divórcio se a mulher, no dia da primeira relação sexual, não fosse mais virgem e dar carta de divórcio por ter algum problema físico e até por ser feia.

JESUS disse bem claro que eles davam carta de divórcio pela dureza de seus corações.

A fim de proteger a harmonia conjugal, o Senhor decretou: “Não adulterarás” (Êx 20.14). JESUS, no Sermão da Montanha, condena não somente o ato em si, como a própria cobiça (Mt 5.27,28). Os adúlteros não terão parte nem guarida no Reino de DEUS.

Monogamia - grego μονογαμία - Casamento com uma só parceira(o). mono - 1 Bigamia - grego διγαμία - Casamento com duas parceiras(os). Bi - 2

Poligamia - grego πολυγαμία - Casamento com mais de duas parceiras(os). poli - mais de 2.

Casamento - grego γάμος - União conjugal entre um homem e uma mulher.

“Venerado seja entre todos o matrimônio e o leito sem mácula” (Hb 13.4-a). União monogâmica (mono = um) + (gamós = casamento)
Heterossexual (Heteros = diferente) + (sexual = sexo)
O Senhor deixa claro que odeia o divórcio (Ml 2.16)

CRISTO e Sua noiva, a Igreja – Ef 5.31-32.

1 Coríntios 6.10 - Não erreis: nem os devassos, nem os idólatras, nem os adúlteros, nem os efeminados, nem os sodomitas, nem os ladrões, nem os avarentos, nem os bêbados, nem os maldizentes, nem os roubadores herdarão o reino de DEUS.

Perguntas:

1- Pessoa que divorciou devido infidelidade pode casar novamente? SIM. Isso está no estatuto de todas as igrejas evangélicas brasileiras. Porém, a palavra de DEUS diz que só pode se casar com uma pessoa crente salva. Mas se resolver perdoara a pessoa que a traiu e voltar a morar com ela seria melhor.

2- Pessoa que traiu pode se casar de novo? NÃO. Esta não pode se casar novamente e estará em adultério se casar de novo ou se juntar com outra pessoa e esta pessoa também estará em adultério.

3. O homossexualismo.

RELAÇÃO HOMOSSEXUAL

Prova de que o homem nasce sentindo atração por mulher e mulher sentindo atração por homem:
Numa relação sexual de um casal de homens, um tem que fazer o papel de homem e outro de mulher. Esse deve tomar hormônios para que sejam criados seios, deve raspar totalmente seus pelos e tomar alguma droga para não nascer mais pelos, deve aprender a falar como mulher e se vestir como mulher e ter os trejeitos de uma mulher. Por que?

Porque na verdade seu parceiro gosta é de mulher.
Quando são duas mulheres, uma deve fazer o papel de homem. Deve ser vestir como homem, ter voz de homem, ter bigode e barba se possível, ter músculos avantajados etc. Por que? Porque sua parceira gosta é de homem.
Daí concluímos que somente um de cada casal está desviando totalmente sua natureza sexual, tentando ser o que não é.
Um homem não produz óvulos, seu gameta é masculino XY, nasce com órgão genital masculino, não possui ovários e trompas, possui próstata, possui características psicológicas de homem.
A mulher não produz espermatozoides, seu gameta é feminino XX, nasce com órgão sexual feminino, possui ovários e trompas, possui útero, possui características psicológicas de mulher.

ABOMINAÇÃO

Com varão te não deitarás, como se fosse mulher: abominação é; Levítico 18:22

Pelo que DEUS os abandonou às paixões infames. Porque até as
suas mulheres mudaram o uso natural, no contrário à natureza. E, semelhantemente, também os varões, deixando o uso natural da mulher, se inflamaram em sua sensualidade uns para com os outros, varão com varão, cometendo torpeza e recebendo em si mesmos a recompensa que convinha ao seu erro. Romanos 1:26,27 (recompensa: AIDS, câncer de próstata, gases no coração, depressão etc.)

Não erreis: nem os devassos, nem os idólatras, nem os adúlteros, nem os efeminados, nem os sodomitas, nem os ladrões, nem os avarentos, nem os bêbados, nem os maldizentes, nem os roubadores herdarão o Reino de DEUS. 1 Coríntios 6:10

Também desterrou da terra o resto dos rapazes escandalosos que ficaram nos dias de Asa, seu pai. 1 Reis 22:47 (No AT também existiam tais aberrações).

E chamaram Ló e disseram-lhe: Onde estão os varões que a ti vieram nesta noite? Traze-os fora a nós, para que os conheçamos. Gênesis 19:5 (Conheçamos no sentido sexual - No AT também existiam tais aberrações).

Estando eles alegrando o seu coração, eis que os homens daquela cidade (homens que eram filhos de Belial) cercaram a casa, batendo à porta; e falaram ao velho, senhor da casa, dizendo: Tira para fora o homem que entrou em tua casa, para que o conheçamos. Juízes 19:22 (Conheçamos no sentido sexual - No AT também existiam tais aberrações).

É o relacionamento sexual de pessoas do mesmo sexo. Na Bíblia Sagrada, é conhecido como o pecado de Sodoma e Gomorra (Dt 23.18; 1 Co 6.9,10; 1 Tm 1.10). Essa abominação contraria o plano divino quanto ao casamento que, além de ser monogâmico e indissolúvel, é heterossexual (Gn 2.24).

Em 2018 - A Igreja Presbiteriana dos EUA muda liturgia para celebrar casamento gay - Liberalismo teológico tem feito o número de membros despencar na última década

A nova medida polêmica da Igreja Presbiteriana dos Estados Unidos (PCUSA) é alterar seu Livro de Culto Comum, que estabelece a liturgia das cerimônias. O texto da




versão que será publicada este ano traz uma “linguagem inclusiva”, que prevê uma bênção para o casamento de duas pessoas do mesmo sexo.

Segundo o site Presbyterians Today, “O cerimonial do casamento foi revisado e apresenta uma linguagem inclusiva e um formato mais flexível, tornando o programa adequado para todo tipo de casal e novos arranjos familiares”. Outra novidade é a inclusão de uma cerimônia de divórcio ou, como descreve o Livro, para “aqueles que procuram uma maneira de marcar ritualmente o fim de seu casamento”.

O pastor David Gambrell, coeditor da nova versão do Livro de Culto Comum, disse ao Christian Post que as mudanças são consequência da decisão tomada pela denominação de alterar sua definição de casamento, que desde 2014 lê: “união de duas pessoas, tradicionalmente um homem e uma mulher”.

Embora não seja adotado nas igrejas presbiterianas do Brasil, o Livro de Culto Comum possui uma longa tradição. Ele foi publicado pela primeira vez em 1906. Gambrell explica que todas as suas revisões visaram contemplar as mudanças na Igreja e a linguagem do culto cristão.

Outras mudanças feitas na edição de 2018 são novas seções sobre a missão da Igreja no mundo e sugestões musicais, com a inclusão de várias canções cristãs contemporâneas no lugar de hinos mais tradicionais.

A PCUSA é a maior denominação protestante liberal nos EUA. Mas seu liberalismo teológico gerou divisões internas e a saída de muitas igrejas da denominação. Além do casamento homoafetivo, passou a aceitar a ordenação de pessoas LGBT. Ela experimentou um grande declínio no número de membros na última década – de 2,2 milhões em 2007 passou para apenas 1,4 mi em 2017.

https://www.gospelprime.com.br/igreja-presbiteriana-dos-eua-muda-liturgia-para- celebrar-casamento-gay/

Pessoas com transexualismo têm riscos de mortalidade, suicídio e morbidez psiquiátrica .

Tradução: Clara Allain Original em inglês: Gender Dysphoria in Children (https://www.acpeds.org/the-collegespeaks/position-statements/gender-dysphoria-in- children)

4. A ideologia de gênero.

IDEOLOGIA - Conceituando o tema :

Vejamos 3 significados:
conjunto de ideias que se propõem a orientar o comportamento, a maneira de pensar e de agir das pessoas, seja individual ou seja socialmente.

- conjunto de ideias, crenças e doutrinas, próprias de uma sociedade, de uma época ou de uma classe, e que são produto de uma situação histórica e das aspirações dos grupos que as apresentam como imperativos da razão;

- sistema organizado e fechado de ideias que serve de base a uma luta política;

IDEOLOGIA DE GÊNERO

- É UMA IDEOLOGIA, CONHECIDA COM AUSÊNCIA DE SEXO, OU SEJA, SEGUNDO ESSES PENSADORES, O SEXO QUE A CRIANÇA NASCE (MENINO OU MENINA), NÃO DEFINE SUA SEXUALIDADE. ELES FALAM QUE A CRIANÇA TEM QUE TER EXPERIÊNCIAS SEXUAIS DIFERENTES E MAIS TARDE, SE DEFINIR HOMEM E MULHER.
-NAO É UMA CIÊNCIA ;
- E UM PRODUTO DE MANOBRA IDEOLÓGICA E SOCIOLÓGICA DE UM GRUPO DE PESSOAS QUE SE BASEIAM EM IDÉIAS MARXISTAS;
- PEDIATRAS CONDENAM TAL IDEOLOGIA;
-EDUCADORES COMPROMETIDOS COM SEUS ALUNOS, CONDENAM TAL IDEOLOGIA;

- O ECA ( ESTATUTO DA CRIANÇA E ADOLESCENTES), NO ARTIGO 17, DIZ:
O direito ao respeito consiste na inviolabilidade da integridade física, psíquica e moral da criança e do adolescente, abrangendo a preservação da imagem, da identidade, da autonomia, dos valores, ideias e crenças, dos espaços e objetos pessoais

E NO ARTIGO 79 DIZ:

As revistas e publicações destinadas ao público infanto-juvenil não poderão conter ilustrações, fotografias, legendas, crônicas ou anúncios de bebidas alcoólicas, tabaco, armas e munições, e deverão respeitar os valores éticos e sociais da pessoa e da família

-PELA LEI CONTIDA NO ECA: Usar livros didáticos, literatura suplementar ou cartilhas financiadas e produzidas por ministérios e secretarias estaduais e municipais contendo ideologia de gênero é um desrespeito aos valores morais e éticos da pessoa e da família

- AS FAMÍLIAS PODEM USAR O ECA, CONTRA QUALQUER IDEOLOGIA QUE FERE O SEU DIREITO DE EDUCAR SEU FILHO, DE ACORDO COM SEUS PRINCÍPIOS, VALORES, IDÉIAS E CRENÇAS;

-E NÓS, PROFESSORES DA EBD, PAIS COMPROMISSADOS, LIDERES, PASTORES, TEMOS A NOSSA LEI ÉTICA QUE NOS DIZ:
-Gn 1.27 - DEUS nos criou homem ou mulher;
-Pv 22.6 - a família é quem instrui valores éticos e crenças , às crianças. A escola, o estado oferecem o ensino sistematizado;

A escritura é divinamente inspirada e proveitosa para a boa conduta.

Toda Escritura divinamente inspirada é proveitosa para ensinar, para redarguir, para corrigir, para instruir em justiça, para que o homem de DEUS seja perfeito perfeitamente instruído para toda boa obra 2Tm 3.16.17

Vimos na aula anterior que a ÉTICA CRISTÃ tem o objetivo de mostrar a conduta ideal para o bom comportamento cristão e que este fundamento moral, encontramos nas escrituras sagradas.
A bíblia é nosso manual de fé, nela conhecemos nosso DEUS e sua vontade para nossas vidas. Já provamos a boa palavra de DEUS e sabemos seus maravilhosos benefícios.

A palavra ilumina nosso caminho Sl 119.105;
A palavra vivifica o homem, Sl 119.107;
A palavra firma os passos do homem, e impede a iniquidade, Sl 119.133.

Vivemos tempos difíceis e as artimanhas do diabo para acabar com a família tem um exército muito grande de adeptos que, criam suas teorias, ideologias e encontram meios de disseminá-las, diante de nossos olhos, para os grupos mais frágeis de nossa igreja: crianças, adolescentes e jovens, ou seja, nossos filhos. Aqueles, a quem a palavra chama de Herança do Senhor. Sl 127.3. Oremos por eles Para que não se




contaminem por ideologias terríveis que tem por meta, destruir a família.
A nossa instrução, a instrução para nossos filhos, acerca das crenças, moral e bons costumes, devem vir da palavra de DEUS.
Porque a palavra de DEUS é viva, e eficaz, e mais penetrante do que qualquer espada de dois gumes, e penetra até à divisão da alma, e do espírito, e das juntas e medulas, e é apta para discernir os pensamentos e intenções do coração Hb 4.12 (Professora Cristina Mello)

A verdade do Senhor é imutável e dura de geração a geração.

Porque o Senhor é bom, e eterna, a sua misericórdia; e a sua verdade estende-se de geração a geração. Sl 100.5

Estamos estudando nesse trimestre, na EBD, os Valores Cristãos. E nossa próxima aula terá como tema: Ética Cristã e Ideologia de Gênero
No texto bíblico de hoje, no salmos 100, o autor nos convida a ver o grandioso amor de DEUS pela humanidade e a sua bondade para conosco, porque o Senhor é bom! E como um DEUS bom, Ele é também misericordioso.

Em Gn 1.26, ao criar o homem, diz que ele foi feito à Sua Imagem e Semelhança, E DEUS é bom...então, o homem é bom!
E ainda no verso 5, do salmos 100, o autor diz que a sua verdade se estende de geração a geração, ou seja, o que está registrado na palavra, a verdade sobre o Pai, é imutável e não tem prazo de validade, dura de geração a geração. DEUS não mudou, ELE é o mesmo ontem, hoje e será eternamente!

Então o homem cresceu, tornou-se muito inteligente, criou teorias e ideologias, e quer mudar a ordem natural da criação. A criatura querendo ser igual ou superior ao

Criador. Sabemos qual o fim disso. Ap 20.11-15.📖 Vejamos 3 verdades imutáveis registrada na bíblia : 1. Gn 1.27-28 - DEUS criou macho e fêmea;
2. Gn 2.24 - formou a primeira família;

3. Gn 1.28 - DEUS os orienta a se multiplicarem, ou seja, homem e mulher devem ter filhos;
Essa é a verdade! Foi dessa maneira que DEUS fez! O que o homem 'inventar' além dessa verdade imutável, é uma forma de corrupção, formado no coração do tolo Pv.24.9.

O Salmos 100.4, enaltece o Criador e convida a criatura a reconhecer Seu Poderio e apresentar-se a ELE com louvor, porque isso lhe agrada.
Glorificado seja DEUS! (Professora Cristina Mello)

Os dicionários definem verdade como realidade, exatidão, representação fiel de alguma coisa etc. Porém, a verdade a que se refere o (Sl 100.5), é a verdade do Senhor, e significa o que DEUS é e está de acordo com Seu caráter. Quando JESUS quis confirmar Sua promessa de voltar para levar seus discípulos para viver eternamente com Ele, afirmou: “Eu sou (...) a VERDADE ...”. Tiago diz: “Segundo a sua vontade, Ele nos gerou pela palavra da VERDADE, para que fôssemos como primícias das suas criaturas” (Tg 1. 18). Para o relativismo, não há verdade absoluta mas, a verdade do Senhor além de absoluta, é imutável e dura de geração a geração.

Enquanto a ideologia de gênero procura destruir a presença de DEUS na família, JESUS restaura as família retirando a doenças e todo impedimento a convivência em santidade e temor a DEUS.
Na verdade a ideologia de gênero não dá sustento nem aos homossexuais e nem às feministas, embora esses dois grupos se sintam fortalecidos por esta ideologia.
Para conseguirem adeptos incluíram em seus ideias a causa dos homossexuais e das feministas.
Porém, como vemos, países comunistas não apoiam esses movimentos.
Se a ideologia de gênero foi criada com vistas ao partido comunista colocar todos debaixo de uma mesma ordem, então tais grupos estão apoiando quem não os apoia, por engano.
Assim confirmam a palavra de DEUS que diz: enganando e sendo enganados.

Os seguidores foram chamados para serem santos em toda a esfera da vida.📖 Mas, como é santo aquele que vos chamou, sede vós também santos em toda a vossa maneira de viver 1Pe 1.15

Na leitura diária dessa sexta feira, vamos meditar nesse versículo maravilhoso o qual Pedro deixa registrado em sua primeira carta. Carta escrita aos 'estrangeiros dispersos', e Pedro como aquele a quem tinha sido chamado pelo próprio CRISTO Jo 21.15-17, está a apascentar as ovelhas.

No versículo em questão ele exorta aquele povo à santidade. Vejamos o significado de santo: separado dos costumes mundanos e de tudo aquilo que vai contra a vontade de DEUS, ou seja, temos um referencial a seguir, o nosso DEUS É SANTO, e requer de nós esse mesmo padrão.

A vida separada de costumes mundanos, é ordem divina desde a antiguidade Lv 20.26, e para nossos dias atuais Cl 3.12.
Vejamos o que diz Warren W. Wiersbe sobre a santidade na vida do crente: "A ordem para que sejamos santos não se refere à perfeição sem pecado, pois essa condição e impossível de ser atingida nessa vida 1Jo 1.8-10. Significa ser separado para DEUS"

Ser separado ... ser santo significa vivermos a ética cristã, nossa regra de fé, que nos ensina a afastar do mal. Lv 18.22, 1 Co 6.9; Rm 1.26-27; Jd v.6,8. Significa que devemos repudiar toda prática pecaminosa que a palavra chama de abominação, inclusive o ideologia de gênero.

Mas não esqueçamos!!
Somos seguidores de CRISTO, devemos amar o pecador e levar a preciosa semente a estes, sem distinção, mostrando a eles O CRISTO que cura, liberta e dá vida eterna

a quem permanece fiel.📝 (Professora Cristina Mello)

Quem Ensinou a Adão a ser homem e Eva a ser Mulher? Havia alguma sociedade opressora?
Havia alguma influência de pai, ou de mãe, ou de avós, ou de professores, ou de religiosos?

A Ideologia de Gênero não considera esses pontos importantes.

Até nas vestes DEUS separou homem e mulher - Não haverá traje de homem na mulher, e nem vestirá o homem roupa de mulher; porque, qualquer que faz isto, abominação é ao Senhor teu DEUS. Deuteronômio 22:5

IDEOLOGIA DE GÊNERO E O BANHEIRO PÚBLICO

Outra consequência já presente na sociedade é o direito do uso do banheiro de acordo com a identidade de gênero e orientação sexual. Apenas para citar um caso , o Estado de São Paulo, aprovou em 05 de novembro de 2001, a Lei N° 10.948 de autoria do deputado Renato Simões (PT), que autoriza o uso indiscriminado dos banheiros públicos por parte de homossexuais, bissexuais ou transgêneros. A citada Lei cria constrangimento, sacrifica a segurança e a privacidade de pessoas heterossexuais em nome do "politicamente correto" . Amparado na legislação em vigor, um homem ao alegar conflito de gênero, pode entrar no banheiro feminino e despir-se diante das mulheres sem que esse ato seja considerado um crime sexual.

A IDEOLOGIA E PERIGO EM RELATIVIZAR A VERDADE.

Na época do profeta Isaías, a ordem social, o estado moral, ético e espiritual do povo de Judá era lamentável. O mal era caracterizado pela inversão dos valores . O profeta fora enviado a uma nação que se recusava ouvir a palavra de DEUS ( Is 1.2-6, 10-17, 6.9-13). Neste cenário de podridão moral e espiritual, DEUS levantou um atalaia para profetizar contra a nação. Dentre as reprimendas , o profeta vaticinou " seis ais" que confrontavam o comportamento inadequado daquele povo.

O primeiro "aí" era contra o materialismo desenfreado e o enriquecimento ilícito ( Is 5.8-10). O segundo "aí" condenava a bebedeira e a embriaguez que conduzia a ociosidade ( Is 5.11-12). O terceiro "aí" repreendia os que zombavam da verdade é duvidavam do juízo divino apostando no ceticismo ( Is 5. 18-19). O quarto "aí" era um alerta acerca da perversão dos valores. Tratava-se de uma dura advertência acerca do extremo perigo do relativismo cultural ( Is 5.20) . O quinto aí era uma condenação aos presunçosos que se julgavam sábios e únicos donos da verdade ( Is 5.21). E o sexto e último "aí" repreendia a corrupção, o suborno e a perversão do direito ( Is 5.22-23). Essas atitudes reprováveis e imorais causaram a derrocada da nação ( Is 5. 24-25).

Na espécie humana, há machos e fêmeas, por isso, somos considerados dioicos. Os homens e as mulheres diferenciam-se graças aos cromossomos sexuais. Cada indivíduo apresenta 46 cromossomos, que são cadeias de DNA associadas a proteínas. Dois desses cromossomos correspondem ao par sexual, que é o que vai determinar o sexo.

Nas mulheres, os cromossomos do par sexual são iguais e representados por XX. Já os homens possuem um cromossomo sexual X e outro que é chamado de Y, sendo assim, eles são XY.
Sabemos que, para que ocorra a fecundação, são necessários um gameta masculino e um feminino. O gameta masculino é o espermatozoide, enquanto o feminino é o óvulo.

A chamada ideologia de gênero é mais uma tralha inventada pelos inimigos da família cristã. Alegando que o sexo é uma mera construção social, tal ensino instiga os pais a educar os filhos de maneira neutra, deixando aos meninos e às meninas a escolha de seu “sexo social ou ideológico”. A Bíblia, porém, é taxativa quanto a tal pensamento (Dt 22.5).

Não haverá roupa (vestes) de homem na mulher, e não vestirá o homem veste de mulher; porque qualquer que faz isto abominação é ao Senhor, teu DEUS. Deuteronômio 22:5 (Até as roupas devem ser diferentes e identificarem o sexo de quem as usa).

A IDEOLOGIA DE GÊNERO A) Definição de Ideologia.

A definição de ideologia pode se resumir a " ideais preconcebidas ou presunções não examinadas que venham a servir como base de posições tomadas.

Algumas Ideologias

Nazismo - ideologia associada ao Partido Nazista, ao Estado nazista, bem como a outros grupos de extrema-direita. Normalmente caracterizado como uma forma de fascismo

Mao-spontex (Ideologias políticas)
organização de juventude maoísta -, se afoga no Sena tentando fugir de um ataque da polícia de choque francesa. No dia 11 de junho, na fábrica Peugeot de Sochaux

Arte pode ser entendida como a atividade humana ligada às manifestações de ordem estética ou comunicativa, realizada por meio de uma grande variedade de linguagens, tais como: arquitetura, desenho, escultura, pintura, escrita, música, dança, teatro e cinema, em suas variadas combinações. O processo criativo se dá a partir da percepção com o intuito de expressar emoções e ideias, objetivando um significado único e diferente para cada obra.

Ciência - propõem alguns que se a ciência está por definição neutra, ela permanece à mercê dos homens, e das ideologias dominantes.

Música punk (A estreita relação entre a música e a ideologia punk)
Television (uma banda de protopunk), o experimentalismo cacofônico do Crass (uma banda mais voltada ao ideologia punk anarquista), a tendência de sociabilização.

Ateísmo - na definição do ateísmo resulta da dificuldade em chegar a um consenso sobre a definição de palavras como "divindade" e "DEUS". A pluralidade de concepções

Autoritarismo (ideologias)
sociedade civil de cima para baixo, para moldá-la e impor ao povo uma obediência ativa e militante ao status quo, condicionada pela adesão à ideologia oficial.

Comunismo (Comunistas de Esquerda)
communis - (comum, universal) é uma ideologia política e socioeconômica, que pretende promover o estabelecimento de uma sociedade igualitária, sem classe.

Sexismo (Preconceito de gênero)

especialmente contra mulheres e meninas". Também afirma que "o sexismo é uma ideologia ou práticas que mantêm o patriarcado ou a dominação masculina". Hornsbys

Terrorismo (Táticas de terrorismo)

neocolonial, assim como organizações radicais e inteiramente motivadas por ideologia. A comunidade internacional – inclusive na esfera das Nações Unidas.

https://pt.wikipedia.org/w/index.php?title=Especial:Pesquisar&limit=20&offset=2 0&profile=default&search=Defini%C3%A7%C3%A3o+de+Ideologia&searchToken =1pi7f5hvavh6je59erdqya0kp

Revista - O termo foi desenvolvido pelo francês Destutt de Tracy (1758-1836). O conceito foi amplamente usado pelos alemães Karl Marx e Fredrich Engels, autores do Manifesto Comunista (1848). A palavra é composta pelos vocábulos gregos eidos, que indica “ideia”, e logos com o sentido de “raciocínio”. Assim, ideologia significa qualquer conjunto de ideias que se propõe a orientar o comportamento, a maneira de pensar e de agir das pessoas, seja individual, ou seja socialmente. Em sentido amplo, a ideologia se apresenta como o que seria ideal para um determinado grupo.

B) Ideologia de Gênero.

Teoria Ideologia de gênero (teóricos queer - https://pt.wikipedia.org/wiki/Teoria_queer) Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

A teoria Ideologia de gênero, oficialmente Ideologia de gênero theory (em inglês), é uma teoria sobre o gênero que afirma que a orientação sexual e a identidade sexual ou de gênero dos indivíduos são o resultado de um constructo social e que, portanto, não existem papéis sexuais essencial ou biologicamente inscritos na natureza humana, antes formas socialmente variáveis de desempenhar um ou vários papéis sexuais.

Não há uma definição genericamente aceita para esta corrente de pesquisa acadêmica e forma particular de política pós-identitária. Os estudos Ideologia de gênero constituem um corpus grande e variado de empreendimentos dispersos por áreas como os estudos culturais, a sociologia da sexualidade humana, antropologia social, educação, filosofia, artes, entre outras.

De uma forma geral, é possível afirmar que a teoria Ideologia de gênero busca ir além das teorias baseadas na oposição homens vs. mulheres e também aprofundar os estudos sobre minorias sexuais (bissexuais, gays, lésbicas, transgêneros) dando maior atenção aos processos sociais amplos e relacionados que sexualizam a sociedade como um todo de forma a heterossexualizar e/ou homossexualizar instituições, discursos, direitos.

A teoria Ideologia de gênero propõe explicitar e analisar esses processos a partir de uma perspectiva comprometida com aqueles socialmente estigmatizados, portanto dando maior atenção à formação de identidades sociais normais ou "desviantes" e nos processos de formação de sujeitos do desejo classificados em legítimos e ilegítimos. Neste sentido, a teoria Ideologia de gênero é bem distinta dos estudos gays e lésbicos, pois considera que estas culturas sexuais foram normalizadas e não apontam para a mudança social. Daí o interesse em estudar a travestilidade, a transgeneridade e a intersexualidade, mas também culturas sexuais não hegemônicas caracterizadas pela subversão ou rompimento com normas socialmente prescritas de comportamento sexual e/ou amoroso.

A palavra “gênero” tem origem no grego genos e significa “raça”. Na concepção da Lógica, o termo indica “espécie”. Usualmente deveria indicar o “masculino” e o “feminino”, como ocorre na Gramática. Nesse sentido, a expressão é inofensiva; porém, na sociedade pós-moderna tal significado é relativizado e distorcido em “ideologia de gênero”. Essa ideologia também é conhecida como “ausência de sexo”. Esse conceito ignora a natureza e os fatos biológicos, alegando que o ser humano nasce sexualmente neutro. Os ideólogos afirmam que os gêneros — masculino e feminino — são construções histórico-culturais impostas pela sociedade.

Contra as classificações tradicionais
A teoria Ideologia de gênero recusa a classificação dos indivíduos em categorias universais como "homossexual", "heterossexual", "homem" ou "mulher", sustentando que estas escondem um número enorme de variações culturais, nenhuma das quais seria mais "fundamental" ou "natural" que as outras. Contra o conceito clássico de gênero, que distingue o "heterossexual" socialmente aceito (em inglês straight) do "anômalo" (Ideologia de gênero), a teoria Ideologia de gênero afirma que todas as identidades sociais são igualmente anômalas.

A teoria Ideologia de gênero critica também as classificações sociais da psicologia, da filosofia, da antropologia e da sociologia tradicionais, baseadas habitualmente na utilização de um único padrão de segmentação — seja a classe social, o sexo, etnia ou qualquer outro — e defende que as identidades sociais se elaboram de forma mais complexa, pela intersecção de múltiplos grupos, correntes e critérios.

C) Marxismo e Feminismo como fonte dessa ideologia.

Origens históricas - https://pt.wikipedia.org/wiki/Teoria_queer
A teoria Ideologia de gênero teve origem nos Estados Unidos em meados da década de 1980 a partir das áreas de estudos gay, lésbicos e feministas, tendo alcançado notoriedade a partir de fins do século passado. Fortemente influenciada pela obra de Michel Foucault, a teoria Ideologia de gênero aprofunda as críticas feministas à ideia de que o gênero é parte essencial do ser individual e as investigações de estudos gays/lésbicos sobre o constructo social relativo à natureza dos atos sexuais e das identidades de gênero. Enquanto os estudos gays/lésbicos se centravam na análise das classificações de "natural" ou "contranatural" em relação aos comportamentos homossexuais, a teoria Ideologia de gênero expande o âmbito da análise para abranger todos os tipos de atividade sexual e de identidade classificados como "normativos" ou "desviantes".
Precursores
Não há uma tradição coerente e contínua que levou dos primeiros estudos sexológicos à teoria Ideologia de gênero. De qualquer forma, a preocupação com a esfera da sexualidade não vingou na sociologia e na antropologia, mas teve espaço privilegiado a partir de fins do século XIX na psiquiatria e, posteriormente, na psicanálise. A sexologia, ramo psiquiátrico, geralmente classificava e condenava expressões sexuais e de gênero fora da norma vigente, o que é visível na obra de Richard von Krafft-Ebing.
Em contraste com esta vertente conservadora da sexologia, emergiu a obra do médico alemão Magnus Hirschfeld, cujos trabalhos nos inícios do século XX se focaram em desacreditar a dicotomia entre a homo e a heterossexualidade numa perspectiva biológica; a partir de 1908 publicou uma revista em que, pela primeira vez, desenhou o conceito de travestismo, e estudou as diferentes articulações dos papéis sexuais na sociedade da sua época.
Margaret Mead publicou, do ponto de vista da antropologia, o célebre ensaio Sex and Temperament in Three Primitive Societies ("Sexo e Temperamento em Três Sociedades Primitivas"), nas quais a divisão sexual do trabalho e as estruturas de parentesco eram analisadas para explicar os diferentes papéis do gênero nas etnias arapesh, mundugumor e tchambouli. Este estudo proporcionou importante material empírico para questionar a rígida diferenciação entre personagens "femininos" e "masculinos", documentando culturas em que homens e mulheres dividiam entre si práticas consideradas exclusivamente masculinas no Ocidente (como a guerra) ou outras em que a distribuição das tarefas domésticas era exatamente oposta às ocidentais. As suas descrições dos varões tchambouli, excluídos das tarefas práticas e administrativas, a quem eram reservados os costumes da maquiagem e do embelezamento pessoal, foram recebidos com escândalo pela sociedade de época, da mesma forma que a desmistificação da pureza feminina através do estudo das práticas sexuais infantis e adolescentes dos arapesh.

Apenas na década de 1960, a sociologia passou a explorar a sexualidade sob uma perspectiva que colocava em xeque a moral vigente. Fundamental foi o artigo da socióloga britânica Mary MacIntosh "The Homosexual Role", publicado no ano emblemático de 1968 mostrando a (homos)sexualidade como construção social. Na esteira de sua investigação, durante os anos 1970 e começo da década de 1980, emergiram os estudos gays e lésbicos. Segundo Richard Miskolci, em seu artigo "A Teoria Queer (ideologia de gênero) e a Sociologia", estes estudos, a despeito do impulso construtivista, mantinham a percepção social de que as homossexualidades e outras expressões sexuais dissidentes eram caso minoritário permitindo que a heterossexualidade continuasse a ser vista como "natural". Ainda segundo o sociólogo brasileiro, foi apenas na segunda metade da década de 1980, que surgiria o principal impulso para a teoria Ideologia de gênero nos estudos filosóficos e literários, do grupo de autores associados ao chamado movimento pós-estruturalista. A noção do descentramento do sujeito — ou seja, a ideia de que as faculdades intelectuais e espirituais do ser humano não são parte da sua herança biológica, embora se definam em condições biológicas, mas o resultado de uma multiplicidade de processos de socialização, através dos quais se constituem de maneira sumamente diferenciada as noções do eu, do mundo e das capacidades intelectuais para operar abstratamente com este — proporcionou o enquadramento para estudar não apenas os papéis sociais do homem ou da mulher, mas também o reconhecimento de que os indivíduos obtêm a sua condição "masculina" ou "feminina" como produtos histórico-sociais.

A grande influência neste campo foi a monumental História da Sexualidade (1976), que Michel Foucault deixou inacabada quando morreu, na qual se tratam criticamente hipóteses muito extensas sobre os impulsos sexuais, como a distinção entre a suposta liberdade concedida ao desejo no estado natural e a opressão sexual exercida nas civilizações avançadas.
Por outra parte, os estudos literários — em especial os de Roland Barthes, Jacques Derrida, Julia Kristeva e seus seguidores — exploraram extensamente as formas pelas quais uma determinada distribuição de tarefas, atributos e papéis dos sexos se difunde através de textos que parecem apenas proporcionar uma descrição de facto; a distinção que dá o nome à teoria, por exemplo, contrapõe tacitamente uma forma "normal" de sexualidade — o casal heterossexual estável — a outras consideradas anormais, sugerindo que as últimas são inadequadas ou prejudiciais.
Evolução a partir do feminismo e lesbianismo[editar | editar código-fonte]

Embora os queers (ideólogos de gênero) estejam mais próximos dos movimentos gays e lésbicos que dos feministas, muitas das suas raízes ideológicas são comuns ao feminismo americano da década de 1980. Antes desta data, o feminismo, como outros movimentos semelhantes, acreditava que o progresso social se faria por mudanças legislativas. Os argumentos a favor de legislação progressista baseavam- se sempre na comparação entre um determinado grupo minoritário e o cidadão médio, entendido como um homem branco e rico. Vários movimentos começaram, desde a década de 1970, a opor-se a esta imagem de cidadão universal, numa tendência marcadamente pós-moderna, acelerando a ruptura entre "homem" e "mulher" e materializando o que se viria a chamar, mais tarde, feminismo. O movimento feminista nascente sustentava-se, assim, na noção de diferença, não só entre homens e mulheres, mas também na diferente conceptualização do sujeito e do objeto dos vários fenômenos sociais (como o discurso, a arte, o casamento, etc.).

O movimento feminista viria posteriormente a ser influenciado por dois grandes debates ideológicos no seu seio; a guerra dos sexos, que discutia o papel da pornografia na opressão das mulheres, e a Lavender Menace (ameaça lavanda), referente à aceitação de lésbicas no seio do movimento feminista. Da mesma forma que os inimigos do feminismo utilizavam (e utilizam) com frequência o argumento lesbofóbico do lesbianismo das feministas, uma grande parte das militantes feministas demonstravam, elas próprias, a sua própria lesbofobia ao negar a aceitação de lésbicas no movimento. As lésbicas da lavender menace declaravam ser mais feministas devido ao seu maior afastamento dos homens, enquanto as feministas heterossexuais argumentavam que os papéis masculino/feminino (butch/fem) no seio dos casais lésbicos não eram mais que cópias do casamento heterossexual. A atenção aos papéis e práticas sexuais, e sobretudo a divisão que toda esta discussão provocou, conduziu ao despontar da teoria Ideologia de gênero no início da década de 1990.

Teóricos Ideologia de gênero
Os primeiros teóricos Ideologia de gênero foram Eve Kosofsky Sedgwick, Judith Butler, Michael Warner, David M. Halperin.

Atualmente, destacam-se Judith Halberstam, Joshua Gamson, Roderick Ferguson, Steven Epstein, Steven Seidman e começa a se dar uma grande expansão desta linha de estudos pelo mundo. Na Europa, destaca-se o filósofo espanhol radicado na França Paul B. Preciado, autor de "Manifesto Contra-Sexual".

No Brasil, destacam-se Larissa Pelúcio, Richard Miskolci e Berenice Bento, além de estudiosos da educação como Guacira Lopes Louro.

Nos escritos marxistas a ideologia deixa de ser apenas “o conhecimento das ideias” e passa a ser um “instrumento” que assegura o domínio de uma classe sobre outra. O marxismo exerceu forte influência no feminismo, especialmente o livro “A Origem da família, a propriedade privada e o Estado” (1884), onde a família patriarcal é tratada como sistema opressor do homem para com a mulher. Desse modo a ideia central do conceito de gênero nasceu com a feminista e marxista Simone de Beauvoir autora da obra “O Segundo Sexo” (1949), onde é afirmado que “não se nasce mulher, torna-se mulher”. Assim, do contexto social marxista, que deu origem à “luta de classes”, surgiu a ideologia culturalista como sendo “luta de gêneros”, ou seja, uma fantasiosa “luta de classes entre homens e mulheres”. Nesse aspecto, a Ideologia de Gênero pretende desconstruir os papéis masculinos e femininos na sociedade atual.

CONSEQUÊNCIAS DA IDEOLOGIA DE GÊNERO

A) Troca de papéis entre homens e mulheres.

A ideologia de gênero ensina que homens estão fazendo o que as mulheres deveriam fazer e que as mulheres estão vivendo o que os homens deveriam viver. Ensinam que o mundo deve desconstruir isso e que para termos uma sociedade correta e feliz o sexo biológico (macho e fêmea) deve ser mudado para homossexualismo e lesbianismo, ou seja homem com homem e mulher com mulher. Para fins de procriação, para eles, apenas seriam feitas inseminações artificiais.

É uma afronta satânica à Palavra de DEUS que ensina a distinção natural dos sexos (Gn 2.15-25; cf. Pv 31.10-31).

Para esta diabólica ideologia o sexo de uma pessoa é definido pelo fator psicológico. Se o homem deseja ser mulher será e se a mulher deseja ser homem, será. Seria a liberação e estímulo ao homossexualismo e do lesbianismo.

Tanto as Escrituras quanto a tradição eclesiástica sempre confrontaram essa tendência humana de inverter os papéis naturais (Rm 1.25-32; Ef 5.22-33).

B) Confusão de identidade para o ser humano.

Para não serem desmascarados os defensores da ideologia de gênero dizem que a sexualidade (desejo sexual) e o gênero (homem e mulher) não estão relacionadas com o sexo (órgãos genitais). dizem que sexo é resultado de como a pessoa foi criada e em qual sociedade. Para eles a criança decide depois de crescida se quer ser menino ou menina.

Imagine o que isto causaria se fosse verdade: Pessoas totalmente desequilibradas mentalmente sem saber se eram homens ou mulheres. A natureza querendo ser homem, por exemplo e a perversão sexual desejando ser mulher. Seria uma confusão de personalidade, com desastrosos resultados espiritual e psicossocial.

A ideologia de gênero é instigadora do pecado de rebeldia contra DEUS e sua autoridade declarada na Bíblia (Rm 9.20).

C) Desvalorização do casamento e da família.

Vivemos tempos difíceis e as artimanhas do diabo para acabar com a família tem um exército muito grande de adeptos que, criam suas teorias, ideologias e encontram meios de disseminá-las, diante de nossos olhos, para os grupos mais frágeis de nossa igreja: crianças, adolescentes e jovens, ou seja, nossos filhos. Aqueles, a quem a palavra chama de Herança do Senhor. Sl 127.3. Oremos por eles Para que não se contaminem por ideologias terríveis que tem por meta, destruir a família.

A nossa instrução, a instrução para nossos filhos, acerca das crenças, moral e bons costumes, devem vir da palavra de DEUS.
Porque a palavra de DEUS é viva, e eficaz, e mais penetrante do que qualquer espada de dois gumes, e penetra até à divisão da alma, e do espírito, e das juntas e medulas, e é apta para discernir os pensamentos e intenções do coração Hb 4.12

Na ideologia de gênero a ideia é destruir totalmente a família e seus padrões morais. Sem a presença masculina do pai a autoridade e o senso de sustento desaparecerão do lar e da sociedade. Sem a presença feminina da mãe o amor e perdão desaparecerão do lar e da sociedade.

A Ideologia de Gênero quer acabar com a atração pelo sexo oposto, o casamento e a família pois são estas que mantêm hoje a sociedade funcionando.

Satanás arquiteta a governo do anticristo e já prepara sua base governista e sistema econômico social.

O IDEAL DIVINO QUANTO AOS SEXOS

A) Criação de dois sexos.

A Bíblia revela que DEUS criou dois sexos anatomicamente distintos: “E criou DEUS o homem à sua imagem; à imagem de DEUS o criou; macho e fêmea os criou” (Gn 1.27).

Quando a Bíblia diz macho e fêmea está se referindo aos órgãos genitais e sexuais diferentes. Ou seja, sexo masculino ou ao feminino - o homem foi feito como macho e a mulher como fêmea. É um pecado gravíssimo contra DEUS a alteração da Palavra de DEUS. A cultura humana permanece sob o julgamento de DEUS (1 Pe 4.17-19).

Porque eu testifico a todo aquele que ouvir as palavras da profecia deste livro que, se alguém lhes acrescentar alguma coisa, DEUS fará vir sobre ele as pragas que estão escritas neste livro; Apocalipse 22:18

B) Casamento monogâmico e heterossexual.

CASAMENTO, UMA UNIÃO INDISSOLÚVEL
O casamento foi instituído por DEUS e deve ser governado pelos princípios de DEUS. O casamento é heterossexual, monogâmico, monossomático e indissolúvel. Esse preceito não é dado por homem algum ou mesmo por uma instituição religiosa. Esse é preceito dado pelo próprio DEUS. JESUS disse que o que DEUS uniu, o homem não pode separar.
Assim DEUS ordenou: “deixará o varão o seu pai e a sua mãe e apegar-se-á à sua mulher, e serão ambos uma carne” (Gn 2.24).
O casamento é heterossexual. O texto fala de um homem unindo-se à sua mulher.
O casamento é monogâmico. O texto diz que o homem deve deixar pai e mãe para unir-se à sua mulher e não às suas mulheres. Tanto a poligamia (um homem ter várias mulheres) como a poliandria (uma mulher ter mais de um homem) estão em desacordo com o propósito de DEUS.
Terceiro, o casamento é monossomático, pois os dois tornam-se uma só carne, ou seja, podem desfrutar da relação sexual com alegria, santidade e fidelidade.

A monogâmica (um homem e uma mulher) e heterossexual (um macho e uma fêmea) assim é a criação original de DEUS.
A mulher foi criada como adjutora, auxiliadora, complementadora - diferença dos sexos visa à complementaridade mútua na união conjugal: “nem o varão é sem a mulher, nem a mulher, sem o varão” (1 Co 11.11). Assim, mudam-se as culturas e os costumes, mas a Palavra de DEUS permanece inalterável (Mt 24.35).

C) Educação dos filhos com distinção dos sexos.

Muitos pais pensam que sua função é apenas sustentar seus filhos com comida, roupa e escola. Mas uma das funções primordiais dos pais é Educar seus filhos, principalmente nos princípios bíblicos contidos na Palavra de DEUS - a Bíblia. Devem os pais educar os filhos na admoestação do Senhor (Ef 6.4), promover o diálogo e o amor mútuo no lar (Ef 6.1,2). Explicar também sobre sexualidade.

Pais evangélicos estão entregando a educação religiosa às escolas bíblicas dominicais e com isso tentam se desviar de suas funções paternais. Muitas vezes nem acompanham seus filhos à EBD. Os filhos precisam saber, por exemplo que homens e mulheres possuem órgãos sexuais distintos, fisiologia diferente e personalidades díspares (comportamento de homem diferente do de mulheres).

Devemos colocar em prática o amor cristão para com os pervertidos do mundo para dar-lhes oportunidade de arrependimento e conversão para que sejam salvos.

Não discriminamos pessoas, mas nos posicionamos com firmeza e autoridade na distinção de homem e mulher e na coibição da inoportuna ideia de “luta de gêneros” (Gn 1.27; 1 Co 11.11,12; Ef 5.22-25).

Que pregues a palavra, instes a tempo e fora de tempo, redarguas, repreendas, exortes, com toda a longanimidade e doutrina. 2 Timóteo 4:2

A igreja não pode fechar os olhos para a inversão dos valores. Os cristãos precisam reagir e “batalhar pela fé que uma vez foi dada aos santos” (Jd v.3).

Combatamos essa famigerada Ideologia de Gênero que vem destruindo as famílias do mundo e já atinge a igreja.

Milita a boa milícia da fé, toma posse da vida eterna, para a qual também foste chamado, tendo já feito boa confissão diante de muitas testemunhas. 1 Timóteo 6:12


CONSIDERAÇÕES

Em nosso tempo não é diferente, a sociedade está em estágio de putrefação moral e ética, pois a verdade vem sendo modificada por intensa manipulação do pensamento. Homens inescrupulosos afrontam a verdade de DEUS e a sua palavra promovendo ideologias contrárias a revelação divina. O relativismo cultural aliado à Ideologia secularista impõe ao cidadão aquilo que deve ser considerado como ideal . Acuada a sociedade temerosa do "patrulhamento ideológico" não esboça reação é o mal vem sendo aceito e tolerado.

A igreja não pode fechar os olhos para a inversão dos valores.
Mercê de tais fatos, os cristãos precisam esboçar reação é " batalhar pela fé que uma vez foi dado aos santos" (Jd 1.13).
Pr. Douglas Roberto de Almeida Baptista.

CONCLUSÃO

DEUS criou apenas dois sexos, masculino e feminino. Sexo no ser humano é a conformação física, orgânica, celular, particular que permite distinguir o homem e a mulher, atribuindo-lhes um papel específico na reprodução. A Sexualidade é
o comportamento ligado à união entre homem e a mulher. É a atração que o homem sente pela mulher e vice-versa. Foi DEUS quem criou o sexo e criou os dois sexos. os objetivos do sexo são a procriação, a união conjugal e a glória de DEUS. Existem distorções da sexualidade quando o ser humano não está em comunhão com DEUS, Como exemplos temos a fornicação, o adultério, o homossexualismo e a ideologia de gênero.

Apesar de o ser humano ser dotado de sexo, foi este criado para louvar e exaltar a DEUS através de uma vida santa e pura. Que jamais esqueçamos de que o nosso corpo é o templo do ESPÍRITO SANTO. Não somos um mero fenômeno fisiológico; somos imagem e semelhança de DEUS.

Mais ajuda de outras lições Santificação 1Pe 1.2 “Eleitos segundo a presciência de DEUS Pai, em santificação do ESPÍRITO, para a obediência e aspersão do sangue de JESUS CRISTO: graça e paz vos sejam multiplicadas”.

Santificação (gr. hagiasmos) significa “tornar santo”, “consagrar”, “separar do mundo” e “apartar-se do pecado”, a fim de termos ampla comunhão com DEUS e servi-lo com alegria (ver também o estudo A SEPARAÇÃO ESPIRITUAL DO CRENTE, abaixo).
(1) Além do termo “santificar” (cf. 1Ts 5.23), o padrão bíblico da santificação é expresso em termos tais como “Amarás o Senhor, teu DEUS, de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todo o teu pensamento” (Mt 22.37), “irrepreensíveis em santidade” (1Ts 3.13), “aperfeiçoando a santificação” (2Co 7.1), “a caridade de um coração puro, e de uma boa consciência, e de uma fé não fingida” (1Tm 1.5), “sinceros e sem escândalo algum” (Fp 1.10), “libertados do pecado” (Rm 6.18), “mortos para o pecado” (Rm 6.2), “para servirem à justiça para santificação” (Rm 6.19), “guardamos os seus mandamentos” (1Jo 3.22) e “vence o mundo” (1Jo 5.4). Tais termos descrevem a operação do ESPÍRITO SANTO mediante a salvação em CRISTO, pela qual Ele nos liberta da escravidão e do poder do pecado (Rm 6.1-14), nos separa das práticas pecaminosas deste mundo atual, renova a nossa natureza segundo a imagem de CRISTO, produz em nós o fruto do ESPÍRITO e nos capacita a viver uma vida santa e vitoriosa de dedicação a DEUS (Jo 17.15-19,23; Rm 6.5, 13, 16, 19; 12.1; Gl 5.16, 22,23; ver 2Co 5.17).

(2) Esses termos não subentendem uma perfeição absoluta, mas a retidão moral de um caráter imaculado, demonstrada na pureza do crente diante de DEUS, na obediência à sua lei e na inculpabilidade desse crente diante do mundo (Fp 2.14,15; Cl 1.22; 1Ts 2.10; cf. Lc 1.6). O cristão, pela graça que DEUS lhe deu, morreu com CRISTO e foi liberto do poder e domínio do pecado (Rm 6.18); por isso, não precisa nem deve pecar, e sim obter a necessária vitória no seu Salvador, JESUS CRISTO. Mediante o ESPÍRITO SANTO, temos a capacidade para não pecar (1Jo 3.6), embora nunca cheguemos à condição de estarmos livres da tentação e da possibilidade do pecado.

(3) A santificação no AT foi a vontade manifesta de DEUS para os israelitas; eles tinham o dever de levar uma vida santificada, separada da maneira de viver dos povos à sua volta (ver Êx 19.6; Lv 11.44; 19.2; 2Cr 29.5). De igual modo a santificação é um requisito para todo crente em CRISTO. As Escrituras declaram que sem santificação ninguém verá o Senhor (Hb 12.14).
(4) Os filhos de DEUS são santificados mediante a fé (At 26.18), pela união com CRISTO na sua morte e ressurreição (Jo 15.4-10; Rm 6.1-11; 1 Co 130), pelo sangue de CRISTO (1Jo 1.7-9), pela Palavra (Jo 17.17) e pelo poder regenerador e santificador do ESPÍRITO SANTO no seu coração (Jr 31.31-34; Rm 8.13; 1Co 6.11; 1Pe 1.2; 2Ts 2.13).
(5) A santificação é uma obra de DEUS, com a cooperação do seu povo (Fp 2.12,13; 2Co 7.1). Para cumprir a vontade de DEUS quanto à santificação, o crente deve participar da obra santificadora do ESPÍRITO SANTO, ao cessar de praticar o mal (Is 1.16), ao se purificar “de toda imundícia da carne e do espírito” (2Co 7.1; cf. Rm 6.12; Gl 5.16-25) e ao se guardar da corrupção do mundo (Tg 1.27; cf. Rm 6.13,19; 8.13; Ef 4.31; 5.18; Tg 4.8).
(6) A verdadeira santificação requer que o crente mantenha profunda comunhão com CRISTO (ver Jo 15.4), mantenha comunhão com os crentes (Ef 4.15,16), dedique-se à oração (Mt 6.5-13; Cl 4.2), obedeça à Palavra de DEUS (Jo 17.17), tenha consciência da presença e dos cuidados de DEUS (Mt 6.25-34), ame a justiça e odeie a iniquidade (Hb 1.9), mortifique o pecado (Rm 6), submeta-se à disciplina de DEUS (Hb 12.5-11), continue em obediência e seja cheio do ESPÍRITO SANTO (Rm 8.14; Ef 5.18).
(7) Segundo o NT, a santificação não é descrita como um processo lento, de abandonar o pecado pouco a pouco. Pelo contrário, é apresentada como um ato definitivo mediante o qual, o crente, pela graça, é liberto da escravidão de Satanás e rompe totalmente com o pecado a fim de viver para DEUS (Rm 6.18; 2Co 5.17; Ef 2.4,6; Cl 3.1-3). Ao mesmo tempo, no entanto, a santificação é descrita como um processo vitalício mediante o qual continuamos a mortificar os desejos pecaminosos da carne (Rm 8.1-17), somos progressivamente transformados pelo ESPÍRITO à semelhança de CRISTO (2Co 3.18) crescemos na graça (2Pe 3.18), e devotamos maior amor a DEUS e ao próximo (Mt 22.37-39; 1Jo 4.10-12, 17-21).
(8) A santificação pode significar uma outra experiência específica e decisiva, à parte da salvação inicial. O crente pode receber de DEUS uma clara revelação da sua santidade, bem como a convicção de que DEUS o está chamando para separar-se ainda mais do pecado e do mundo e a andar ainda mais perto dEle (2Co 6.16-18). Com essa certeza, o crente se apresenta a DEUS como sacrifício vivo e santo e recebe da parte do ESPÍRITO SANTO graça, pureza, poder e vitória para viver uma vida santa e agradável a DEUS (Rm 12.1,2; 6.19-22).

PADRÕES DE MORALIDADE SEXUAL (CD CPAD BEP)

Hb 13.4 “Venerado seja entre todos o matrimônio e o leito sem mácula; porém aos que se dão à prostituição e aos adúlteros DEUS os julgará”.
O crente, antes de mais nada, precisa ser moral e sexualmente puro (cf. 2Co 11.2; Tt 2.5; 1Pe 3.2). A palavra “puro” (gr. hagnos ou amiantos) significa livre de toda mácula da lascívia. O termo refere-se à abstenção de todos os atos e pensamentos que incitam desejos incompatíveis com a virgindade e a castidade ou com os votos matrimoniais da pessoa. Refere-se, também, ao domínio próprio e a abstenção de qualquer atividade sexual que contamina a pureza da pessoa diante de DEUS. Isso abrange o controle do corpo “em santificação e honra” (1Ts 4.4) e não em “concupiscência” (4.5). Este ensino das Escrituras é tanto para os solteiros, como para os casados. No tocante ao ensino bíblico sobre a moral sexual, vejamos o seguinte:

(1) A intimidade sexual é limitada ao matrimônio. Somente nesta condição ela é aceita e abençoada por DEUS (ver Gn 2.24; Ct 2.7; 4.12). Mediante o casamento, marido e mulher tornam-se uma só carne, segundo a vontade de DEUS. Os prazeres físicos e emocionais normais, decorrentes do relacionamento conjugal fiel, são ordenados por DEUS e por Ele honrados.

(2) O adultério, a fornicação, o homossexualismo, os desejos impuros e as paixões degradantes são pecados graves aos olhos de DEUS por serem transgressões da lei do amor (Êx 20.14) e profanação do relacionamento conjugal. Tais pecados são severamente condenados nas Escrituras (ver Pv 5.3) e colocam o culpado fora do reino de DEUS (Rm 1.24-32; 1Co 6.9,10; Gl 5.19-21).

(3) A imoralidade e a impureza sexual não somente incluem o ato sexual ilícito, mas também qualquer prática sexual com outra
pessoa que não seja seu cônjuge. Há quem ensine, em nossos dias, que qualquer intimidade sexual entre jovens e adultos

solteiros, tendo eles mútuo “compromisso”, é aceitável, uma vez que não haja ato sexual completo. Tal ensino peca contra a santidade de DEUS e o padrão bíblico da pureza. DEUS proíbe, explicitamente, “descobrir a nudez” ou “ver a nudez” de qualquer pessoa a não ser entre marido e mulher legalmente casados (Lv 18.6-30; 20.11, 17, 19-21; ver 18.6).

(4) O crente deve ter autocontrole e abster-se de toda e qualquer prática sexual antes do casamento. Justificar intimidade pré-marital em nome de CRISTO, simplesmente com base num “compromisso” real ou imaginário, é transigir abertamente com os padrões santos de DEUS. É igualar-se aos modos impuros do mundo e querer deste modo justificar a imoralidade. Depois do casamento, a vida íntima deve limitar-se ao cônjuge. A Bíblia cita a temperança como um aspecto do fruto do ESPÍRITO, no crente, i.e., a conduta positiva e pura, contrastando com tudo que representa prazer sexual imoral como libidinagem, fornicação, adultério e impureza. Nossa dedicação à vontade de DEUS, pela fé, abre o caminho para recebermos a bênção do domínio próprio: “temperança” (Gl 5.22-24).
(5) Termos bíblicos descritivos da imoralidade e que revelam a extensão desse mal.
(a) Fornicação (gr. porneia). Descreve uma ampla variedade de práticas sexuais, pré ou extramaritais. Tudo que significa intimidade e carícia fora do casamento é claramente transgressão dos padrões morais de DEUS para seu povo (Lv 18.6-30; 20.11,12, 17, 19-21; 1Co 6.18; 1Ts 4.3).

(b) A lascívia (gr. aselgeia) denota a ausência de princípios morais, principalmente o relaxamento pelo domínio próprio que leva à conduta virtuosa (ver 1Tm 2.9). Isso inclui a inclinação à tolerância quanto a paixões pecaminosas ou ao seu estímulo, e deste modo a pessoa torna-se partícipe de uma conduta antibíblica (Gl 5.19; Ef 4.19; 1Pe 2.2,18).

(c) Enganar, i.e., aproveitar-se de uma pessoa, ou explorá-la (gr. pleonekteo, e.g., 1Ts 4.6), significa privá-la da pureza moral que DEUS pretendeu para essa pessoa, para a satisfação de desejos egoístas. Despertar noutra pessoa estímulos sexuais que não possam ser correta e legitimamente satisfeitos, significa explorá-la ou aproveitar-se dela (1Ts 4.6; Ef 4.19).

(d) A lascívia ou cobiça carnal (gr. epithumia) é um desejo carnal imoral que a pessoa daria vazão se tivesse oportunidade (Ef 4.22; 1Pe 4.3; 2Pe 2.18; ver Mt 5.28).

A SEPARAÇÃO ESPIRITUAL DO CRENTE
2Co 6.17,18 “Pelo que saí do meio deles, e apartai-vos, diz o Senhor; e não toqueis nada imundo, e eu vos receberei; e eu serei para vós Pai, e vós sereis para mim filhos e filhas, diz o Senhor Todo-poderoso”.

O conceito de separação do mal é fundamental para o relacionamento entre DEUS e o seu povo. Segundo a Bíblia, a separação abrange duas dimensões, sendo uma negativa e outra positiva:

(a) a separação moral e espiritual do pecado e de tudo quanto é contrário a JESUS CRISTO, à justiça e à Palavra de DEUS;

(b) acercar-se de DEUS em estreita e íntima comunhão, mediante a dedicação, a adoração e o serviço a Ele.
(1) No AT, a separação era uma exigência contínua de DEUS para o seu povo (Lv 11.44; Dt 7.3; Ed 9.2). O povo de DEUS deve ser santo, diferente e separado de todos os outros povos, a fim de pertencer exclusivamente a DEUS. Uma principal razão por que DEUS castigou o seu povo com o desterro na Assíria e Babilônia foi seu obstinado apego à idolatria e ao modo pecaminoso de vida dos povos vizinhos (ver 2Rs 17.7,8; 24.3; 2Cr 36.14; Jr 2.5, 13; Ez 23.2; Os 7.8). (2) No NT, DEUS ordenou a separação entre o crente e

(a) o sistema mundial corrupto e a transigência ímpia (Jo 17.15,16; 2Tm 3.1-5; Tg 1.27; 4.4);

(b) aqueles que na igreja pecam e não se arrependem de seus pecados (Mt 18.15-17; 1Co 5.9-11; 2Ts 3.6-15); e (c) os mestres, igrejas ou seitas falsas que aceitam erros teológicos e negam as verdades bíblicas (ver Mt 7.15; Rm 16.17; Gl 1.9; Tt 3.9-11; 2Pe 2.17-22; 1Jo 4.1; 2Jo 10,11; Jd vv.12,13).

(3) Nossa atitude nessa separação do mal, deve ser de

(a) ódio ao pecado, à impiedade e à conduta de vida corrupta do mundo (Rm 12.9; Hb 1.9; 1Jo 2.15),

(b) oposição à falsa doutrina (Gl 1.9),

(c) amor genuíno para com aqueles de quem devemos nos separar (Jo 3.16; 1Co 5.5; Gl 6.1; cf. Rm 9.1-3; 2Co 2.1-8; 11.28,29; Jd v. 22) e

(d) temor de DEUS ao nos aperfeiçoarmos na santificação (7.1).
(4) Nosso propósito na separação do mal, é que nós, como o povo de DEUS,

(a) perseveremos na salvação (1Tm 4.16; Ap 2.14-17), na fé (1Tm 1.19; 6.10, 20,21) e na santidade (Jo 17.14-21; 2Co 7.1);

(b) vivamos inteiramente para DEUS como nosso Senhor e Pai (Mt 22.37; 2Co 6.16- 18) e

(c) convençamos o mundo incrédulo da verdade e das bênçãos do evangelho (Jo 17.21; Fp 2.15).
(5) Quando corretamente nos separarmos do mal, o próprio DEUS nos recompensará, acercando-se de nós com sua proteção, sua bênção e seu cuidado paternal. Ele promete ser tudo o que um bom Pai deve ser. Ele será nosso Conselheiro e Guia; Ele nos amará e de nós cuidará como seus próprios filhos (6.16-18).
(6) O crente que deixa de separar-se da prática do mal, do erro, da impureza, o resultado inevitável será a perda da sua comunhão com DEUS (6.16), da sua aceitação pelo Pai (6.17), e de seus direitos de filho (6.18; cf. Rm 8.15,16).

Princípios para um Namoro
Cristão (http://espadadedoisgumes.no.comunidades.net)

Pr. Cleverson de Abreu Faria

O namoro cristão é uma preparação. Um período extremamente importante na vida de dois jovens cristãos e de muitas responsabilidades. Representa um período de transição entre dois jovens ou adultos, um homem e uma mulher, crentes no Senhor JESUS CRISTO, sendo que ambos devem ter um bom nível de maturidade. Ambos mantêm um bom ritmo de comunicação, sendo através deste relacionamento orientados e preparados por DEUS para um futuro casamento. Namoro cristão deve sempre visar o casamento. Um namoro que não tem como alvo um futuro casamento, sequer deve ser iniciado.

Embora o desejo seja que ambos se tornem íntimos em seu relacionamento, isso não quer dizer liberdade no aspecto físico e muito menos liberdade sexual entre o casal de namorados. A relação sexual está destinada a ser desfrutada apenas entre pessoas devidamente casadas (Hebreus 13.4; Gênesis 2.24; Cantares de Salomão 4.12; 1Tessalonicenses 4.3-5; Colossenses 3.5-6; 1Coríntios 6.15-20; 1Timóteo 5.22; 2Timóteo 2.22).

Este é um período de conhecimento mútuo, conhecimento da alma, do coração, nunca do físico um do outro. O aspecto físico está destinado para depois do casamento. Portanto, exige disciplina própria, vigilância constante. É um tempo em que se obtém oportunidade de duas personalidades diferentes se harmonizarem, conhecerem um ao outro. Comunhão espiritual é fator primordial. Lembre-se que quanto mais próximo cada um estiver de DEUS, mais próximo estarão um do outro. Este período também serve para confirmar a perfeita vontade de DEUS para a vida de ambos.

O padrão de DEUS para um namoro bem-sucedido é este:
1) Espiritual – forte. DEUS em primeiro lugar, nunca seu namorado (a). 2) Vontade, emoções e mente dentro do plano de DEUS.
3) Corpo (físico) – sob controle.

Quando um namoro está fora do padrão de DEUS, o que acontece é justamente o contrário:

1) Espiritual – fraco. A sensibilidade espiritual está cauterizada.

2) Emoções, vontade e mente – descontrolada. 3) Físico – sensual.

Portanto, fora do padrão de DEUS ocorre que o lado espiritual fica cauterizado; a mente, a vontade e as emoções raciocinam de forma sensual e o físico fica corrupto.

Uma pergunta séria a se pensar: A vontade de DEUS é mais importante que o seu namoro?

Como Começar um Namoro Cristão?

Alguns aspectos são importantes para um começo no namoro cristão. Geralmente não sou de estabelecer uma idade certa para alguém namorar. Antigamente isso era o costume, hoje com o decorrer dos tempos e uma mudança na cultura não se faz mais tal coisa. Porém, ainda assim, existem pais que estabelecem uma determinada idade para que seus filhos venham a poder namorar. Eu creio que isso é benéfico e sábio por parte dos pais, mas não uma exigência. Vejamos alguns requisitos importantes para se começar um namoro:

Salvação. Ambos os jovens ou adultos devem ser verdadeiramente salvos, ou seja, ambos já devem ter aceitado a JESUS CRISTO como seu único Senhor e Salvador pessoal (João 3.16; Lucas 19.10; Romanos 10.9-10).

Maturidade física e Espiritual. Não devem ser crianças, pois maturidade é importante e essencial no relacionamento entre duas pessoas (Efésios 4.13; 1Coríntios 14.20).

Comunhão com DEUS. Primeiramente DEUS deve estar sendo uma fonte de luz em sua vida, uma fonte de vigor espiritual. Se não tiver comunhão com DEUS, nunca será abençoado em qualquer tipo de relacionamento (1João 1.6-7).

O rapaz inicia. Em nosso tempo moderno é "comum" uma moça querer iniciar um namoro. Mas isso fere o princípio bíblico. Mesmo num namoro, o rapaz é o líder, é ele quem deve iniciar, é ele quem deve pedir à moça para namorar.

Permissão dos pais. Ambos os pais dos pretendentes devem estar de acordo com o namoro. Isso demonstra confiança e honra dos filhos para com seus pais. Um namoro onde os pais não apoiam, geralmente resulta em muitas dificuldades. Isso não significa que os pais são a autoridade final no namoro, significa que estão querendo a bênção paterna para o relacionamento.




Apoio do seu pastor. Isso é importante e muitas vezes negligenciado pelos cristãos. O pastor de ambos deve apoiar e dar sua bênção. Pode ser que pastor veja coisas que eles não estão vendo e por isso é importante receber o apoio, o conselho deste servo de DEUS.

Comunicação e visitas. Deve-se procurar estabelecer um determinado ritmo nas visitas por parte do rapaz à casa da moça. É claro que não todos os dias. Estabelecer uma boa comunicação entre ambos.

Confiança dos pais. No decorrer do namoro, deve procurar ganhar e manter a confiança dos pais. Verificar como é a relação entre a pessoa e seus pais. Procurar ser sensível para qualquer mudança.

Como Continuar um Namoro Cristão?

O interesse deve estar voltado para a personalidade da pessoa, a parte imaterial. É importante que isso esteja bem claro na mente dos namorados.

O interesse deve ser estabelecido na parte espiritual da pessoa, não em seu corpo físico, não no dinheiro que o outro tem, não no carro, na casa, na popularidade, na beleza, etc.... A parte espiritual é a mais importante sobre todas. Mais uma vez: quanto mais próximos estiverem de DEUS, mais próximos estarão um do outro. O contrário também é verdadeiro: quanto mais longe estiverem de DEUS, mais longe ficarão um do outro.

Reconheça que cada cristão é chamado de propriedade particular, pessoal, peculiar de DEUS (1Pedro 2.9). O namorado que não respeita tal fato está desrespeito os princípios de DEUS e desrespeitando o próprio DEUS, bem como a pessoa, a família dela, a Palavra de DEUS e o futuro casamento.

Evitar contato físico exagerado. Todo namorado gosta de receber um carinho, beijos e abraços. Porém, deve-se parar por aqui. Procure a todo custo evitar continuar os avanços físicos, como tocar em outras partes do corpo da moça, por exemplo. Isso pode provocar desejos sexuais que não pode ser satisfeito devidamente antes do casamento (1Tessalonicenses 4.3-8; 1Coríntios 7).

Existem condições em que a frequência de visitas deve ser limitada. Isso exige paciência por parte de ambos. Algumas vezes a saúde, doença, serviço militar, estudos, trabalhos, deveres pessoais impedem que estejam juntos. Sejam pacientes nessas horas.

Cautela com o modo de vestir, cautela em sua conversa, cautela em seu comportamento e mesmo nos gestos. Lembre-se de semear um ambiente agradável em que vale a pena estarem juntos.

Evitar ficar sozinhos em ambientes fechados e por muito tempo. Procure estar em atividades com outros jovens, ou seja, procure envolver seus amigos em suas atividades.

Qual o Perigo de Acariciar?
Mata a espiritualidade de ambos os namorados.

Pode fazer com que fiquem cegos para os valores verdadeiros, as virtudes de cada um.

Pode fazer com que abaixem os padrões da moralidade.

Pode conduzir para a realização do ato sexual não permitido por DEUS antes do casamento. Pode conduzir para depravação, destituição da dignidade. Pode conduzir para o desenvolvimento de um desejo de satisfação não natural. Pode causar frustração e nervosidade. Pode conduzir para um casamento errado, com a pessoa errada. Pode conduzir para contrair doenças. Pode conduzir ao desrespeito mútuo.

Conselhos Práticos:

Nunca case com alguém que não seja cristão (2Coríntios 6.14-18; Amós 3.3). Ore para a escolha de DEUS (Salmo 37.5; Provérbios 3.6).

Evite casar sob pressão (Romanos 12.1-2). Não case pensando que sua vida se endireitará depois do casamento. Não case com alguém pelo qual não tenha respeito.

Não case cedo demais ou de repente (Tiago 1.4-5). Procure ver sua relação com DEUS, os hábitos da pessoa, os pais, o modo de vida.

Não case tendo uma perspectiva errada do sexo (Gálatas 5.16-25). Alguns casam para desfrutar do sexo, mas casamento não é apenas sexo, muito mais está envolvido.

Casamento é para sempre, ou seja, "até que a morte os separe" (Gênesis 2.24; Romanos 7.1-3; Mateus 19.6).

Conversa Franca sobre Sexo (http://espadadedoisgumes.no.comunidades.net)

Por que não é permitido sexo antes do casamento segundo a Bíblia? Por que tantas pessoas caem em pecados sexuais? Quais as razões ou motivos que os jovens alegam?

Vivemos atualmente em uma cultura obcecada pelo sexo. As empresas de publicidade aproveitam esta força para atrair o público e vender seus produtos. Este interesse universal está sendo hoje explorado em detrimento da cultura e da sociedade. Vemos a decadência na perda da virtude e no endurecimento da sensibilidade moral dos jovens. Todo pecado começa na mente. Os pensamentos provocam ações. Os pensamentos estimulam as emoções e estas debilitam a vontade. A vontade responde às insinuações dos pensamentos e das emoções.

A Bíblia está cheia de ensinamentos sobre sexo. Por que tantas pessoas caem em pecados sexuais? Temos muitas e muitas razões para poder dar uma resposta mediante a esta pergunta, no entanto, dentre tantas, as razões ou motivos que são mais encontrados entre os jovens hoje em dia são:

1) Covardia: diante da “pressão da turma”, alguns jovens caem neste pecado. Os “amigos” lhes dizem: “você não é homem”; “todo mundo faz”; “para que se guardar”; “somente você ainda não fez”. E por covardia, medo, pressão da turma ele acaba fazendo sexo logo para acabar com essas gozações para consigo.

2) Avançar demais nas carícias: começam inocentemente tocando aqui e ali e quando menos se percebe os toques já são mais ousados e em lugares que antes eles sequer se atreveriam a tocar. Ao começar a avançar demais nas carícias ele percebe que não consegue mais parar e se envolve em sensações que não saberá mais como refrear e acaba por praticar o ato sexual.

3) Sentem-se apaixonados: alguns jovens praticam o ato sexual simplesmente pelo fato de que estão apaixonados por uma determinada pessoa e consideram isso um bom motivo para terem sexo. Afirmam que logo irão se casar mesmo, então por que adiar isso. Um tremendo erro, pois paixão nunca deve ser colocada como uma boa razão. Paixões passam. E paixões desenfreadas são como uma criança rebelde que precisa de disciplina e correção e não que sua vontade seja satisfeita.




4) Por ser excitante: quando o jovem entra em ação com as facetas desta misteriosa força criada por DEUS, ele acaba se esquecendo de toda restrição moral por se sentir completamente envolvido num “torvelinho” de emoções surpreendentes e perturbadoras, e essas emoções o arrastam para o inevitável ato sexual. O corpo corresponde ao excitamento e isto lhe vem como extremamente agradável e prazeroso. Logo mais tarde, descobre que tais emoções podem ser desastrosamente artificiais.

5) Ignorância: em muito dos sentidos, esta é a causa básica de muito dos tropeços e dos fracassos de nossa juventude. Porém, em se tratando de sexo, aparentemente todos acabam aprendendo de um jeito ou de outro. A ignorância aqui é que após se envolverem não conseguem mais parar. Acham que podem refrear este instinto quando quiserem, porém, na hora, percebem que não é bem assim.

6) Rebeldia: muitos adolescentes e jovens por serem extremamente rebeldes descaradamente ou abertamente resolvem praticar o ato sexual. Não se preocupam com o que outros pensam, querem apenas satisfazer o desejo de sua carne.

Muitos perguntam: É ou não é permitido ter relações sexuais antes do casamento? A resposta é um sonoro NÃO! A existência de um desejo não justifica sua satisfação ilimitada. Há limites e estes limites são fixados por DEUS até mesmo na natureza criada por Ele. O sexo foi feito para ser expresso e experimentado. As relações sexuais são lógicas mas o sexo dever usado com responsabilidade. Seu lugar segundo o plano de DEUS é dentro do matrimônio.

Amigo leitor! A única coisa que você aprenderá através da prática do sexo antes do casamento é que os resultados da rebelião contra a vontade de DEUS são sempre amargos. A única e desagradável lembrança que permanecerá gravada em seu subconsciente será a sordidez do seu egoísmo. Você terá mesquinhamente usado o corpo de outro ser humano para satisfazer o seu ego enfermo e irá arrepender-se disso até o túmulo (2Tm 2.22).

“Se alguém não tenta enquanto é solteiro, não fracassará ao casar-se? Como um jovem pode saber se é capaz de ser um esposo(a) se não pratica antes?” Perguntas como estas e semelhantes a estas são feitas ao milhares e muitos a fazem com certa sinceridade, outros apenas para darem uma desculpa para a prática da relação sexual antes do casamento. Veja como Satanás é por demais astuto (2Co 11.14,15).

DEUS nos criou e nos moldou de tal maneira que o jovem e a jovem poderão desfrutar deste dom maravilhoso de DEUS, o sexo, no matrimônio.

E os comprometidos? E aqueles que já são noivos? Por meio de várias das pesquisas realizadas, a grande maioria dos compromissos que são desfeitos se rompem precisamente porque uma das partes está com sentimento de culpa por terem cometido o ato sexual. Suas consciências foram contaminadas por meio das levianas e frívolas atitudes sexuais de um para com o outro. Essa consciência e essas atitudes provocam o rompimento do compromisso. O fato de se estar noivo não é motivo para ter relações sexuais entre si (Gl 5.21; Hb 13.4).

A pureza é bela! Um dos maiores presentes que se pode levar para um casamento! A beleza da santidade de um jovem deve ser se guardar para seu cônjuge e praticarem o ato sexual apenas na noite de núpcias.

O jovem ambiciona ter um casamento feliz e sonha com um bom noivado e um casamento melhor possível. O rapaz sonha com uma moça de boa educação, bonita, de convicções firmes. Acima de tudo, a noiva dos seus sonhos é pura. Já a moça, sonha com um rapaz maduro, que seja um bom líder espiritual, puro e que tenha um bom caráter. Quem ama, espera!

Graças a DEUS por tais sonhos e lembre-se: quem ama, espera (1Co 7.1-5).

COMMENTS

BLOGGER

Sobre o Autor:
Ev. Hubner BrazÉ escritor, professor, blogueiro, pastor. Vivendo para o Reino de Deus. Trabalhando incansavelmente para deixar o blog sempre atualizado abençoando e evangelizando as vidas que acessam este espaço de aprendizado cristão. Criador do projeto Pecador Confesso e tem se destacado em palestras e cursos para jovens, casais, obreiros e missões urbanas | (Tecnologia WordPress).

Nos abençoe pelo PiX pecadorconfesso@hotmail.com

A Contribuição financiará os Projetos: • Mais Ferramentas para o Site. • Melhorar visual. • Manter o Site ativo e funcionando. • Ajudar nas compras de cestas básicas • Fazer parte das Missões Urbanas. • Distribuir Bíblias Grátis. • Discipular Novos Convertidos. • Adicionar Slides e Books em PDF. • Trazer mais Conteúdos para ajudar a ministrar as aulas. ••••Contribua pelo PiX•••• ||pecadorconfesso@hotmail.com || •• ou pix: •• (15) 99798-4063 (WhatsApp)

NOVOS COMENTÁRIOS$type=list-tab$com=0$c=4$src=recent-comments

Nome

#desafio42dias,6,1° Trimestre de 2020,2,10 Coisas,14,10 Sites,3,1º Trimestre,104,1º Trimestre 2018,1,2023,1,2024,12,2º Trimestr,1,2º Trimestre,101,36 Dias De Pureza Sexual,37,3º Trimestre,98,4° TRIMESTRE 2018,1,4º TRIMESTRE,190,A igreja local e missões,28,A Intervenção de Cercília,1,A Mensagem,1,A multiforme sabedoria de Deus,3,A Raça Humana,12,A volta do homem sem rosto,1,Abençoa,6,Abençoadas,6,Abominações,1,Abraão,6,Absalão. EBD,6,Abuso Sexual,5,Acabe,1,Ação de Graça,6,Acazias,1,Acepção,1,Achados,2,AD em BH,2,Adão,16,Adolescente,73,Adolescentes,16,adolescer+,7,Adoração,9,Adulto,115,Aflição,2,Ageu,3,Agonia,1,Agostinho,2,Air,1,Ajuda,2,Ajuda do Alto,3,Ajudando Vítimas das Chuvas,1,ajudar,1,Alcoólica,1,alegria,2,Ali,1,Aline Barros,1,Alisson,1,Alma,11,Alto,2,Amar,14,Amasiado,2,Amém,1,Amigo,7,Amizade,14,Amnon e Tamar,2,Amor,53,Amor de irmãos,4,Amor Perdido,8,Amor Proibido,10,Amós,1,amostra grátis,2,Ana,4,Ananias,2,Andreza Urach,1,Anfetamina,1,Angelologia,2,Angular,1,Aniquilacionismo,1,Anjo de Luz,2,Anjos,4,Anonimo,1,Anrão,1,AntiCristo,3,Antiga,1,Antigo Testamento,6,Ao Vivo,2,Apaixonado,1,Aparece,1,Aplicativo,1,Apocalipse,24,Apologia,12,Apostasia,2,Apostolo,15,Apóstolo dos pés sangrentos,1,apóstolo Paulo,42,Apóstolos,3,App,2,Apple Store,1,apreço imenso,1,Aprendendo,3,aprender,1,APRENDER+,1,Aprendizagem,1,Aprovação,1,aprovado,1,aquecimento,1,Arca da Aliança,3,Arqueologia,2,Arrebatamento,12,Arrebatar,2,Arrependimento,11,Artesão,1,Artista,1,As 95 Teses,1,As Bases do Casamento Cristão,8,As Bodas do Cordeiro,1,Asera,1,Aserá,1,Aspectos,1,Assalto,1,Assassinato,2,Assedio,1,Assembleia de Deus,5,Assista,1,Assista ao trailer oficial do projeto divulgado pela Hillsong.,1,ASSISTIR,1,Assustar,1,Astecas,1,Atacante,1,Atalaia,2,Ataque,3,Ataques,3,Ateísmo,3,Atenção,1,Atender,1,Atentado,1,Ateu,3,Atitude,1,Atitudes,1,Atitute,1,Atividade,1,Atos,16,Atributos,17,atriz,1,Audio Book,4,Auto Escola,1,autoajuda,2,Autoridade,1,Avareza do Amor,1,Avenida Brasil,1,Aviso da Anatel foi publicado no Diário Oficial da União nesta sexta. Mudança começa no dia 29 de julho; haverá um período de adaptação. App's para iphone.,1,Avivado,8,Avivamento,13,Avó,1,Baal,1,Babel,13,bailarina,1,Baixar,37,Balaão,9,Balada Gospel,1,Balzac,1,Banalização,1,Bangu,1,banner,1,Barack Obama,2,Barato,1,Barnabé,2,Base Bíblica,36,Batalha Espirítual,31,Batismo,8,Batismo nas Águas,2,Batista,2,Batom Vermelho,1,Baxterismo,1,BBB,1,Beber,1,Bebês,1,Beijo na Bíblia,1,Beijo Perfeito,3,Bençãos,6,Benhour Lopes,1,Berçário,4,Bernhard Johnson Jr,1,best-seller,5,Bestas,1,Betânia,1,BETEL,145,Betel Adulto,81,Betel Jovem,40,Bíblia,82,Bíblia Diz,22,Bíblias,7,Bíblica,28,biblicas,4,Bíblico,5,Bíblicos,4,Bibliologia,2,Bienal do Livro,10,Bigamia,1,Bilhete,1,Biografia,6,Bispa,1,bissexual,1,BléiaCamp,1,Blíblica,1,BLOG,7,BlogNovela,20,Boaz,2,Bob Marley,1,Boletim,2,Bolsonaro,1,Bom,4,bom-humor,6,Bombom,1,Bondade,2,Bons Sonhos,4,Borboleta,1,Brasil,2,Brasília,1,Brenda Danese,1,Brennan Manning,2,Briga,1,Brincadeira,1,Brother Bíblia,10,Budismo,1,Bullying,1,Busca,9,C. S. Lewis,1,Cadelabro,1,Café da Manhã,1,Calendário,1,Cam,1,Caminho,7,Caminhoneiro,1,Camisa,1,Camisetaria,1,Camisetas,1,Campanha,10,Canaã,1,canal,1,Canção,2,cançasso,1,Cancêr,1,Candidato,2,Cansei,1,canseira,1,Cantada,3,Cantar do Galo,1,cantares de salomão,11,Cantor,2,Cantora,1,Cantora Jayane,1,Cantores,3,capa,1,capacitação,1,Capítulo 1,1,capítulo 10,1,Capítulo 2,1,capítulo 3,1,capítulo 4,1,capítulo 5,1,capítulo 6,1,capítulo 7,1,capítulo 8,1,capítulo 9,1,Caráter,7,cardapio,1,Carência,4,Carismático,7,Carne,2,carreira,1,Carta,18,Carta de Amor,14,Cartas,5,Cartaz,5,Casa,15,Casa Branca,4,Casamento,16,Casamento Misto,4,Catarina Migliorini,1,Cativeiro,3,Cautela,1,CD,1,CDHM,1,Central Gospel,26,Centurião,1,Cerebral,1,Certificados,1,Cessacionismo,1,Cesto,1,Céu,8,Céus,5,CGADB,3,Chama,1,Chamada,1,Chamado,2,Champions League,1,Charges,8,Charles Darwin,1,Chegando,1,Cheios,1,CHIPRE,1,Chuva,1,Ciência,7,ciência de dados,1,Ciência vs Bíblia,10,Cinco,2,Cinco momentos mais felizes da minha vida - Série Confissões,1,Circuncisão,3,Ciro Sanches Zibordi,3,Ciúme,3,Civilização,1,Clara Tannure,1,classificação,1,Cláudia,1,Cleycianne Ferreira,11,Clipe Oficial HD,2,Coach,2,Código,1,Cólera,1,Colesterol,1,Colorida,1,com Pedro Bial,1,Combater,4,Comentários,5,Comer,1,Comer Rezar Amar,1,comigo,1,como instalar e usar,3,Como ser um missionário,12,Compartilhe,2,Completo,2,Comportamento,6,Compreender,1,comunhão,7,Comunidade Cidade de Refúgio,1,Concerto,1,Concubinas,1,Concurso Cultural,2,Condição,1,Conectar,6,Confecção,1,Conferência,2,Confession,1,Confirmando,2,Confissões,91,Confrito,3,Congresso,12,Conhecendo,16,Conhecer,4,CONHECER+,1,Conhecereis a verdade,1,Conhecimento,1,Conquista,7,Conquistas,6,Conselhos,14,Consequências,1,Conservador,1,Contra,1,Contra Mão do Mundo.,2,Contraria,1,Conversão,6,Copa America,1,Copimismo,1,Coração,6,Coragem,1,Coreografia,1,Cores,1,Coríntios,6,Corona Vírus,1,Corpo,2,Correios,1,Cortinas,1,Covid-19,1,Coxo,1,CPAD,467,CPAD Adolescentes,56,CPAD Jovem,113,Crack,1,Cracolândia,3,Crente,9,crescimento,4,Creta,1,Criação,24,Cristã,10,Cristão,28,Cristianismo,3,Cristo,38,Cronograma da Bíblia,4,Cronologia,1,Crucificação,4,Cruz,7,Ctrl C + Ctrl V,1,Cuidado,2,Cuide do Coração,5,Culto,8,Culto da Virada de Ano Novo,3,Culto dos Príncipes e das Princesas são destaque no Fantástico,1,Cultura,1,Cura,4,Curado,2,Curso,4,Cuxe,1,D. A. Carson,1,Dalila,1,Dança,1,Daniel,9,Daniel Berg,1,Daniela Mercury,1,Danilo Gentili,1,Dave Hunt,1,Davi,22,Davi e Bate-Seba,9,Davi e Jônatas,9,Davi e Mical,7,de apenas três anos pode ser transferida para SP,1,debate,1,Débora,2,Decisão,1,declaração,6,dedicação,1,deep learning,1,Degeneração,1,Deidade,1,Delírios,1,demissão,2,demônio,12,Demônios,14,Denominação,1,Dentro,1,Denúncias,5,Depressão,2,Deputado Federal,1,derrotando,1,Derrubar,1,Desabamento,1,Desafiando,10,Desafio,10,Desafio Insano,7,Desafio4x4,3,Desapaixonar,3,Descobertas,2,Desculpas,1,Desejo,2,Desenho Bíblico,8,Deserto,17,Desigrejados,3,Despedida,1,Despertamento,1,Destinatários,1,Desunião,1,Deus,104,Deus é Amor,20,Deus está Morto,3,Deus Negro,1,Deus quer te usar,1,deuses falsos,9,Deuteronômio,1,Devaneios,3,Devocional,86,Dez Mandamentos,1,Dez passos,6,Dia,1,Dia da Independência do Brasil,1,Dia de Missões,28,Dia do Evangelista,2,Dia dos Namorados,18,Dia dos Pais,9,Diabetes,1,Diabo,2,Diáconos,12,Diante do Trono,2,Diante do Trono; Lagoinha Solidária,1,Diário,3,Dias,2,Dicas,12,Dicionário,3,Diferente,1,Diferentes,1,Dilma,1,Dilma fala Contra o Aborto,1,Dinâmica,9,Dinheiro,7,Discernimento,2,Discipulado,32,Discipulos,32,Discípulos,34,discussão,1,Distância,1,Diva do Senhor,1,Divina,4,Divino,4,divórcio,3,Dízimos,10,Doação,4,Doação de Bebê,2,Dobrada,1,Doença,4,doença física,7,Dom,9,Domingo Espetacular,1,Dominical,29,Dons de Curas,14,Dons de Maravilhas,14,Dores,1,Doutrina,16,Doutrinas Fundamentais,27,Download,80,Download Livros e E-books,143,Doze,1,Drink de Baygon,1,Drogas,2,Drogas Alucinógenas,2,Drogas Estimulantes,1,DST,1,Duas,1,Duelo,1,e usa nos Smartphones,1,E-Book,36,EBD,688,EBF,1,Eclesiastes,12,ecológico,1,Ecumenismo,1,Éden,8,Edificados,1,Edir Macedo,2,Editar Foto,1,Educação,1,Efatá,1,Efésios,3,Egito,6,Elcana,3,Ele,1,Eleição,6,Eleita,1,Eli,2,Elias,11,Eliasibe,1,Eliseu,2,Elizabeth Gilbert,1,Elizeu,4,Ellan Miranda,6,Elogios,1,emagrecer,1,Email,2,empresa,2,Empresa.,1,Encerramento,1,Enchente,1,Enciclopédia,1,Encontrar,1,Encontro,11,Encorajamento,4,Eneias,1,ENFRAQUECIMENTO DA IDENTIDADE PENTECOSTAL,1,Enquete,1,Ensaio Sensual,1,Ensina,1,Ensinar,4,Ensino,3,Ensinos,2,Entendendo,1,entender Deus,3,Entrevista,5,Envia,1,Envio,1,Epidemiologia,1,Epístolas,20,Época de Cristo,3,Esaú,3,Esboço Pregação,5,Escala de Professores da EBD,4,Escape,1,Escatologia,38,Escavação,1,Escola,33,Escola Bíblica Dominical,874,Escola Dominical,85,Escolha,5,Escravo,1,Escritor,1,Escrituras,4,Esdras,2,Espaço,2,esperança,5,esperança. razão,1,Espinhas no rosto,1,espinho na carne,2,Espírito,28,Espírito Santo,34,Espirituais,4,Espiritual,14,Espiritualidade,4,Estado de São Paulo,2,Ester,1,Estevão,2,Estrangeiro,1,Estranho,1,Estratagema de Deus,1,Estrutura,1,Estuda,2,Estudo Bíblico,202,Estudos Bíblicos,495,Estupro,1,Eterna,4,Eternidade,5,Eterno,3,Ética,2,Eu,1,Eu ainda te amo,1,Eufrates,1,Eva,15,evangelho,15,EVANGÉLICA,5,Evangelico,1,Evangélicos,2,Evangelismo,3,Evento,2,Evidências,1,evolução,1,ex-atriz pornô,2,Ex-BBB,1,executado,1,exegese bíblica,2,Exemplar,2,Exemplo de Tensorflow,1,Exemplos,1,exílio,3,Êxodo,2,Experiência de vida,26,Expositiva,2,Expressando,1,Extra,49,Exupéry,1,Ezequias,1,Ezequiel,4,F.F Bruce,1,Facada,1,Face de Deus,1,Facebook,1,fala,7,Falecimento,1,Falsos,10,Falta,1,familia,46,Família,46,Fat Family,2,Fazer,1,Fazer Ligação Gratuita com o App Viber é bem melhor que o Skyper,1,Fé,21,Feirinha,1,Felipe,1,Feminina,7,feminista,7,Férias,2,Ferramentas para Blogger/Twitter/Facebook,12,Festa Junina,3,Festividade,4,Ficar,1,Fidelidade,2,Fiel,4,Filha,6,Filho de Deus,9,Filho do Homem,6,Filho Pródigo,5,Filhos,17,Filipenses,1,Filisteu,1,Filme,3,Filmes,1,Fim,1,Fim de Relacionamento,7,Fim do Mundo,14,Fina Estampa,1,Final,1,Finanças,3,Firme,2,firmeza,2,Firmino,1,Fletar,1,Fogo,1,Fora,1,Forma,1,Formação,1,François Mauriac,1,Frase,5,Frases Sobre Amor,2,Frases Sobre Deus.,1,Free The Nipple,1,Friedrich Engels,1,Frutifica,6,Fundamentalismo,1,Fundamentos,1,Fúnebre,1,funk,1,futuro,1,G-JJHNKFDSCM,7,gadareno,1,Gálatas,1,Galaxy,1,Galileu,1,Galo,1,Game Of Crentes,7,Ganhe Um Livro,21,gastando pouco,1,Gay,8,Gênesis,20,Gênesis.,8,genro,1,Gentios,1,Geografia,1,Geográfica,1,Geração,2,Gestos,1,Getsemani,1,Gideões,16,Gideões Missionários da Última Hora,20,Gigante,3,Gilberto Carvalho,1,Gileade,1,Gilgal,1,Giom,1,GLBS,2,global,1,Globalismo,1,Globo,1,Glória,7,Gloriosa,1,GLOSSÁRIO,2,Glossolalia,1,Glutonaria,1,GMUH,13,Gogue,2,Goleiro,1,Golpe,1,Gômer,1,Gospel,6,Governo,4,Graça,5,Grande,5,Grande Tribulação,4,Grátis,3,Greta,1,Greve,1,grevista,1,grupos religiosos,1,Guardar,1,Guarde o Coração,3,guerra,6,Guia,2,Habacuque,4,Halloween,1,Haxixe,1,Hebraica,2,Hebreus,7,Hedonismo,4,Helena Tannure,1,Hematidrose,1,Herdeiros,1,Heresia,19,Hermenêutica,3,Hernandes,1,Hilquias,1,Hinduísmo,1,hipócrita,1,Hissopo,1,História,8,Historia Real,1,Holística,1,Holocausto,1,Homem,9,Homenagem,1,Homens,3,Homilética,3,Homofobia,15,homosexualismo,12,Homossexual,9,Honestas,1,Hóquei no Gelo,1,Hora,1,Horebe,1,Hubner Braz,23,Hulda,3,Humana,4,Humanas,1,Humanidade,2,Humano,12,Humanos,2,Humildade,2,Humor,11,I.E.Q,1,I.M.P.D.,1,Icabô,1,Identidade,2,Ideologia,1,idioma,1,Ídolos,3,Igreja,39,Igreja Assembleia de Deus dos Últimos Dias,1,Igreja Bola de Neve,1,Igreja Local,5,Igreja Mundial do Poder de Deus,3,Igreja Universal Do Reino de Deus,3,Ilha de Patmos,1,Iluminação,1,ilustração bíblica,9,Imanência,1,imersos,1,Imoral,1,Imoralidade,1,ímpio,1,Importa,1,Impostor,1,Impresso Normal,1,Impressora,1,Imutabilidade,2,Incas.,1,indenização,1,Individual,1,indústria,1,Inerrancia,1,Infantil,51,Inferno,3,infiéis,1,inglês,1,Inicio,1,Início,1,inimigo,1,injustiça,1,Insano,2,Insegurança,1,Inspiração,1,Instituição,1,Instrução,3,Integral,1,inteligência artificial,1,Intercessão,1,Internação,1,Internacional,1,Interpletação,2,interpretação,1,intertestamentários,1,Intimidade,4,Introdução,1,iPad,1,iPhone,1,Ira,1,Irmã Zuleide,1,Isaias,2,Isaque,8,Islâmico,1,Islâmismo,1,Israel,11,IURD,2,Jair Bolsonaro,1,Jair Messias Bolsonaro,1,Jardim de Infância,21,Javé,1,Jeito,1,Jejuando,1,Jejum,2,Jeroboão,1,Jerusalém,6,Jesua,1,Jesuíta,1,Jesus,45,Jesus Cristo,52,Jesus de Nazaré,9,Jezabel,1,Jó,15,João,9,João Batista. Ossada,2,Joás,1,JOEL,1,John Piper,1,John Stott,1,Jonas,2,Joquebede,2,Jornada,8,Jornal da Record,1,José,9,José Wellington,1,Josh McDowell,1,Josias,2,Josue,8,Josué,9,Jotta A,1,Jotta A lança 1º CD em culto evangélico,1,Jovem,227,Jovens,179,Judá,1,Judá e Tamar,1,Judas,1,Juízes,1,Juízo,1,Juízo Final,7,Julgamento,5,Julgamento Final,2,julgar,1,Julio de Sorocaba,1,Julio Severo,1,Juniores,42,Juramento,1,Justiça,4,Justo,1,Juvenis,22,Karkom,1,Karl Marx,1,Karma,1,Katy Perry,1,Kelly Medeiros,1,Kenneth E. Hagin,1,Kopimism,1,Lançamento,3,Lanna Holder,2,Layssa Kelly,1,Lázaro,2,Lei,5,Léia e Jacó,7,Leilão,3,Leis,2,Leitor,1,Leitora,1,Leitura,9,LEITURA BÍBLICA,3,Lembrancinhas,1,LeNovo,1,Lepra,1,Ler a Bíblia em 42 dias,3,Lésbica,1,leva Mr Catra e Sarah Sheeva para falar sobre infidelidade: “Para Deus pode tudo”. Assista ao vídeo,1,Levítico,1,Liberdade,2,Libertação,1,Libertador,1,Libertinagem,1,Libertos,2,Lição,25,Lição 5,1,Lições,1,Lições Bíblicas,8,Lições Bíblicas da BETEL,399,Lições Bíblicas da CPAD,580,Lições de Vida,28,Líder,8,Líder Adolescente,28,Líder Jovem,25,Liderança,16,Líderes,3,Lídia,1,LinkedIn,1,Lino,1,Lista,2,Litoral,1,Liverpool,1,livre,5,Livre Arbítrio,7,Livres,2,Livro,37,Livro do Trono,3,Livro em Audio,7,Livro Selado,2,Livros - Comentarios,94,Livros Evangelicos,49,livros poéticos,10,Localização,1,Logos,1,Loide,3,Loira,1,Longanimidade,1,Lopes,1,Louco,1,Louvor,10,LSD,1,Lua Nova,1,Lucas,14,Lucifer,1,Lutando,1,Lutas Marciais Mistas,1,Luto,7,Luz,1,Luz do mundo,2,Lya Luft,1,MacBook Air,1,machine learning,1,Maçonaria,1,Maconha,1,Madame de Stael,1,Mãe de Moises,8,‪Magia,1,Magogue,2,Maias,1,Mal,4,Malala,1,Malaquias,3,Manancial,1,Mandamento,1,Manifestação,3,Manifestação em Cristo,2,Manual de missões,22,Mãos,2,Maquiagem,2,Marcador de Páginas,1,Marcas,2,Marcha Para Jesus,2,Marco Pereira,1,Marcos Pereira,2,Mardoqueu,1,Maria Madalena,2,Mário Quintana,2,Martinho Lutero,1,Mártir,2,Mártires Cristãos,4,Massacre,1,Masturbação,7,Materialismo,1,maternal,16,Mateus,1,Matityáhu,1,Matrimonio,7,maturidade cristã,8,Max Lucado,2,Meditação,1,Mega Sena da Virada com Fé,1,Melhor Bíblia de Estudo,11,Melhores Blogs,3,Melhores Sites,4,Meninos de Rua,1,Menor,1,Mensagem,5,MENSAGENS,2,Mensagens para SMS,12,Mensagens SMS,2,Mensal,2,Messias,3,Mestre,4,Mesulão,1,metaverso,1,Meteoro,1,Metusalém,1,Michelle Bolsonaro,1,Mídias Sociais,2,Milagres,9,Milênio,3,Milionário,1,Millôr Fernandes,1,Milton,1,Minas,1,Ministério,20,Ministério Público Federal,2,Miqueias,2,Miriã,2,Misericórdia,6,Missão,44,Missiologia,30,Missionário,28,Missões,24,Mistério,1,Mitologia,1,Mitos,1,MMA,1,Mobilização,2,Moda Bíblica,2,Moda Cristã,2,Moda Evangélica,2,Modelo,3,Modelos,1,Moisés,21,Monarquia,3,Monte,4,Monte Tabor,1,Moralismo,1,Mordomia,9,Mordomo,1,Morrer,2,morte,13,Mortos,2,Motim,6,Motivos,1,Movimento,1,Muda,1,Mulçumano,1,Mulher,5,Mulher de Potifar,1,Mulheres,7,multiplicação,1,Mundo,9,Muro,1,Muros,1,Musica,8,Naama,1,Nacional,2,Namorado,18,Namorar,34,Namoro,105,Não,1,Não Prometeu,1,Nascença,2,Nascimento,3,Natureza,6,Naum,1,Necessidade,2,Neemias,4,Negar,2,Neimar de Barros,5,nem Cristo a Derrotaria,1,Neopentecostal,2,NetFlix,1,Nigéria,1,Ninrode,1,No Fundo Do Poço,1,Noadia,1,Noé,1,Nome,2,Nome de Bebê,1,Nomes,2,Nora,2,Normalização,3,Norte,1,Noruega,1,Nota,1,Notícia gospel,67,Notícias Gospel,214,Nova,16,Novas Lições,2,Novela,2,Novo,5,Novo Testamento,6,Novos Céus e Nova Terra,6,Novos Convertidos,14,Novos Valores,2,nutricionista,1,Nuvem,1,NX Zero,1,O adeus,1,O beijo de Vancouver,1,O Bom Samaritano,1,O Bom Travesti,1,O casamento negro,1,O Exército de Cleycianne,1,O MINISTÉRIO DE EVANGELISTA,6,O MINISTÉRIO DE PASTOR,12,O Quarto da Porta Vermelha,1,O que é visível e apenas o avesso da Realidade,1,Obadias,1,Obede-Edom,1,Obediência,5,Obesidade,1,Obra,4,Obras,3,obreiro,2,Obstáculos,1,Odio,1,Ofertada,8,Ofertas,8,Oficial,1,Olhando para direção errada,1,Olhar,3,Onde Estiver,1,ônibus,1,Onipotente,1,Onipresente,6,Onisciente,1,Online,1,Onri,1,ONU,1,Opinião,1,Opinião dos Outros,2,Oposição,1,Opressão,1,Oração,24,Orando,1,Orar,4,Orfanato,1,Organização,2,Origem,6,Os Melhores Livros,29,Os Valores do Reino de Deus,2,Oséias,5,Oséias e Gomer,5,Outra Chance,3,Ovelha,8,Padrões,1,Paganismo,1,Pagãos,1,Pai,6,Paixão,3,Paixão e Cura,1,Palavra,6,Palavra de Deus,7,Palavras,1,Pandemia,5,Pânico,1,pão,2,Papa,1,Papa Francisco I,1,Papai,6,Papo,1,Paquera,2,Paquistanesa,1,Paquistão,1,Para Sempre,1,Parábolas,21,Paradoxo,2,Paródia Gospel,2,Paródia Gospel da música Kuduro com Jonathan Nemer #RiLitros,1,Participe,1,Partido Trabalhista PT,1,Páscoa,4,Pastor,21,Pastor Paul Mackenzie Nthenge,1,Pastor Presidente da Igreja do Evangelho Quadrangular,1,Pastor que cheirou a Bíblia como droga diz que essa foi a menor loucura que já fez por ela: “Eu já comi a minha Bíblia”. Assista ao vídeo,1,Pastora,2,Pastores,4,Paternidade,2,Patrick Greene,1,patristicas,2,Paulo,31,Pb. Renan Pierini,1,PDF,64,Pecado,37,Pecador Confesso,14,PECC,50,Pedindo,1,Pedofilia,2,Pedofilo,1,Pedra,1,Pedras,1,Pedro,9,peixe,1,Pelos,1,Pensamento,3,Pentateuco,6,Pentecostal,11,Pentecostes,3,Perda,3,Perdão,14,Perdidos,6,Perfeito,2,Perigo,3,Perigos,1,Perlla,1,Permanecer,1,Permitir,1,Perseguição Religiosa,3,Perseguidor,2,Personalizadas,1,Personalizar Foto,1,Perspectiva,1,Pesquisa,2,Pessoa,2,pessoas,5,Peter Moosleitner,1,Philip Yancey,8,Piada,1,Piercing,2,Pinguins,1,pintar unhas,1,Pira,1,Pirataria,1,Pirralha,1,Pison,1,Planeta Terra,2,Plano de Aula,7,PLANO DE LEITURA BÍBLICA,15,Planos,6,Plantador de Igrejas,2,Play Back,1,playboy,1,Plenitude,7,Poder,4,Poema,3,Poesia,4,Polêmica,4,Poligamia,2,Politica,1,Política,1,Pop Gospel,1,Porção,1,pornô,1,Porque caímos sempre nos mesmos pecados?,8,Portões,1,Posse,1,Possível,1,Posto,1,Povos,2,Pr Gilmar Santos,1,Pr Napoleão Falcão,3,Pr. Alexandre Marinho,1,Pr. Caio Fábio,2,Pr. Carvalho Junior,1,Pr. Ciro Sanches Zibordi,3,Pr. Claudionor de Andrade,1,Pr. Jaime Rosa,1,Pr. Jeremias Albuquerque Rocha,1,Pr. Marcelo Cintra,5,Pr. Marco Feliciano,8,Pr. Mário de Oliveira,1,Pr. Silas Malafaia,12,Pr. Yossef Akiva,1,Pragas,2,Praia,1,Prática,2,Praticar,3,Pré-Adolescentes,19,Preço,1,Predestinação,4,PrefiroBeijarABíblia,1,Pregação,14,Pregadores,4,Premier,1,Premium,1,Preocupar,1,Preparado,2,Preparativos,1,Presbíteros,1,presidente,4,Presídio,1,Prevenção,2,previdência,1,Primário,28,Primeira,2,primeiro,4,Primeiro Amor,18,Primeiro Beijo,5,Primícias,2,Primogênitos,1,Princípios,1,Prioridades,2,Prisão,4,Prisioneiro da Paixão,4,privada,1,Problemas,3,Profecia,21,Professor,21,Profeta,34,Profeta Jeremias,3,Profetas,25,Profetas Menores,23,Profética,4,Profético,9,Programa de Educação Cristã Continuada,1,Programa Na Moral,1,Programa Superpop,1,Progressista,1,Projeto,2,Projeto Cura Gay,2,Promessa,9,Prometida,2,Promoção,5,Promoção Blogosfera Apaixonada,2,Propósito,4,Prosperidade,1,Prostituta,2,Proteção,1,Protesto,1,Provai,1,Provê,1,Proverbios,12,PSDB,1,Pura,1,Purifica,2,Puro,1,Pv 4.23,1,Qualidades,1,Quando Deus diz não,9,Queda,10,Quem segue a Cristo,3,Quem Sou?,1,Querer,2,Querite,1,Raça,1,Racismo,1,Rainha de Sabá,3,Rainha Ester,2,Raptare,1,Raquel,2,Realidade,5,Rebeldia,3,Rebelião,1,Receber,1,Reconciliação,2,Reconstrução,1,Recuperação,1,Rede Globo,2,Rede Insana,2,Redenção,1,Redentora,1,redes neurais,1,reflexão,21,reformado,1,regime,1,Regininha,1,Registro Módico,1,regras,1,Rei,3,Rei Xerxes,1,Reinado,15,Reino,19,Reino de Deus,14,Reino dividido,8,Reino do Messias,6,Reis,1,Rejeição,1,Relacionamento,68,Relativismo,3,Relatos,5,Relógio da Oração,4,Remida,1,Renato Aragão esclarece polêmica sobre seu próximo filme sobre o “segundo filho de Deus” que gerou polêmica nas redes sociais.,1,Renuncia,1,Renúncia,1,Reportagem,2,Resenha,75,Reservado,2,Resguardar,1,Resistir,1,Resplandecer,1,Responde,1,Responsabilidade,2,Resposta,1,resposta bíblica,1,Ressurreição,6,Restauração,3,Restauracionismo,1,Resumo,8,Retorno de Cristo,3,Retribua,1,Reuel Bernardino,1,Rev. Augustus Nicodemus,1,Revelação,5,Revelado,1,Revista,92,revolução industrial,1,Rezar e Amar,1,Richard Baxter,1,Rico,4,Rio Tigre,1,Riqueza,3,Riscos,1,Roboão,1,Rock Gospel,1,Rodolfo Abrantes,1,Roupas,3,Rubem Alves,1,Ruins,1,Russel Shedd,1,Rute,3,Sá de Barros,3,Sábado,1,Sabedoria,14,SABER+,1,Sacerdócio,5,Sacerdotal,5,Sacrifício,4,Sadhu Sundar Singh,1,Safira,2,Safra,1,Sal da Terra,1,Salmos,30,Salomão,12,Salvação,17,Salvador,10,Sambalate,1,Samuel,14,Samuel Mariano,1,Sangue,3,Sangue no Nariz,1,Sansão,2,Santa Ceia,4,Santidade,9,Santificação,11,Santo,4,sapienciais,1,sapiências,1,Sara,2,Sarah Sheva,1,Satanás,6,Saudações,2,Saudades,4,Saul,10,Saulo,2,Savífica,1,Secrets by OneRepublic,1,Segredo,1,Seguidor,1,Seguir,1,Segunda,2,Segundo,1,Segundos,1,Segurança,1,Seita,2,Seja um empreendedor Polishop e ganhe dinheiro sem sair de casa,1,Selada,1,Seleção Brasileira,1,Sem,1,Sem Garantia,1,Semeador,2,Semente,2,Sementes,2,Seminário,1,Senhor,4,Senhorio. Jesus,1,Sensibilidade,1,Sentido da Vida,6,Sentimento,2,Sentimentos,4,Separação,2,Separar,2,Ser,3,será que é pago?,2,Serenata de Amor,1,Série Chá Com Professores,4,Série Dicas de Como Liderar,23,Série Mensagem Subliminar,1,Série Versículos Mal Interpretados,5,Sermão,4,Sermão do Monte,4,Sex,2,Sexo,5,Sexual,4,Sexualidade,2,Sidney Sinai,1,SIFRÁ e PUÁ,1,Significados,4,Silas Malafaia,5,Silêncio no Céu,5,Silk,1,Silk Digital,1,Símbolos,1,Simples,1,Sinal,1,Sincero,1,Sistema,2,Sites,3,Slide PC,2,Slider,462,slides,6,Smartphone começa a ser vendido por operadoras nesta quarta-feira (6). Galaxy S3 é o principal rival do iPhone 4S. Compare os dois modelos,1,SMS Gratuito com WhatsApp para seu Smartphone,1,Soberania,1,Sofonias,3,Sofrimento,4,Sogra,3,Soldados,5,Solidão,2,Solidariedade,1,Solução,1,Sonhos,5,Sonhos de Valsa,1,Sono,1,Sono da Alma,10,Sorrir,3,Sorteio,2,Sou,1,Subjugação,1,Sublimação,1,Sublimidade,1,Submissão,2,Subsídio,90,Sucessor,1,Sueca,1,Sujeição,1,Sul,1,Sulamita,5,suprema,2,Surface Pro 2,1,Suspenção,1,Sutiã,1,Sutileza,11,Sutilezas,1,tabela,1,Tabernáculo,4,Tabita,1,Tablet,1,Talentos Cristãos,3,Tarado,1,Tarso,1,Tatuagem,3,TCC,1,Tecido,1,Tecnologia,2,Tela Cinza,1,Telegram,1,Temas,2,Temática,2,Temor,8,Temperamento,1,Tempestade,2,Templo,3,Tempo,5,Tempo de Viver Coisas Novas,3,Tempos,2,tensorflow,1,Tentação,5,Teologia,15,Teologia da Libertação,2,Termino de Namoro,7,Término do Namoro,2,Termos,1,Terra,4,Terra Prometida,7,Terremoto,1,Testamento,1,Testemunho,21,Thalles Roberto,3,Thalles Roberto comenta da repercussão de música cantada por Ivete Sangalo,1,The Best,1,The Noite,1,Theotônio Freire,1,Tiago,3,Tigres,1,Tim Keller,1,timidez,2,Timna,1,Timóteo,13,Timothy Keller,1,Tipos,1,Tiras,1,Tirinha,4,Tirinhas Gospel,13,Tiro,1,tisbita,1,Títulos,1,Tomas de Aquino,1,Top,2,Top Blogs,4,TOP Canais,1,Top Sites Fotos,3,Top5,2,Torá,1,TPM,1,Trabalho,2,Tragedias no Rio de Janeiro,1,Traição,2,Transcendência,2,Transfer,1,Transforma,2,Tratando de uma leucemia,1,treinamento,1,Trevas,1,Tribunal de Cristo,2,Tribunal de Justiça,1,Trimestre,2,Trindade,3,Trino,2,Triunfal,1,Trono Branco,2,Tudo vê,1,Túnica,1,Tutelar,1,TV,1,TV Band,2,TV Record,3,Twitter,5,UFC,1,Ultimos Dias,1,Últimos Dias,1,um trono e um segredo,1,Uma crente,1,Uma História de Ficção,79,Unção,2,Ungido,1,Unidade,9,Universo,2,Uno,1,Urias,1,Utensilios,1,Uzá,1,Vagabundo Confesso,29,Valdemiro Santiago,4,Valores,1,Vanilda Bordieri,1,Velhice,2,Velho Testamento,1,Velório,1,Vem,2,Vencendo,2,Vencer,2,Vendedor de Droga,1,Vento,2,Ver Deus,1,Veracidade,1,Verdade,2,Verdadeira,4,Verdadeira História,1,Verdadeiro,4,verdades,1,Versículos,4,Viagem,5,Vício,1,Vida,29,VIDA CRISTÃ,2,Vida depois da morte,13,Vida Pessoal,3,Vidas,1,Vídeo,24,Vigilância,2,vinda,4,Vindouro,3,Vinho,1,Violência,2,Virá,2,Virgem,3,Virgindade,3,Virtude,1,Visão,2,Vitor Hugo,1,Vitória em Cristo,1,Vivendo,1,Viver,5,Voca,1,vocacionados,1,Volta,2,Volta de Cristo,5,Votação,1,Wanda Freire da Costa,1,webdevelops,2,Yehoshua,1,Yeshua,1,YOSHÍA,1,You Tube,2,youtuber,2,Zacarias,2,Zaqueu,1,Zelo,5,
ltr
item
Pecador Confesso: Lição 02 - Os Cônjuges e a Sexualidade | 4º Trimestre de 2023 | Central Gospel
Lição 02 - Os Cônjuges e a Sexualidade | 4º Trimestre de 2023 | Central Gospel
https://blogger.googleusercontent.com/img/b/R29vZ2xl/AVvXsEiuXUKxZZsT_4lIW4czsS7-aFDiFwVNhXis_0cH4TkO2ASnqQh7fIdvtU5KXw2zU0qeXZsqNPaTS2EFrdGzS_kaTYWSizmiOih7zrRWkxlreuWGJbzyvLFQOb91edRaY9O9GY_jetXJI6wTJHy9bX8iw3CSXEfrQjuN-N9bHf24hVA04MlaNkbm9mJSnPjh/w640-h360/LIC%CC%A7AO%2002%20-%20REVISTA%20N%C2%BA%2071%20LIC%CC%A7O%CC%83ES%20DA%20PALAVRA%20DE%20DEUS%20PROFESSOR%20-%20ALUNO%20-%20RESTAURANDO%20A%20VISA%CC%83O%20FAMILIAR-pdf.webp
https://blogger.googleusercontent.com/img/b/R29vZ2xl/AVvXsEiuXUKxZZsT_4lIW4czsS7-aFDiFwVNhXis_0cH4TkO2ASnqQh7fIdvtU5KXw2zU0qeXZsqNPaTS2EFrdGzS_kaTYWSizmiOih7zrRWkxlreuWGJbzyvLFQOb91edRaY9O9GY_jetXJI6wTJHy9bX8iw3CSXEfrQjuN-N9bHf24hVA04MlaNkbm9mJSnPjh/s72-w640-c-h360/LIC%CC%A7AO%2002%20-%20REVISTA%20N%C2%BA%2071%20LIC%CC%A7O%CC%83ES%20DA%20PALAVRA%20DE%20DEUS%20PROFESSOR%20-%20ALUNO%20-%20RESTAURANDO%20A%20VISA%CC%83O%20FAMILIAR-pdf.webp
Pecador Confesso
https://www.pecadorconfesso.com/2023/10/licao-2-os-conjuges-e-sexualidade-4.html
https://www.pecadorconfesso.com/
https://www.pecadorconfesso.com/
https://www.pecadorconfesso.com/2023/10/licao-2-os-conjuges-e-sexualidade-4.html
true
4561833377599058991
UTF-8
Loaded All Posts Mais Posts Clique Aqui Repetir Cancele a repetição Delete Por Home PAGES POSTS Mais Posts Eu Te Recomendo LABEL ARCHIVE SEARCH ALL POSTS Not found any post match with your request Back Home Sunday Monday Tuesday Wednesday Thursday Friday Saturday Sun Mon Tue Wed Thu Fri Sat January February March April May June July August September October November December Jan Feb Mar Apr May Jun Jul Aug Sep Oct Nov Dec just now 1 minute ago $$1$$ minutes ago 1 hour ago $$1$$ hours ago Yesterday $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago more than 5 weeks ago Followers Follow THIS PREMIUM CONTENT IS LOCKED STEP 1: Share to a social network STEP 2: Click the link on your social network Copy All Code Select All Code All codes were copied to your clipboard Can not copy the codes / texts, please press [CTRL]+[C] (or CMD+C with Mac) to copy